A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA – UnB FACE – FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO, CONTABILIDADE E CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO E DOCUMENTAÇÃO DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA – UnB FACE – FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO, CONTABILIDADE E CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO E DOCUMENTAÇÃO DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO."— Transcrição da apresentação:

1 UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA – UnB FACE – FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO, CONTABILIDADE E CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO E DOCUMENTAÇÃO DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS MATERIAIS (CÓD ) PROFESSOR: GUILLERMO JOSE ASPER Y VALDES FLUXO CONTÍNUO DE MATERIAL & FLUXO SINCRÔNICO DE MATERIAL

2 FLUXO CONTÍNUO DE MATERIAL Surgimento de novas demandas no mercado: – Variedade de produtos cada vez maior; – Exigência de alta qualidade; – Necessidade de entrega veloz. As mudanças no mercado como um todo exigiram a criação de novos paradigmas de produção de modo a garantir a sobrevivência das organizações em um ambiente cada vez mais dinâmico.

3 FLUXO CONTÍNUO DE MATERIAL Toyota: sistema de produção orientado para a suprir diretamente a demanda real de automóveis. Esse sistema ficou conhecido como just-in-time (JIT).

4 FLUXO CONTÍNUO DE MATERIAL Projeções de venda orientam a indústria no tocante à compra de insumos de modo a atender a demanda esperada. Diversos fatores são levados em consideração na projeção de demanda real dos clientes, como, por exemplo, sazonalidade da demanda.

5 FLUXO CONTÍNUO DE MATERIAL O processo funciona da seguinte maneira: – Transmissão on-line do pedido do cliente para a fábrica; – Produção contra a demanda, em ciclo curto; – Envio do produto para o cliente: Diretamente; Estoque regulador. Diz-se, portanto, que o cliente puxa o fluxo de material.

6

7 FLUXO CONTÍNUO DE MATERIAL Estoque de produtos acabados é, nesse enfoque, evitado ao máximo. De modo a facilitar transporte e reduzir custos, um pequeno estoque regulador pode ser admitido dentro das projeções de demanda realizadas. Fornecedores tornam-se parceiros de longo prazo, e não mais meros provedores. A informação flui mais rapidamente pelo processo produtivo.

8 FLUXO SINCRÔNICO DE MATERIAL Por transferir a estocagem aos fornecedores e em virtude do curto prazo para atender à demanda real, o fluxo contínuo de material é criticado por alguns especialistas. O método de gestão de estoques que elimina esses problemas é o fluxo sincrônico de material, onde a produção e a distribuição se integram através do uso de TI.

9 FLUXO SINCRÔNICO DE MATERIAL Como ocorre no fluxo contínuo, o processo produtivo é iniciado pela demanda do cliente. Entretanto, a informação não flui em série, mas paralelamente.

10 FLUXO SINCRÔNICO DE MATERIAL A gestão do processo ocorre automaticamente através de um sistema eletrônico que permite que a informação chegue simultaneamente a todos os envolvidos na produção. Fornecedores, produção, distribuição e estoque regulador recebem automaticamente as informações necessárias para atender a demanda real.

11 FLUXO SINCRÔNICO DE MATERIAL O processo ocorre da seguinte forma: – Captura da demanda no ponto de venda; – Transmissão on-line para o módulo de processamento de informações; – Otimização de relações custo-benefício envolvidas (feita pelo próprio sistema); – Distribuição das informações para as partes envolvidas no processo de produção. Esse processo aprofunda a relação entre cliente e provedor, além de gerar reduções de custos adicionais na chamada economia de confiança.

12


Carregar ppt "UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA – UnB FACE – FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO, CONTABILIDADE E CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO E DOCUMENTAÇÃO DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google