A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 SURGE COMO EVOLUÇÃO DAS TEORIAS DA ESCOLA DE RELAÇÕES HUMANAS; RECUSA A CONCEPÇÃO DE QUE A SATISFAÇÃO DO TRABALHADOR GERAVA DE FORMA INTRINSECA A EFICIÊNCIA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 SURGE COMO EVOLUÇÃO DAS TEORIAS DA ESCOLA DE RELAÇÕES HUMANAS; RECUSA A CONCEPÇÃO DE QUE A SATISFAÇÃO DO TRABALHADOR GERAVA DE FORMA INTRINSECA A EFICIÊNCIA."— Transcrição da apresentação:

1 1 SURGE COMO EVOLUÇÃO DAS TEORIAS DA ESCOLA DE RELAÇÕES HUMANAS; RECUSA A CONCEPÇÃO DE QUE A SATISFAÇÃO DO TRABALHADOR GERAVA DE FORMA INTRINSECA A EFICIÊNCIA DO TRABALHO; PERCEPÇÃO DE QUE NEM SEMPRE OS FUNCIONÁRIOS SEGUEM COMPORTAMENTOS EXCLUSIVAMENTE RACIONAIS OU ESSENCIALMENTE BASEADOS EM SUA SATISFAÇÃO; TRAZ PRINCÍPIOS DA PSICOLOGIA COMPORTAMENTAL (ESTÍMULO/ RESPOSTA) PARA A ADMINISTRAÇÃO; PROCURA RESPONDER À QUESTÃO: O QUE MOTIVA AS PESSOAS PARA AGIREM OU SE COMPORTAREM DO MODO COMO O FAZEM? REFLETE CRENÇAS E REALIDADE EMPRESARIAL DOS ANOS 50; Principais características da Abordagem Comportamental

2 2 BARNARD – comparação do executivo ao cérebro: Ele existe para manter o sistema corpóreo, dirigindo aquelas ações que são necessárias para um melhor ajustamento ao ambiente, mas não se pode dizer que ele existe para administrar o corpo, do qual uma grande parte das funções é independente dele e das quais ele, por sua vez, depende. SIMON MCGREGOR– Teorias X e Y LIKERT HERBERG MCCLELLAND ARGYRIS Principais teóricos da Abordagem Comportamental

3 3 Defendia que as estratégias de liderança são influenciadas pelas crenças do líder acerca da natureza humana; Para ilustrar sua descoberta, construiu duas teorias antagônicas: a Teoria X, baseada nos princípios da Administração Clássica e Científica e a Teoria Y, baseada na Escola das Relações Humanas e Comportamental; Enquanto na Teoria X a autoridade determina a direção e o controle, na Teoria Y é a integração que legitima a autoridade; Teorias X e Y de McGregor

4 4 Buscando identificar fatores que motivam os funcionarios, detectou que entrevistados associavam INSATISFAÇÃO com o trabalho ao AMBIENTE de trabalho e SATISFAÇÃO com o trabalho com o CONTEÚDO do mesmo; Fatores relacionados ao ambiente do trabalho: supervisão, relações interpessoais, condições físicas de trabalho, salário, políticas e práticas administrativas. São os FATORES DE HIGIENE – quando ficam abaixo do nível aceitável, o resultado é a insatisfação com o trabalho. Fatores relacionados ao conteúdo do trabalho: realização pessoal, reconhecimento do trabalho, responsabilidade e progresso profissional. São os FATORES MOTIVACIONAIS. Fatores de higiene são importantes, mas, uma vez neutralizada a insatisfação, não geram resultados positivos. Apenas os fatores motivacionais conduzem ao melhor desempenho. Teoria de Herzberg

5 5 Enxerga a prática administrativa a partir dos objetivos dos dirigentes das empresas (crítica comum a outros enfoques); Pesquisas empíricas levantaram dúvidas de que administração participativa seja a melhor forma de administração. A relação entre satisfação moral e nível de produtividade é vista de forma simplista. Principais críticas à abordagem Comportamental


Carregar ppt "1 SURGE COMO EVOLUÇÃO DAS TEORIAS DA ESCOLA DE RELAÇÕES HUMANAS; RECUSA A CONCEPÇÃO DE QUE A SATISFAÇÃO DO TRABALHADOR GERAVA DE FORMA INTRINSECA A EFICIÊNCIA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google