A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Administração Financeira – I Prof. Dr. Ricardo Di Bartolomeo

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Administração Financeira – I Prof. Dr. Ricardo Di Bartolomeo"— Transcrição da apresentação:

1 Administração Financeira – I Prof. Dr. Ricardo Di Bartolomeo

2 1 – Fundamentos da Administração financeira Finanças Segundo Gtiman (2004:4): A arte e a ciência da gestão do dinheiro

3 1.1 – O Papel do Administrador Financeiro Principais Oportunidades em Finanças: Serviços Financeiros e Administração Financeira Oportunidades de Carreira em Administração Financeira: Analista financeiro, Gerente de investimento, Gerente de financiamento, Gerente de caixa, Analista/Gerente de crédito, Gerente de fundo de pensão e Gerente de operações de câmbio.

4 Modalidades Jurídicas da Organização Firmas Individuais Sociedade por cotas Sociedade por ações

5 Firma Individual Pontos Fortes Lucro fica com o proprietário Custo baixo da organização Facilidade de dissolução Independência Sigilo Pontos Fracos Responsabilidade ilimitada – Patrimônio Pessoal O poder limitado em captar recursos financeiros para crescimento Difícil carreira a longo prazo para os funcionários Tende a terminar com a morte do proprietário

6 Sociedade por Cotas Pontos Fortes Capacidade de captar mais recursos que as firmas individuais Poder de endividamento maior por ter mais sócios Maior disponibilidade de poder de gestão Pontos Fracos Poder ilimitado e talvez poderá que saldar a divida dos outros sócios A sociedade é dissolvida quando um dos sócios morre Dificuldade em liquidar ou transferir a participação de um dos sócios

7 Sociedade por Ações Pontos Fortes Responsabilidade limitada Vendas de ações Facilidade de transferência de ações Duração longa Contratação de profissionais de mercado Acesso a linha de crédito Pontos Fracos Não existe sigilo (demonstrações financeiras) Sujeita a uma maior regulamentação governamental Custo mais elevado da organização Impostos mais altos e dividendos tributados

8 1.2 - Finanças na Estrutura Organizacional da Empresa Firma Individual Exemplo N. 1 – Proprietário Exemplo N. 2 – Proprietário e Funcionário Exemplo N. 3 – Proprietário, supervisor ou gerente e funcionário

9 Sociedade por Cotas Gerente Financeiro Contas a Pagar Contas a Receber Tesouraria

10 Sociedade por Ações Acionista Conselho de Administração Proprietários Administradores Presidente Vice-presidente: RH, Operações, Marketing e Sistemas de Informação Vice-presidente de finanças Tesoureiro: Gastos capital, Crédito, Operações de câmbio, Planejamento financeiro e Captação de fundos, Gerente de caixa e fundo de pensão Controller: Assuntos fiscais, Contabilidade de custos, Contabilidade gerencial e Contabilidade financeira

11 Formas e Conceitos Básicos das Entidades Instituições financeiras: bancos comerciais, cooperativas de créditos, financeiras. Mercados Financeiros: Mercado Monetário (Fundos de curto prazo até 1 ano) Títulos negociáveis: como as notas promissórias, letras do Tesouro, certificados negociáveis de depósito do governo Mercado de Capitais (Fundos de longo prazo 10 e 30 anos) obrigações e ações. Paga juros a cada 6 meses Cupom. Títulos da divida pública brasileira ou de empresas

12 Ciclo Financeiro das Organizações Para que uma empresa possa sobreviver no mercado, é necessário que tenha um equilíbrio em suas contas, ela deve manter um nível aceitável de capital de giro. Para isso, deverá escolher entre obter um grande lucro, associado ao alto risco e grandes dividas (passivo circulante), ou em obter um lucro menor, com risco baixo e mais contas a receber (ativo circulante).

13 Ciclo Financeiro das Organizações Junto a esse processo o gestor financeiro deverá administrar seu estoque fazendo girar rapidamente as mercadorias, recebendo por elas o mais rápido possível e prolongando o pagamento das dividas. Esse tipo de administração de ativos e passivos circulantes tem que ser eficiente, pois trará os resultados exigidos pela empresa.

14 Ciclo Financeiro das Organizações Capital de Giro Ciclo Financeiro ou Conversão de Caixa * Estoques * Contas a Receber * Contas a Pagar

15 Ciclo Financeiro das Organizações Para a equipe de consultoria do Sebrae (2005), toda empresa, seja ela indústria, comércio ou serviço, deverá ajustar as suas necessidades dentro de seu ciclo financeiro. Para isso é necessário primeiramente fazer um levantamento de suas compras e contas a pagar e a receber. Uma redução dos prazos de recebimentos e um aumento dos prazos de pagamentos podem ajudar em uma menor dependência de recursos. Caso a empresa não possua recursos financeiros necessários para se manter, deverá buscar esses recursos junto aos bancos ou empresas de Fomento Mercantil, sempre procurando o menor juro possível para elevar o mínimo possível esse passivo que se forma.

16 Bibliografia Gitman, Lawrence Jeffrey. Princípios de Administração Financeira, 10ª edição, tradução técnica Antonino Zarotto Sanvicente, São Paulo: Addison Wesley (Pearson) Capítulo N. 01


Carregar ppt "Administração Financeira – I Prof. Dr. Ricardo Di Bartolomeo"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google