A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

SILVANA BERBEL FERNANDES A MATEMÁTICA E A PRÁTICA PEDAGÓGICA NAS SÉRIES INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL PEDERNEIRAS – S. P.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "SILVANA BERBEL FERNANDES A MATEMÁTICA E A PRÁTICA PEDAGÓGICA NAS SÉRIES INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL PEDERNEIRAS – S. P."— Transcrição da apresentação:

1 SILVANA BERBEL FERNANDES A MATEMÁTICA E A PRÁTICA PEDAGÓGICA NAS SÉRIES INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL PEDERNEIRAS – S. P.

2 “O PROFESSOR QUE SE DISPÕE A TRABALHAR COM MATEMÁTICA NOS CURSOS DE HABILITAÇÃO AO MAGISTÉRIO DEVE REFLETIR SOBRE A SITUAÇÃO DO ENSINO DESSA DISCIPINA EM VISTA A FUTURA ATUAÇÃO PROFISSIONAL DE SEUS ALUNOS”. DIONE LUCHESI DE CARVALHO

3 INTRODUÇÃO Mais do que nunca a sociedade exige um indivíduo com raciocínio rápido que saiba criar soluções para os problemas do cotidiano. O capitalismo está enraizado em cálculos, no lucro e na perda e quem não domina é excluído rapidamente da sociedade, e também para realizar uma simples compra no supermercado exige-se um domínio mínimo da Matemática. Assim, este trabalho de pesquisa teve por objetivo analisar e comparar os procedimentos dos professores em Matemática, investigando a vinculação teoria-prática. Paralelamente, buscou- se identificar o envolvimento do aluno e se há uma interação professor-aluno e aluno-aluno durante as aulas, bem como a diversificação dos instrumentos de ensino. O objetivo da pesquisa de campo abarcou a investigação de procedimentos realizados em salas de aula, as opiniões dos docentes com respeito a eles e a validade e a importância da práxis. Além disso, pretendeu-se instigar os docentes à reflexão acerca de suas atividades de planejamento e atuação em sala de aula.

4 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA É notável que o desenvolvimento matemático está relacionado com as necessidades vivenciadas por cada povo em sua época motivado por problemas de ordem prática. Ao revelar a Matemática como uma criação humana, ao mostrar necessidades e preocupações de diferentes culturas, em diferentes momentos históricos, ao estabelecer comparações entre os conceitos e processos matemáticos do passado e do presente, o professor tem a possibilidade de desenvolver atitudes e valores mais favoráveis do aluno diante do conhecimento matemático. O ensino Matemático: Aconselha-se a trabalhar todos os tópicos da aula de Matemática, como de outras disciplinas, como situações-problema, onde o aluno é desafiado a descobrir o resultado correto. O Conhecimento da Lógica- Matemática: O conhecimento lógico- matemático é construído pela elaboração de uma estrutura, originalmente, criada pela criança. Cada estrutura posterior, entretanto, é construída a partir das anteriores e torna-se integrante das posteriores.

5 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA O Ensino de Matemática: Nas escolas, repensam – se os objetivos do ensino da Matemática, principalmente nas séries iniciais do Ensino Fundamental, pois o conhecimento deve ser construído e a linguagem matemática deve ser adquirida pelo aluno, levando-o a incorporar os significados que as atividades de manipulação de material didático ou de vivência diária assumem, então quanto antes iniciar essa construção, mais tempo tem-se para enriquecer os temas abordados, tornando-os mais abrangentes e complexos, possibilitando que o processo de aquisição do conhecimento matemático não se interrompa tão prematuramente como em geral acontece. Os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs) e o Ensino de Matemática nas séries iniciais: Tem como objetivo básico proporcionar aos educando a formação necessária ao desenvolvimento de suas potencialidades, preparação para o trabalho e exercício da cidadania.

6 PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS Como se pode ver a Matemática é de suma importância na vida das pessoas desde a antiguidade, por isso tentou-se entender o conceito dos docentes no processo de ensino e aprendizagem da Matemática: sua prática, métodos que utilizam e sua eficiência, bem como as principais dificuldades encontradas pelos alunos. Utilizou-se as seguintes pesquisas: PESQUISA BIBLIOGRÁFICA: Buscou-se, então, fundamentação teórica em autores consagrados como Lopes (2005), Piaget (1983), Girardi (2005) e nos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs) (1997). Estes autores nos mostraram a importância do ensino da Matemática para o desenvolvimento integral do aluno. PESQUISA de CAMPO: por meio de observação não participativa, foram pesquisados 6 (seis) docentes da rede municipal, que atuam nas séries iniciais do Ensino Fundamental, procurou-se, nesta pesquisa, dentre outros aspectos identificar qual a percepção dos docentes sobre o ensino da Matemática.

7 CONCLUSÃO A maioria dos professores como se constatou na pesquisa ensina a Matemática ainda de forma desinteressante, por isso boa parte dos alunos não tem a menor noção de sua importância e de como ela pode ser fascinante e divertida. Além do ambiente motivador que deveria haver em todas as salas do Ensino Fundamental, deveriam existir contatos permanentes dos professores com as novas pesquisas, bem como cursos que ofereçam a ligação teoria-prática para fundamentar melhor o planejamento docente. O ensino que tem por base apenas a reprodução de exercícios mecânicos por meio de aulas expositivas é ineficaz, por isso se faz necessário que o professor assuma o papel de organizador, consultor e orientador durante suas aulas, criando grupos onde o aluno possa construir sua aprendizagem também na relação aluno-aluno de forma lúdica.


Carregar ppt "SILVANA BERBEL FERNANDES A MATEMÁTICA E A PRÁTICA PEDAGÓGICA NAS SÉRIES INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL PEDERNEIRAS – S. P."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google