A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ESTRATÉGIAS METODOLÓGICAS DE PRÁTICAS DE ESTUDO 9 º ANO - CMPA Educadores CMPA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ESTRATÉGIAS METODOLÓGICAS DE PRÁTICAS DE ESTUDO 9 º ANO - CMPA Educadores CMPA."— Transcrição da apresentação:

1 ESTRATÉGIAS METODOLÓGICAS DE PRÁTICAS DE ESTUDO 9 º ANO - CMPA Educadores CMPA

2 Orientação estratégica, mas não prescritiva, para a prática reflexiva. Jennifer Gore

3 B REVE S UMÁRIO Metodologia: Conceito Pedagógico; Organização do Espaço e do Tempo; Leitura e Escrita: construção de interpretações e narrativas; Leitura e Memorização: elaboração de sínteses; Leitura e Calculo: prática de resolução de problemas; Considerações Finais; Referências.

4 M ETODOLOGIA : C ONCEITO P EDAGÓGICO Quando a diferença é a norma qualquer modelo estandardizado está condenado ao fracasso. José Afonso Baptista [...] a ação Técnica está voltada à produção de um artefato [...], a ação prática [volta-se ao construir] é uma forma de deliberação e reflexão. Daniel Feldman [...] A educação é uma atividade prática que se deve enfrentar com as artes da prática. J. Schwab

5 O que é Metodologia de Práticas de Estudo? a) Diz respeito à organização do caminho a se seguir para alcançar êxito nos estudos; b) Metodologia não é norma, pois cada estudante deve construir seu próprio caminho; c) O que oferecemos são sugestões estratégicas para auxiliar à reflexão de pais e alunos a fim de que se possa organizar metodologias de estudo que favoreçam o processo ensino-aprendizagem; d) Não se trata de técnica [de fazer], mas de prática [de construir].

6 ORGANIZAÇÃO DO ESPAÇO E DO TEMPO: Reservar espaço – de preferência – que possibilite o exercício da reflexão [com iluminação, mesa e cadeira confortável]; Organizar os livros [estantes] no espaço tornando-os acessível para a leitura; Construir um mural [expor em lugar visível] a fim de anexar o calendário das atividades escolares, como também, o horário de estudo semanal; O tempo deve ser proporcional ao contexto do desempenho do aluno;

7 É importante distribuir o tempo com equilíbrio para que as práticas de estudo se coloquem como construção cotidiana em conjunto com as demais atividades desenvolvidas ao longo do dia; Deve haver certo pragmatismo na organização do tempo de estudo, pois nas disciplinas de desempenho desfavorável deve-se concentrar mais tempo de estudo;

8

9 LEITURA E ESCRITA: CONSTRUÇÃO DE INTERPRETAÇÕES E NARRATIVAS Elaborar pelo menos três leituras: a) Leitura exploratória; b) Leitura informativa; c) Leitura crítica. Obs: A leitura deve ser pontual, ou seja, centrada na proposta da atividade.

10 Quando lemos um texto é fundamental sublinhar as ideias centrais [observar a proposta da atividade]; Anotar no caderno as reflexões significativas que se apresentam no texto; Logo em seguida, a partir do que foi proposto como atividade, construir um texto autoral com a transformação das ideias do texto em saber contextualizado; Praticar a leitura e a escrita cotidianamente a fim de aproximar a linguagem textual da fala; Ler revistas, jornais, livros com objetivo pedagógico; Procurar apoiar-se na escrita como fonte de comunicação.

11 LEITURA E MEMORIZAÇÃO: ELABORAÇÃO DE SÍNTESES A leitura, a escrita e a concentração nas aulas são fundamentais para a memorização dos saberes abordados na escola; A construção do conhecimento é o resultado do ordenamento eficaz da memória; Memorizar não é, em absoluto, decorar saberes, pois diz respeito às práticas conscientes e responsáveis de retenção de informações necessárias à construção do conhecimento;

12 LEITURA E CÁLCULO: PRÁTICA DE RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS Leitura matemática e solução do cálculo apresentado: a) Ler o enunciado atentamente procurando o entendimento geral da questão; b) Separar as informações fornecidas para a solução do problema proposto; c) Elaborar a estratégia de solução a partir das informações apresentadas;

13 d) Resolução efetiva do problema [resolver a equação de forma organizada considerando todas as etapas que se apresentam nas práticas matemáticas; e) Verificar se a solução encontrada corresponde às condições do problema; f) Desenvolver práticas matemáticas.

14 CONSIDERAÇÕES FINAIS As práticas de estudo não estão restritas ao espaço escolar, pois o saber consiste em processo ensino-aprendizagem que estabelece vínculo com o cotidiano doméstico e público. Portanto, as estratégias metodológicas de prática de estudo são fundamentais como instrumento de construção do conhecimento em todos os espaços possíveis.

15 REFERÊNCIAS CARITA, Ana. Como Ensinar a estudar. Lisboa: Presença, GOZALO, Susana. Como estudar. Lisboa: Estampa, RIBEIRO, Marco Aurélio P. Como estudar e aprender: guia para pais, educadores e estudantes. Petrópolis: Vozes, SERAFINE, Maria Teresa. Saber Estudar e Aprender. Lisboa: Presença, 1990.


Carregar ppt "ESTRATÉGIAS METODOLÓGICAS DE PRÁTICAS DE ESTUDO 9 º ANO - CMPA Educadores CMPA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google