A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Prof. Amadeu Campos Módulo de Gestão Aplicada à TIC Curso Técnico de Informática.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Prof. Amadeu Campos Módulo de Gestão Aplicada à TIC Curso Técnico de Informática."— Transcrição da apresentação:

1 Prof. Amadeu Campos Módulo de Gestão Aplicada à TIC Curso Técnico de Informática

2 EMPREENDEDORISMO NA ÁREA DE INFORMÁTICA FTIN – FORMAÇÃO TÉCNICA EM INFORMÁTICA

3 Competências a serem trabalhadas Semana 1: Identificar oportunidades de mercado na área de TIC e o perfil empreendedor exigido do futuro empresário. Semana 1: Identificar oportunidades de mercado na área de TIC e o perfil empreendedor exigido do futuro empresário. Semana 2: Elaborar um plano de negócio na área de TIC Semana 2: Elaborar um plano de negócio na área de TIC

4 O que é ser empreendedor ?

5 a pessoa que materializa e É a pessoa que materializa e gerencia um negócio, assumindo o risco em favor do lucro.

6 Alguns conceitos O empreendedor é aquele que destrói a ordem econômica existente pela introdução de novos produtos e serviços, pela criação de novas formas de organização ou pela exploração de novos recursos e materiais. Joseph Shumpeter (1949)

7 O ato de empreender... O ato de empreender está relacionado à identificação, análise e implementação de oportunidades de negócio, tendo como foco a inovação e a criação de valor. Isto pode ocorrer através da criação de novas empresas, mas também ocorre em empresas já estabelecidas, organizações com enfoque social, entidades de natureza governamental etc.

8 Empreendedores de sucesso e suas competências 1. SÃO VISIONÁRIOS 2. SABEM TOMAR DECISÕES – Principalmente na crise. 3. EXPLORAM AS PORTUNIDADES AO MÁXIMO 4. SÃO INDIVÍDUOS QUE FAZEM A DIFERENÇA 5. SÃO DETERMINADOS E DINÂMICOS

9 Empreendedores de sucesso e suas competências 6. SÃO DEDICADOS – São incansáveis e loucos pelo trabalho. 7. OTIMISTAS E APAIXONADOS PELO QUE FAZEM 8. INDEPENDENTES, CONSTROEM SEU DESTINO 9. FICAM RICOS – Ficar rico não é o principal objetivo do empreendedor. Eles acreditam que o dinheiro é a conseqüência do sucesso do negócio;

10 Empreendedores de sucesso e suas competências 10. SÃO LÍDERES E FORMADORES DE EQUIPES – Sabem que o êxito depende de uma equipe de profissionais competentes; 11. SÃO BEM RELACIONADOS – Constroem rede de contatos que facilita a relação entre os ambientes interno e externo da empresa; 12. SÃO ORGANIZADOS - Sabem como obter e alocar recursos materiais, humanos, financeiros e tecnológicos de foram racional;

11 Empreendedores de sucesso e suas competências 13. PLANEJAM E PLANEJAM – Planejam cada passo do seu negócio tendo como base a visão do negócio que possuem; 14. POSSUEM CONHECIMENTO – São sedentos pelo saber e aprendem continuamente; 15. ASSUMEM RISCOS CALCULADOS – Avaliam as reais chances de sucesso. 16. CRIAM VALOR PARA A SOCIEDADE – Utilizam seu capital intelectual para a geração de empregos.

12 PRINCÍPIOS FILOSÓFICOS O QUE NÃO SER OU FAZER? Comportamentos Indesejáveis

13 Fundamentos Filosóficos A Lei de Murphy "Se há mais de uma maneira de se executar uma tarefa ou trabalho, e se uma dessas maneiras resultar em catástrofe ou em consequências indesejáveis, certamente essa será a maneira escolhida por alguém para executá-la"

14 Fundamentos Filosóficos A Lei de Murphy Se algo pode dar errado, dará ou Se algo pode dar errado, dará errado da pior maneira possível, no pior momento possível Engenheiro aeroespacial norte- americano Edward Murphy

15 O que não ser ou não fazer? Não confie nas coisas que você fez, somente no que é capaz de fazer. Não confie nas coisas que você fez, somente no que é capaz de fazer. Não despreze os detalhes – eles podem ser fatais para o seu negócio. Não despreze os detalhes – eles podem ser fatais para o seu negócio. Não se deixe ser engolido pelo tempo. Ele não recua, retarda ou pára, ele simplesmente anda pra frente. Não se deixe ser engolido pelo tempo. Ele não recua, retarda ou pára, ele simplesmente anda pra frente.

16 Regra de Pareto A Lei de Pareto (também conhecido como princípio 80-20), afirma que, para muitos fenômenos, 80% das conseqüências advém de 20% das causas. A lei foi sugerida por Joseph M. Juran, que deu o nome em honra ao economista italiano Vilfredo Pareto. A Lei de Pareto (também conhecido como princípio 80-20), afirma que, para muitos fenômenos, 80% das conseqüências advém de 20% das causas. A lei foi sugerida por Joseph M. Juran, que deu o nome em honra ao economista italiano Vilfredo Pareto.

17 O que não ser ou não fazer? 80% do faturamento do seu negócio tenderá a advir de 20% de seus clientes. 80% do faturamento do seu negócio tenderá a advir de 20% de seus clientes. 80% dos problemas pelos quais você passará advirá de 20% das causas. 80% dos problemas pelos quais você passará advirá de 20% das causas. Dê a devida importância a cada problema, considerando os pesos de suas causas. Dê a devida importância a cada problema, considerando os pesos de suas causas.

18 Inteligência Emocional "...a capacidade de perceber e exprimir a emoção, assimilá-la ao pensamento, compreender e raciocinar com ela, e saber regulá-la em si próprio e nos outros." (Salovey & Mayer, 2000). "...a capacidade de perceber e exprimir a emoção, assimilá-la ao pensamento, compreender e raciocinar com ela, e saber regulá-la em si próprio e nos outros." (Salovey & Mayer, 2000). Peter Salovey John Mayer

19 O que não ser ou não fazer? Sorrisos e paciência são ferramentas mais eficazes do que cara feia e arrogância. Sorrisos e paciência são ferramentas mais eficazes do que cara feia e arrogância. Para cada tipo de pessoa, há um tipo especial de tratamento, linguagem e relacionamento. Para cada tipo de pessoa, há um tipo especial de tratamento, linguagem e relacionamento. Contar de 1 até 10 pode ajudar muito... Contar de 1 até 10 pode ajudar muito...

20 O que não ser ou não fazer? Não seja DESCULPISTA Não seja DESCULPISTA – A culpa pelo que sai errado é sempre sua, de mais ninguém. – Só você pode mudar a sua realidade, não espere isto dos parceiros, clientes ou dos supostos culpados pelo seu insucesso. Seja REZILIENTE Seja REZILIENTE – Errou? Tente novamente, mas diferente!

21 O QUE É? O QUE VALIDA? COMO EXPLORÁ-LA? Identificando Oportunidades

22 Como avaliar se é oportunidade de negócio? Identificou a necessidade? Identificou a necessidade? Tem perspectiva de lucro? Tem perspectiva de lucro? Quanto tempo dura essa oportunidade? Quanto tempo dura essa oportunidade? Consegue recuperar o dinheiro investido? Consegue recuperar o dinheiro investido? Existe a possibilidade de expansão? Existe a possibilidade de expansão? Consegue esclarecer tudo no papel? Consegue esclarecer tudo no papel?

23 Observe as necessidades não satisfeitas pelo mercado atual. Observe as necessidades não satisfeitas pelo mercado atual. Identifique um modo melhor de satisfazer essas necessidades. Identifique um modo melhor de satisfazer essas necessidades.

24 ALGUMAS NOTÍCIAS ANIMADORAS ALGUMAS OPORTUNIDADES ATUAIS Oportunidades no Mercado de TI

25 Casos de Empreendedorismo de Sucesso Vídeo de Matéria Jornal Nacional em 06/05/2010: Vídeo de Matéria Jornal Nacional em 06/05/2010: –

26 Algumas notícias animadoras No Brasil, o mercado de TI movimenta algo em torno de US$ 10 bilhões, dos quais US$ 2 bilhões são referentes a softwares para infraestrutura e desenvolvimento de aplicações. Investnews - Gazeta Mercantil – junho/2010

27 Algumas notícias animadoras Mercado de TI no Brasil cresce três vezes mais que o mundial (IDG Now)

28 Algumas notícias animadoras Brasil tem capacidade de competir com a Índia no mercado de TI (Portal Governamental)

29 Algumas notícias animadoras Brasil é promessa, também no mercado de TI (Veja | Vida Digital) Revista Veja | Vida Digital, 02/03/2010

30 APL – Arranjos Produtivos Locais Fortaleza/CE Paraíba | Farol Digital Recife/PE | Porto Digital Olinda/PE | Olinda Digital Petrópolis/RJ | Vale do Silício Curitiba e Londrina/PR Blumenau/SC | Software Porto Alegre/RJ O Mapa da TI no Brasil, fora de São Paulo

31 Necessidades do Mercado - Oportunidades Segurança de Servidores Segurança de Servidores Ao ajudar a propor solução a uma demanda de mercado, Evandro Curvelo Hora passou de acadêmico a empresário

32 Necessidades do Mercado - Oportunidades Evandro Curvelo Hora dava aulas no departamento de informática Universidade Federal do Sergipe quando pediu licença do trabalho e partiu ao Recife para cursar um mestrado na UFPE. "Cheguei aqui em 1998 e o C.E.S.A.R. estava recém-criado", recorda, dizendo que o espaço se resumia a uma sala de 10 metros quadrados. Mesmo assim, a instituição já recebia demandas de empresas locais em busca de soluções e montava times com profissionais para resolver os problemas.

33 Necessidades do Mercado - Oportunidades Por volta de 1999, a rede de varejo Bompreço - hoje pertencente ao grupo Wal Mart - chegou à instituição em busca de uma solução de segurança. A entidade, então, formou um grupo multidisciplinar na busca por uma solução. Hora integrou o grupo, estudou o problema e apresentou uma tecnologia aderente à demanda. O cliente gostou do resultado obtido e o C.E.S.A.R. enxergou na ideia do mestrando uma oportunidade de negócios.

34 "Como estava no mestrado, não podia fazer aquilo sozinho", cita o profissional. Nessa época, a instituição propôs incubar a solução desenvolvida e indicou dois sócios para que Hora pudesse tocar o negócio. "Cai no colo deles por acaso", diz o hoje diretor de projetos da Tempest Security Intelligence. Como tinha compromissos com a pós-graduação, o executivo envolvia-se indiretamente no amadurecimento da startup que oferece um portfólio de software e serviços de segurança da informação para bancos, indústrias, empresas de transações pela internet. Necessidades do Mercado - Oportunidades

35 Nenhum dos três sócios tinha histórico de empreendedorismo até então. "Além disso, não tínhamos dinheiro para montar uma empresa", revela o executivo. A incubadora abria portas e ajudava a cavar oportunidades para o time de profissionais. "Os primeiros clientes trabalhavam com a instituição em outros projetos", reconhece. No primeiro ano, a Tempest fechou com um faturamento na casa dos R$ 300 mil e uma dezena de contratos. No período seguinte, as receitas subiram para R$ 450 mil e, em seguida, saltaram para R$ 650 mil. Com a empresa crescendo, o executivo não conseguia mais conciliar a vida empresarial e acadêmica. Ficou com a segunda opção. Necessidades do Mercado - Oportunidades

36 No terceiro ano de incubação e prestes a graduar-se, a startup submeteu um projeto de inovação tecnológica à Finep. "Fomos selecionados e, além de receber o dinheiro, passamos por treinamento de negócios durante um ano", recorda Hora, dizendo que isso fortaleceu as já sólidas estruturas da empresa que contava com 7 funcionários (além dos três sócios). No fim do treinamento, a nascente foi apresentada pela financiadora a um grupo de investidores de risco e captou R$ 1,8 milhões, por 50% do negócio. Segundo o diretor, os recursos possibilitaram a compra de equipamentos, contratação de equipe e abertura de uma filial em São Paulo.

37 Necessidades do Mercado - Oportunidades Na época pós-aporte as receitas evoluíram consideravelmente. Em 2007, a Tempest comprou de volta a cota que pertencia aos venture capitalists. A companhia verificou faturamento de R$ 6 milhões, em 2008, e hoje conta com 52 profissionais divididos em Recife e na capital paulista. A companhia projetava crescer 25% sobre esse resultado este ano, mas a crise freou um pouco os negócios. "Esperamos terminar o ano com 70% do desempenho do ano passado", reconhece o executivo que enxerga um reaquecimento na demanda por seus produtos a partir do segundo trimestre de

38 EXCEL, PROJECT, WORD, COREL... LÁPIS, PAPEL, CÉREBRO!!! Planejando o seu Negócio

39 Identifique o seu cliente Identifique o seu cliente Recursos necessários Recursos necessários Despesas mensais Despesas mensais Investimentos Investimentos Capital de giro Capital de giro Quais são os seus anseios Quais são os seus anseios Como funciona Como funciona

40 As Questões Essenciais O que é preciso fazer para vender ao cliente? Quanto a empresa precisa vender para ter lucro? Como saber se a empresa teve lucro?

41 Prerequisitos Essenciais 1.Conhecimento do negócio em que se pretende atuar; 2.Afinidade com a atividade a ser desenvolvida; 3.As características pessoais voltadas ao desenvolvimento de um perfil empreendedor.

42 É preciso também: Gostar do que faz; Conhecer bem as regras do jogo.

43 Transforme suas idéias em negócio SUA IDÉIA Descreva o tipo de empresa que pretende criar; Descreva o tipo de empresa que pretende criar; Por que você quer ter o seu próprio negócio? Por que você quer ter o seu próprio negócio? Por que, na sua opinião, sua idéia é boa (liste pelo menos 3 motivos)? Por que, na sua opinião, sua idéia é boa (liste pelo menos 3 motivos)?

44 Visão de Futuro... Qual o seu objetivo no futuro? Como você visualiza sua empresa dentro de 3 anos? Quais são exatamente os produtos/serviços que você irá oferecer? De que forma eles irão satisfazer as necessidades de seus clientes?

45 ... Visão de Futuro Por que o cliente irá comprar o seu produto/serviço? (Quais os seus diferenciais?) Como tem sido o comportamento desse mercado nos últimos anos (cresceu ou diminuiu)? Quais as tendências em relação a esse mercado para o futuro?

46 Conheça bem o seu Mercado Mercado Consumidor; Mercado Consumidor; Mercado Concorrente; Mercado Concorrente; Mercado Fornecedor. Mercado Fornecedor.

47 PESQUISE o seu Mercado Consumidor Saiba o que acontece na cabeça do seu cliente. Saiba o que acontece na cabeça do seu cliente. Que motivos o levariam a comprar de você? Que motivos o levariam a comprar de você? Por que escolhem ou rejeitam determinados produtos? Por que escolhem ou rejeitam determinados produtos? Estão satisfeitos com o atendimento, com os preços, com a qualidade dos produtos que compram atualmente? Estão satisfeitos com o atendimento, com os preços, com a qualidade dos produtos que compram atualmente?

48 Análise do Mercado Consumidor Procurar saber quais as necessidades das pessoas e saber se elas estão dispostas a pagar pelo produto/serviço que será oferecido é o ponto de partida para viabilizar o empreendimento. Faça uma pesquisa de mercado. Classifique os seus clientes por segmento. Verifique os aspectos geográficos, demográficos, psicográficos e comportamentais dos seus clientes.

49 Sempre em Dia com a Concorrência Muitos empresários acreditam que seus concorrentes são somente as empresas que vendem produtos iguais aos seus. Mas qualquer produto vendido na mesma área em que a sua empresa atua e que atenda a mesma necessidade que os seus produtos atendem, é seu concorrente.

50 Conheça bem a Concorrência Observe a qualidade dos produtos. O atendimento prestado, o layout do site, a forma de apresentação utilizada. Verifique os preços praticados, os prazos de pagamento. Enfim conheça os seus concorrentes!

51 Transforme Concorrentes em Parceiros Se você não consegue vencer o inimigo, alie-se a ele. Alguns concorrentes podem complementar o seu produto. Exemplo: Reserva de Mercado Territorial X

52 Conheça bem o seu Mercado Fornecedor Verifique: A qualidade do produto; Preço; Prazo de pagamento; etc.

53 Prepare suas Estratégias Para acertar na maneira de se comunicar com seus clientes e transformá-los em fiéis compradores, é preciso tomar muito cuidado na hora de criar o seu composto de marketing

54 O composto de marketing 1.Um bom produto: CONDIÇÃO PARA O SUCESSO 2.ESTABELEÇA PREÇOS ADEQUADOS 3.PONTO DE VENDA: Onde encontrar seu produto 4.SEJA CRIATIVO NAS PROMOÇÕES

55 O Seu Negócio é Viável? PLANEJE PARA SABER 1.Elabore a planilha de investimentos programados; 2.Calcule a receita do negócio; 3.Identifique os custos; 4.Calcule os resultados; 5.Calcule o ponto de equilíbrio da sua empresa;

56 Atividade Semanal Identifique uma oportunidade de negócio e nos venda a sua idéia

57 Atividade Semanal Conhecendo um Empreendedor Considerando todo o aprendizado de hoje, grave, identifique uma oportunidade de negócio na área de TI e venda a idéia para nós. Use o seguinte roteiro:

58 Atividade Semanal 1.Dados Pessoais (Quem é você) 2.Das 16 competências de um Empreendedor (slides 7 a 10) quais você julga possuir? 3.Identifique a Oportunidade (Área de Atuação e Produto ou Serviço a ser vendido, para quem, de que jeito?) 4.Necessidade do Mercado (quem oferece a mesma solução que você? Ninguém? Se alguém oferece, por que caberia mais um?)

59 Atividade Semanal 5.Experiência/Conhecimento (Quais as suas habilidades que gere confiança em um investidor para o seu negócio? 6.Qual o investimento necessário? 7.Quais os custos fixos (despesas mensais)? 8.Qual a expectativa de receita? a) Primeiro ano: b) Segundo ano:

60 Vídeo de Motivação para Encerramento Liberdade pra dentro da Cabeça

61 DÚVIDAS... Fórum.... Diariamente Fórum.... Diariamente


Carregar ppt "Prof. Amadeu Campos Módulo de Gestão Aplicada à TIC Curso Técnico de Informática."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google