A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA HRSJ – HMG / UFSC SERVIÇO DE CIRURGIA GERAL / PRM ESTÁGIO DE EMERGÊNCIA CIRÚRGICA LIGA DE TRAUMA -

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA HRSJ – HMG / UFSC SERVIÇO DE CIRURGIA GERAL / PRM ESTÁGIO DE EMERGÊNCIA CIRÚRGICA LIGA DE TRAUMA -"— Transcrição da apresentação:

1 MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA HRSJ – HMG / UFSC SERVIÇO DE CIRURGIA GERAL / PRM ESTÁGIO DE EMERGÊNCIA CIRÚRGICA LIGA DE TRAUMA - UFSC NOVEMBRO

2 INTRODUÇÃO TRAUMA –3ª Causa de morte nos EUA –1ª Causa de morte entre 1 – 44 anos –56 mortes / habitantes –400 óbitos por dia –57 crianças –8 / 10 mortes em jovens (15 – 24anos) MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA

3 INTRODUÇÃO Avaliação Primária –A- Airway with cervical- spine control –B- Breathing –C- Circulation –D- Disability or neurologic status –E- Exposure(undress) with temperature control. MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA

4 INTRODUÇÃO Avaliação Primária Reanimação Métodos Auxiliares / Diagnósticos 1° –ECG –Sondas (Gástricas / Vesical) –Monitoração (Cardíaca / Oximetria de pulso / Gasometria arterial) –Radiografias e Procedimentos Diagnósticos Avaliação Secundária Métodos Auxiliares / Diagnósticos 2 ° –Radiografias adicionais –Tomografia Computadorizada –Urografia Excretora –Arteriografia, broncoscopia, EDA.... Bla bla bla.... MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA

5 INTRODUÇÃO Exames Utilizados de Modo Racional Não devem postergar o tratamento Rotina Exame Primário: –Rx de Coluna Cervical Perfil –Rx de Tórax AP –Rx de Pelve AP Podem ser realizados na sala de emergência Exame Secundário: –Rx de coluna cervical AP, TO, Nadador –Rx de Coluna Tóraco – Lombar –Rx Lesões Específicas –FAST –TC MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA

6 INTRODUÇÃO Não devem postergar o tratamento MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA Left tension pneumothorax - post mortem radiograph The mediastinum is shifted to the right and the left hemidiaphragm depressed.

7 COLUNA CERVICAL MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA

8 COLUNA CERVICAL Rotinas Coluna Cervical –Verificar a presença de C1 C7 + parte superior de T1 –Avaliação Anatômica –Ossos –Cartilagem –Partes Moles MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA

9 COLUNA CERVICAL Avaliação Anatômica –Avaliar as 4 linhas lordóticas Anormalidades –Perda do alinhamento da face posterior dos corpos vertebrais –Estreitamento do canal medular MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA Verificar a presença de C1 C7 + parte superior de T1

10 COLUNA CERVICAL Ossos –Corpos vertebrais (contorno / altura) –Massas ósseas laterais: Pedículos Facetas Lâminas Processos transversos –Processos espinhosos Anormalidades –Deformações ósseas –Fx de corpos ou processos vertebrais MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA Verificar a presença de C1 C7 + parte superior de T1

11 COLUNA CERVICAL Cartilagem –Discos Intervertebrais –Articulações das facetas póstero-lateral Anormalidades –Diminuição dos espaços intervertebrais MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA Verificar a presença de C1 C7 + parte superior de T1

12 COLUNA CERVICAL Partes Moles –Espaço pré-vertebral –Gordura pré-vertebral –Espaço entre os processos espinhosos Anormalidades –Aumento do espaço das partes moles pré-vertebrais (>5mm C3) –Aumento da distância entre os processos esinhosos MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA Verificar a presença de C1 C7 + parte superior de T1

13 TÓRAX Rotinas Tórax AP MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA

14 TÓRAX A: –Traquéia –Brônquios B: –Espaço pleural –Parênquima pulmonar C: –Mediastino D: –Diafragma E: –Arcabouço ósseo –Parede torácica MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA

15 TÓRAX A: –Traquéia –Brônquios MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA

16 TÓRAX B: –Espaço pleural –Parênquima pulmonar MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA Tension pneumothorax Trauma.org

17 TÓRAX B: –Espaço pleural –Parênquima pulmonar MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA Haemothorax - supine chest radiograph Trauma.org

18 TÓRAX B: –Espaço pleural –Parênquima pulmonar MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA Left haemothorax Trauma.org

19 TÓRAX B: –Espaço pleural –Parênquima pulmonar MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA Tension haemothorax 01 Trauma.org

20 TÓRAX C: –Mediastino MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA Widened mediastinum - blunt aortic injury Trauma.org

21 TÓRAX D: –Diafragma MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA Left diaphragm laceration stomach spleen herniation Trauma.org

22 TÓRAX D: –Diafragma MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA Right diaphragm laceration Trauma.org

23 TÓRAX E: –Arcabouço ósseo –Parede torácica MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA

24 TÓRAX F: –Parede torácica MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA Massive subcutaneous emphysema – radiograph Trauma.org

25 TÓRAX G: –Sondas –Drenos MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA

26 TÓRAX G: –Sondas –Drenos MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA

27 PELVE Rotinas Pelve AP MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA

28 PELVE A: –Largura da sínfise púbica (>1cm) B: –Integridade dos ramos púbicos C: –Integridade do acetábulo –Integridade da cabeça / colo do fêmur D: –Largura das articulações sacro- ilíacas MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA

29 PELVE A: –Largura da sínfise púbica (>1cm) B: –Integridade dos ramos púbicos C: –Integridade do acetábulo –Integridade da cabeça / colo do fêmur D: –Largura das articulações sacro- ilíacas MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA

30 ULTRASSONOGRAFIA MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA USG (FAST)

31 ULTRASSONOGRAFIA MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA USG (FAST) –Método não invasivo –Sensibilidade próxima ao LPD (examinador dependente) Busca de líquido livre (sangue): –Espaço hepatorrenal –Esplenorrenal –Subfrênicos / Saco pericárdico –Pelve Controle em 30min Prejudicado em pacientes com enfisema subcutâneo ou cirurgias prévias

32 RX ABDOME MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA Radiografia simples de abdome –Pouco útil no diagnóstico de trauma abdominal –Pneumoperitônio lesão de víscera oca –Retropneumoperitônio lesões retroperitoneais –Apagamento do psoas lesões retroperitoneais –Trauma penetrante: Localizar projéteis em FAF Pneumoperitônio Pneumotórax

33 RX ABDOME MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA Radiografia simples de abdome

34 TC ABDOME MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA TC de Abdome –Pacientes estáveis sem indicação de laparotomia imediata –Avalia bem o espaço retroperitoneal –Não avalia bem lesões gastrointestinais e diafragmáticas

35 TC ABDOME MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA TC de Abdome –Avalia bem órgãos sólidos –Mais específica para definir lesões –Avaliação pela TC –Tto Conservador x Cirúrgico

36 TC ABDOME MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA TC de Abdome 1 - Liquído livre peri-esplênico 2 – Liquído livre peri-hepático

37 TC ABDOME MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA TC de Abdome Coleção líquida peri-hepática

38 TC ABDOME MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA TC de Abdome Trauma esplênico Grau III

39 TC ABDOME MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA TC de Abdome Trauma renal Grau II

40 TC ABDOME MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA TC de Abdome Retropneumoperitônio

41 URETROGRAFIA MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA Uretrografia –Incapacidade de urinar espontaneamente (pacientes conscientes) –Fratura instável de pelve –Presença de sangue no meato uretral –Hematoma escrotal ou equimose perineal –Deslocamento cranial da próstata no TR

42 OBRIGADO! MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA


Carregar ppt "MÉTODOS DE IMAGEM EM TRAUMA R2. LEANDRO AKIO TOMITA HRSJ – HMG / UFSC SERVIÇO DE CIRURGIA GERAL / PRM ESTÁGIO DE EMERGÊNCIA CIRÚRGICA LIGA DE TRAUMA -"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google