A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SUBSECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA CIVIL CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DIRETORIA GERAL DE SAÚDE.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SUBSECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA CIVIL CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DIRETORIA GERAL DE SAÚDE."— Transcrição da apresentação:

1 GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SUBSECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA CIVIL CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DIRETORIA GERAL DE SAÚDE 3ª POLICLÍNICA - NITERÓI SERVIÇO DE ENDOCRINOLOGIA Cap BM Viviane Salles

2 Serviço de Endocrinologia da 3ª Policlínica : Criado em 25/02/2008, tem por objetivo atender aos bombeiros militares e seus dependentes; O Serviço funciona às segundas e quartas-feiras das 08:00 às 17:00h; O agendamento das consultas é feito pela Recepção diariamente das 08:00h às 17:00h – demanda espontânea e referenciada pelas demais especialidades; A Endocrinologia é a especialidade médica responsável pelo diagnóstico e tratamento das desordens glandulares (distúrbios da hipófise, tireóide, pâncreas, supra-renais e gônadas), sobrepeso, obesidade e suas complicações.

3 Programa de Controle de Obesidade em Adultos 1-INTRODUÇÃO A 3ª Policlínica está implantando o Programa de Controle de Obesidade em Adultos, uma iniciativa pioneira nos âmbitos da SUBSEDEC/CBMERJ, que poderá representar a prevenção de outros agravos como diabetes mellitus tipo 2, hipertensão arterial sistêmica, doenças osteo-articulares, coronariopatias, colelitíase e apnéia do sono. A obesidade é considerada atualmente uma doença crônica de prevalência alarmante. Trata-se de uma condição multifatorial, onde os hábitos de vida têm grande relevância – a ingesta alimentar inadequada associada ao sedentarismo geram um balanço energético positivo, onde o ganho supera o gasto de calorias. Um Programa que vise à correção de hábitos alimentares e o encorajamento para a atividade física, poderá reverter o risco de doenças relacionadas ao excesso de peso corporal.

4 Programa de Controle de Obesidade em Adultos 2-JUSTIFICATIVA A intervenção precoce por uma equipe multidisciplinar é capaz de minimizar a evolução do sobrepeso para obesidade e conseqüentemente reduzir a incidência de agravos correlacionados. Complicações associadas à obesidade representam causas importantes de afastamento transitório ou definitivo do trabalho. 3-OBJETIVOS 1-Identificar pacientes em sobrepeso e obesidade; 2-Instituir planejamento dietético adequado; 3-Implementar planejamento de atividade física individualizado; 4-Padronizar terapêutica de baixo custo.

5 Programa de Controle de Obesidade em Adultos 4-PÚBLICO-ALVO Militares e dependentes da SBSEDEC/CBMERJ 5-METAS 1-Formação de equipe multidisciplinar: médico, enfermeiro, nutricionista, psicólogo, farmacêutico, fisioterapeuta e assistente social 2-Normatização da rotina de atendimento

6 Programa de Controle de Obesidade em Adultos 8-METODOLOGIA ETAPAS DO PROGRAMA: 1ª ETAPA:DIVULGAÇÃO Acontecerá através de folders distribuídos no âmbito da SUBSEDEC/CBMERJ; Publicação no portal da 3ª Policlínica; Publicação em Boletim Ostensivo e Infosaúde. 2ª ETAPA: INSCRIÇÃO A demanda poderá ser espontânea ou referenciada, seguindo os critérios de inclusão: estar em sobrepeso ou obesidade. As inscrições serão realizadas pela Recepção da 3ª Policlínica de segunda à sexta- feira das 08:00 às 17:00h. 3ª ETAPA: FORMAÇÃO DE GRUPOS Serão formados grupos de 12 participantes cada. Em uma primeira ocasião o paciente terá a aferição das medidas antropométricas e será classificado de acordo com o IMC (18,5 a 24,9 Kg/m2 = saudável; 25,0 a 29,9 Kg/m2 = sobrepeso; >30 Kg/m2 = obesidade).

7 Programa de Controle de Obesidade em Adultos 4ªETAPA: METODOLOGIA 1-Padronização do atendimento: Cada grupo será acompanhado por 6 meses consecutivos (1 encontro mensal), seguindo o seguinte cronograma: 1º encontro: apresentação da equipe e das propostas. Cada paciente receberá atendimento individualizado pela Endocrinologia e pela Nutrição quando será solicitada a rotina de exames complementares relacionados a seguir; 2º encontro: avaliação antropométrica e análise de resultados de exames; 3º encontro: avaliação antropométrica e definição de atividade física (modalidade) e freqüência; 4º encontro: avaliação antropométrica e análise das dificuldades encontradas na adesão à dieta, atividade física ou ambos- individualizar o encaminhamento à terapia psico- comportamental; 5º encontro: avaliação antropométrica e análise das dificuldades encontradas – instituição de terapêutica anti-obesidade, conforme o caso; 6º encontro: balanço geral dos resultados obtidos em 6 meses, levando-se em consideração a heterogeneidade do grupo (pacientes apenas com controle dietético + atividade física, pacientes com necessidade de acompanhamento psicológico e pacientes com necessidade de terapia medicamentosa). Aqueles com maiores dificuldades ou em uso de medicamentos permanecerão em acompanhamento pelos ambulatórios das especialidades.

8 Programa de Controle de Obesidade em Adultos 2-Padronização de rotina de exames laboratoriais: Hemograma completo; Lipidograma completo; Hepatograma completo; Glicemia de jejum; Ácido úrico; ECG. 3-Padronização de terapêutica: Sibutramina; Fluoxetina.

9 Programa de Controle de Obesidade em Adultos 4-Padronização de atividade física: Contará com o apoio da quadra poliesportiva do Complexo Militar de Charitas.. 5-Reunião interna da equipe multidisciplinar: Acontecerá a cada 6 meses com o objetivo de otimizar as medidas empregadas.

10 Programa de Controle de Obesidade em Adultos 6-PROFISSIONAIS ENVOLVIDOS A 3ª Policlínica nomeou como membros efetivos deste Programa os militares abaixo relacionados: Coordenação Geral: Major José Coordenação do Projeto: Cap Viviane Salles Farmácia: Major Eduardo Endocrinologia: Cap Viviane Salles Nutrição: Cap Serpa Psicologia:Cap Caravellos Enfermagem: Cap Flávia Curi Fisioterapia:1º Ten Salustiano Assistência Social:1º Ten Gleicy

11 Programa de Controle de Obesidade em Adultos 9- CONSIDERAÇÕES FINAIS A obesidade representa uma entidade associada a um leque de distúrbios metabólicos, podendo acarretar hipertensão arterial sistêmica, apneia do sono, esteatose hepática, doença cardiovascular, doenças osteo-articulares e diabetes mellitus tipo-2. Além das alterações orgânicas, acarreta baixa da auto-estima e reprovação da auto- imagem, gerando conflitos psicológicos e sociais. É dever do médico diagnosticar o sobrepeso ou obesidade e tratar precocemente esses pacientes para prevenir tais complicações.


Carregar ppt "GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SUBSECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA CIVIL CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DIRETORIA GERAL DE SAÚDE."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google