A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Capítulo 4 Moeda e mercado cambial. Objectivos do capítulo Perceber o papel das taxas de câmbio no comércio internacional. Como são determinadas as taxas.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Capítulo 4 Moeda e mercado cambial. Objectivos do capítulo Perceber o papel das taxas de câmbio no comércio internacional. Como são determinadas as taxas."— Transcrição da apresentação:

1 Capítulo 4 Moeda e mercado cambial

2 Objectivos do capítulo Perceber o papel das taxas de câmbio no comércio internacional. Como são determinadas as taxas de câmbio de equilíbrio no mercado internacional de activos.

3 Capitulo Anterior A taxa de câmbio depende de dois factores: Taxa de juro dos depósitos de divisas; Taxas de câmbio esperadas Precisamos agora de perceber como são determinadas as taxas de juro e as expectativas sobre taxa de câmbio futura Em primeiro lugar precisamos perceber como a procura e oferta de moeda afecta a taxa de juro

4 O que é e de onde vem a moeda Moeda é uma activo que pode ser usado como meio de pagamento e uma unidade de conta em que denominamos o valor dos bens e serviços; Stock Real de Moeda=Stock nominal/ Indíce de Preços O stock nominal de moeda é o resultado: de operações de compra e venda de obrigações e títulos de divida pública pelo Banco Central; Operações de compra e venda de divisas pelo banco central Logo M=mm (GB+FXR) em que mm é o multiplicador monetário.

5 A procura de moeda A procura dum activo, moeda, depende de três grupos de factores: Taxa de rendibilidade esperada relativa aos outros activos; Tudo o resto constante um aumento da taxa de juro diminui a procura de moeda; Risco; O risco de deter moeda advém da possível perda de valor associado a um inesperado aumento de preços; Liquidez; Um aumento no valor das transacções causa um aumento da procura por moeda

6 Procura Agregada de Moeda Três factores determinam a procura de Moeda: A taxa de juros; O nível de preços; O Rendimento nacional real; Md=P*(L(i,Y)

7 A relação entre oferta e procura de moeda

8 Taxa de Juro Saldo Balanços Reais Oferta Real Moeda Procura Agregada De Moeda Taxa de Juro de Equilíbrio

9 Álgebra da situação de Equilíbrio

10 Taxa de Juro Saldo Balanços Reais Oferta Real Moeda Procura Agregada De Moeda Taxa de Juro e Oferta de Moeda com Preços Constantes

11 Taxa de Juro Saldo Balanços Reais Oferta Real Moeda Procura Agregada De Moeda Taxa de Juro com aumento do Rendimento e Preços Constantes

12 Rentabilidade Em Dolars Taxa de Câmbio Do Euro Relação do Mercado Monetário e do Mercado de Câmbio R$ Oferta Moeda USA Saldo Balanços Reais

13 Relação mercado monetário e de câmbio O BCE e o FED determinam a oferta monetária na zona Euro e no USA; Dado o nível de preços e os rendimentos nacional nas duas zonas a taxa de juro é determinada nos respectivos mercados; Estas taxas de juro influenciam o mercado de câmbios dadas as expectativas sobre taxas de câmbio futuras e a taxa de câmbio é determinada pela condição de paridade das taxas de rentabilidade dos depósitos

14 Variações na oferta monetária O que acontece se o FED aumenta a oferta monetária? O que acontece se o BCE aumenta a oferta de Euros?

15 Rentabilidade Em Dolars R$ Oferta Moeda USA Saldo Balanços Reais Taxa de Câmbio Do Euro Efeito na taxa de câmbio $/ dum aumento da oferta de Dolars

16 Rentabilidade Em Dolars Taxa de Câmbio Do Euro R$ Oferta Moeda USA Saldo Balanços Reais Aumento da oferta De Euros Efeitos na taxa de câmbio dum aumento da oferta de Euros

17 A taxa de câmbio no longo prazo Um aumento permanente na oferta de moeda causa um aumento proporcional no nível de preço de longo prazo. Em particular numa economia em pleno emprego uma variação na oferta monetária não afecta os valores da taxa de juro e do produto real; A taxa de câmbio é um dos muitos preços numa economia. Assim um aumento permanente da oferta monetária causa uma depreciação proporcional duma moeda relativa ás outras divisas

18 O mercado de câmbio e a BOP

19 Equilíbrio no mercado de divisas BOP= CAB + KAB Como a CAB e a KAB reflectem transacções económicas de natureza diferente também respondem a diferentes variáveis económicas; CAB ( Y*, Y, R) KAB (i*,i,e, e f, e e )

20 Modelo simplificado de equilíbrio no mercado de divisas KAB(i) CAB (Y) Y i BOP CAB(Y 0 ) KAB(i 0) Y0Y0 i0i0 KAB(i 1 ) CAB(Y 1 ) Y1Y1 i1i1

21 Equilíbrio na BOP Y i BOP( Y, i | Y*, i*, R, e e ) Aumento de Y* Diminuição de i*, e e, e f )

22 Mobilidade de capital e a BOP Y i BOP Capital perfeitamente imóvel Capital perfeitamente móvel

23 Equilíbrio Interno e Externo Y i IS LM BOP

24 Equilíbrio e taxa de câmbio flexível IS(e 0 ) BOP(e 0 ) LM IS(e 1 ) Efeito da valorização de e Y i BOP(e 1 ) Aumento de e

25 Equilíbrio Geral O equilíbrio geral na economia, equilíbrio interno e externo, requer a combinação de valores de rendimento (Y), taxa de juro (i), e taxa de câmbio (e) que gerem um equilíbrio simultâneo nos três mercados. Mesmo considerando os preços fixos a economia têm mecanismos automáticos de ajustamento que não requerem intervenção política.

26 Equilíbrio e taxa de câmbio fixa Num regime de câmbios variáveis a valorização ou desvalorização corrige o desequilíbrio na BOP, a variação de e desloca as curvas IS e BOP; Num regime de câmbios fixos o ajustamento faz-se no mercado monetário, a curva LM desloca-se até gerar uma posição de equilíbrio nos três mercados.

27 LM(M 0 /P LM(M 1 /P) IS BOP Expansão monetária Excedente na BOP causa expansão do stock monetário

28 Deficit na BOP causa contracção do stock de moeda IS LM(M 0 /P) LM(M 1 /P) BOP Contracção do stock De moeda


Carregar ppt "Capítulo 4 Moeda e mercado cambial. Objectivos do capítulo Perceber o papel das taxas de câmbio no comércio internacional. Como são determinadas as taxas."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google