A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Tecnologia da Informação e Telecomunicações 1 INFORMAÇÃO CORPORATIVA Tecnologia da Informação e Telecomunicações BIOLOGIA E CONTROLE DE BARATAS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Tecnologia da Informação e Telecomunicações 1 INFORMAÇÃO CORPORATIVA Tecnologia da Informação e Telecomunicações BIOLOGIA E CONTROLE DE BARATAS."— Transcrição da apresentação:

1 Tecnologia da Informação e Telecomunicações 1 INFORMAÇÃO CORPORATIVA Tecnologia da Informação e Telecomunicações BIOLOGIA E CONTROLE DE BARATAS

2 Tecnologia da Informação e Telecomunicações 2 INFORMAÇÃO CORPORATIVA São alvo nº 1 dos controladores de pragas Os inseticidas orgânicos sintéticos surgiram como solução dos problemas com baratas Alheias, as baratas prosseguiram fazendo o que melhor sabem, SE ADAPTAR Mais de 50 anos depois continuamos a conviver com milhões de parentes deste magnífico inseto

3 Tecnologia da Informação e Telecomunicações 3 INFORMAÇÃO CORPORATIVA HISTÓRICO São um dos seres mais antigos do planeta Existem a mais de 350 milhões de anos São mais antigos que os dinossauros Existem entre a espécies de baratas Somente 1% são consideradas pragas urbanas A sua proliferação no planeta se deu através do transporte de mercadorias A barata como praga doméstica é um produto do homem (oferta de alimento e abrigo) Vivem e se reproduzem no interior de diversos meios de transportes

4 Tecnologia da Informação e Telecomunicações 4 INFORMAÇÃO CORPORATIVA PROBLEMAS CAUSADOS POR BARATAS Produzem secreções odoríferas que impregnam o ar do ambiente dando gosto ruim aos alimentos Causam prejuízos materiais (infestam aparelhos eletrônicos, roeduras em tecidos) São vetores mecânicos patógenos (hospedeiro intermediário de agentes infecciosos) Produzem reações alérgicas em pessoas sensíveis (lacrimejamento, erupções cutâneas e coriza) Podem provocar conjuntivite, dermatites e diversas doenças de natureza gastrintestinal Podem ter chance de ser um agente intermediário na cadeia de transmissão da Escherichia coli (diarréia infantil é o nome da doença associada)e, em tese, do vibrião do cólera

5 Tecnologia da Informação e Telecomunicações 5 INFORMAÇÃO CORPORATIVA São insetos cosmopolitas (cidadão do mundo) Comuns de áreas tropicais podendo ser encontradas em outros ambientes Têm preferência por ambientes úmidos, quentes, protegidos da luz e madeiras São mais ativas à noite Sua presença de dia indica uma infestação muito alta ou escassez de abrigo, alimento ou água Seu local de abrigo é geralmente sempre o mesmo CARACTERÍSTICAS

6 Tecnologia da Informação e Telecomunicações 6 INFORMAÇÃO CORPORATIVA 1.Exoesqueleto (será um traje mecânico especial que multiplica as habilidades) Impede a penetração de radiações e produtos químicos 2.Capacidade de Adaptação Se adaptam as condições ambientes Ficam 60 dias sem comida 10 dias sem água 40 minutos sem respirar Seu coração pode permanecer batendo 30 horas depois de decapitada 3.Abrigo Não formam colônias Possuem hábito de agregação Se abrigam em fendas, frestas e outros locais de difícil acesso Passam cerca de 75% de seu tempo de vida em seus abrigos São fiéis a seus lugares de abrigo Mudam mediante a um agente perturbador forte Se adaptam com extrema rapidez ao novo ambiente CARACTERÍSTICAS DE RESISTÊNCIA

7 Tecnologia da Informação e Telecomunicações 7 INFORMAÇÃO CORPORATIVA 4.Potencial reprodutivo A geração de filhotes depende da disponibilidade de comida, umidade e temperatura Precisam do macho apenas uma vez para acasalar, algumas fêmeas podem se reproduzir sem macho (hermafroditismo) Seu acasalamento é geralmente na ausência de luz CARACTERÍSTICAS DE RESISTÊNCIA 5.Hábitos onívoros (são os animais que se alimentam tanto de produtos de origem animal como vegetalanimaisalimentam 6.Rapidez São sensíveis as vibrações luminosas e a deslocamento de ar Realizam 25 desvios por segundo 7. Temperatura e Umidade Altas temperaturas e umidade elevada é sinônimo de alta infestação

8 Tecnologia da Informação e Telecomunicações 8 INFORMAÇÃO CORPORATIVA Sofrem metamorfose incompleta A fêmea fecundada dá origem a dezenas de ovos O número de ovos varia de acordo com a espécie e as condições ambientais Duas fileiras de ovos dentro de uma cápsula (ooteca) As ninfas mudam de esqueleto (ecdise), até 9 vezes Na troca de esqueleto é comum ver baratas brancas, confundidas com baratas albinas CICLO BIOLÓGICO

9 Tecnologia da Informação e Telecomunicações 9 INFORMAÇÃO CORPORATIVA Periplaneta americana barata de esgoto Blattella germanica ou francesinha PRINCIPAIS ESPÉCIES

10 Tecnologia da Informação e Telecomunicações 10 INFORMAÇÃO CORPORATIVA O controle de baratas deve começar pela forma de pensar Erradicação é algo utópico Se existe uma infestação de baratas em um determinado local, a intensidade desta infestação será proporcional às condições oferecidas pelo local ao inseto O sucesso no controle de baratas está associado: Conjunto de procedimentos Parceria (empresa e o cliente) MIP (O Manejo Integrado de Pragas) como estratégia de controle CONTROLE

11 Tecnologia da Informação e Telecomunicações 11 INFORMAÇÃO CORPORATIVA Organização e manejo do ambiente Desengorduramento das superfícies, com limpeza úmida e quente Raspagem das camadas de gordura incrustadas em tampos e grelhas dos fogões, coifas etc Retirada do excesso de poeira Limpeza detalhada de equipamentos, (masseiras, sanduicheiras, espremedores de frutas, descascador de legumes, máquina de lavar pratos e outros) Reposicionamento de equipamentos Descarte de mobílias, equipamentos e outros materiais inservíveis Estocagem de materiais de acordo com as normas sanitárias Uso de cantoneiras de alumínio em junções de paredes, de azulejos ou de alvenaria Eliminação de pontos de vazamento de água TÉCNICAS DE CONTROLE NÃO QUÍMICO

12 Tecnologia da Informação e Telecomunicações 12 INFORMAÇÃO CORPORATIVA Retirada de baratas através de aspirador de pó Retirada de baratas através de armadilhas cola (estações de monitoramento) Vedação ou selagem de fendas e frestas com silicone, cimento ou massa de vidraceiro Vedação de vãos de pés tubulares de mesas e cadeiras Solicitar a colocação de ralos sifonados ou com fecho hídrico, borrachas nas portas de acesso a área externa, telamento de janelas e vãos, etc CONTROLE MECÂNICO

13 Tecnologia da Informação e Telecomunicações 13 INFORMAÇÃO CORPORATIVA O controle químico é mais uma ferramenta do MIP Um controle onde os manejos físicos, ambientais, mecânicos e culturais venham sendo feitos de maneira correta levam a uma dependência mínima do controle químico para o sucesso deste controle Com isso, o uso de praguicidas deveria ser em quantidades bem pequenas e apenas em locais específicos CONTROLE QUÍMICO

14 Tecnologia da Informação e Telecomunicações 14 INFORMAÇÃO CORPORATIVA CURIOSIDADES Um casal de baratas, no período de 1 ano, pode gerar até 100 mil descendentes, sendo que nos países tropicais esse número é facilmente ultrapassado A barata tem 350 milhões de anos de existência, sendo que o homem que assumiu posição bipedal data de 8 ou 9 milhões de anos atrás Segundo um levantamento realizado em São Paulo, pelo Instituto Nacional de Pesquisas Biológicas, há 200 baratas / habitante, na grande São Paulo Não existe, na química fina internacional, qualquer produto que seja permeável à ooteca (bolsa que contém os ovos), razão básica pela qual deve-se obedecer ao período de tratamento estabelecido em cronograma, para que se possa atingir os novos indivíduos nascidos dos ovos As baratas são capazes de ingerir qualquer tipo de alimento, sendo responsáveis por curto circuitos e até incêndios, são vetores que disseminam bactérias, fungos, vírus, helmintos e protozoários patogênicos, além de suas secreções danificarem as leituras nos discos de computadores As baratas infestam cozinhas e banheiros devido à elevada temperatura e umidade encontradas nesses ambientes, principalmente em torno de equipamentos geradores de calor (geladeiras, freezers) e sob pias, próximas dos encanamentos Blatella germanica = baratinha de cozinha ou de madeira, também é conhecida como francesinha ou paulistinha, devido as faixas longitudinais claras e escuras que possui em seu dorso lembrando as respectivas bandeiras

15 Tecnologia da Informação e Telecomunicações 15 INFORMAÇÃO CORPORATIVA CURIOSIDADES Para cada barata que se vê a luz do dia, existem em média 50 escondidas, pois passam até 75% do seu tempo abrigadas em seus esconderijos A barata pode viver até 15 dias sem água ou alimento e 30 dias somente com água proveniente da evaporação, obtida pela cocção dos alimentos As baratas tem dispersão passiva e podem adentrar no ambiente transportadas junto às embalagens As fezes das baratas, assim como fragmentos de asas ou pernas contém substâncias alergênicas, ao serem inspiradas, servem de estopim para essas crises: Por exemplo a doença conhecida como "sapinho" tão comum em crianças, pode ser um tipo de herpes causado pela passagem de uma barata no local, herpes blattae


Carregar ppt "Tecnologia da Informação e Telecomunicações 1 INFORMAÇÃO CORPORATIVA Tecnologia da Informação e Telecomunicações BIOLOGIA E CONTROLE DE BARATAS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google