A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Francy Izanny de B B Martins Pedagoga / UFRN Especialista em Psicopedagogia (UnP) e PROEJA(IFRN) Professora do Campus Zona Norte de Natal/ IFRN e-mail:

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Francy Izanny de B B Martins Pedagoga / UFRN Especialista em Psicopedagogia (UnP) e PROEJA(IFRN) Professora do Campus Zona Norte de Natal/ IFRN e-mail:"— Transcrição da apresentação:

1 Francy Izanny de B B Martins Pedagoga / UFRN Especialista em Psicopedagogia (UnP) e PROEJA(IFRN) Professora do Campus Zona Norte de Natal/ IFRN PROCESSOS COGNITIVOS E CULTURAIS DA APRENDIZAGEM DOS JOVENS E DOS ADULTOS Pós-graduação Latu Sensu PROEJA

2 Nos conhecendo... Pense em alguns temas apaixonantes para você... Que assuntos você sempre quis aprender?

3 Para pensar... Você aprende de maneira diferente daquela que aprendia quando era criança? Quais as diferenças que você conseguiria apontar? Procure lembrar de uma experiência recente de aprendizagem que tenha sido boa. O que fez você ter esta opinião? De que forma você acha que aprende melhor? O que você tem feito para entender melhor a forma como aprende?

4 Elogio do aprendizado - Bertold Brecht Aprenda o mais simples! Para aqueles cuja hora chegou Nunca é tarde demais! Aprenda o ABC; não basta, mas Aprenda! Não desanime! Comece! É preciso saber tudo! Você tem que assumir o comando! Aprenda homem no asilo! Aprenda homem na prisão! Aprenda homem na cozinha! Aprenda ancião! Você tem que assumir o comando! Freqüente a escola, você que não tem casa! Adquira conhecimento, você que sente frio! Você que tem fome agarre o livro: é uma arma Você tem que assumir o comando Não se envergonhe de perguntar camarada! Não se deixe convencer! Veja com seus olhos! Verifique a conta É você que vai pagar. Ponha o dedo sobre cada item Pergunte: o que é isso? Você tem que assumir o comando.

5 Para início de conversa... QUEM SÃO OS SUJEITOS APRENDENTES?

6 Para início de conversa... ONDE ESTÃO OS SUJEITOS APRENDENTES?

7 ALDEIA GLOBAL Filho de imigrantes russos casado na Argentina com uma pintora judia, casou-se pela segunda vez com uma princesa africana no México. Casas pré-fabricadas canadenses feitas com madeira colombiana, Multinacionais japonesas instalam empresas em Hong-Kong e produzem com matéria prima brasileira para competir no mercado americano. Literatura grega adaptada para crianças chinesas da comunidade européia. Relógios suiços falsificados no Paraguay vendidos por camelôs no bairro mexicano de Los Angeles. Filmes italianos dublados em inglês com legendas em espanhol nos cinemas da Turquia. Disneylândia, Titãs. 1991

8 ESTILO DE VIDA PÓS-MODERNO Este é o nosso mundo: o que é demais nunca é o bastante e a primeira vez é sempre a última chance. Ninguém vê onde chegamos: os assassinos estão livres; nós não estamos! Este é o nosso mundo: o que é demais nunca é o bastante e a primeira vez é sempre a última chance. Ninguém vê onde chegamos: os assassinos estão livres; nós não estamos! Teatro de Vampiros. Renato Russo, 1991.

9 Características da pós-modernidade Reação a sociedade moderna – racionalismo/método científico; Não há mais absolutos; Pluralismo cultural e pluralismo religioso; Sentimento de egoísmo, individualismo – valorização da experiência pessoal; Revolução científica e tecnológica (micro/macro) O espírito pós-moderno resiste às explicações unificadas, abrangentes e universalmente válidas. Ele as substitui por um respeito pela diferença e pela celebração do local e do particular à custa do universal. Grenz, Stanley. 1997

10

11 A pós-modernidade influenciando a educação exige um novo tipo de trabalhador, ou seja, mais flexível e polivalente, o que provoca certa valorização da educação formadora de novas habilidades cognitivas e de competências sociais e pessoais; leva o capitalismo a estabelecer, para a escola, finalidades mais compatíveis com os interesses do mercado; modifica os objetivos e as prioridades da escola; força a escola a mudar suas práticas devido ao avanço tecnológico dos meios de comunicação e da informática; induz alterações no trabalho docente, uma vez que os vários recursos tecnológicos são muito motivadores.

12 A função da escola numa época pós- moderna Socialização e humanização: Vida pessoal Cidadania Trabalho

13 A função da escola numa época pós-moderna Reconstrução do conhecimento e da experiência: Organizar o desenvolvimento radical da função compensatória das desigualdades de origem, mediante a atenção e o respeito pela diversidade. Provocar e facilitar a reconstrução dos conhecimentos, das disposições e das pautas de conduta que o sujeito assimila em sua vida paralela e anterior a escola. Preparar para que o aluno pense criticamente e aja democraticamente numa sociedade não-democrática.

14 APRENDIZAGEM: considerações iniciais Como o homem aprende? Como o homem adquire conhecimentos?

15 APRENDIZAGEM: considerações iniciais O que sabemos sobre aprendizagem?

16 APRENDIZAGEM: Teorias Teorias do Condicionamento: definem a aprendizagem pelas suas consequências comportamentais e enfatizam as condições ambientais como forças propulsoras da aprendizagem. Como aprende: por hábito (associação entre um estímulo e uma resposta) e prática. Como mantem o comportamento aprendido: através do sequenciamento de respostas. Como soluciona uma nova situação problema: evocando hábitos passados apropriados para o novo problema.

17 Consiste em adquirir informações e conhecimento, memorizá-los e aplicá-los em situações idênticas É uma mudança relativamente permanente em uma tendência comportamental do indivíduo, resultante de uma prática reforçada

18 APRENDIZAGEM: Teorias Teorias Cognitivistas: definem a aprendizagem como um processo de relação do sujeito com o mundo externo e que tem consequências no plano da organização interna do conhecimento. Como aprende: através da relação entre idéias (conceitos) e abstraindo de experiências. Como mantém o comportamento aprendido: processos cerebrais centrais, tais como atenção e memória. Como soluciona uma nova situação problema: compreensão interna das relações essenciais do caso em questão.

19 É um processo amplo que implica em assimilar objetos a esquemas mentais É o processo através do qual o indivíduo se apropria ativamente do conteúdo da experiência humana, daquilo que seu grupo social conhece Tem um significado mais global, envolve a crítica e deverá procurar a superação da relação opressor-oprimido

20 APRENDIZAGEM Fundamentos teóricos Paradigma interacionista de aprendizagem: teses de Piaget e Vygotsky sobre a construção do conhecimento Pedagogia libertadora de Paulo Freire - relação dialética entre aprender e ensinar Princípios do materialismo histórico dialético: relações de reciprocidade entre o biológico e o cultural, a realidade e a possibilidade, o singular e o universal

21 APRENDIZAGEM: Teorias A atividade consciente não é obrigatoriamente ligada a motivos biológicos, há uma relação dialética entre o biológico e o social; O homem tem limites e possibilidades definidos pela evolução da espécie – plasticidade do cérebro (sistema aberto); O homem pode abstrair a experiência imediata, penetrar nas conexões e relações entre as coisas, interpretar fatos e orientar- se pelas suas leis explicativas e não só pela impressão imediata; O trabalho e a linguagem: elementos de humanização

22 APRENDIZAGEM: conceitos Aprendizagem = articulação de processos externos e internos visando a internalização de signos culturais pelo indivíduo, o que gera uma qualidade auto- reguladora às ações e ao seu comportamento Aprendizagem = processo mediado – sujeito – outro – objeto Aprendizagem = objeto, necessidades, motivo, objetivo e condições de realização Aprendizagem é atividade, é transformação.

23 Projeto de vida Aprendizagem: transformação MOTIVAÇÃO REPRESENTAÇÕES MÚTUAS / AUTOCONCEITO CONDIÇÃO BIOLÓGICA E CULTURAL

24 Notas finais A psicologia da aprendizagem estuda o complexo processo pelo qual as formas de pensar e os conhecimentos existentes numa sociedade são apropriados pelo sujeito. Para que se possa entender esse processo é necessário reconhecer a natureza social da aprendizagem.


Carregar ppt "Francy Izanny de B B Martins Pedagoga / UFRN Especialista em Psicopedagogia (UnP) e PROEJA(IFRN) Professora do Campus Zona Norte de Natal/ IFRN e-mail:"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google