A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Relações de trabalho e capitalismo Sociologia das Organizações CCT/UDESC Prof.ª Kênia Gaedtke.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Relações de trabalho e capitalismo Sociologia das Organizações CCT/UDESC Prof.ª Kênia Gaedtke."— Transcrição da apresentação:

1 Relações de trabalho e capitalismo Sociologia das Organizações CCT/UDESC Prof.ª Kênia Gaedtke

2 Relações de trabalho e capitalismo A noção daquilo que hoje denominamos trabalho muda profundamente conforme a cultura. A noção daquilo que hoje denominamos trabalho muda profundamente conforme a cultura. A complexidade das tarefas ligadas à produção é uma característica de nossa sociedade contemporânea. A complexidade das tarefas ligadas à produção é uma característica de nossa sociedade contemporânea.

3 Relações de trabalho e capitalismo Antigamente... Trabalho: tripallium – vocábulo latino que significa instrumento de tortura. Trabalho: tripallium – vocábulo latino que significa instrumento de tortura. Da Antiguidade até o fim da Idade Média as concepções de trabalho apresentam variações mas poucas alterações. Da Antiguidade até o fim da Idade Média as concepções de trabalho apresentam variações mas poucas alterações.

4 Relações de trabalho e capitalismo Antigamente... Trabalho era desvalorizado; Trabalho era desvalorizado; Núcleo orientador das relações sociais: Hereditariedade, religião, honra, lealdade,... Núcleo orientador das relações sociais: Hereditariedade, religião, honra, lealdade,... Viver do trabalho de outras pessoas era legítimo. Viver do trabalho de outras pessoas era legítimo.

5 Relações de trabalho e capitalismo Produção nas sociedades tribais: Noção de trabalho diferente da nossa; Noção de trabalho diferente da nossa; Caça, coleta, agricultura e criação estão interligados às demais esferas da vida social. Caça, coleta, agricultura e criação estão interligados às demais esferas da vida social. Não há um mundo do trabalho. Não há um mundo do trabalho. Marshall Sahlins: sociedades Marshall Sahlins: sociedades de abundância, sociedades do lazer.

6 Relações de trabalho e capitalismo Bases do trabalho na sociedade moderna: Mercantilismo e capitalismo: noção de trabalho inverte-se. Mercantilismo e capitalismo: noção de trabalho inverte-se. Processos de organização do trabalho. Processos de organização do trabalho. Max Weber: trabalhador livre é necessário para o capitalismo. Max Weber: trabalhador livre é necessário para o capitalismo.

7 Relações de trabalho e capitalismo Trabalho na sociedade moderna: Instituições que colaboraram: igrejas, governos, empresários e escolas. Instituições que colaboraram: igrejas, governos, empresários e escolas.

8 Relações de trabalho e capitalismo Karl Marx: Crítica ao capitalismo, que inevitavelmente será superado pelo comunismo. Crítica ao capitalismo, que inevitavelmente será superado pelo comunismo. Trabalho: Mercadoria. Trabalho: Mercadoria. Alienação. Alienação. Luta de classes: Luta de classes: Burgueses x Proletários

9 Relações de trabalho e capitalismo Karl Marx: Sanar necessidades : divisão do trabalho, desenvolvimento de novas tecnologias Sanar necessidades : divisão do trabalho, desenvolvimento de novas tecnologias Contradição: criação de novas necessidades Contradição: criação de novas necessidades

10 Relações de trabalho e capitalismo Refletir sobre o que significa o TRABALHO hoje em nossas vidas é fundamental para compreender as relações sociais,as desigualdades existentes, e até mesmo quem somos. Refletir sobre o que significa o TRABALHO hoje em nossas vidas é fundamental para compreender as relações sociais,as desigualdades existentes, e até mesmo quem somos. Perceber que algumas questões que atribuímos ao indivíduo estão fortemente vinculadas à sociedade como um todo (ex.: desemprego, mercado de trabalho...). Perceber que algumas questões que atribuímos ao indivíduo estão fortemente vinculadas à sociedade como um todo (ex.: desemprego, mercado de trabalho...). Ao estudarmos as organizações, os fundamentos das relações de trabalho precisam ser levadas em consideração. Mesmo que muitas das críticas ao capitalismo estejam hoje fragilizadas, elas são cruciais para que entendamos a complexidade deste sistema. Ao estudarmos as organizações, os fundamentos das relações de trabalho precisam ser levadas em consideração. Mesmo que muitas das críticas ao capitalismo estejam hoje fragilizadas, elas são cruciais para que entendamos a complexidade deste sistema.


Carregar ppt "Relações de trabalho e capitalismo Sociologia das Organizações CCT/UDESC Prof.ª Kênia Gaedtke."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google