A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Um enfoque tridimensional para aumentar a produtividade de cada ativo pode levar ao crescimento rentável e a liderança em custos, entre outras vantagens.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Um enfoque tridimensional para aumentar a produtividade de cada ativo pode levar ao crescimento rentável e a liderança em custos, entre outras vantagens."— Transcrição da apresentação:

1 Um enfoque tridimensional para aumentar a produtividade de cada ativo pode levar ao crescimento rentável e a liderança em custos, entre outras vantagens. Estudo A.T. Kearney COMO CONVERTER ATIVOS EM LUCROS Adilson Girardi; Arlei Bieger; Felix Alberto Stein; Francieli Dela Giustina; Izabel S. Lazzari; João Eduardo Linhares; Josiane Scariot; Júlio César Moreira; Marcelo Antonello; Wagner J. Lazzarotto

2 Fatores históricos Investimentos pesados em fábricas e maquinários. Investimentos pesados em fábricas e maquinários. Disponibilidade de capital e avanços tecnológicos, combinados, levaram ao aumento da produtividade. Disponibilidade de capital e avanços tecnológicos, combinados, levaram ao aumento da produtividade. Hoje os investidores preferem empresas com uso intensivo de ativos, pois estas são os motores da economia. Hoje os investidores preferem empresas com uso intensivo de ativos, pois estas são os motores da economia. O problema é que em muitas empresas seus ativos operam abaixo da capacidade real. O problema é que em muitas empresas seus ativos operam abaixo da capacidade real.

3 Ativos Conjunto de bens, valores e créditos que formam o patrimônio da empresa. Existem três tipos principais de ativos: Circulante: é o dinheiro em caixa, os saldos bancários e os valores que podem ser transformados em dinheiro imediatamente; Circulante: é o dinheiro em caixa, os saldos bancários e os valores que podem ser transformados em dinheiro imediatamente; Fixo: é tudo que é essencial para ao funcionamento da empresa como imóveis, patentes, ferramentas, máquinas; Fixo: é tudo que é essencial para ao funcionamento da empresa como imóveis, patentes, ferramentas, máquinas; Financeiro: são os bens que a empresa detém no mercado financeiro, como títulos públicos, certificados de depósitos bancários, debêntures etc. Financeiro: são os bens que a empresa detém no mercado financeiro, como títulos públicos, certificados de depósitos bancários, debêntures etc.

4 PRODUTIVIDADE DE ATIVOS Para medir a produtividade de ativos de uma empresa é preciso examinar tanto os ativos fixos (fábricas, imóveis e equipamentos) como os ativos de capital de giro (estoque, contas a pagar, contas a receber e dinheiro em caixa). Para medir a produtividade de ativos de uma empresa é preciso examinar tanto os ativos fixos (fábricas, imóveis e equipamentos) como os ativos de capital de giro (estoque, contas a pagar, contas a receber e dinheiro em caixa).

5 Ativos fixos Existem três maneiras de medir os ativos fixos: Existem três maneiras de medir os ativos fixos: 1- comparar vendas em relação ao patrimônio, instalações e equipamento em termos líquidos (vendas/PP&E líquidos) = capital líquido, usada para examinar a produtividade dos concorrentes e estimar seus desempenhos 1- comparar vendas em relação ao patrimônio, instalações e equipamento em termos líquidos (vendas/PP&E líquidos) = capital líquido, usada para examinar a produtividade dos concorrentes e estimar seus desempenhos

6 2- examinar os retornos da empresa: lucro líquido/ PP&E líquidos. Este cálculo revela que tipos de rendimentos a empresa está obtendo pelo dinheiro que investiu em ativos. 2- examinar os retornos da empresa: lucro líquido/ PP&E líquidos. Este cálculo revela que tipos de rendimentos a empresa está obtendo pelo dinheiro que investiu em ativos. 3- Mensurar o retorno sobre ativos(ROA em inglês) também é uma medida poderosa para os ativos fixos 3- Mensurar o retorno sobre ativos(ROA em inglês) também é uma medida poderosa para os ativos fixos

7 ATIVOS DE CAPITAL DE GIRO São medidos pelo giro do estoque e pelo ciclo de conversão de dinheiro cash para determinar como as empresas podem obter maior produtividade de seus ativos de cash e de estoque São medidos pelo giro do estoque e pelo ciclo de conversão de dinheiro cash para determinar como as empresas podem obter maior produtividade de seus ativos de cash e de estoque os ganhos econômicos também podem ser uma uma medida de produtividade dos ativos os ganhos econômicos também podem ser uma uma medida de produtividade dos ativos

8 POR QUE SE PREOCUPAR COM A PRODUTIVIDADE DOS ATIVOS Para gerar mais valor para o acionista; Para gerar mais valor para o acionista; Para impulsionar o crescimento rentável; Para impulsionar o crescimento rentável; Para identificar e promover sinergias nas fusões; Para identificar e promover sinergias nas fusões; Para promover a liderança em custos; Para promover a liderança em custos;

9 UMA ABORDAGEM TRIDIMENSIONAL Se aplica tanto aos ativos fixos como aos de capital de giro. Se aplica tanto aos ativos fixos como aos de capital de giro. Projetada para elevar a produtividade dos ativos Projetada para elevar a produtividade dos ativos Está focada nos níveis Operacional, Estratégico e Processos. Está focada nos níveis Operacional, Estratégico e Processos.

10 O PROGRAMA A partir do diagnóstico de toda a cadeia de suprimento, o desempenho da empresa é examinado segundo 11 critérios. A partir do diagnóstico de toda a cadeia de suprimento, o desempenho da empresa é examinado segundo 11 critérios. Segue-se então os enfoques através da abordagem tridimensional. Segue-se então os enfoques através da abordagem tridimensional.

11 1 Eficácia dos ativos operacionais (EAO) Utiliza o princípio de maximizar a produção vendável por máquina a partir do aumento de produtividade em três áreas: utilização, rendimento e aceitação. Utiliza o princípio de maximizar a produção vendável por máquina a partir do aumento de produtividade em três áreas: utilização, rendimento e aceitação. EAO = (Tempo real de operação x Índice de produção Real x % de aceitação) / (Total de tempo disponível x Índice de produção sustentável x 100%) EAO = (Tempo real de operação x Índice de produção Real x % de aceitação) / (Total de tempo disponível x Índice de produção sustentável x 100%)

12 1. Eficácia dos Ativos Operacionais Muitas empresas trabalham operando bem abaixo de suas possibilidades reais; Muitas empresas trabalham operando bem abaixo de suas possibilidades reais; Equívocos acontecem quando os fabricantes esquecem dos índices de produtos gerados em determinado tempo (throughput) e de aceitação no mercado e só se preocupam com utilização ou apenas no quesito aceitação. Equívocos acontecem quando os fabricantes esquecem dos índices de produtos gerados em determinado tempo (throughput) e de aceitação no mercado e só se preocupam com utilização ou apenas no quesito aceitação.

13 Exemplo: Se uma empresa de alta tecnologia concentra quase toda sua energia na qualidade, faz com que seus funcionários desacelerem as linhas de produção para checar e rechecar cada componente. O resultado é um produto de alta qualidade, mas que leva tempo demais para ser produzido, reduzindo a lucratividade. Se uma empresa de alta tecnologia concentra quase toda sua energia na qualidade, faz com que seus funcionários desacelerem as linhas de produção para checar e rechecar cada componente. O resultado é um produto de alta qualidade, mas que leva tempo demais para ser produzido, reduzindo a lucratividade.

14 1. Eficácia dos Ativos Operacionais O indicador EAO utiliza o princípio de maximizar a produção vendável por máquina a partir do aumento de produtividade em 3 áreas: utilização, rendimento e aceitação. O indicador EAO utiliza o princípio de maximizar a produção vendável por máquina a partir do aumento de produtividade em 3 áreas: utilização, rendimento e aceitação.

15 Como medir a Eficácia dos Ativos Operacionais (EAO) EAO = EAO = Volume real de produção vendável Capacidade máxima de produção EAO = EAO = Tempo real de operação X Índice de produção real X % aceitação Total de tempo disponível X Índice de produção Sust. máx. X 100% EXEMPLO: EAO = EAO = horas X 7.830kg/hora X 90% horas X 8.700kg/hora X 100% EAO = EAO = kg = 73% kg = 73% kg Fonte: A.T. Kearney Fonte: A.T. Kearney

16 De acordo com o quadro apresentado, uma empresa que operasse um ativo em 90% de seu tempo disponível, a 90% de seu índice sustentável máximo e gerasse 90% de aceitação, teria um desempenho EAO de 73%. De acordo com o quadro apresentado, uma empresa que operasse um ativo em 90% de seu tempo disponível, a 90% de seu índice sustentável máximo e gerasse 90% de aceitação, teria um desempenho EAO de 73%. A experiência demonstra que as melhores empresas, independentemente de setor, possuem nível de eficácia de ativos entre 85% e 95%. A experiência demonstra que as melhores empresas, independentemente de setor, possuem nível de eficácia de ativos entre 85% e 95%.

17 As empresas que atingem um índice mais alto de EAO conseguem, instituindo melhores práticas operacionais no tempo de funcionamento, na capacidade de utilização, no controle de processos, na estabilidade de processos, na manutenção, no fluxo de processos, na garantia de qualidade, no planejamento e programação em gestão da qualidade. As empresas que atingem um índice mais alto de EAO conseguem, instituindo melhores práticas operacionais no tempo de funcionamento, na capacidade de utilização, no controle de processos, na estabilidade de processos, na manutenção, no fluxo de processos, na garantia de qualidade, no planejamento e programação em gestão da qualidade.

18 Os usos da EAO são incontáveis. Os usos da EAO são incontáveis. De posse desta ferramenta, os executivos dispõem de uma arma para o processos de distribuição de capital. De posse desta ferramenta, os executivos dispõem de uma arma para o processos de distribuição de capital. As tabelas de EAO também podem ser incorporadas ao processo orçamentário. As tabelas de EAO também podem ser incorporadas ao processo orçamentário.

19 ESTRUTURA DE ATIVOS ENXUTA Examina a importância estratégica e desempenho operacional. Identificar oportunidades para melhorias e racionalização.

20

21 O PVO PÕE O CONTROLE DO NEGÓCIO DE VOLTA NAS MÃOS DE SEUS ADMINISTRADORES, PARA QUE DECISÕES NÃO MAIS SEJAM TOMADAS NO VÁCUO

22 DEMANDA, CUSTOS, EFICIENCIAS E OBJETIVOS DE NEGÓCIOS DEVEM ESTAR EM SINTONIA COM MERCADOS E CONSUMIDORES

23 O PLANEJAMENTO DE VENDAS E OPERAÇÕES (PVO) ALINHA A DEMANDA (MARKETING E VENDAS) COM O FORNECIMENTO (GESTÃO DA MANUFATURA, DA DISTRIBUIÇÃO E DOS MATERIAIS), DENTRO DA EMPRESA, AFIM DE ASSEGURAR QUE SEUS PLANOS OPERACIONAIS ESTEJAM ALINHADOS COM PROJEÇOES FUTURAS DE VENDAS, PROMOÇOES, LANÇAMENTO DE NOVOS PRODUTOS E CICLOS DE DEMANDA.

24 PVO DEMANDA ATIVIDADE DO CONSUMIDOR RESULTADOS Os processos de planejamento ficam interligados e sincronizados As funções ficam alinhadas aos incentivos A capacidade operacional é utilizada de forma eficiente As operações passam a ter flexibilidade para minimizar custos de mercadorias vendidas e de estoques. Maior utilização, com capacidade ajustada, dos ativos Redução de custos operacionais devido à melhor comunicação Melhora no serviço ao consumidor; Aumento de receitas; Redução de estoques. OFERTA BENEFICIOS PLANEJAMENTO DE VENDAS E OPERAÇÕES (PVO) PROMOÇÕES COMERCIAIS PLANEJ. DA CONTABILIDADE PROMOÇÃO DO CONSUMIDOR PROMOÇÃO DA CONCORRENCIA TEMPO DE PRODUÇÃO LIMITAÇÕES DE CAPAC DA MANUF PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO META DE SERVIÇOS AO CONSUM CAPACIDADE DE DISTRIBUIÇAO PREVISÕES RISCOS E BENEFICIOS OPÇÕES LIMITAÇOES RISCOS E CUSTOS FLEXIBILIDADE

25 PROBLEMAS DE DEMANDA E SUPRIMENTO, ASSIM COMO LIMITAÇÕES E OPORTUNIDADES, SÃO MAIS BEM ENTENDIDOS E, COMO RESULTADO, OS EXECUTIVOS PODEM TOMAR DECISÕES EMBASADAS EM FATOS QUE MAXIMIZAM A PRODUTIVIDADE DOS ATIVOS E O IMPACTO DOS NEGÓCIOS.

26 O RESULTADO É UMA EMPRESA TRANSFORMADA, COM ALTA PRODUTIVIDADE GERAL E APOIO PARA OBJETIVOS ESTRATÉGICOS.

27 O PRIMEIRO PASSO PARA A IMPLEMENTAÇÃO DO PROGRAMA É MUDAR A MENTALIDADE CORPORATIVA.

28 LIDERAR E ALINHAR A EMPRESA. IDENTIFICAR E REDUZIR RISCOS E CRIAR UMA CULTURA DE PRODUTIVIDADE DE ATIVOS.

29 GESTÃO DO PROGRAMA COM ENFASE NA IMPORTANCIA DO CONTROLE.

30 Concluindo O Foco na produtividade dos ativos deve estar alinhado com os objetivos estratégicos da empresa. O Foco na produtividade dos ativos deve estar alinhado com os objetivos estratégicos da empresa. A produtividade dos ativos não é simplesmente uma série de ações e práticas, mas uma mentalidade e uma abordagem que permeiam todas as funções da empresa. A produtividade dos ativos não é simplesmente uma série de ações e práticas, mas uma mentalidade e uma abordagem que permeiam todas as funções da empresa.

31 Os esforços na realizações deste programa além de melhorar a capacidade produtiva dos ativos, também agrega um modelo estratégico melhorado e com vantagens competitivas.

32 Boletim Cenofisco maio/2006 Por A.T. kEARNEY Revista HSM Management, Setembro-Outubro/2002 REFERÊNCIAS COMO CONVERTER ATIVOS EM LUCROS


Carregar ppt "Um enfoque tridimensional para aumentar a produtividade de cada ativo pode levar ao crescimento rentável e a liderança em custos, entre outras vantagens."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google