A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

4.1 Paul Feyerabend Anarquismo metodológico Livro Contra o método Imposição de um método rígido inibe passos inovadores.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "4.1 Paul Feyerabend Anarquismo metodológico Livro Contra o método Imposição de um método rígido inibe passos inovadores."— Transcrição da apresentação:

1

2 4.1 Paul Feyerabend

3 Anarquismo metodológico Livro Contra o método Imposição de um método rígido inibe passos inovadores

4 Avanços científicos ocorrem quando as regras são quebradas

5 A racionalidade pode ser pensada, nos limites de épocas e escolas Contesta a idéia de separar atividade científica em descoberta e justificação

6 Hipóteses ad hoc Proliferação de teorias Princípio da tenacidade

7 O princípio da tenacidade leva a proliferação de teorias e ao progresso da ciência Se os termos teóricos e a interpretação dos fatos não possuíssem autonomia em relação às teorias, seria praticamente impossível comparar as teorias rivais

8 4.2 Thomas Kuhn

9 As ciências progridem de modo revolucionário, com períodos de desenvolvimento gradual O trabalho do cientista é condicionado por paradigmas

10 Os paradigmas científicos ditam o método e os procedimentos aplicáveis em certos contexto histórico da ciência As revoluções representam o descrédito do paradigma vigente e a transição a novas propostas de se fazer ciência

11 O livro A estrutura das revoluções científicas Paradigma – mito, constelação de perguntas, algo que define uma ampla extensão da realidade e novo modo de ver

12 A gestalt associada ao paradigma fornece ao cientista elementos de orientação, entre eles a convenção que estabelece as regras do método científico

13 As revoluções científicas são o rompimento de um paradigmas A transferência de um paradigma para outro pode ser pensada como um processo de conversão, induzida por motivos psicológicos e uma nova visão que promete satisfazer um número maior de problemas

14 O paradigma consensual permite acalmar o debate sobre os fundamentos da ciência e ainda definir o padrão da pesquisa a ser desenvolvida A prática científica não-revolucionária é denominada de ciência normal

15 Para Popper a atividade do cientista é essencialmente crítica e revolucionária Para Kuhn o modelo de Popper é exagerado

16 O paradigma é muito útil para a prática cientifica, e essa utilidade é crescente Os estudantes têm formações similares, conduzidos a ver a mesma coisa, sobre o mesmo paradigmas compartilhado

17 O fascínio do jovem pelo novo e pelo desconhecido torna-o sensível à promessa feita pelo novo paradigma de que irá solucionar os problemas existentes

18 Incomensurabilidade dos paradigmas: nenhuma comparação entre paradigmas é possível Popper afirma que podemos pular de um referencial para outro sempre que assim o desejarmos

19 O dogmatismo existe em ciência, mas ele não é a regra na história dela O anarquismo metodológico pode resultar em completo caos e não em ciência enquanto conhecimento organizado

20 4.3 Imre Lakatos

21 Reteve o falseacionismo metodológico de Popper Aprimoramento do esquema metodológico inicial de Popper

22 Programa de pesquisa Heurística positiva O núcleo rígido acompanha o programa de pesquisa e somente é descartado junto com o programa

23 A validade da experiência só ocorre à medida que o programa mostra-se progressivo Não há racionalidade instantânea na escolha entre teorias

24 Substitui a racionalidade instantânea pela racionalidade que trabalha devagar A mudança de programa de pesquisa ocorre com o enfraquecimento de um programa em favor de outro

25


Carregar ppt "4.1 Paul Feyerabend Anarquismo metodológico Livro Contra o método Imposição de um método rígido inibe passos inovadores."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google