A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

BEBIDAS NÃO ALCOÓLICAS. O QUE JÁ FOI VISTO? BEBIDAS ESTIMULANTES Revitalizam, combatem os efeitos do cansaço, ajudam a eliminar toxinas, são úteis em.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "BEBIDAS NÃO ALCOÓLICAS. O QUE JÁ FOI VISTO? BEBIDAS ESTIMULANTES Revitalizam, combatem os efeitos do cansaço, ajudam a eliminar toxinas, são úteis em."— Transcrição da apresentação:

1 BEBIDAS NÃO ALCOÓLICAS

2 O QUE JÁ FOI VISTO? BEBIDAS ESTIMULANTES Revitalizam, combatem os efeitos do cansaço, ajudam a eliminar toxinas, são úteis em grandes esforços. Principais estimulantes naturias: café (Coffea arabica), chá preto (Camellia sinensis), chocolate, erva mate (Ilex paraguariensis) e o guaraná (Paullinia cupana) De que são feitas as bebidas estimulantes? Água, açúcar e cafeína...

3 A CAFEÍNA A cafeína é um alcalóide, um composto contendo nitrogênio, que apresenta propriedades básicas. Ela pertence a uma classe de compostos de ocorrência natural chamada xantina. Possivelmente, as xantinas são os estimulantes mais antigos conhecidos sendo que, neste contexto, a cafeína é um dos mais potentes. ALCALÓIDE – Compostos orgânicos básicos tendo como nitrogênio em um anel heterocíclico. Ainda se tem pouco conhecimento sobre o papel dos alcalóides em plantas, muitos apresentam efeitos tóxicos em animais, além de seu sabor extremamente AMARGO. Exemplos: nicotina, atropina, emetina, quinina (água tônica – bitter lemon).

4 FÓRMULA

5 Efeitos fisiológicos da atuação da cafeína no organismo humano são –efeito estimulante, –efeito diurético e a –dependência química. –Causa o aumento da taxa metabólica, –relaxamento da musculatura lisa dos brônquios, do trato biliar, do trato gastrintestinal e de partes do sistema vascular. Após cinco minutos do consumo, a cafeína pode ser detectada em todo o corpo humano, atingindo o seu máximo depois de min.

6 Concentrações Café torrado Café torrado – 1 a 2%; Ou 50 – 125 mg por xícara. Folhas de Chá preto: 3 – 4%; Bebidas de cola: 0,02% - 20 mg +/- 1L Efeitos Síntese de liberação de certos hormônios do grupo das catecolaminas:

7 Epinefrina e norepinefrina Mais conhecidas como – adrenalina e noradrenalina. Doses fatais: 150 – 200 mg/kg de peso.artigoartigo

8 BEBIDAS ENERGÉTICAS –....além de cafeína, água e açúcar... –aminoácidos, –vitaminas ou – extratos de plantas –O principal efeito estimulante deve-se à cafeína, 30 a 80mg por lata.

9 A quantidade de açúcar das bebidas estimulantes - bastante elevada, que se absorve rapidamente, mas desaparece com a rapidez equivalente. As vitaminas e os aminoácidos integram os nutrientes de valor nutricional questionável. Taurina, - não é um aminoácido essencial. - concentração é semelhante à encontrada em 500 taças de vinho. Em grandes quantidades, acredita- se que o taurina potencialize o efeito dos demais estimulantes presentes na bebida. Seus efeitos em longo prazo ainda não foram estudados.

10 Efedrina, que é um estimulante (descongestionantes nasais) a cafeína misturada com a efedrina pode causar sérios problemas cardíacos.

11 Contra-Indicação das Bebidas Energéticas para pacientes com hipertensão cardiopatias, pessoas nervosas ou com problemas psiquiátricos, além de, diabéticos e indivíduos com insônia"

12 RISCOS!!!!!!!

13 Um dos riscos de consumir a bebida estimulante e o álcool é a. Tanto o álcool quanto a cafeína são produtos potencialmente diuréticos. Desidratação Que o usuário alterne a ingestão do estimulante com grandes quantidades de água Orientação

14 BEBIDAS ALCOÓLICAS

15 BROMATOLOGIA ALIMENTOS Profa. Denise Esteves Moritz Generalidades Característica principal: São bebidas compostas por álcool, independentemente de ser uma substância adicionada na composição inicial (bebidas espirituosas), ou - através da fermentação (vinho e cerveja) (batata, centeio, cevada, raízes, folhas, açúcares, amiláceos, cana, milho, trigo, etc.). Se distinguem entre si, pelo seu diferente teor alcoólico (graduação), - expresso em graus. Ex: 12 graus alcoólicos (12º) ou graus Gay-Lussac, - possui 12 ml de álcool etílico em cada 100 ml do seu volume total ml por litro. Cada grau alcoólico representa, por sua vez, 8 g/L de álcool - significa que 1 litro de bebida com os tais 12º contenha 96 g de álcool na sua composição. Característica principal: São bebidas compostas por álcool, independentemente de ser uma substância adicionada na composição inicial (bebidas espirituosas), ou - através da fermentação (vinho e cerveja) (batata, centeio, cevada, raízes, folhas, açúcares, amiláceos, cana, milho, trigo, etc.). Se distinguem entre si, pelo seu diferente teor alcoólico (graduação), - expresso em graus. Ex: 12 graus alcoólicos (12º) ou graus Gay-Lussac, - possui 12 ml de álcool etílico em cada 100 ml do seu volume total ml por litro. Cada grau alcoólico representa, por sua vez, 8 g/L de álcool - significa que 1 litro de bebida com os tais 12º contenha 96 g de álcool na sua composição. Bebidas Alcoólicas

16 BROMATOLOGIA ALIMENTOS Profa. Denise Esteves Moritz As bebidas alcoólicas produzidas por meio de fermentação e destilação incluem a cerveja (geralmente cerca de 5% de álcool), o vinho (geralmente de 12 a 15% de álcool) e bebidas alcoólicas fortes (que têm aproximadamente 45% de álcool). Assuntos relacionados incluem: álcool e dieta, alcoolismo e estado de suspensão do consumo de álcool. Estima-se que 70% dos estudantes americanos do último ano colegial consumiram algum tipo de bebida alcoólica ao menos uma vez no último mês, apesar de a idade legal para consumo de álcool variar entre 18 e 21 anos de idade nos Estados Unidos. Ainda que apenas 5 a 7% dos adolescentes sejam considerados alcoólatras, 19 a 20% podem ser classificados como "bebedores problemáticos". Esse grupo inclui aqueles adolescentes que ficam bêbados seis ou mais vezes por ano e/ou que sofrem conseqüências negativas como resultado de seu comportamento em relação à bebida pelo menos duas vezes por ano.

17 BROMATOLOGIA ALIMENTOS Profa. Denise Esteves Moritz Dietética Nutritivamente, este tipo de bebidas é, em regra geral, muito pobre. Somente a cerveja e os vinhos é que podem conter algumas proteínas, vitaminas do complexo B e sais minerais. São extraordinariamente energéticas e calóricas - são compostas, na maioria das vezes, por açúcares vários e álcool. E, cada grau de álcool, presente na composição de uma bebida, equivale a cerca de 7 kcal. Convém saber ainda que, o teor de álcool puro varia, aproximadamente, entre as 40 a 50 g/L, no caso da cerveja, 80 a 100 g/L nos vinhos e 300 a 400 g/L, no caso das bebidas brancas.

18 BROMATOLOGIA ALIMENTOS Profa. Denise Esteves Moritz Valor calórico por cada 100ml BebidaCalorias Aguardente231 Brandy245 Cerveja42 Champanhe76,4 Conhaque249 Rum250 Saquê134 Sherry100 Tequila220 Vermute120 Vinho branco doce153 Vinho branco seco66,3 Vinho rose71 Vinho tinto72 Vodca250 Uísque250 Fonte: Alessandra Caviglia

19 BROMATOLOGIA ALIMENTOS Profa. Denise Esteves Moritz Alterações Fisiológicas PANCREATITE O etanol ataca as células beta do pâncreas, as quais produzem amilase e lípase. Quando essas células são destruídas tais enzimas são liberadas no sangue. É por isso que num exame de sangue buscando a detecção de alcoolismo é medida a concentração dessas enzimas. Num estágio mais avançado de alcoolismo o etilista pode vir a desenvolver diabetes, pois as células citadas produzem insulina. A falta desse hormônio inviabiliza o transporte de glicose para os tecidos. A desnutrição se desenvolve como resultado das calorias vazias do álcool, apetite reduzido e má absorção (absorção inadequada de nutrientes pelo trato intestinal). A desnutrição contribui para a doença hepática. A ingestão de álcool pode interferir na gliconeogênese, contribuindo para a desnutrição. Em sua metabolização há formação de NADH. Uma concentração alta desta coenzima ativa a enzima desloca a reação catalisada pela lactato desidrogenase no sentido da formação de lactato. Assim, a via não segue seu caminho normal de formação de glicose. Dessa forma, uma pessoa que ingeriu muito álcool e com baixa ingestão de alimentos poderá atingir um estado de hipoglicemia e desnutrição. A alta concentração de lactato interfere na enzima que catalisa a reação de síntese de colágeno, aumentando-a e também na excreção de ácido úrico.


Carregar ppt "BEBIDAS NÃO ALCOÓLICAS. O QUE JÁ FOI VISTO? BEBIDAS ESTIMULANTES Revitalizam, combatem os efeitos do cansaço, ajudam a eliminar toxinas, são úteis em."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google