A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Autovalores e autovetores de Matrix Osame Kinouchi DFM – FFCLRP - USP.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Autovalores e autovetores de Matrix Osame Kinouchi DFM – FFCLRP - USP."— Transcrição da apresentação:

1 Autovalores e autovetores de Matrix Osame Kinouchi DFM – FFCLRP - USP

2 1. Física, Informação e MATRIX Matéria Energia Entropia Informação Campos Quânticos : contém toda a informação sobre o sistema no instante t. Leis dinâmicas ( / t =...): compressão de informação sobre como o sistema muda no tempo. Entropia e informação de Shannon Informacão padrão (pattern, forma) capaz de ser transmitido e reproduzido Vida informação capaz de se auto-reproduzir

3 Objetos e Propriedades emergentes (= virtuais?) Sistemas macroscópicos (hipertextos): redes biológicas, tecnológicas e sociais. Mundo Clássico (textos): Objetos com propriedades emergentes: rigidez, fluidez, elasticidade, temperatura, fases (estados da matéria), ondas, etc. Mundo Mesoscópico (palavras, frases): moléculas, macromoléculas, nanoestruturas. Mundo Microscópico/Quântico (sílabas): átomos e partículas. Segunda quantização (letras): partículas = quantas de campo, vácuo quântico. Mundo Sub-quântico: ???

4 Sistemas baseados em informação com propriedades emergentes e capazes de simular realidades virtuais Softwares em Computadores: objetos, interface, etc. Simulação = games, realidades virtuais, efeitos especiais. Mundo Subjetivo I: sensações de cor, som, maciez, odor, sabor, dor etc. Simulação = realidade perceptual. Mundo Subjetivo II: memórias, fluxo de pensamento, ego. Simulação = sonhos, imaginação. Mundo Social: regras, instituições, sistemas sócio-econômicos. Simulação = papéis e atores sociais? Mundo Cultural: arquétipos, mitos, idéias, técnicas, memes. Simulação = literatura, teatro, música digital. Matrix é uma simulacão (projeção na tela) de uma simulacão (filme) de uma simulação (atuação) em uma simulação (efeitos especiais) dentro de uma simulação (a Matrix).

5 2. Religião e MATRIX Questão: Quem é Merovigian? Budismo (V a.C.): Caminho Iluminação Verdade Compaixão. A realidade é uma ilusão. Pitagorismo (V a. C): alma, mundo ideal, entes matemáticos Cristianismo Joanino: Caminho Luz Verdade Vida Amor Mundo = Matrix (Cristianismo Budista?) Gnosticismo = Pitagorismo + Cristianismo Joanino? Gnosticismo corrompido: Merovigian Gnostic Church Ciber-cultura: Dualismo: Matéria = hardware, Espírito = Informacão = software Máquinas e Organismos = verbos (informação) encarnados. Acreditamos que o Budismo, o Gnosticismo e a Matemática são caminhos de iluminação – Irmãos Wachowsky

6 3. Crítica social e Matrix Questão: Porque tantos negros e latinos no filme? A realidade social é uma construção (simulação) social baseada em regras (informação). Matrix = capitalismo global = capital auto-reprodutivo + máquinas auto-reprodutivas + instituicões (máquinas sociais baseadas em regras) parasitando humanos. (Livro Out of control) Pessoas fora (desplugadas) do sistema = Hakers + excluidos (negros, latinos, indianos, chineses) + mundo underground (rave, Zion)+ fundamentalismo religioso (Morpheus, Zion = Sião) + terroristas (comandos de Zion) Matrix Revolutions: Destruição violenta do sistema = Nova aliança entre seres humanos, máquinas e instituições = simbiose em vez de dominação, exploração e controle.

7 4. Epistemologia e MATRIX Elementos do filme = dados observacionais Interpretações e leituras = hipóteses e teorias Interpretações pobres = fitting pobre Super-interpretações = overfitting Interpretações = simples racionalizações a posteriori (Just so stories)? Simples projeções do leitor? Teste das interpretações = generalização e predição: O que vai acontecer em MATRIX Revolutions?


Carregar ppt "Autovalores e autovetores de Matrix Osame Kinouchi DFM – FFCLRP - USP."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google