A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MOTIVAÇÃO: Do conceito as aplicações. MOTIVAÇÃO INTERNA E MOTIVAÇÃO EXTERNA MOTIVOS INTERNOS: São aqueles que surgem das próprias pessoas: Aptidões, Interesses,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MOTIVAÇÃO: Do conceito as aplicações. MOTIVAÇÃO INTERNA E MOTIVAÇÃO EXTERNA MOTIVOS INTERNOS: São aqueles que surgem das próprias pessoas: Aptidões, Interesses,"— Transcrição da apresentação:

1 MOTIVAÇÃO: Do conceito as aplicações

2 MOTIVAÇÃO INTERNA E MOTIVAÇÃO EXTERNA MOTIVOS INTERNOS: São aqueles que surgem das próprias pessoas: Aptidões, Interesses, Valores e habilidades das pessoas,afetados sociológicos de acordo com o grupo que está inserido.

3 MOTIVAÇÃO INTERNA E MOTIVAÇÃO EXTERNA MOTIVOS EXTERNOS: São aqueles criados por situações ou ambiente em que a pessoa se encontra. São estímulos ou incentivo que o ambiente oferece ou objetivos que a pessoa persegue para alcançar uma recompensa.

4 DEFINIÇÃO DE MOTIVAÇÃO Robbins(2004) define: Processo responsável pela intensidade, direção, persistência dos esforços de uma pessoa no alcance de determinada meta.

5 ADMINISTRAÇÃO POR OBJETIVOS É a fixação participativa de metas tangíveis, verificáveis e mensuráveis. Ênfase em converter os objetivos gerais em objetivos específicos. Ingredientes comuns: Especificidade, decisão participativa,tempo determinado e feedback do desempenho.

6 ESPECIFICIDADE Declarações concisas sobre as realizações almejadas; Metas tangíveis que possam ser avaliadas e mensuradas.

7 DECISÃO PARTICIPATIVA Substituição das metas impostas por metas determinadas de maneira participativa; O chefe e o subordinado escolhem em conjunto os objetivos e entram em acordo na forma de avalia-lo.

8 TEMPO DETERMINADO Cada objetivo tem um tempo determinado para ser atingido, variando de três, seis ou um ano. Chefes e subordinadores tem o objetivo específico e um prazo determinado para cumpri-lo.

9 FEEDBACK DE DESEMPENHO É a busca de uma avaliação constante do progresso em relação as metas estabelecidas. Feedback contínuo leva a uma avaliação periódica por parte da chefia, quando o progresso é revisto.

10 TÉCNICAS MOTIVACIONAIS Programa de reconhecimento do funcionário. Programa de envolvimento do funcionário ( gestão participativa, participação por representação, círculos de qualidade, planos de participação acionária).

11 Novo programa de trabalho e esquemas flexíveis Replanejamento do trabalho para que ele se torne mais desafiante e motivador: Rodízio de tarefas Ampliação das tarefas Enriquecimento de tarefas Horário flexível Emprego compartilhado Telecomutação.

12 Programas de remuneração variável Planos de remuneração por unidades produzidas,incentivos salariais, bônus,participação nos lucros e nos resultados são algumas formas possíveis de remuneração variável. Baseia-se numa medida de desempenho individual ou organizacional.

13 Planos de remuneração por habilidades Também chamado plano de remuneração por competência Estabelece o nível salarial com base quantidade de habilidades do funcionário, ou na variedade de funções que ele é capaz de desempenhar.

14 BENEFÍCIOS FLEXÍVEIS São planos que permitem aos funcionários escolher entre diversos itens de um cardápio de opções de benefícios. Este programa é permitir que cada funcionário escolha seu pacote de acordo com suas próprias necessidades e situações.

15 DIAGNÓSTICO 1. PROFISSIONAIS: Gostam do que fazem e, geralmente, são bem remunerados. Têm compromisso com a profissão e não com o empregador. Valorizam o desafio, gostam de solucionar problemas. A recompensa é o trabalho em si. Querem que as pessoas considerem importante o que fazem.

16 Solução: Como MOTIVAR? Para motivá-los: mantê-los em projetos desafiadores; dar-lhes autonomia para seguir seus interesses e liberdade para estruturar seu trabalho da maneira que achar mais produtiva. Recompensas: oportunidades educacionais de atualização (treinamentos, capacitações, workshops, reconhecimento através do interesse e fornecimento de titulações.

17 TRABALHADORES TEMPORÁRIOS Para motivá-los: oportunidade de tornar o trabalho permanente; oportunidade de oferecer treinamento; separar os temporários dos permanentes; oferecer plano de remuneração flexível ou pagamento com base nas habilidades para todos, temporários e efetivos.

18 FORÇA DE TRABALHO DIVERSIFICADA MULHERES E ESTUDANTES: preferem horário flexível. TRABALHADORES POUCO QUALIFICADOS: oferecer horários flexíveis e aumentar a remuneração.

19 REFERÊNCIAS CHIAVENATO, Idalberto. Introdução à teoria geral da Administração. 6ª ed. Rio de Janeiro: Campus,2000. ROBBINS, Stephen Paul. Comportamento Organizacional. 9ª ed. São Paulo: Prentice Hall, 2002.


Carregar ppt "MOTIVAÇÃO: Do conceito as aplicações. MOTIVAÇÃO INTERNA E MOTIVAÇÃO EXTERNA MOTIVOS INTERNOS: São aqueles que surgem das próprias pessoas: Aptidões, Interesses,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google