A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Biologia é Fóda!!! Professor Nilton Cezar de Azevedo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Biologia é Fóda!!! Professor Nilton Cezar de Azevedo."— Transcrição da apresentação:

1 Biologia é Fóda!!! Professor Nilton Cezar de Azevedo

2 Quem vai entrar na universidade em 2013?

3 Biologia X Portufronha

4 Tomando um todinho e refletindo!!! uuuuiiiiiii

5 Com as amigas numa festa!!!

6 Melhor festa de Nova Esperança

7 Professor Welligton em o mergulinho olímpico

8 Professor Welligton vai as compras!!!

9 Ciências da natureza e suas tecnologias Química, física, biologia, tudo isso em uma só prova?

10 É preciso que você consiga relacionar os conhecimentos de forma a resolver problemas da vida cotidiana. Serão perguntadas coisas que se relacionam ao seu dia a dia e é pensando no seu dia a dia que você deverá estudar para a prova.. A química está presente quando você cozinha, quando você lava a louça; A física quando você anda de ônibus, quando carrega seus livros; A biologia está presente dentro e fora de nós a todos os momentos, você consegue visualizar isso?

11 O que mais cai no Enem:

12 Fisiologia / Corpo Humano As questões de Fisiologia e Corpo Humano abordadas no Enem são mais voltadas para o cuidado com o corpo e o autocuidado. Saúde pública e todos os assuntos relacionados com as condições de equilibro do corpo são, em geral, as que mais aparecem.corpo Fisiologia. Nos últimos três anos o Enem abordou temas bastante específicos, como o sistema digestivo e a alimentação saudável;

13

14 Boca ou cavidade bucal Faringe Esôfago Estômago - duodeno Intestino delgado - jejuno-íleo - ceco Intestino grosso - cólon - reto Ânus

15 Glândulas salivares: parótidas, sublinguais e submandibulares. Dentes Língua Fígado – vesícula biliar Pâncreas

16

17 O pâncreas é uma glândula mista, de mais ou menos 15 cm de comprimento; O pâncreas comporta dois órgãos estreitamente imbricados: pâncreas exócrino e o endócrino. O pâncreas exócrino produz enzimas digestivas; O pâncreas endócrino secreta os hormônios insulina e glucagon.

18 HINO DO CORINTHIANS Salve a insulina Que o pâncreas fabrica aos montões Se não fabrica Diabetes vem, complicações E a adrenalina É feita na suprarenal Tiroxina, Tireóide, bócio. iodo e sal

19 Fígado É o maior órgão interno, e é ainda um dos mais importantes. É constituido de células hepáticas ou hepatócitos, rodeadas por canais diminutos (canalículos), pelos quais passa a bile, secretada pelos hepatócitos. As células hepáticas ajudam o sangue a assimilar as substâncias nutritivas e a excretar os materiais residuais e as toxinas, bem como esteróides, estrógenos e outros hormônios. O fígado é um órgão muito versátil. Armazena glicogênio, ferro, cobre e vitaminas. Produz carboidratos a partir de lipídios ou de proteínas, e lipídios a partir de carboidratos ou de proteínas. Sintetiza também o colesterol e purifica muitos fármacos e muitas outras substâncias. O termo hepatite é usado para definir qualquer inflamação no fígado, como a cirrose.

20 Funções do fígado: Secretar a bile; Remover moléculas de glicose no sangue; Formação do glicogênio; Armazenar ferro e certas vitaminas em suas células; Sintetizar diversas proteínas presentes no sangue, de fatores imunológicos e de coagulação e de substâncias transportadoras de oxigênio e gorduras; Degradar álcool e outras substâncias tóxicas, auxiliando na desintoxicação do organismo; Destruir hemácias (glóbulos vermelhos) velhas ou anormais;

21 Suco digestivoEnzimapH ótimoSubstratoProdutos SalivaPtialinaneutropolissacarídeosmaltose Suco gástricoPepsinaácidoproteínasoligopeptídeos Suco pancreático Quimiotripsina Tripsina Amilopepsina Rnase Dnase Lipase alcalino proteínas polissacarídeos RNA DNA lipídeos peptídeos maltose ribonucleotídeo s desoxirribonucl eotídeos glicerol e ácidos graxos Suco intestinal ou entérico Carboxipeptida se Aminopeptidase Dipeptidase Maltase Sacarase Lactase alcalino oligopeptídeos dipeptídeos maltose sacarose lactose aminoácidos glicose glicose e frutose glicose e galactose

22 Características Polímeros de aminoácidos Constituem mais da metade do peso seco de uma célula Funções Catalisam reações químicas Controlam a permeabilidade das membranas Regulam a concentração de metabólitos Reconhecem e ligam (não covalentemente) outras biomoléculas Proporcionam movimento Controlam a função gênica Construtores - PROTEÍNAS

23 Energéticos - Carboidratos Carboidratos são moléculas orgânicas formadas por carbono, hidrogênio e oxigênio. Glicídios, hidrocarbonetos, hidratos de carbono e açúcares são outros nomes que esses podem receber. São as principais fontes de energia para os sistemas vivos, uma vez que a liberam durante o processo de oxidação. Participam também na formação de estruturas de células e de ácidos nucleicos. Monossacarídeos: glicose, frutose e a galactose. Dissacarídeos: Sacarose (glicose + frutose), lactose (glicose + galactose) e maltose (glicose + glicose). Polissacarídeos: celulose, amido e glicogênio

24 Os Lipídios

25 Os lipídios são compostos orgânicos formados por : C, H, e O; Os mais comuns se constroem com a associação de ácidos graxos + álcool; São insolúveis na água e solúveis em solventes orgânicos: éter, álcool e acetona. Ácidos graxos: Insaturados: com dupla ligação na cadeia; Saturados: Possuem apenas ligações simples na cadeia.

26 Funções Fornecem energia; Proteção dos órgãos contra choques mecânicos; Isolamento contra o frio; Componentes da membrana celular; São utilizados para síntese de hormônios; Servem para transportar e e armazenar vitaminas; Sensação de saciedade (Controle da fome); Nutrientes essenciais (ácidos graxos essenciais); Curiosidade: As aves migratórias realizam vôos com duração de até 3 dias de duração. Para isso utilizam os lipídios como fonte de energia. Ao término da jornada apresentam redução de 25 a 40% do peso corporal.

27 Ácidos graxos saturados : Não possuem duplas ligações; São geralmente sólidos à temperatura ambiente; Gorduras de origem animal são geralmente ricas em ácidos graxos saturados. Ácidos graxos insaturados: Possuem uma ou mais duplas ligações è são mono ou poliinsaturados São geralmente líquidos à temperatura ambiente; A dupla ligação, quando ocorre em um AG natural, é sempre do tipo "cis". Os óleos de origem vegetal são ricos em AG insaturados. Quando existem mais de uma dupla ligação, estas são sempre separadas por pelo menos 3 carbonos, nunca são adjacentes nem conjugadas.

28 Características Manutenção da pressão osmótica Manutenção do equilíbrio ácido-básico Co-fatores enzimáticos Mg Formação de ATP Pi Função reguladora e formação de ossos Ca Oligoelementos: Fe, I e outros Cl - Na + e K + Patologia Anemia Insuficiência Renal Crônica Doença óssea ou Osteoporose Reguladores - SAIS MINERAIS

29 VitaminasFontes Doenças provocadas pela carência (avitaminoses) Funções no organismo Afígado de aves, animais e cenoura problemas de visão, secura da pele, diminuição de glóbulos vermelhos, formação de cálculos renais combate radicais livres, formação dos ossos, pele; funções da retina Dóleo de peixe, fígado, gema de ovosraquitismo e osteoporoseosteoporose regulação do cálcio do sangue e dos ossossangue Everduras, azeite e vegetais dificuldades visuais e alterações neurológicas Kfígado e verduras desnutrição, má função do fígado, problemas intestinais atua na coagulação do sangue, previne osteoporose B1 cereais, carnes, verduras, levedo de cerveja beribéri atua no metabolismo energético dos açúcares B2leites, carnes, verduras inflamações na língua, anemias, seborréia atua no metabolismo de enzimas, proteção no sistema nervoso.sistema nervoso. B5 fígado, cogumelos, milho, abacate, ovos, leite, vegetais fadigas, cãibras musculares, insôniainsônia metabolismo de proteínas, gorduras e açúcaresproteínas B6carnes, frutas, verduras e cereais seborréia, anemia, distúrbios de crescimento crescimento, proteção celular, metabolismo de gorduras e proteínas, produção de hormônios B12fígado, carnesanemia perniciosa formação de hemácias e multiplicação celular C laranja, limão, abacaxi, kiwi, acerola, morango, brócolis, melão, mangaabacaxiacerola escorbuto atua no fortalecimento de sistema imunológico, combate radicais livres e aumenta a absorção do ferro pelo intestino. H noz, amêndoa, castanha, lêvedo de cerveja, leite, gema de ovo, arroz integral eczemas, exaustão, dores musculares, dermatite metabolismo de gorduras, gorduras M ou B9cogumelos, hortaliças verdes anemia megaloblástica, doenças do tubo neural metabolismo dos aminoácidos, formação das hemácias e tecidos nervosos PP ou B3 ervilha, amendoim, fava, peixe, feijão, fígado insônia, dor de cabeça, dermatite, diarréia, depressãodepressão manutenção da pele, proteção do fígado, regula a taxa de colesterol no sangue

30 BALANCÊ DAS VITAMINAS (Balancê) Sem a vitamina C Escorbuto pega você E o raquitismo acontece porque Falta a vitamina D Se há cegueira noturna Falta a vitamina A Se há uma hemorragia Falta a vitamina K Sem a vitamina E Rato não vai ter nenê (nem você!) E o béri-béri acontece porque Falta a vitamina B (B1!)

31 Sistema Nervoso 1)Introdução O sistema nervoso é responsável pelo ajustamento do organismo ao ambiente. Sua função é perceber e identificar as condições ambientais externas, bem como as condições reinantes dentro do próprio corpo e elaborar respostas que adaptem a essas condições. 2) Organização do sistema nervoso humano Sistema Nervoso Central (SNC) Encéfalo Cérebro Cerebelo Tronco Encefálico Mesencéfalo Ponte Bulbo Medula Sistema Nervoso Periférico (SNP) Nervos cranianos (12 pares) Nervos raquidianos (31 pares) Terminações nervosas

32 Momento do acadêmico

33

34

35 INTERIOR DO CORAÇÃO

36

37 SISTEMA CIRCULATÓRIO O sangue circula por todo o corpo em tubos chamados vasos sanguíneos (artérias, veias e vasos capilares ). É o órgão principal do sistema circulatório que funciona como uma bomba, impulsiona e empurra o sangue mantendo-o sempre em movimento.

38 SISTEMA CIRCULATORIO No adulto o coração bate cerca de 70 vezes por minuto. São as passagens sucessivas do sangue para as artérias que nos dão a sensação de que o coração está a bater. O sistema circulatório é formado pelo coração(que é o órgão principal) e pelos vasos sanguíneos.

39 A CIRCULAÇÃO Ao trajecto ou seja à viagem do sangue por todas as partes do corpo dá-se o nome de O sangue carregado de oxigénio sai do coração por uma artéria e percorre todas as partes do corpo, deixando o oxigénio e recebendo dióxido de carbono.

40 A CIRCULAÇÃO Depois desta troca gasosa, o sangue regressa ao coração pelas carregado de dióxido de carbono. Este sangue que entrou impuro no coração, tem de ir aos pulmões purificar-se.

41 CIRCULAÇÃO Assim sai do coração pela e chega aos pulmões. Aqui liberta o dióxido de carbono, que será expulso do organismo, e recebe oxigénio.

42 CIRCULAÇÃO DA XUXA (Ilariê) Ta na hora, ta na hora Desse sangue circular Do ventrículo direito Para a artéria pulmonar Do pulmão vai pra uma veia Que também é pulmonar Átrio e ventrículo esquerdo Pra aorta bombear Ila-ila-ila-riá- ar, ar, ar (3x) É o sangue arterial indo pra veia pulmonar Através da veia cava Sangue pode retornar Pro ventrículo direito Pra tudo então recomeçar Ila-ila-ila-riá- ar, ar, ar (3x) É o sangue venoso indo pra artéria pulmonar

43 Ecologia Já em ecologia, a prova pode cobrar principalmente a questão das estruturas dos ecossistemas e como os organismos que constituem esses ecossistemas lidam com os nutrientes.prova Vocês deve compreender o fluxo de energia e a ciclagem dos materiais pelos ecossistemas, como o ciclo do carbono e o ciclo de nitrogênio. Outro ponto que pode aparecer, é a eutrofização. Essa parte aparece, em geral, junto com os biomas.

44 Ecossistema é uma comunidade de organismos que interagem entre si e com o meio ambiente ao qual pertencem. Podemos citar como exemplo de meio ambiente: lago, floresta, savana, tundra, etc.

45 Componentes Abióticos Podem ser: Físicos: Radiação Solar, Luz, Temperatura, umidade e ventos; Químicos: Nutrientes; Geológicos: Solo.

46

47 Ao longo da cadeia alimentar há uma transferência de energia e de nutrientes, sempre no sentido dos produtores para os consumidores. energianutrientes

48 O habitat é o lugar na natureza onde uma espécie vive. Por exemplo, o habitat da planta vitória régia são os lagos e as matas alagadas da Amazônia, enquanto o habitat do panda são as florestas de bambu das regiões montanhosas na China e no Vietnã.

49 O nicho é um conjunto de condições em que o indivíduo (ou uma população) vive e se reproduz. Pode se dizer ainda que o nicho é o "modo de vida" de um organismo na natureza. E esse modo de vida inclui tanto os fatores físicos - como a umidade, a temperatura, etc - quanto os fatores biológicos - como o alimento e os seres que se alimentam desse indivíduo.

50

51 Há grande diversidade de ecossistemas: Ecossistemas naturais - bosques, florestas, desertos, prados, rios, oceanos, etc. Ecossistemas artificiais - construídos pelo Homem: açudes, aquários, plantações, etc. Atendendo ao meio físico, há a considerar: Ecossistemas terrestres Ecossistemas aquáticos

52 Tundra - Característica das regiões de clima frio. Predominam musgos, líquenes, gramíneas e algumas árvores anãs. Taiga - Clima frio, mas menos frio que o da tundra. Há mais água no estado líquido. Árvores com copas em forma de cone e com folhagem persistente. Deste modo, há melhor aproveitamento da fraca energia luminosa: os ramos superiores não fazem sombra sobre os inferiores e a fotossíntese realiza-se todo o ano (folhagem persistente).

53 Tundra e taiga

54 Deserto - Clima seco e grandes amplitudes térmicas diurnas: Vegetação pouco desenvolvida e pouco variada. Animais capazes de suportar estas condições adversas. Floresta temperada - Floresta de árvores de folhagem caduca, característica das zonas temporadas.

55 Deserto e Floresta Temperada

56 Savana - Pradaria característica das regiões tropicais, com algumas arvores espalhadas. Locais de pastagem para muitos herbívoros. Floresta equatorial - Floresta luxuriante, com variadíssimas espécies de arvores de grande porte.

57 Savana e Floresta equatorial

58 Ecossistemas Brasileiros Amazônia - América Latina, Mata Atlântica, Pantanal, Cerrado, Caatinga, Campos, Mata de Araucárias do Brasil.

59

60 ECOSSISTEMAS AQUÁTICOS Costeiros Restingas Manguezais

61 Ecossistemas aquáticos CosteirosRestingas

62

63 A eutrofização é um processo normalmente de origem antrópica ou de ordem natural, tendo como princípio básico a gradativa concentração de matéria orgânica acumulada nos ambientes aquáticos. Durante esse processo, a quantidade excessiva de minerais (fosfato e nitrato) induz a multiplicação de micro-organismos (as algas) que habitam a superfície da água, formando uma camada densa, impedindo a penetração da luminosidade.

64 Novo código florestal RESERVA LEGAL É a área de mata nativa que deve ser preservada dentro da propriedade. - O que passou na primeira votação na Câmara A área a ser protegida na Amazônia Legal corresponde a 80% da propriedade; 35% no cerrado; e 20% em outras regiões. - O que passou no Senado O projeto aprovado no Senado permanecia com as especificações citadas, mas possibilitava a redução da reserva para 50% em estados e municípios com mais de 65% das suas áreas em reservas ambientais, desde que a redução seja autorizada pelo Conselho Nacional do Meio Ambiente. - O que passou segunda votação na Câmara Os deputados aprovaram o que havia passado pelo Senado, mas com a seguinte modificação: a redução de reserva legal será definida em nível estadual. Ou seja, se o estado possuir mais de 65% de áreas protegidas (unidade de conservação e/ou terras indígenas), a reserva poderá ser diminuída desde que uma lei estadual autorize isso.

65 ÁREAS DE PRESERVAÇÃO PERMANENTE (APPs) São locais vulneráveis, como beira de rios, topo de morros e encostas, que não podem ser desmatados. Atualmente, produtores devem recompor 30 metros de mata ciliar para rios com até 10 metros de largura. - O que passou na primeira votação na Câmara O texto previa redução para 15 metros de recuperação de mata para rios com largura de até 10 metros. O projeto aprovado autorizou o uso de APPs para alguns tipos de cultivos, como maçã e café. A atividade precisaria ser regulamentada em lei posterior e dava espaço para que cada estado decidisse. O governo foi contra, mas acabou derrotado pela bancada ruralista e parte da base aliada.

66 - O que passou no Senado O texto obrigava aos proprietários com até quatro módulos fiscais - o módulo varia entre estados de 20 a 440 hectares -, de não exceder a recuperação em 20% da área da propriedade. Para propriedades maiores que quatro módulos fiscais em margem de rios, os conselhos estaduais de meio ambiente estabeleceriam as áreas minimas de matas ciliares, respeitando o limite correspondente à metade da largura do rio, observando o mínimo de 30 metros e máximo de 100 metros.

67 Assegurou a todas as propriedades rurais a manutenção de atividades agrossilvopastoris nas margens dos rios, desde que consolidadas até O texto aprovado exigia dos produtores a recomposição de, no mínimo, 15 metros de vegetação nativa nas margens de cursos d'água com até 10 metros de largura. Previa ainda que, para os rios com leitos superiores a 10 metros, a faixa de mata ciliar a ser recomposta deveria ter entre 30 e 100 metros de largura.

68 - O que passou na segunda votação na Câmara No caso de rios com até 10 metros de largura, o proprietário rural deverá recompor uma faixa de, no mínimo, 15 metros de mata ciliar. Não foi definida regra para os rios maiores. As chamadas pequenas propriedades (de até quatro módulos fiscais) terão uma regra especial: a soma das APPs (sendo beira de rio, inclinação ou topos de morro, por exemplo) será limitada a um percentual da área total da propriedade. Em área de floresta amazônica, o percentual será de 80%. Já no cerrado que esteja localizado na Amazônia Legal, será de 35%. Em outros lugares, será de 20%. Esses percentuais correspondem às regras de reserva legal. Já nas áreas urbanas, as regras para todos os tipos de APPs serão definidos pelos planos diretores municipais.

69 CONVERSÃO DE MULTAS O Código Florestal prevê anistia a multas por desmatamento desde que haja reflorestamento. - O que passou na primeira votação na Câmara Produtores rurais com propriedade de até 4 módulos fiscais, autuados até julho de 2008, poderiam converter multas com reflorestamento, de acordo com o texto aprovado pela Câmara. - O que passou no Senado Texto do Senado ampliou o benefício também para os grandes proprietários rurais que desmataram até julho de 2008.

70 - O que passou na segunda votação na Câmara Mantém a possibilidade a agricultores de todos os portes converterem multas com o reflorestamento. A presidente Dilma Rousseff suspendeu até junho as multas aplicadas a quem desmatou até O texto estabelece que, após a sanção e posterior definição das regras para as APPs, os produtores assinem termo para a recomposição. Caso não reponham a vegetação num determinado prazo, deverão pagar multa. As multas ficam suspensas a partir do momento da sanção do Código.suspendeu até junho as multas

71

72

73 A Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, aRio+20, foi realizada de 13 a 22 de junho de 2012, na cidade do Rio de Janeiro. A Rio+20 foi assim conhecida porque marcou os vinte anos de realização da Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento (Rio-92) e contribuiu para definir a agenda do desenvolvimento sustentável para as próximas décadas.

74 A proposta brasileira de sediar a Rio+20 foi aprovada pela Assembléia-Geral das Nações Unidas, em sua 64ª Sessão, em O objetivo da Conferência foi a renovação do compromisso político com o desenvolvimento sustentável, por meio da avaliação do progresso e das lacunas na implementação das decisões adotadas pelas principais cúpulas sobre o assunto e do tratamento de temas novos e emergentes. A Conferência teve dois temas principais: A economia verde no contexto do desenvolvimento sustentável e da erradicação da pobreza; e A estrutura institucional para o desenvolvimento sustentável.

75 Genética / Evolução As questões sobre o tema envolvem genética básica, com a intenção de testar a compreensão do estudante sobre os fenômenos da hereditariedade.estudante "Não são questões trabalhosas, a genética no Enem serve de pano de fundo para os mecanismos que possibilitam a evolução das espécies".

76 As teorias evolutivas em geral, como Darwin, Lamarck e a teoria sintética, que une Darwin e Mendel. "todas as questões do Enem podem ser resolvidas com a teoria evolutiva agregada ao instrumental oferecido pela genética mendeliana".

77

78

79 Meio Ambiente Todos os conteúdos dentro da Biologia que remetam à sustentabilidade podem aparecer no Enem, especialmente a responsabilidade no uso dos recursos.sustentabilidade podem aparecer no Enem O que ajuda é estar sempre atento ao que acontece na mídia, discutir as questões abordadas recentemente".

80 Água O tema água é recorrente no Enem porque vem sendo discutido há muitos anos sem apresentar resultados na conscientização.

81 SÓLIDO GASOSO LÍQUIDO FUSÃOVAPORIZAÇÃO SUBLIMAÇÃO SOLIDIFICAÇÃO CONDENSAÇÃO A vaporização pode ocorrer de três maneiras diferentes: RESSUBLIMAÇÃO Podemos alterar o estado físico de uma matéria modificando a TEMPERATURA e a PRESSÃO EVAPORAÇÃO EBULIÇÃOCALEFAÇÃO

82


Carregar ppt "Biologia é Fóda!!! Professor Nilton Cezar de Azevedo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google