A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

CONCEITO DE SISTEMA Um conjunto de elementos, dinamicamente relacionados, formando uma atividade para atingir um objetivo, operando sobre dados/energia/matéria.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "CONCEITO DE SISTEMA Um conjunto de elementos, dinamicamente relacionados, formando uma atividade para atingir um objetivo, operando sobre dados/energia/matéria."— Transcrição da apresentação:

1

2 CONCEITO DE SISTEMA Um conjunto de elementos, dinamicamente relacionados, formando uma atividade para atingir um objetivo, operando sobre dados/energia/matéria. Para fornecer informação/ energia/ matéria. (CHIAVENATO, 1983) Um todo organizado ou complexo; um conjunto ou combinação de coisas ou partes, formando um todo complexo ou unitário. Um complexo de elementos em interação de natureza ordenada e não fortuita. Um conjunto objetos ou entidades que se inter-relacionam mutuamente para formar um todo único. (PARK, Kil H;DE BONIS, Daniel F.; ABUD, Marcelo R., 1997)

3 Sistemas abertos e fechados Um sistema aberto é aquele que troca matéria e energia com o seu meio externo. E, como diz Bertalanffy, a organização é um sistema aberto, isto é, um sistema mantido em importação e exportação, em construção e destruição de componentes materiais, em contraste com os sistema fechados de física convencional, sem intercâmbio de matéria com o meio. Considerando a perspectiva de sistema aberto, podemos dizer que um sistema consiste em quatro elemento básicos:

4 A organização como um sistema aberto Nascem, herdam seus traços estruturais. Morrem, seu tempo de vida é limitado. Têm um ciclo de vida predeterminado. São concretos – o sistema é descrito em termos físicos e químicos. São completos. O parasitismo e a simbiose são excepcionais. A doença é definida como um distúrbio no processo vital. Nascem, herdam seus traços estruturais. Morrem, seu tempo de vida é limitado. Têm um ciclo de vida predeterminado. São concretos – o sistema é descrito em termos físicos e químicos. São completos. O parasitismo e a simbiose são excepcionais. A doença é definida como um distúrbio no processo vital. São organizados, adquirem sua estrutura em estágios. Podem ser reorganizados, têm uma vida ilimitada e podem ser reconstruídos. Não tem ciclo de vida definido. São abstratos – o sistema é descrito em termos psicológicos e sociológicos. São incompletos: dependem de cooperação com outras organizações. Suas partes são intercambiáveis. O problema é definido como um desvio nas normas sociais. São organizados, adquirem sua estrutura em estágios. Podem ser reorganizados, têm uma vida ilimitada e podem ser reconstruídos. Não tem ciclo de vida definido. São abstratos – o sistema é descrito em termos psicológicos e sociológicos. São incompletos: dependem de cooperação com outras organizações. Suas partes são intercambiáveis. O problema é definido como um desvio nas normas sociais. Sistemas Vivos Sistemas Organizados (Organismos) (Organizações) Fonte: CHIAVENATO, 2005

5

6 Introdução Na segunda metade da década de 70 mais um enfoque de ciências administrativas chega à América Latina, o enfoque contingencial ou situacional. Esse enfoque representa, em última análise, a constatação de que continua não existindo uma teoria administrativa aplicável a todos os casos e a todas as circunstâncias. Cada um dos enfoques ou combinação de enfoques se presta melhor à análise de certa e determinada situação do que outro enfoque ou cominação de enfoques. WARLICH,Beatriz, 1986.

7 Características A teoria da contingência enfatiza que não há nada de absoluto nas organizações ou na teoria administrativa. Contingência: algo incerto ou eventual que pode ou não ocorrer Abordagem contingencial explica que existe uma relação funcional entre as condições do ambiente e as técnicas administrativas apropriadas para o alcance eficaz dos objetivos da organização.

8 Características A Teoria da Contingência apresenta os seguintes aspectos básicos: Natureza sistêmica, isto é, ela é um sistema aberto; Interação entre si e com o ambiente; Características ambientais são variáveis independentes, enquanto as características organizacionais são variáveis dependentes daquelas.

9 a abordagem contingencial salienta que não se atinge a eficácia organizacional seguindo um único e exclusivo modelo organizacional, ou seja, não existe uma forma única que seja a melhor para organizar no sentido de se alcançar objetivos altamente variados das organizações dentro de um ambiente de trabalho também variado CHIAVENATO, Abordagem Contingencial

10 Os autores neoclássicos procuraram aumentar o grau de abrangência da Escola Clássica, acrescendo aspectos das teorias comportamentais, mantendo as premissas básicas da Teoria Clássica. A abordagem contingencial fez a mesma coisa em relação á teoria dos sistemas. Incorporou os pressupostos da teoria de sistemas sobre a interdependência e a natureza orgânica da organização, bem como o caráter aberto e adaptativo das organizações e a necessidade de preservar a flexibilidade em face das mudanças e procurou meios para unir a teoria com a prática, em um enfoque de sistemas. (SCOTT & MICHELL ap. CARAVANTES, 1998) Abordagem Contingencial

11 O ambiente Contexto que envolve externamente a organização (ou sistema). Como a organização é um sistema aberto, ela mantém transações e intercâmbio com o seu meio. Tipos: Ambiente Geral - conjunto de variáveis e condições comuns a todas as organizações Ambiente de Tarefa - ambiente de operações de cada organização. Abordagem Contingencial

12 Ambiente Geral Econômi cas Demogr áficas Ecológic as Políticas Tecnoló gicas Legais CONDIÇÕES

13 Ambiente Tarefa EMPRESA Concorrentes Fornecedores Clientes Entidades Reguladoras

14 AMBIENTE DE TAREFAS Clientes; Fornecedores; Concorrentes; Entidades Reguladoras EMPRESA AMBIENTE GERAL Condições ecológicas Condições demográficas Condições tecnológicas Condições culturais Condições econômicas Condições políticas Condições legais

15 A Tecnologia Ao lado do ambiente, constitui outra variável independente que influencia as características organizacionais. Sob o ponto de vista administrativo, a tecnologia é algo que se desenvolve nas organizações por meio de conhecimentos acumulados e desenvolvidos sobre o significado e a execução de tarefas (know- how) constituindo um complexo de técnicas usadas na transformação dos insumos recebidos pela empresa em produtos ou serviços.

16 Críticas Para a teoria contingencial tudo é relativo e tudo depende, nada é absoluto ou universalmente aplicável.

17 Resumo Para a AC, não há nenhum caminho universalmente aplicável para um problema em administração, mas a situação determina a melhor abordagem do problema organizacional. OU Não se atinge a eficácia organizacional seguindo um único e exclusivo modelo organizacional. Características: Eclética. Incerta. Sistema aberto. Flexível. Relativista. Situacional. Forte ênfase no ambiente. Forte ênfase na tecnologia.

18 Organograma orgânico:


Carregar ppt "CONCEITO DE SISTEMA Um conjunto de elementos, dinamicamente relacionados, formando uma atividade para atingir um objetivo, operando sobre dados/energia/matéria."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google