A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Mestrado em Engenharia de Concep ç ão - Inova ç ão e Transferência de Tecnologia Reading 3 – The dynamics of localized technological change, C. Antonelli,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Mestrado em Engenharia de Concep ç ão - Inova ç ão e Transferência de Tecnologia Reading 3 – The dynamics of localized technological change, C. Antonelli,"— Transcrição da apresentação:

1 Mestrado em Engenharia de Concep ç ão - Inova ç ão e Transferência de Tecnologia Reading 3 – The dynamics of localized technological change, C. Antonelli, M. Calderini Ana Espada|Eduardo Santos|Miguel Casimiro

2 Artigo Comentários Conteúdos

3 Artigo Comentários Introdução: indústria skill intensive na Europa Introdução: indústria skill intensive na Europa Dinâmica do conhecimento localizado Dinâmica do conhecimento localizado As forças da procura na dinâmica da mudança tecnológica localizada (hipótese base, análise empírica, evidência empírica) As forças da procura na dinâmica da mudança tecnológica localizada (hipótese base, análise empírica, evidência empírica) Conclusões Conclusões Conteúdos

4 Artigo Comentários Introdução: indústria skill intensive na Europa Introdução: indústria skill intensive na Europa Dinâmica do conhecimento localizado Dinâmica do conhecimento localizado As forças da procura na dinâmica da mudança tecnológica localizada (hipótese base, análise empírica, evidência empírica) As forças da procura na dinâmica da mudança tecnológica localizada (hipótese base, análise empírica, evidência empírica) Conclusões Conclusões Conteúdos

5 As indústrias europeias enquadram-se como skill intensive Indústria na Europa: sectores tradicionais (eng. Mecânica, têxteis e vestuário) mudança tecnológica intensa e rápida Indústria na Europa: sectores tradicionais (eng. Mecânica, têxteis e vestuário) mudança tecnológica intensa e rápida Indicadores (I&D e nº patentes) ineficazes na avaliação da capacidade inovativa Indicadores (I&D e nº patentes) ineficazes na avaliação da capacidade inovativa Maioria indústrias europeias são skill intensive Análise da dinâmica das fontes da mudança tecnológica – conhecimento genérico e localizado

6 Natureza específica da mudança tecnológica Natureza específica da mudança tecnológica Elevadas taxas de crescimento de productividade (TFP) Elevadas taxas de crescimento de productividade (TFP) Dimensão reduzida Dimensão reduzida Concentração regional Concentração regional Rede estreita de cooperação entre empresas Rede estreita de cooperação entre empresas Salários elevados Salários elevados Intensidade de capital reduzida Intensidade de capital reduzida Desenvolvimento e introdução de inovação – o processo interno bottom-up Desenvolvimento e introdução de inovação – o processo interno bottom-up As indústrias skill intensive têm características singulares

7 Artigo Comentários Introdução: indústria skill intensive na Europa Introdução: indústria skill intensive na Europa Dinâmica do conhecimento localizado Dinâmica do conhecimento localizado As forças da procura na dinâmica da mudança tecnológica localizada (hipótese base, análise empírica, evidência empírica) As forças da procura na dinâmica da mudança tecnológica localizada (hipótese base, análise empírica, evidência empírica) Conclusões Conclusões Conteúdos

8 Origens e fluxo do conhecimento tecnológico O Conhecimento tecnológico está integrado no contexto em que a firma opera O Conhecimento tecnológico está integrado no contexto em que a firma opera A distinção tradicional entre tecnologias novas e já existentes aparece mais fraca A distinção tradicional entre tecnologias novas e já existentes aparece mais fraca A génese de conhecimento tecnológico é o resultado conjunto da produção, aprendizagem e comunicação A génese de conhecimento tecnológico é o resultado conjunto da produção, aprendizagem e comunicação TacitCodified InternalLearningR&D ExternalSocializationRecombination A dinâmica do conhecimento localizado

9 Quantidade de recursos dedicados à acumulação de conhecimento tácito por cada agente do sistema Quantidade de recursos dedicados à acumulação de conhecimento tácito por cada agente do sistema Receptividade ao conhecimento tecnológico gerado por terceiros Receptividade ao conhecimento tecnológico gerado por terceiros Propriedades do sistema em termos de conectividade e distribuição de agentes receptores Propriedades do sistema em termos de conectividade e distribuição de agentes receptores A capacidade de inovação baseia-se em vários determinantes

10 Artigo Comentários Introdução: indústria skill intensive na Europa Introdução: indústria skill intensive na Europa Dinâmica do conhecimento localizado Dinâmica do conhecimento localizado As forças da procura na dinâmica da mudança tecnológica localizada (hipótese base, análise empírica, evidência empírica) As forças da procura na dinâmica da mudança tecnológica localizada (hipótese base, análise empírica, evidência empírica) Conclusões Conclusões Conteúdos

11 Abordagem de Kaldor Abordagem Schumpeteriana Relacionamento directo entre o aumento do output industrial e da produtividade da mão de obra baseado na introdução de inovações tecnológicas Incentivo à inovação desencadeado pela entropia e pela variação das quotas de mercado, bem como pela procura ao nível das firmas Papel das forças de procura na mudança tecnológica localizada

12 Fonte: Amostra de 136 empresas na área da engenharia mecânica (entre 1988 e 1994) Amostra Cluster regional de PMEs Nichos de mercado complementares potenciam a conectividade e receptividade e o consequente fluxo eficaz de conhecimento Nichos de mercado complementares potenciam a conectividade e receptividade e o consequente fluxo eficaz de conhecimento Empresas de média e grande dimensão na década de 80 Optimização da eficiência das linhas de produção recorrendo à automatização Optimização da eficiência das linhas de produção recorrendo à automatização Paradigma da flexibilização Paradigma da flexibilização Product design assumiu o papel de motor da produtividade Computer Integrated manufacturing (CIM) permite a integração das várias operações na fronteira do processo de fabrico Computer Integrated manufacturing (CIM) permite a integração das várias operações na fronteira do processo de fabrico O contributo para a produtividade advém da relação entre as anteriores novas e as tecnologias O contributo para a produtividade advém da relação entre as anteriores novas e as tecnologias Análise empírica

13 Artigo Comentários Introdução: indústria skill intensive na Europa Introdução: indústria skill intensive na Europa Dinâmica do conhecimento localizado Dinâmica do conhecimento localizado As forças da procura na dinâmica da mudança tecnológica localizada (hipótese base, análise empírica, evidência empírica) As forças da procura na dinâmica da mudança tecnológica localizada (hipótese base, análise empírica, evidência empírica) Conclusões Conclusões Conteúdos

14 Conclusões A mudança técnologica localizada baseia-se na mistura entre conhecimento genérico e tácito A mudança técnologica localizada baseia-se na mistura entre conhecimento genérico e tácito I&D é apenas uma parte do processo de geração de conhecimento I&D é apenas uma parte do processo de geração de conhecimento A geração de conhecimento tecnológico localizado resulta de um processo bottom-up A geração de conhecimento tecnológico localizado resulta de um processo bottom-up O desenvolvimento de conhecimento dentro das indústrias é fortemente influenciado pelas relações entre as empresas O desenvolvimento de conhecimento dentro das indústrias é fortemente influenciado pelas relações entre as empresas Um ambiente macro-económico caracterizado por rápidas taxas de crescimento estimula a capacidade inovativa em industrias skill intensive Um ambiente macro-económico caracterizado por rápidas taxas de crescimento estimula a capacidade inovativa em industrias skill intensive A noção de mudança tecnológica localizada e a classificação dos sectores skill intensive têm importantes efeitos ao nível das políticas de inovação A noção de mudança tecnológica localizada e a classificação dos sectores skill intensive têm importantes efeitos ao nível das políticas de inovação

15 Artigo Comentários Conteúdos

16 Enquadramento com o reading 4 ( ) Utilizadores como inovadores (Pultrusão) Utilizadores como inovadores (Pultrusão) Fabricantes como inovadores (Escavadora, Termoplásticos de Engenharia, Aditivos plásticos) Fabricantes como inovadores (Escavadora, Termoplásticos de Engenharia, Aditivos plásticos) Fornecedores/Fabricantes como inovadores (Equipamento de terminação de cabos eléctricos) Fornecedores/Fabricantes como inovadores (Equipamento de terminação de cabos eléctricos) Fornecedores como inovadores (Equipamento de processo que utiliza gases industriais e termoplásticos) Fornecedores como inovadores (Equipamento de processo que utiliza gases industriais e termoplásticos) Fontes, forças motrizes e meios de inovação Variations in the Functional Source of Innovation, Von Hippel, E.

17 1. Utilizadores como inovadores (1/2) Pultrusão: Pultrusão: É um processo de fabrico de um produto de secção constante de plástico reforçado por fibras. É usado para a produção de compósitos de alta resistência com material reforçado para a industria aeroespacial e equipamento desportivo. É um processo realizado de inicio ao fim numa única máquina. Inovações na maquinaria de Pultrusão Principais melhoramentos no processo de Pultrusão Forno cura de tunel Extractores Processo de Pultrusão continuado Aumento da frequência de rádio Inovações nas ferramentas Ferramentas pré-forma Dados melhorados Furadora Todas as inovações estudadas tiveram sucesso tendo sido adoptadas pela comunidade de utilizadores na forma de equipamentos produzidos pelo próprio utilizadores/produtores.

18 1. Utilizadores como inovadores (2/2) Fontes de inovação na maquinaria do processo de Pultrusão Inovação desenvolvida por Tipo inovação% UtilizadorUtilizadorFabricanteTotal Processo original Maiores melhoramentos Inovações nas ferramentas Total 100% Quase todas as inovações foram desenvolvidas pelos utilizadores das máquinas produtores de compósitos. As inovações provêm na sua esmagadora maioria de empresas de baixa tecnologia (oficinas que produzem produtos de fibras de vidro, muitas vezes por processos manuais). Tipicamente, as inovações importantes no processo eram despoletadas quando uma firma de utilizadores recebia uma grande encomenda.

19 2. Fabricantes como inovadores (3/3) 2.3. Aditivos plásticos Os aditivos plásticos são utilizados para modificar as propriedades dos polímeros básicos para maneira desejada. Exemplos: Agentes corantes, fungicidas, retardantes de fogo, materiais de reforço e preenchimento. Há 2 categorias: Plasticizantes e ultra violeta. Amostra de Inovações de Aditivos de Plásticos Plasticizantes Butil benzil ftalato, Tri melitatos, 2 etil hexil di fenol fosfato, Tri isopropil fenil fosfato, Citroflex, Di N ftalato, Óleos de soja epoxidizados, Poliesteres alifáticos de cadeia longa Estabilizadores UV 2:4 dihidroxi benzofenona, Etil-2-ciano 3:3 difenilacrilato, 2 hidroxi benzofenona, Complexos de níquel, 2:4 di butil fenil 3:5 di butil fenil, 4 hidroxy benzoatos, Óxido de zinco, Benzotriozoles Fontes de inovação em aditivos plásticos Inovação desenvolvida por Tipo de aditivo% FabricanteUtilizadoresFabricanteFornecedorNATotal Plasticizantes Estabilizadores UV Total As fontes das inovações nos aditivos plásticos foram desenvolvidas pelas empresas que os fabricavam.


Carregar ppt "Mestrado em Engenharia de Concep ç ão - Inova ç ão e Transferência de Tecnologia Reading 3 – The dynamics of localized technological change, C. Antonelli,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google