A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MINICURSO INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL. INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL Apresentação CRÉDITOS Carga horária: 20 h/a Tutores:  Carlos Sobrinho, Deyse.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MINICURSO INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL. INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL Apresentação CRÉDITOS Carga horária: 20 h/a Tutores:  Carlos Sobrinho, Deyse."— Transcrição da apresentação:

1 MINICURSO INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL

2 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL Apresentação CRÉDITOS Carga horária: 20 h/a Tutores:  Carlos Sobrinho, Deyse Bárbara, Edvânia Silva, Elita, Fernanda Carmo, Geovana Vale e Iraildes. Todos alunos do Curso Tecnológico de Gestão Financeira/UNIJORGE.

3 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL APRESENTAÇÃO Quando pensamos em Investimentos, a primeira ideia que nos vem à cabeça são os investimentos financeiros, aqueles mais diretamente relacionados com o dinheiro. Por exemplo, os investimentos em ações, imóveis, fundos, CDB, LCI, entre outros. Mas, pensando de uma maneira mais ampla, toda e qualquer atividade de sua vida na verdade está relacionada a algum tipo de Investimento. “Saia da caixa” e pense nos Investimentos de uma forma completa!

4 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL Por exemplo, ter uma vida saudável, alimentando-se bem, fazendo esportes e encarando a vida com otimismo, é uma forma de Investimento? Sim! Afinal, estatisticamente estas atitudes que acabamos de descrever aumentam a chance do indivíduo gerar mais renda através do seu trabalho. Estar saudável implica em maior disposição e mais criatividade para encarar os desafios do dia-a-dia e ser mais eficiente e eficaz profissionalmente. E isto se reverte em remunerações mais altas.

5 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL Este minicurso destina-se aos alunos do 3º ano do ensino médio de escola pública. O tema Investimento Financeiro Pessoal foi escolhido por esse público, a partir de pesquisa feita com aplicação de questionário em escola.

6 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL Apresentação OBJETIVOS Capacitar alunos do 3º ano do ensino médio da rede pública do Estado da Bahia; Despertar esses estudantes para o conhecimento da matéria Investimento Financeiro Pessoal; Contribuir, a partir do estudo do assunto em questão, na ampliação da educação financeira para os alunos da pesquisa.

7 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL Apresentação ESTRUTURA ESTE MINICURSO ESTÁ DIVIDIDO NAS SEGUINTES PARTES: CAPÍTULO 1 – Abordagem conceitual de Investimentos e Finanças Pessoais. CAPÍTULO 2 – Investimentos e suas nuances. CAPÍTULO 3 - Finanças no contexto geral. FÓRUM E QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO

8 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL CAPÍTULO 1 – Abordagem conceitual de Investimento e Finanças Pessoais Investimento é a aplicação de algum tipo de recurso (dinheiro ou títulos) com a expectativa de receber algum retorno futuro superior ao aplicado compensando, inclusive, a perda de uso desse recurso durante o período de aplicação (juros ou lucros, em geral, a longo prazo).

9 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL Num sentido amplo, o termo aplica-se tanto à compra de máquinas, equipamentos e imóveis para a instalação de unidades produtivas como à compra de títulos financeiros (letras de câmbio, ações). Nesses termos, investimento é toda aplicação de dinheiro com expectativa de lucro. Em sentido estrito, em economia, investimento significa a aplicação de capital em meios que levam ao crescimento da capacidade produtiva (instalações, máquinas, meios de transporte), ou seja, em bens de capital.

10 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL Finanças pessoais é a disciplina que estuda a aplicação de conceitos financeiros e empresariais nas decisões financeiras de uma pessoa ou de uma família. Em Finanças Pessoais, são consideradas todas as características da família e os diversos eventos financeiros que esta atravessa, bem como a sua fase de vida, de modo a proporcionar um planejamento financeiro adequado às suas necessidades e prioridades.

11 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL Tudo começa no diagnóstico da situação atual da família e na sua definição de objetivos e prioridades, o que é possibilitado pela construção do Orçamento ou do Balanço Familiar. De seguida, procura-se perceber os vários Investimentos e Poupanças, as suas potencialidades e adequação ao perfil de risco e Horizonte Temporal de Investimento, bem como a identificação precisa dos vários créditos e suas características: Finalidade; Prazo; Montante; Custo ou Juro Suportado.

12 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL CAPÍTULO 2 – Investimentos e suas nuances Poupança É a parcela da renda que não é gasta no período em que é recebida, e, por consequência, é guardada para ser usada num momento futuro. No Brasil, é comum a confusão entre o conceito de poupança e a caderneta de poupança que é uma forma de investimento, sendo comum o seu uso de forma indiscriminada. Entretanto, a poupança do ponto de vista econômico é o acúmulo de capital para investimento.

13 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL Sua rentabilidade e risco são considerados muito baixo, já encontra partida sua liquidez e muita alta, pois no momento em que o investidor tiver a necessidade de regaste do valor, este estará disponível imediatamente. Ainda, este tipo de investimento é atribuído ao perfil conservador. Vale ressaltar que este investimento pode ser realizado para qualquer tipo de pessoa e a qualquer idade, apesar dos juros serem baixos em média 0,5%, é uma aplicação segura.

14 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL Ouro O investimento em ouro é considerado uma das aplicações mais tradicionais do mundo e se destaca, principalmente, por oferecer a segurança e liquidez que o investidor procura. Essa pode ser uma excelente opção para quem espera um retorno de médio a longo prazo e deseja diversificar investimentos, proteger (hegde) seu patrimônio ou reduzir perdas com volatilidades de mercado.

15 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL Sua rentabilidade e risco é médio, quanto a liquidez é tida como alta. É um investimento altamente seguro e pode adquirido através de bancos. O investidor tem a vantagem de diariamente ter os preços de compra e venda deste investimento por grama atualizado.

16 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL CDB / RDB Começando pelo CDC (certificado de deposito bancário) este, se dá em o investidor financiar e/ou emprestar um determinado valor ao banco e no final do prazo estabelecido receber o valor acrescido dos juros acordados. Já o RDB (recibo de deposito bancário), atua da mesma forma. A diferença de um para o outro está na possibilidade de uma possível renegociação, pois esta negociação somente poderá ocorrer no CDB, ressaltando que está negociação pode ocorrer perda no que foi financiado.

17 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL Quanto sua rentabilidade, é considerada baixa, já o risco é considerado muito baixo. E por fim, sua liquidez é tida como média.

18 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL Títulos Publicos Este financiamento foi criado pelo governo no intuito de financiar a dívida do país. Em resumo apertado, a compra de títulos públicos nada mais é que emprestar dinheiro ao governo através da compra desses títulos por intermédio do tesouro direto (plataforma online para compra dos títulos) ou por leilão. Entre as vantagens para este tipo de investimento, está no risco, que é baixo e na liquidez alta, apesar da rentabilidade ser baixa.

19 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL Câmbio Este financiamento se dá na compra de moedas estrangeiras, afim da venda acima do valor da compra ou para outros investimentos de maior prazo e até a mesmo para viagens no exterior. Quanto a sua rentabilidade é classificada como média, e o seu risco alto uma vez que pode ocorre uma desvalorização da moeda. Quanto a sua liquidez é muita alta.

20 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL Imóveis Para esta modalidade de investimento, é imprescindível atenção quanto alguns fatores fundamentais para o sucesso desejado, a exemplo, do momento certo para compra ou seja buscar oportunidades para compras abaixo do valor periodicamente comercializado, também analisar quanto a procura por imóveis na região do futuro investimento, outro elemento imprescindível é a avaliação quanto a valorização da região.

21 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL E por fim, o fator localização, ou seja, para um investimento de imóvel comercial é relevante que a região seja uma área comercial, já para um investimento residencial é relevante que a região seja residencial. Apesar de a sua rentabilidade ser considerada média e de risco baixo, sua liquidez é considerada muito baixa.

22 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL CAPÍTULO 3 – Finanças no contexto geral Finanças é a arte e a ciência da gestão de ativos financeiros. O campo de estudo de instituições financeiras, dos mercados financeiros e do funcionamento dos sistemas financeiros dentro de uma nação quer no mercado internacional. Quanto ao verbo, financiar significa fornecer fundos para negócios e projetos.

23 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL Na sua acepção moderna, o conceito de finanças nasceu nos anos 1950 e sua abordagem característica é normativa, isto é, um decisor, seja um investidor individual ou gerente empresarial, busca maximizar uma função-objetivo, seja em utilidade ou em retorno esperado ou agregar valor para o acionista, para um dado preço de título obtido no mercado.

24 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL No nível micro, as finanças são o estudo do planejamento financeiro, da gestão de ativos e da captação de fundos por empresas e instituições financeiras. O termo finanças pode assim incorporar o estudo do dinheiro e outros ativos; o gerenciamento e controle desses ativos ou recursos; e a análise e gerenciamento de riscos de projeto.

25 FÓRUM DE AVALIAÇÃO Este é um espaço destinado aos alunos do minicurso de Investimento Financeiro Pessoal para produção de texto dissertativo, a partir de tema proposto pelos tutores. Serão pontuados com nota 5,0 (cinco) aqueles que responderem coerentemente a questão do fórum. As contribuições devem ser mandadas para o endereço do blog. QUESTÃO As transformações econômicas observadas no mundo contemporâneo fazem com que as pessoas modifiquem seus planos, no sentido de buscarem formas de orientação financeira em perfeita estabilidade. Como estratégia importante para a referida estabilidade, pode-se fazer uso de investimento sobre investimento financeiro pessoal. Que compreensão você possui atualmente, considerando as leituras feitas nos textos do minicurso?

26 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO Este questionário é um instrumento avaliativo, composto de 05 (cinco) questões com perguntas objetivas, marcando somente uma alternativa. Cada quesito valerá 1,0 ponto, totalizando 05 (cinco) pontos. O questionário deverá ser respondido e encaminhado para o endereço do blog.

27 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL QUESITO 1 - Em se tratando de investimento: ( ) Aplicação com expectativa de receber algum retorno futuro. ( ) Aplicação que tem o mesmo valor futuro. ( ) Aplicação que leva consideração juros e lucros de curto prazo ( ) Não adquire bens de capital QUESITO 2 – Tipos de investimentos, exceto. ( ) Ouro ( ) Poupança ( ) Móveis ( ) Título público

28 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL QUESITO 3 – Finanças aparece como: ( )Gestão de ativos financeiros ( ) Não se interessa em estudar dinheiro e outros ativos ( ) Segmento que estuda passivo e patrimônio líquido ( ) A abordagem não é normativa QUESITO 4 – Parcela da renda que não é gasta no período em que é recebida. ( ) Câmbio ( ) Ouro ( )Poupança ( )CDB/RDB

29 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL QUESITO 5 – Investimento que mostra baixa liquidez, média rentabilidade e baixo risco. ( ) CDB/RDB ( ) Ouro ( ) Câmbio ( ) Imóvel

30 INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL REFERÊNCIAIS BIBLIOGRÁFICAS financeiros-e-os-tipos-de-investimentos/ financeiros-e-os-tipos-de-investimentos/ ao/salao/905.pdf ao/salao/905.pdf titulos-publicos/ titulos-publicos/ Wikipedia.org/wiki/finança


Carregar ppt "MINICURSO INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL. INVESTIMENTO FINANCEIRO PESSOAL Apresentação CRÉDITOS Carga horária: 20 h/a Tutores:  Carlos Sobrinho, Deyse."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google