A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira 1. Introdução à gestão financeira 1.1 Objetivos da empresa - Adam Smith 1.2 Objetivos da gestão financeira 1.3 Razões.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira 1. Introdução à gestão financeira 1.1 Objetivos da empresa - Adam Smith 1.2 Objetivos da gestão financeira 1.3 Razões."— Transcrição da apresentação:

1

2 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira 1. Introdução à gestão financeira 1.1 Objetivos da empresa - Adam Smith 1.2 Objetivos da gestão financeira 1.3 Razões da demanda da moeda - Keynes 2. Dinâmica das decisões financeiras 2.1 Planejamento - Adm Títulos e Valores (Custos e Fluxo de Caixa, Investimento curto prazo) 2.2 Decisão de investimento - Orçamento de Capital ( Taxa Interna de Retorno …) 2.3 Decisão de Captação de recursos - Fontes de Financiamento Administração Financeira

3 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira 2.2. Decisões de investimento Orçamento de Capital (,Alternativas para Aplicação de recursos Taxa interna de Retorno...) 2.3. Decisões de financiamento Fontes de financiamento de longo prazo e curto prazo 2.1 Decisões de Planejamento - Adm de Títulos e Valores ( Fluxo de Caixa, Capital de Giro, Investimento curto prazo) 2. Dinâmica das Decisões Financeiras

4 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira 2. Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de investimento Orçamento de Capital (,Alternativas para Aplicação de recursos: Valor Presente Líquido, Período de Retorno, Taxa interna de Retorno...)

5 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira Uma vez planejado o fluxo de entrada e saída do caixa e levantados os recursos necessários, o administrador financeiro precisa fazer com que tais fundos sejam sábia e ou economicamente investidos na empresa Envolve todo o processo de identificação, avaliação e seleção das alternativas de aplicações na expectativa de benefícios econômicos futuros Saldo de caixa inativo, valores a receber a longo prazo e excesso de estoque são indesejáveis 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento

6 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira Valor presente (Capital) e Valor Futuro ( Montante) Os conceitos de cálculos financeiros vistos até agora apresentam inúmeras aplicações práticas que envolvem um único desembolso ou recebimento. Nesses casos, incluem-se determinados créditos que exigem uma única amortização ao final do prazo de vigência, como por exemplo empréstimo para capital de giro que exigem um único desembolso; créditos concedidos a clientes e obtidos de fornecedores Operações que envolvem série de pagamentos ou recebimentos Neste particular nas aplicações práticas incluem-se a determinação de vários tipos de empréstimo e financiamento como linhas de crédito do BNDES, e Taxa de Retorno de projetos de investimento, assunto que agora abordaremos Observações sobre emprego dos conceitos de cálculos financeiros 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento

7 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira Origens das Propostas de Investimentos Quando a capacidade máxima de produção e venda da empresa for insuficiente para atender a demanda de seus produtos AMPLIAÇÃO DO VOLUME DE ATIVIDADE Substituição de ativos fixos obsoletos ou desgastados pelo uso por outro mais moderno, cujas despesas de manutenção sejam mais atraentes REPOSIÇÃO E MODERNIZAÇÃO DE ATIVOS FIXOS 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento

8 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira Previsão dos resultados operacionais para o investimento em um período de 5 meses:

9 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Qual o valor futuro (FV) e de uma aplicação de R$ 120,00 (PV) efetuada pelo prazo de 5 meses à taxa de juros compostos de 12 % ao mês. Dados (Capital) VP = R$ 120,00 (Nper) n = 5 meses (Taxa) i = 12 % a.m. VF = ? Fórmula do valor futuro (VF): Alternativa 1: Investir no mercado financeiro Solução Utilizando VP - Excel

10 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira Exemplo - Solução utilizando FJVF Qual o valor futuro (FV) e de uma aplicação de R$ 120,00 (PV) efetuada pelo prazo de 5 meses à taxa de juros compostos de 12 % ao mês.. Solução: Dados VP = R$ 120,00 n = 5 meses K = I = 12 % a.m. Juros Compostos: Capital Fórmula do valor futuro (VF): 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.1 Planejamento e Controle Financeiro Fator de Juro de Valor Futuro = FJVF - tabela A1 - Gitman

11 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira tempo dispêndio de capital seja recuperado Consiste na determinação do tempo necessário para que o dispêndio de capital seja recuperado por meio dos fluxos de caixa promovidos pelo investimento indicador do nível de risco É interpretado como um importante indicador do nível de risco de um projeto de investimento Em épocas de maior incerteza da conjuntura econômica o limite-padrão definido pelas empresas em geral reduz-se bastante 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Métodos de Análise de Investimento 2. A - Períodos de Payback Alternativa 2: Comprar equipamento

12 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Método de payback - Contudo, os benefícios ocorrem no futuro e não podemos comparar valores presentes com valores futuros sem considerar o valor tempo do dinheiro Alternativa 2: Comprar equipamento Valor tempo do dinheiro Métodos de Análise de Investimento 2. A - Períodos de Payback Payback = Investimento inicial/anuidade média

13 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira Pressupondo que o rendimento obtido com aplicação no mercado financeiro é de 12 % ao mês, deve-se calcular o valor presente de cada benefício, conforme seu período de incidência 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Métodos de Análise de Investimento 2. B - Períodos de Payback - Valor Presente Alternativa 2: Comprar equipamento

14 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Métodos de Análise de Investimento 2. B - Períodos de Payback - Valor Presente Alternativa 2: Comprar equipamento

15 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Métodos de Análise de Investimento 2. B - Períodos de Payback Alternativa 2: Comprar equipamento O método payback revela que ao investir R$ 120,00 na compra de equipamento e auferir R$ 60,00 de benefício ao mês, o empresário obterá retorno em 2,13 meses considerando juros de 12 % a.m. pago pelo mercado financeiro Método de payback - utilizando FJVP - valor tempo do dinheiro

16 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Métodos de Análise de Investimento 2. B - Períodos de Payback Alternativa 2: Comprar equipamento Método de payback - utilizando FJVP - valor tempo do dinheiro Outra forma de demonstrar a resolução

17 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira ALTER- NATIVA VALOR DO INVESTI- MENTO FLUXOS DE CAIXA ANO 1ANO 2ANO 3ANO 4ANO 5 A– $ $ $ $ $ $ B– $ $ O payback que alternativa A alcança é de 4,2 anos, pois os $ investidos, são recuperados $ no primeiro ano, $ no segundo ano, $ no terceiro, $ no quarto e $ no último ano (20% x $ ) O payback que alternativa B alcança é de 3 anos, pois os $ investidos, são recuperados em três anos ($ por mês). Não há dúvidas para escolha da alternativa B 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Métodos de Análise de Investimento Restrições ao método de Payback Alternativa 2: Comprar equipamento

18 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira ALTER- NATIVA VALOR DO INVESTI- MENTO FLUXOS DE CAIXA ANO 1ANO 2ANO 3ANO 4ANO 5 C $ $ $ $ D $ $ $ $ O payback das duas alternativas é igual a dois anos, podendo ser implementados se o prazo fixado pela empresa for esse e os projetos forem considerados independentes Porém, é nítida a preferência por C, em razão de promover um retorno, em termos de fluxos de caixa, 80% do valor do investimento no primeiro ano e os 20% restantes no segundo ano. Entretanto os rendimentos do terceiro ao quinto ano é muito maior na alternativa D. 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Alternativa 2: Comprar equipamento Métodos de Análise de Investimento Restrições ao método de Payback

19 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira onde: FC t =fluxo (benefício) de caixa de cada período K=taxa de desconto do projeto, representada pela rentabilidade mínima requerida I 0 =investimento processado no momento zero I t =valor do investimento previsto em cada período subseqüente O NPV é obtido pela diferença entre o valor presente dos benefícios líquidos de caixa, previstos para cada período do horizonte de duração do projeto, e o valor presente do investimento (desembolso de caixa): 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Valor Presente Líquido Métodos de Análise de Investimento 2. c - Valor Presente Líquido Alternativa 2: Comprar equipamento

20 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira Como o empresário está avaliando a compra de um equipamento no valor de R$ 120,00, do qual se esperam benefícios mensais de caixa de R$ 60.00, nos próximos cinco meses e tenha definido uma taxa de retorno de 12%, temos: R$ R $ 120,00 (meses) R$ Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Alternativa 2: Comprar equipamento Métodos de Análise de Investimento Valor Presente Líquido (NPV) 2. c - Valor Presente Líquido (NPV)

21 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira Resolução 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Alternativa 2: Comprar equipamento Métodos de Análise de Investimento Valor Presente Líquido (NPV) 2. c - Valor Presente Líquido (NPV)

22 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Alternativa 2: Comprar equipamento Métodos de Análise de Investimento Valor Presente Líquido (NPV) 2. c - Valor Presente Líquido (NPV)

23 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira Um NPV positivo demonstra uma rentabilidade superior à mínima aceitável, enquanto um NPV negativo indica um retorno inferior à taxa mínima requerida para o investimento O NPV expressa, em última análise, o resultado econômico (riqueza) atualizado do projeto de investimento O NPV pressupõe, implicitamente, que seus fluxos intermediários de caixa devem ser reinvestidos à taxa de desconto utilizada na avaliação do investimento. 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Alternativa 2: Comprar equipamento Métodos de Análise de Investimento Valor Presente Líquido (NPV) 2. c - Valor Presente Líquido (NPV)

24 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira É determinado por meio da divisão do valor presente dos benefícios líquidos de caixa pelo valor presente dos dispêndios (desembolso de capital): Indica, em termos de valor presente, quanto o projeto oferece de retorno para cada unidade monetária investida 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Métodos de Análise de Investimento 2. d - Índice de Lucratividade - IL Alternativa 2: Comprar equipamento

25 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira R$ R $ 120,00 (meses) R$ Resolução 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Métodos de Análise de Investimento 2. d - Índice de Lucratividade - IL

26 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira Resolução 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Métodos de Análise de Investimento 2.d - Índice de Lucratividade - IL

27 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira O critério de aceitar-rejeitar uma proposta de investimento com base no índice de lucratividade segue o seguinte esquema: NPV = Valor presente líquido IL > 1: o projeto deve ser aceito (NPV > 0) IL = 1: indica um NPV = 0; em princípio, o projeto é considerado como atraente, pois remunera o investidor em sua taxa requerida de atratividade IL < 1: o projeto apresenta um NPV negativo (destrói valor), devendo, portanto, ser rejeitado 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Alternativa 2: Comprar equipamento Métodos de Análise de Investimento 2. d Índice de Lucratividade - IL

28 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira É a taxa de desconto que iguala, em determinado momento de tempo, as entradas com as saídas previstas de caixa O cálculo da IRR requer o conhecimento dos montantes de dispêndio de capital e dos fluxos de caixa líquidos incrementais gerados pela decisão Representa a rentabilidade do projeto expressa em termos de taxa de juros composta equivalente periódica. 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Métodos de Análise de Investimento Taxa Interna de Retorno - TIR (IRR-Internal Rate of Return) 2.e-Taxa Interna de Retorno - TIR (IRR-Internal Rate of Return) Alternativa 2: Comprar equipamento

29 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira A formulação da taxa interna de retorno é representada, supondo-se a atualização de todos os movimentos de caixa para o momento zero, da forma seguinte: Onde: I 0 = montante do investimento no momento zero (início do projeto); I t = montantes previstos de investimento em cada momento subseqüente; K = taxa de rentabilidade equivalente periódica (IRR); FC = fluxos previstos de entradas de caixa em cada período de vida do projeto (benefícios de caixa). 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Alternativa 2: Comprar equipamento Métodos de Análise de Investimento Taxa Interna de Retorno (IRR) 2. e -Taxa Interna de Retorno (IRR)

30 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira Exemplo ilustrativo Investimento de R$ 120,00 com benefícios de caixa de R$ 60,00, respectivamente, nos próximos cinco meses Resolvendo-se com o auxílio de uma calculadora financeira, temos K = 41% 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Alternativa 2: Comprar equipamento Métodos de Análise de Investimento Taxa Interna de Retorno (IRR) 2. e -Taxa Interna de Retorno (IRR)

31 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Métodos de Análise de Investimento Taxa Interna de Retorno (IRR) 2. e -Taxa Interna de Retorno (IRR) Resolução pelo Excel - TIR

32 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira Outra forma de cálculo - (pág. 332 Gitman) Passo 1 - Pelo método PayBack encontrei o período de 2 anos para retorno sobre o investimento. Passo 2 - Utilizo o FJVP anuidade para esse valor conforme tabela A4 - Gitman que é de aproximadamente 40 % - 2,035 para um período de 5 anos Passo 3 - Como a taxa interna de retorno - TIR ou IRR é aquela que iguala a zero o investimento inicial eu aplico taxas por aproximação (39%,40 % e 41 %) até encontrar a taxa que zera o valor do investimento inicial ( R$ 120,00) que em nosso caso é de 41% 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Alternativa 2: Comprar equipamento Métodos de Análise de Investimento Taxa Interna de Retorno (IRR) 2. e -Taxa Interna de Retorno (IRR)

33 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Alternativa 2: Comprar equipamento Métodos de Análise de Investimento Taxa Interna de Retorno (IRR) 2. e -Taxa Interna de Retorno (IRR) Passo 4. Determinar o VPL utilizando o FJVP da Tabela A3 - Gitman O FJVP para 41 % é o que mais se aproxima do resultado procurado (igualar o investimento inicial). Esse fator (41%) equivale ao FJVP da Tabela A3 Gitman para 40% - 0,007

34 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Alternativa 2: Comprar equipamento Métodos de Análise de Investimento Taxa Interna de Retorno (IRR) 2. e -Taxa Interna de Retorno (IRR) Passo 4 (cont.) Determinar o valor presente líquido utilizando o FJVP

35 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Alternativa 2: Comprar equipamento Métodos de Análise de Investimento Taxa Interna de Retorno (IRR) 2. e -Taxa Interna de Retorno (IRR) Ou Passo 4 - Confirmar a TIR - 41% utilizando o VPL pelo Excel

36 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira Se a taxa interna de retorno exceder (ou igualar) o percentual mínimo desejado pela empresa, considera-se o investimento como economicamente atraente, devendo ser aceito O projeto pode até ser lucrativo, mas, se produzir uma taxa de retorno inferior à desejada pela empresa, será inviável 2 Dinâmica das Decisões Financeiras 2.2 Decisões de Investimento Alternativa 2: Comprar equipamento Métodos de Análise de Investimento Taxa Interna de Retorno (IRR) 2. e -Taxa Interna de Retorno (IRR)

37 Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira BIBLIOGRAFIA – Fundamentos de Administração Financeira ASSAF NETO, Alexandre. Matemática financeira e suas aplicações. 7. Ed. São Paulo: Atlas, ASSAF NETO. Mercado financeiro. 4. Ed. São Paulo: Atlas, BODIE, Zvi; MERTON, Robert C. Finanças. Porto Alegre: Bookman, CHEW, Donald H. The new corporate finance. 2. Ed. New York: McGraw-Hill, CNBV – COMISSÃO NACIONAL DE BOLSA DE VALORES. Mercado de capitais. Rio de Janeiro: Campus: CNBV, PORTERFIELD, James T. S. Decisões de investimento e custo de capital. São Paulo: Atlas, (Série Fundamentos de Finanças.) SOLOMON, Ezra. Teoria da administração financeira. 3. Ed. São Paulo: Zahar, 1977.


Carregar ppt "Prof. Ivaldir Vaz Gestão Financeira 1. Introdução à gestão financeira 1.1 Objetivos da empresa - Adam Smith 1.2 Objetivos da gestão financeira 1.3 Razões."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google