A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

TEN. MED. QOCON JULIANO DUQUE SCHEFFER UROLOGIA - CINDACTA II.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "TEN. MED. QOCON JULIANO DUQUE SCHEFFER UROLOGIA - CINDACTA II."— Transcrição da apresentação:

1

2 TEN. MED. QOCON JULIANO DUQUE SCHEFFER UROLOGIA - CINDACTA II

3 OBJETIVO ESCLARECER AO EFETIVO MILITAR DESTA OM, ASPECTOS CLÍNICOS E BENEFÍCIOS RELACIONADOS A AVALIAÇÃO PROSTÁTICA ANUAL.

4 ROTEIRO PRÓSTATA – O ÓRGÃO; ENVELHECIMENTO MASCULINO; HIPERPLASIA BENIGNA DE PRÓSTATA; CÂNCER DE PRÓSTATA; EXAME DE PRÓSTATA; POLÍTICA NACIONAL DE SAÚDE DO HOMEM.

5 PRÓSTATA PRINCIPAL PRODUTOR DO LÍQUIDO EJACULADO; FLUIDIFICAÇÃO SEMINAL DO CANAL VAGINAL; INDISPENSÁVEL PARA FERTILIZAÇÃO; OBSTRUÇÃO INFRA-VESICAL PELA ANATOMIA; NÃO RELACIONADO COM VASECTOMIA; NÃO RELACIONADO COM FUNÇÃO ERÉTIL.

6 ENVELHECIMENTO MASCULINO MENOR PRODUÇÃO HORMONAL – TESTOSTERONA; DIMINUIÇÃO NO ASPECTO E VOLUME DE SECREÇÕES; AUMENTO DO VOLUME GLANDULAR PROSTÁTICO; DIFICULDADE URINÁRIA GRADATIVA.

7 HIPERPLASIA BENIGNA DE PRÓSTATA - HPB  PRINCIPAL ALTERAÇÃO BENIGNA DA PRÓSTATA;  25% ACIMA 50 ANOS, 45% ACIMA 80 ANOS APRESENTAM HPB SINTOMÁTICA;  PARENTE EM 1° GRAU AUMENTA 4X PROBABILIDADE;  SINTOMAS: OBSTRUTIVOS, IRRITATIVOS E SEXUAIS;  COMPLICAÇÕES: RETENÇÃO URINÁRIA AGUDA, INFECÇÕES URINÁRIAS, CALCULOSE VESICAL, INSUFICIÊNCIA RENAL.

8 HPB - SINTOMAS OBSTRUTIVOS: HESITAÇÃO, JATO FRACO, GOTEJAMENTO, ESVAZIAMENTO INCOMPLETO; IRRITATIVOS: DISÚRIA, URGÊNCIA, POLACIÚRIA, NOCTÚRIA, DOR ABDOMINAL BAIXO VENTRE; SEXUAIS: EJACULAÇÃO RETRÓGRADA.

9 HPB – AVALIAÇÃO E TRATAMENTO EXAMES: TOQUE RETAL, PSA; ECOGRAFIA ABDOMINAL E TRANSRETAL ; UROFLUXOMETRIA, CISTOSCOPIA. TRATAMENTOS: CLÍNICO: MEDICAMENTOS SINTOMÁTICOS / IMPEDIR CRESCIMENTO; CIRÚRGICO: RESSECÇÃO CIRÚRGICA DO ADENOMA PROSTÁTICO, RTU PRÓSTATA.

10 CÂNCER DE PRÓSTATA  TUMOR SÓLIDO MAIS FREQUENTE NO HOMEM;  80% DESCORBERTOS EM FASE INICIAL;  EUA, 2009: CASOS NOVOS, MORTES, PACIENTES;  BRASIL, 2010 (INCA): CASOS NOVOS, MORTES. MORTALIDADE 17/100 MIL.  BRASIL, 2005: 76% DOENÇA LOCALIZADA, 16,6% LOCALMENTE AVANÇADA, 7,6% METASTÁTICA;

11 CÂNCER DE PRÓSTATA FATORES DE RISCO:  IDADE ACIMA DOS 40 ANOS;  FAMILIAR: 2X COM 1 PARENTE, 4X COM 2 PARENTES, 5X COM 3 PARENTES;  TABAGISMO: AUMENTO ATÉ 5X PROBABILIDADE;  DIETA COM ALTO TEOR DE GORDURA: AUMENTO DE 3X PROBABILIDADE.

12 CÂNCER DE PRÓSTATA SINTOMAS TARDIOS: HEMATÚRIA, SINTOMAS OBSTRUTIVOS VESICAIS, DOR ÓSSEA; TRATAMENTOS: CIRURGIA: ABERTA OU LAPAROSCÓPICA; RADIOTERAPIA: CONFORMACIONAL; BRAQUITERAPIA; HORMONIOTERAPIA: ANTI-ANDROGÊNICOS; QUIMIOTERAPIA.

13 EXAME PROSTÁTICO  NÃO É PREVENTIVO, É DIAGNÓSTICO PRECOCE;  PSA E TOQUE RETAL;  40% DOS DIAGNOSTICADOS COM CA PRÓSTATA NÃO APRESENTAM NENHUM SINTOMA;  IDADE: 40 ANOS PARA AQUELES QUE APRESENTAREM HISTORICO FAMILIAR. 45 ANOS PARA TODOS;  SCREENING RELACIONADO COM DIMINUIÇÃO DA MORTALIDADE, NOS EUA E ALEMANHA.

14 EXAME PROSTÁTICO PSA: AUMENTADO EM DOENÇA BENIGNA; BAIXOS NÍVEIS EM DOENÇA NEOPLÁSICA; AUMENTO INESPERADO – SUSPEITA; ANÁLISE COMPARATIVA. TOQUE RETAL: PRÁTICO, RÁPIDO, BARATO; DETECÇÃO ANTES DO PSA; AVALIAR EXTENSÃO LOCAL DA DOENÇA;

15 TOQUE RETAL

16 POLÍTICA NACIONAL DE SAÚDE DO HOMEM  9 EIXOS DE AÇÃO DO MINISTÉRIO DA SAÚDE;  IMPLANTADA EM 27 DE AGOSTO DE 2009;  FACILITAR E AMPLIAR O ACESSO DA POPULAÇÃO MASCULINA AOS SERVIÇOS DE SAÚDE;  MOLDES DA POLÍTICA NACIONAL DE SAÚDE DA MULHER;  EXAMES DE PRÓSTATA, VASECTOMIAS, OBESIDADE E TABAGISMO, TRÂNSITO.

17

18


Carregar ppt "TEN. MED. QOCON JULIANO DUQUE SCHEFFER UROLOGIA - CINDACTA II."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google