A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FORMAÇÃO DO MUNDO CONTEMPORÂNEO RETA FINAL 2012 - SOMA historiativanet.wordpress.com.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FORMAÇÃO DO MUNDO CONTEMPORÂNEO RETA FINAL 2012 - SOMA historiativanet.wordpress.com."— Transcrição da apresentação:

1 FORMAÇÃO DO MUNDO CONTEMPORÂNEO RETA FINAL SOMA historiativanet.wordpress.com

2 Comuna de Paris (1871) historiativanet.wordpress.com 2 P.76/Q.3 1.A Comuna de Paris ocorreu no contexto da Guerra Franco Prussiana (1870/1871) que resultou na derrota o governo de Napoleão III. Sitiada pelos alemães e diante do desmoronamento do governo francês, grupos radicais tomaram o poder em Paris e criaram o primeiro governo proletário da história. 2.Abolição do trabalho noturno, igualdade entre os sexos, redução da jornada de trabalho, legalização dos sindicatos, criação e comitês populares para o controle dos órgãos e bens públicos. 3.A mulher: a mulher representa a emancipação feminina, já que uma das principais medidas adotadas pela Comuna de Paris foi a instituição da igualdade entre os sexos. Os Homens: Os homens representam os proletariados no poder, na medida em que as figuras do cartaz mostram trabalhadores e a conquista de suas reivindicações. P.76/Q.3 1.A Comuna de Paris ocorreu no contexto da Guerra Franco Prussiana (1870/1871) que resultou na derrota o governo de Napoleão III. Sitiada pelos alemães e diante do desmoronamento do governo francês, grupos radicais tomaram o poder em Paris e criaram o primeiro governo proletário da história. 2.Abolição do trabalho noturno, igualdade entre os sexos, redução da jornada de trabalho, legalização dos sindicatos, criação e comitês populares para o controle dos órgãos e bens públicos. 3.A mulher: a mulher representa a emancipação feminina, já que uma das principais medidas adotadas pela Comuna de Paris foi a instituição da igualdade entre os sexos. Os Homens: Os homens representam os proletariados no poder, na medida em que as figuras do cartaz mostram trabalhadores e a conquista de suas reivindicações.

3 Unificação Alemã (1871) historiativanet.wordpress.com 3 P.34/Q.7 a)Sob a liderança de Bismarck e influenciada pelo nacionalismo, os diversos estados alemães foram unificados. Outro importante elemento a ser destacado é o desenvolvimento da economia capitalista e os princípios de formação de uma nação como uma forma de consolidação e expansão da indústria. b) De acordo com a Conferência de Potsdãm, a Alemanha foi dividida em zonas de ocupação militar. Pouco tempo depois, dentro com contexto da Guerra Fria essas zonas foram reorganizadas na Alemanha Ocidental (RFA) de orientação capitalista e a Alemanha Oriental (RDA) de orientação socialista. c) A queda do muro de Berlim, em P.34/Q.7 a)Sob a liderança de Bismarck e influenciada pelo nacionalismo, os diversos estados alemães foram unificados. Outro importante elemento a ser destacado é o desenvolvimento da economia capitalista e os princípios de formação de uma nação como uma forma de consolidação e expansão da indústria. b) De acordo com a Conferência de Potsdãm, a Alemanha foi dividida em zonas de ocupação militar. Pouco tempo depois, dentro com contexto da Guerra Fria essas zonas foram reorganizadas na Alemanha Ocidental (RFA) de orientação capitalista e a Alemanha Oriental (RDA) de orientação socialista. c) A queda do muro de Berlim, em 1989.

4 Imperialismo- Teorias Raciais historiativanet.wordpress.com 4 P.35/Q.10 a)Desenvolvimento de teorias racistas, tais como o nazismo. b)A tese da supremacia racial fundamentada, por exemplo, no Darwinismo Social, foi amplamente utilizada para justificar o domínio imperialista europeu na Ásia e na África. P.35/Q.10 a)Desenvolvimento de teorias racistas, tais como o nazismo. b)A tese da supremacia racial fundamentada, por exemplo, no Darwinismo Social, foi amplamente utilizada para justificar o domínio imperialista europeu na Ásia e na África.

5 Imperialismo - África historiativanet.wordpress.com 5 P.32/Q.1 1.O advento de industrialização provocou a necessidade de conquistar mercado consumidor, áreas fornecedoras de matéria prima, além de novas areas de investimento de capital. 2.O escambo e, principalmente o tráfico negreiro. Além disso a África servia de passagem para as Índias Orientais. 3.Conferência de Berlim (1885). A partilha da África entre os países imperialistas, foi feita à revelia dos africanos e não respeitou as tradicionais fronteiras tribais até então existentes. P.32/Q.1 1.O advento de industrialização provocou a necessidade de conquistar mercado consumidor, áreas fornecedoras de matéria prima, além de novas areas de investimento de capital. 2.O escambo e, principalmente o tráfico negreiro. Além disso a África servia de passagem para as Índias Orientais. 3.Conferência de Berlim (1885). A partilha da África entre os países imperialistas, foi feita à revelia dos africanos e não respeitou as tradicionais fronteiras tribais até então existentes.

6 Imperialismo - África historiativanet.wordpress.com 6 P.34/Q.8 a)Os valores comuns são essenciais para que os africanos tenham a noção de identidade. Dessa forma, poderiam, como povo, reivindicar sua independência e repudiar o domínio colonialista europeu. b)No primeiro momento, durante a exploração realizada no século XVI no contexto do Antigo Sistema Colonial, ocorria a dominação da faixa litorânea, sendo o tráfico negreiro uma as atividades mais importantes. Já no neocolonialismo, ocorreu o domínio de todo o continente africano, partilhado pelas potências imperialistas. P.34/Q.8 a)Os valores comuns são essenciais para que os africanos tenham a noção de identidade. Dessa forma, poderiam, como povo, reivindicar sua independência e repudiar o domínio colonialista europeu. b)No primeiro momento, durante a exploração realizada no século XVI no contexto do Antigo Sistema Colonial, ocorria a dominação da faixa litorânea, sendo o tráfico negreiro uma as atividades mais importantes. Já no neocolonialismo, ocorreu o domínio de todo o continente africano, partilhado pelas potências imperialistas.

7 Imperialismo - China historiativanet.wordpress.com 7 P.33/Q.3 1.A Inglaterra pretendia conquistar mercados consumidores na China 2.Transformação: A Inglaterra, além de conquistar Hong Kong, reforçou seu domínio sobre a China. Explicação: A Guerra do Ópio possibilitou aos inlgeses, após derrotarem os chineses o aumento de seus negócios na China a partir das concessões do Tratado de Nanquim. 3. A China foi dividida em zonas de influência, ou seja, cada potência imperialista assumiu o controle de determinada zona comercial da China. P.33/Q.3 1.A Inglaterra pretendia conquistar mercados consumidores na China 2.Transformação: A Inglaterra, além de conquistar Hong Kong, reforçou seu domínio sobre a China. Explicação: A Guerra do Ópio possibilitou aos inlgeses, após derrotarem os chineses o aumento de seus negócios na China a partir das concessões do Tratado de Nanquim. 3. A China foi dividida em zonas de influência, ou seja, cada potência imperialista assumiu o controle de determinada zona comercial da China.

8 Imperialismo - China historiativanet.wordpress.com 8 P.35/Q.9 a)Revolta dos Boxers b)A China foi dividida em zonas de influência, ou seja, cada potência imperialista assumiu o controle de determinada zona comercial da China, após a Guerra do Ópio contra a Inglaterra. P.35/Q.9 a)Revolta dos Boxers b)A China foi dividida em zonas de influência, ou seja, cada potência imperialista assumiu o controle de determinada zona comercial da China, após a Guerra do Ópio contra a Inglaterra. Para saber mais!!!! Revolta dos nacionalistas chineses contra estrangeiros e cristãos chineses ocorrida entre 1900 e É uma reação à intervenção externa e à submissão da dinastia Manchu à dominação européia na China. O movimento parte de uma associação secreta, a Sociedade Harmoniosos Punhos Justiceiros, conhecida como Sociedade dos Boxers, presente no norte do país. s tropas estrangeiras no norte do país fazem a corte chinesa se transferir para o Sião (atual Tailândia) e obrigam os boxers a se dispersar. A coalizão ocupa Pequim em 14 de julho de Derrotada, a China é condenada a pagar uma grande indenização e a aceitar a política da Porta Aberta, pela qual seria reconhecida sua integridade territorial em troca de concessões econômicas ao Ocidente. Para saber mais!!!! Revolta dos nacionalistas chineses contra estrangeiros e cristãos chineses ocorrida entre 1900 e É uma reação à intervenção externa e à submissão da dinastia Manchu à dominação européia na China. O movimento parte de uma associação secreta, a Sociedade Harmoniosos Punhos Justiceiros, conhecida como Sociedade dos Boxers, presente no norte do país. s tropas estrangeiras no norte do país fazem a corte chinesa se transferir para o Sião (atual Tailândia) e obrigam os boxers a se dispersar. A coalizão ocupa Pequim em 14 de julho de Derrotada, a China é condenada a pagar uma grande indenização e a aceitar a política da Porta Aberta, pela qual seria reconhecida sua integridade territorial em troca de concessões econômicas ao Ocidente.

9 Era Meiji historiativanet.wordpress.com 9 P.32/Q.2 a)Era Meiji b)Centralização do poder político nas mãos do imperador c)A Era Meiji é o ponto de partida para a transformação do Japão em uma potência imperialista P.32/Q.2 a)Era Meiji b)Centralização do poder político nas mãos do imperador c)A Era Meiji é o ponto de partida para a transformação do Japão em uma potência imperialista P.34/Q.7 a)Idem Q.2/C b)Processo de ocidentalização da economia e da cultura P.34/Q.7 a)Idem Q.2/C b)Processo de ocidentalização da economia e da cultura A Era Meiji, que se estende de 1868 a 1912, foi de fundamental importância para o Japão, porque foi nesse período que o país se modernizou. Tendo o Estado como agente indutor do processo de modernização-industrialização, o Japão emergiu como potência já no início do século XX. Nesse período, o Estado encarregou-se de abrir o país ao exterior, de investir em educação, de implantar a infra-estrutura necessária para a industrialização, de abrir as primeiras fábricas (que com o tempo foram vendidas aos clãs mais poderosos do país), de investir na sua capacitação bélica etc.

10 EUA – Séc XIX – Homestead Act historiativanet.wordpress.com 10 P.33/Q.4 a)Doação de terras para estimular a ocupação do Oeste b)O Homestead Act favoreceu o aparecimento de inúmeras pequenas e médias propriedades nos Estados Unidos. Assim sendo, estimulou a economia, reduziu a pobreza e amenizou a concentração fundiária. P.33/Q.4 a)Doação de terras para estimular a ocupação do Oeste b)O Homestead Act favoreceu o aparecimento de inúmeras pequenas e médias propriedades nos Estados Unidos. Assim sendo, estimulou a economia, reduziu a pobreza e amenizou a concentração fundiária. Para saber mais!!! Os EUA adotaram uma política expansionista, ao longo do século XIX, que ficou conhecida como a Marcha para o Oeste. O objetivo era a conquista de territórios e uma ligação com o Oceano Pacífico, alimentando, dessa forma, o sonho de se tornarem uma grande potência. A base ideológica para a marcha foi o Destino Manifesto, que defendia a supremacia dos “vencedores”, que lutariam contra as agruras para conseguir a glória da conquista. O Homestead Act acabou sendo uma importante ferramenta para incentivar a ocupação territorial.

11 EUA –Séc XIX- Imperialismo historiativanet.wordpress.com 11 P.34/Q.5 a)A sociedade civilizada era aquela identificada com os valores e os interesses imperialistas dos EUA. b)Intensificação das intervenções, inclusive armadas, dos norte americanos na América Latina, como o exemplo da construção da base militar de Guantanamo, em Cuba. P.34/Q.5 a)A sociedade civilizada era aquela identificada com os valores e os interesses imperialistas dos EUA. b)Intensificação das intervenções, inclusive armadas, dos norte americanos na América Latina, como o exemplo da construção da base militar de Guantanamo, em Cuba. Principais pontos da política imperialista norte-americana: Doutrina Monroe – “América para os americanos” Política do Big Stick – poder de polícia da América, com intervenções militares foram realizadas, principalmente na América Central EX: Questão do Panamá, Emenda Platt, Porto Rico Principais pontos da política imperialista norte-americana: Doutrina Monroe – “América para os americanos” Política do Big Stick – poder de polícia da América, com intervenções militares foram realizadas, principalmente na América Central EX: Questão do Panamá, Emenda Platt, Porto Rico


Carregar ppt "FORMAÇÃO DO MUNDO CONTEMPORÂNEO RETA FINAL 2012 - SOMA historiativanet.wordpress.com."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google