A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

SEMINÁRIO INSTITUCIONAL DE AVALIAÇÃO E PLANEJAMENTO DA PÓS-GRADUAÇÃO NA UFSM - 2012 Nome do Programa: Física Centro: CCNE Área de avaliação: Astronomia/Física.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "SEMINÁRIO INSTITUCIONAL DE AVALIAÇÃO E PLANEJAMENTO DA PÓS-GRADUAÇÃO NA UFSM - 2012 Nome do Programa: Física Centro: CCNE Área de avaliação: Astronomia/Física."— Transcrição da apresentação:

1 SEMINÁRIO INSTITUCIONAL DE AVALIAÇÃO E PLANEJAMENTO DA PÓS-GRADUAÇÃO NA UFSM Nome do Programa: Física Centro: CCNE Área de avaliação: Astronomia/Física Conceito na Capes: 4 Início do Curso: Mestrado: 1994 Doutorado: 1999 Coordenador: Lúcio Strazzabosco Dorneles Coordenador substituto: Rogemar A. Riffel MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA COMITÊ ASSESSOR DA PRPGP

2 UFSM QUANTITATIVO DA ATIVIDADE DE FORMAÇÃO Capacidade de formação MESTRADO Número de discentes matriculados em cada ano Número de titulados cada ano-previsão até dez/ DOUTORADO Número de discentes matriculados em cada ano Número de titulados cada ano-previsão até dez/126512

3 UFSM Resumo dos requisitos exigidos pelo Documento de área Capes O Programa visa atingir conceito 5. Não há especificação de requisitos para obtenção deste conceito no documento de área Na última avaliação, os quesitos “CORPO DOCENTE” e “PRODUÇÃO INTELECTUAL” foram avaliados como “Bom”

4 UFSM Resumo do desempenho do Programa nos dois primeiros anos do triênio artigos em artigos em artigos em 2012 (parcial) 2,0 artigos/docente-ano ( ) 1,8 artigos/docente-ano ( )

5 UFSM Resumo do desempenho do Programa nos dois primeiros anos do triênio

6 UFSM

7 UFSM Resumo do desempenho comparativo aos demais Programas de sua Área de Avaliação na Capes A produção científica do PGFísica é de qualidade. Cerca de 72% dos artigos publicados são classificados como A, B1 ou B2 no Qualis. Este número é comparável a programas nota 5 da área. O número de artigos por docente é ~2 artigos/docente. Um pouco menor do que programas nota 5. O impacto da produção científica é alto, como revelado pelo indice h normalizado pelo tempo de titulação.

8 UFSM Expectativa do Programa de Pós-graduação com relação a conceito no próximo triênio Visamos atingir o conceito 5! – Na última avaliação, somente o corpo docente e produção intelectual foram classificadas como BOM (os demais itens foram MUITO BOM) – O corpo docente (BOM => Muito Bom) - 63% com bolsa PQ (12 dos 19) % BOM - DP/(DP+DC) = 0,84-0,89. >0,85 Muito Bom Estes 2 critérios somam 80% da avaliação docente. Os demais critérios são qualitativos.

9 UFSM Expectativa do Programa de Pós-graduação com relação a conceito no próximo triênio Produção Intelectual Artigos (A1-B5)/DP/ano = 2,05 (10/11) méd = 2,2 Artigos (A1-B2)/DP/ano = 1,8 (10/11) méd = 1,6 Bom (Programas com um dos valores acima da média). Muito próximo de Muito Bom Média no triênio anterior: 2,22 e 1,47

10 UFSM METAS ESTABELECIDAS PARA O TRIÊNIO Meta Viabilidade (1 a 5) Ameaças Prioridade 1 a 5 Aumentar o número de físicos experimentais no programa 3 Há vagas, mas todos os programas de pós- graduação em física do Brasil estão procurando físicos experimentais 1 Melhorar o quesito produção intelectual 2 O espaço em revistas qualificadas é restrito 2 Manter os conceitos avaliados como muito bom 1 Atração dos mestres para programas de melhor conceito em outras universidades 3

11 UFSM AÇÕES QUE PODERÃO PERMITIR ATINGIR AS METAS PROPOSTAS PARA O TRIÊNIO Ações Viabilidade (1 a 5) Ameaças Prioridade 1 a 5 Abrir concursos para as áreas experimentais 1-1 Aquisição de equipamentos de grande porte em áreas estratégicas (proposto no CT-INFRA) 3 ~ R$ 1 milhão (área consolidada) ~ R$ 2 milhões (área afim) 2 Manter os físicos experimentais concursados na UFSM 3 Concorrência com centros consolidados 3

12 UFSM INFRA-ESTRUTURA E MATERIAL HUMANO: RELAÇÃO COM AS METAS PARA O TRIÊNIO Falta de equipamentos; Falta de espaço físico para pesquisa (salas para pesquisadores, alunos, laboratórios); Como resolver?

13 UFSM INFRA-ESTRUTURA E MATERIAL HUMANO: RELAÇÃO COM AS METAS PARA O TRIÊNIO Manter o Programa em sintonia com o Departamento e o Centro para acomodar da melhor maneira possível as necessidades. Submeter projetos aos editais existentes, que tem se mostrado eficaz para a compra de equipamentos de pequeno e médio porte.

14 UFSM PRINCIPAIS AÇÕES QUE VISAM PROMOVER A INSERÇÃO SOCIAL E INTERNACIONALIZAÇÃO DO PROGRAMA Colaborações internacionais: dois professores em postdoc; dois alunos PDSE. Alunos oriundos de várias cidades do RS. Egressos em vários lugares. Três participando da coordenação de PPG em Física no Brasil.

15 UFSM PRINCIPAIS AÇÕES QUE VISAM PROMOVER A INSERÇÃO SOCIAL E INTERNACIONALIZAÇÃO DO PROGRAMA

16 UFSM


Carregar ppt "SEMINÁRIO INSTITUCIONAL DE AVALIAÇÃO E PLANEJAMENTO DA PÓS-GRADUAÇÃO NA UFSM - 2012 Nome do Programa: Física Centro: CCNE Área de avaliação: Astronomia/Física."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google