A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MURO DE BERLIM – 1961 a 1989 Em 1961, a URSS autoriza a construção do muro, isolando a parte ocidental da cidade do resto da Alemanha Oriental.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MURO DE BERLIM – 1961 a 1989 Em 1961, a URSS autoriza a construção do muro, isolando a parte ocidental da cidade do resto da Alemanha Oriental."— Transcrição da apresentação:

1 MURO DE BERLIM – 1961 a 1989 Em 1961, a URSS autoriza a construção do muro, isolando a parte ocidental da cidade do resto da Alemanha Oriental.

2 Desde a formação das duas Alemanhas, mais de 3 milhões de pessoas evadiram-se do lado oriental para o ocidental, jovens e profissionais qualificados. Formou-se em Berlim um mercado negro, com a venda de alimentos para os ocidentais a preço subsidiado pelo governo socialista oriental. No 1° semestre de 1961, a RDA perdeu mais de 200 mil hab. para a RFA.

3

4 A URSS destinaram parte substancial de seus investimentos para pesquisa e produção de armamentos. A produção de armas e outros gastos militares impossibilitaram o desenvolvimento tecnológico em outros setores produtivos, tornando sua economia obsoleta e incapaz de atender às necessidades básicas da população. O atraso tecnológico comprometia o desempenho das atividades produtivas, fato que também se manifestava nos demais países socialistas.

5 A economia soviética funcionou relativamente bem enquanto os padrões tecnológicos, índices de produtividade e de competitividade estavam baseados nas indústrias siderúrgicas, químicas, petrolíferas, aeronáutica, naval, etc. (2ª REVOLUÇÃO INDUSTRIAL).

6 O modelo unilateral do industrialismo soviético, apoiado pelo tripé: indústrias de base, de armas e aeroespacial, não acompanhou o mesmo ritmo de desenvolvimento tecnológico dos países capitalistas. Indústrias como a siderúrgica, a petrolífera, de máquinas e equipamentos tiveram um crescimento explosivo. Também a indústria bélica foi priorizada, particularmente no 3° PLANO ( ), quando o país entrou na 2ª Guerra Mundial. Os planos seguintes continuaram priorizando o setor industrial pesado e bélico, já no contexto da GUERRA FRIA.

7 A URSS lançou o primeiro satélite artificial, em 1957 (Sputinik), fabricava satélites espiões, mísseis de alta precisão, mas, ao mesmo tempo não desenvolveu uma indústria automobilística com tecnologia própria, não fabricava uma televisão com um a boa sintonia de canais e até mesmo uma simples enceradeira que funcionasse perfeitamente. O socialismo soviético não estimulou o desenvolvimento técnico dos setores que considerava secundários.

8 As empresas compravam de um único fornecedor as mercadorias ou matérias- primas, independente de sua qualidade para cumprir as metas de produção e de produtividade traçadas pelo Estado, sem considerar as reais necessidades da população. No final da década de 70, as indústrias estavam funcionando com uma grande capacidade ociosa, havia falta de matérias- primas, queda da produção de alimentos e dificuldade de importação de produtos básicos para o abastecimento e funcionamento da economia. Criou-se uma enorme distância entre a economia militar e aeroespacial e a civil. A 1ª com tecnologia avançada, a 2ª atrasada.

9 A falta de investimentos em novas tecnologias, como a informática, robótica, bioquímica, aplicadas ao processo produtivo, impediu a elevação da produtividade na agricultura, na pecuária e no setor industrial de bens de consumo. Não houve esforço no sentido de se investir maciçamente em pesquisa e desenvolvimento, nem mesmo na elevação dos níveis de qualificação da mão-de-obra nos padrões ocidentais.


Carregar ppt "MURO DE BERLIM – 1961 a 1989 Em 1961, a URSS autoriza a construção do muro, isolando a parte ocidental da cidade do resto da Alemanha Oriental."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google