A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Integrar ou não as novas tecnologias, eis a questão! Teresa Almeida dEça Escola EB 2,3 Padre António Morais da Fonseca Murtosa, 22 Novembro 2000.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Integrar ou não as novas tecnologias, eis a questão! Teresa Almeida dEça Escola EB 2,3 Padre António Morais da Fonseca Murtosa, 22 Novembro 2000."— Transcrição da apresentação:

1 Integrar ou não as novas tecnologias, eis a questão! Teresa Almeida dEça Escola EB 2,3 Padre António Morais da Fonseca Murtosa, 22 Novembro 2000

2 Conteúdos da apresentação 1.atitudes comuns dos professores 2.como tentar mudar a situação 3.razões para integrar as novas tecnologias na prática lectiva Murtosa, 22 Novembro 2000

3 4.recursos disponíveis 5.confronto com a realidade 6.navegar é preciso! mostra de sites

4 Atitudes negativas oposiçãooposição recusarecusa resistênciaresistência descrençadescrença indiferençaindiferença Murtosa, 22 Novembro 2000

5 Atitudes compreensíveis receioreceio renitênciarenitência ansiedadeansiedade cepticismocepticismo Murtosa, 22 Novembro 2000

6 Atitudes positivas desejar sair do rame-ramedesejar sair do rame-rame ter espírito aberto e curiosoter espírito aberto e curioso gostar de aceitar novos desafiosgostar de aceitar novos desafios Murtosa, 22 Novembro 2000

7 querer empenhar os alunos em tarefas reais e com sentidoquerer empenhar os alunos em tarefas reais e com sentido desejar estar actualizadodesejar estar actualizado gostar de inovargostar de inovar Murtosa, 22 Novembro 2000

8 Como mudar as atitudes mais resistentes? tentar mostrar que não se trata de uma moda!tentar mostrar que não se trata de uma moda! convidar colegas a assistir a aulas com integração de tecnologiasconvidar colegas a assistir a aulas com integração de tecnologias Murtosa, 22 Novembro 2000

9 mostrar a capacidade de atracção destas novas ferramentasmostrar a capacidade de atracção destas novas ferramentas reconhecer, aceitar com naturalidade e valorizar o know-how dos alunosreconhecer, aceitar com naturalidade e valorizar o know-how dos alunos Murtosa, 22 Novembro 2000

10 reconhecer o novo papel do professor: the sage on the stage the guide on the sidereconhecer o novo papel do professor: the sage on the stage the guide on the side co-aprendentes co-aprendentes guias guias orientadores orientadores facilitadores facilitadores Murtosa, 22 Novembro 2000

11 promover encontros (in)formaispromover encontros (in)formais apresentar sites de interesse apresentar sites de interesse pôr os colegas a navegar! pôr os colegas a navegar! dispor de apoio técnico e moraldispor de apoio técnico e moral Murtosa, 22 Novembro 2000

12 Por que razão integrar as novas tecnologias ? ficar no dolce fare niente, à sombra da bananeira, não traz vantagens!ficar no dolce fare niente, à sombra da bananeira, não traz vantagens! Murtosa, 22 Novembro 2000

13 acompanhar a evolução tecnológica, sim!acompanhar a evolução tecnológica, sim! agarrar os alunos agarrar os alunos renovar o interesse e gosto pela aprendizagem renovar o interesse e gosto pela aprendizagem reflectir sobre a utilidade destes meios reflectir sobre a utilidade destes meios Murtosa, 22 Novembro 2000

14 ligar a Escola ao Mundoligar a Escola ao Mundo abrir horizontesabrir horizontes novas realidades próximas ou distantes novas realidades próximas ou distantes novas vivências, sociedades, culturas... novas vivências, sociedades, culturas... Murtosa, 22 Novembro 2000

15 usar meios com que os alunos se identificamusar meios com que os alunos se identificam expor os alunos a formas de trabalho interactivo e colaborativo, próprias do mundo realexpor os alunos a formas de trabalho interactivo e colaborativo, próprias do mundo real Murtosa, 22 Novembro 2000

16 levar os alunos a reflectir sobre e a resolver problemas reaislevar os alunos a reflectir sobre e a resolver problemas reais desenvolver neles capacidades de pesquisa, pensamento/análise crítica e organização da informaçãodesenvolver neles capacidades de pesquisa, pensamento/análise crítica e organização da informação contribuir para uma aprendizagem actualizada/em cima do acontecimento e de qualidadecontribuir para uma aprendizagem actualizada/em cima do acontecimento e de qualidade Murtosa, 22 Novembro 2000

17 partilhar ideias, experiências, práticas, meios, recursos...partilhar ideias, experiências, práticas, meios, recursos... estimular o desenvolvimento pessoal e profissional permanenteestimular o desenvolvimento pessoal e profissional permanente diversificar as estratégias de aprendizagemdiversificar as estratégias de aprendizagem Murtosa, 22 Novembro 2000

18 Recursos úteis World Wide WebWorld Wide Web publicação onlinepublicação online chatchat Murtosa, 22 Novembro 2000

19 Confronto com a realidade 1. fase: tomar decisões, vencer receios!1. fase: tomar decisões, vencer receios! avançar com um projecto: sim ou não? avançar com um projecto: sim ou não? vontade de satisfazer interesses e expectativas dos alunosvontade de satisfazer interesses e expectativas dos alunos desejo de mudar e inovardesejo de mudar e inovar espírito de aventura q.b.espírito de aventura q.b. pensamento positivopensamento positivo persistênciapersistência Murtosa, 22 Novembro 2000

20 pré-requisitos pré-requisitos equipamento e espaço q.b.equipamento e espaço q.b. alunos interessadosalunos interessados projecto adequado e bem delineadoprojecto adequado e bem delineado disponibilidade (não) lectivadisponibilidade (não) lectiva Murtosa, 22 Novembro 2000

21 aspectos a considerar aspectos a considerar tipo de projectotipo de projecto tematema conteúdosconteúdos objectivosobjectivos avaliaçãoavaliação integraçãointegração grupogrupo duraçãoduração actividadesactividades Murtosa, 22 Novembro 2000

22 Confronto com a realidade 2. fase: mãos à obra!2. fase: mãos à obra! iniciar na data prevista: não gorar expectativas! iniciar na data prevista: não gorar expectativas! preparar previamente o equipamento s.q.p. preparar previamente o equipamento s.q.p. fazer o máximo de trabalho off line fazer o máximo de trabalho off line pôr os alunos a aprender (a manusear o software) fazendo pôr os alunos a aprender (a manusear o software) fazendo Murtosa, 22 Novembro 2000

23 reagir positivamente ao imprevisto reagir positivamente ao imprevisto não entrar em pânico!não entrar em pânico! pedir ajuda a alunos ou a um colegapedir ajuda a alunos ou a um colega ter um plano alternativo sem tecnologiaster um plano alternativo sem tecnologias improvisar s.f.p.!improvisar s.f.p.! orientar cada fase, mas dando autonomia e responsabilidade orientar cada fase, mas dando autonomia e responsabilidade resolver pequenos problemas à margem dos alunos resolver pequenos problemas à margem dos alunos Murtosa, 22 Novembro 2000

24 manter os alunos informados manter os alunos informados manter um registo de tudo manter um registo de tudo ser flexível e tolerante (prazos e conteúdos) ser flexível e tolerante (prazos e conteúdos) corrigir q.b. (caso de uma L2) corrigir q.b. (caso de uma L2) Murtosa, 22 Novembro 2000

25 Confronto com a realidade 3. fase: o desfecho!3. fase: o desfecho! manifestar ao grupo reconhecimento pelo trabalho realizado manifestar ao grupo reconhecimento pelo trabalho realizado dar conhecimento à Escola, pais e comunidade próxima dar conhecimento à Escola, pais e comunidade próxima publicar na Internet para uma audiência alargada publicar na Internet para uma audiência alargada Murtosa, 22 Novembro 2000

26 Agora... vamos (tentar) navegar na WWW! /Escola/default.htm Murtosa, 22 Novembro 2000

27 Murtosa, 22 Novembro 2000

28 Murtosa, 22 Novembro 2000

29 bin/WebObjects/CTDSites Murtosa, 22 Novembro 2000

30 Visitem a minha página em: Murtosa, 22 de Novembro de e entrem em contacto comigo para:


Carregar ppt "Integrar ou não as novas tecnologias, eis a questão! Teresa Almeida dEça Escola EB 2,3 Padre António Morais da Fonseca Murtosa, 22 Novembro 2000."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google