A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

IMPLEMENTANDO O SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE ISO 9001 NA NOSSA ORGANIZAÇÃO!

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "IMPLEMENTANDO O SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE ISO 9001 NA NOSSA ORGANIZAÇÃO!"— Transcrição da apresentação:

1 IMPLEMENTANDO O SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE ISO 9001 NA NOSSA ORGANIZAÇÃO!

2 A NORMA NP EN ISO 9001:2000 ESTÁ DIVIDIDA EM 8 SECÇÕES: 1- Objectivo 2- Referência Normativa 3- Termos e Definições 4- Sistema de Gestão da Qualidade 5- Responsabilidade da Direcção 6- Gestão de Recursos 7- Realização do Produto 8- Medição, Análise e Melhoria

3 SECÇÃO 4 – SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE O Sistema de Gestão da Qualidade é um conjunto de actividades e tarefas que devem ser executadas por todos nós para garantir a qualidade dos nossos produtos e serviços.

4 Todas essas actividades estão documentadas no Manual da Qualidade. E todos vocês podem e devem consultá-lo, sempre que necessário!

5 Com base no Manual, nós podemos: Reduzir custos. Eliminar o retrabalho. Eliminar a improvisação. Conquistar melhorias. Aumentar a nossa produtividade. E muito mais!

6 É PARA ISSO QUE EXISTEM OS DOCUMENTOS DA QUALIDADE! PROCURE USÁ-LOS PARA FACILITAR O TRABALHO DE TODOS E CONQUISTAR AS METAS DESEJADAS!

7 Todos os documentos da qualidade devem ser aprovados, controlados e actualizados. Devem ter uma linguagem simples e estar disponíveis no local de trabalho. Assim, é mais fácil consultá-los.

8 E os documentos desactualizados devem ser ELIMINADOS!

9 SECÇÃO 5 RESPONSABILIDADE DA DIRECÇÃO “A forma mais terrível de naufrágio é não partir.” Amir Klink

10 REQUISITO 5.1 COMPROMETIMENTO DA DIRECÇÃO Ele define as acções que a alta direcção executa para desenvolver e implementar o nosso sistema. Por exemplo, identificar e comunicar os requisitos dos clientes a todos, estabelecer os Objectivos da Qualidade, conduzir revisões ao sistema e muito mais.

11 REQUISITO 5.2 FOCO NO CLIENTE Atender bem o cliente é o nosso maior objectivo como organização. Para isso, a alta direcção assume esse compromisso e assegura que os requisitos dos clientes serão atendidos com eficácia, aumentando a sua satisfação!

12 REQUISITO 5.3 POLÍTICA DA QUALIDADE Ela representa, por escrito, o nosso compromisso com os Objectivos da Qualidade. Por isso, devemos conhece-la e entender como ela se aplica no nosso trabalho.

13 REQUISITO 5.3 POLÍTICA DA QUALIDADE “A qualidade dos nossos produtos é de vital importância para a sobrevivência e crescimento da nossa empresa. Reconhecemos nos nossos clientes o direito de exigir a qualidade, pois eles são a razão de nossa existência.”

14 REQUISITO 5.4 PLANEAMENTO A alta direcção assegura que o planeamento do sistema é realizado para satisfazer os requisitos dos produtos e serviços e os Objectivos da Qualidade. Os Objectivos da Qualidade devem ser mensuráveis e coerentes com a Política da Qualidade, e medidos através de indicadores de desempenho.

15 REQUISITO 5.4 OBJECTIVOS DA QUALIDADE Atender os requisitos dos nossos clientes e garantir a qualidade dos nossos produtos; Promover a melhoria contínua da eficácia do Sistema de Gestão da Qualidade; Investir no desenvolvimento profissional dos colaboradores; Garantir a perpetuação do negócio; Ser uma empresa de referência no mercado.

16 REQUISITO 5.5 RESPONSABILIDADE, AUTORIDADE E COMUNICAÇÃO A alta direcção define e comunica quais são as responsabilidades de cada um de nós. Além disso, indica o Representante da Direcção e garante uma comunicação que nos informe sobre os avanços da eficácia do nosso sistema.

17 REQUISITO 5.6 ANÁLISE CRÍTICA PELA DIRECÇÃO A alta direcção cria os indicadores de desempenho para avaliar e garantir a eficácia do sistema. Isso inclui a avaliação de oportunidades para melhorias e necessidades de mudança do sistema.

18 COMO VOCÊS PODEM VER, O COMPROMETIMENTO DA ALTA DIRECÇÃO É O PRIMEIRO PASSO PARA O SUCESSO DA GESTÃO DA QUALIDADE

19 SECÇÃO 6 GESTÃO DE RECURSOS “Se você acha cara a educação, tente a ignorância.” F. Veiga

20 REQUISITO 6.1 PROVISÃO DE RECURSOS Para implementar e manter o Sistema de Gestão da Qualidade, a organização determina e fornece os recursos necessários.

21 REQUISITO 6.2 RECURSOS HUMANOS A competência das pessoas é construída com educação, formação e treino, habilidade e experiência.

22 REQUISITO 6.3 INFRA-ESTRUTURA É necessário disponibilizar uma infra-estrutura que atenda aos requisitos dos produtos e serviços oferecidos. Por exemplo, espaços de trabalho, equipamentos, ferramentas, serviços de apoio, etc.

23 REQUISITO 6.4 AMBIENTE DE TRABALHO Um ambiente limpo, seguro e saudável favorece a prática da Qualidade. E motiva o nosso trabalho, aumentando o desempenho de todos.

24 É PRECISO INVESTIR EM RECURSOS HUMANOS E INFRA-ESTRUTURAS PARA ATINGIRMOS OS OBJECTIVOS DA QUALIDADE

25 SECÇÃO 7 REALIZAÇÃO DO PRODUTO “No que diz respeito ao empenho, ao compromisso, ao esforço e à dedicação, não existe meio termo. Ou você faz uma coisa bem feita ou não faz.” Ayrton Senna

26 REQUISITO 7.1 PLANEAMENTO DA REALIZAÇÃO DO PRODUTO Devemos planear e desenvolver todos os processos para a realização do produto e registar as evidências de que o processo está atendendo os requisitos do cliente.

27 REQUISITO 7.2 PROCESSOS RELACIONADOS A CLIENTES São os requisitos que devem ser respeitados, como as necessidades dos clientes, leis, estatutos, regulamentos e outros.

28 Também é importante fazer uma análise crítica desses requisitos, antes de fechar um contrato. Precisamos sempre de ter a certeza de poder atender bem o cliente. Também é importante estabelecer uma comunicação eficiente com o cliente, visando atender suas solicitações, dúvidas, reclamações, pedidos, sugestões e, até mesmo, os seus elogios!

29 REQUISITO 7.3 PROJECTO E DESENVOLVIMENTO Isso significa planear e controlar as várias etapas do projecto e desenvolvimento de um produto ou serviço. Todas as etapas e responsabilidades devem estar bem claras e definidas.

30 REQUISITO 7.4 AQUISIÇÃO Devemos trabalhar com fornecedores qualificados e aceitar somente produtos de acordo com os nossos requisitos. Para isso, descrevemos as informações de compra no nosso pedido de compra e fazemos a verificação do produto.

31 REQUISITO 7.5 PRODUÇÃO E FORNECIMENTO DO SERVIÇO A organização cria e controla as condições em que os produtos ou serviços são planeados e realizados. Por exemplo, disponibilidade de informações, equipamentos, actividades de entrega, etc.

32 IDENTIFICAÇÃO E RASTREABILIDADE Esta é uma forma de controlo, onde identificamos o produto durante todo o seu processo de fabrico, desde o recepção das matérias-primas até ao produto final. Assim, em caso de não- conformidade, podemos realizar o rastreio, ou seja, podemos descobrir a fase em que o problema ocorreu.

33 PROPRIEDADE DO CLIENTE Também devemos ter cuidado com a propriedade do cliente. Enquanto ela estiver sob o nosso controlo, vamos tomar todas as medidas para protegê-la e preservá-la.

34 REQUISITO 7.6 CONTROLO DOS DISPOSITIVOS DE MEDIÇÃO E MONITORIZAÇÃO Os equipamentos de inspecção, medição e ensaios devem estar identificados e calibrados. Só assim, podemos verificar correctamente os nossos produtos e matérias-primas.

35 O TRABALHO EM EQUIPA FACILITA O CUMPRIMENTO DAS METAS E VALORIZA O FUNCIONÁRIO

36 SECÇÃO 8 MEDIÇÃO, ANÁLISE E MELHORIA “O mais importante na vida não é a situação em que estamos, mas a direcção para a qual nos movemos.” O.W. Holmes

37 REQUISITO 8.1 GENERALIDADES Devemos medir e analisar a conformidade dos nossos produtos e serviços, do Sistema de Gestão da Qualidade e utilizar essas informações para planear melhorias contínuas no sistema.

38 REQUISITO 8.2 MEDIÇÃO E MONITORAMENTO Vamos medir e monitorizar os processos e produtos e a Satisfação dos Clientes.

39 ...e vamos realizar Auditorias Internas! Essas informações são fundamentais para medir e melhorar o desempenho do nosso Sistema de Gestão da Qualidade.

40 REQUISITO 8.3 CONTROLO DO PRODUTO NÃO-CONFORME Vamos identificar e separar os produtos que apresentam falhas, defeitos ou estão fora das especificações. Também é importante decidir o que fazer com eles!

41 REQUISITO 8.4 ANÁLISE DOS DADOS Vamos colher e analisar dados que vão ajudar-nos a obter melhorias e eliminar as causas reais e potenciais das não-conformidades.

42 REQUISITO 8.5 MELHORIA Duas acções são muito importantes no processo de melhoria contínua do nosso sistema:

43 ACÇÃO CORRECTIVA O seu objectivo é eliminar as causas das não-conformidades, para que os erros não se repitam. ACÇÃO PREVENTIVA E a prevenção contra possíveis não-conformidades, antes que elas aconteçam.

44 PARA TERMOS CLIENTES SEMPRE SATISFEITOS, PRECISAMOS EVOLUIR TODOS OS DIAS.

45 VÊ? NÃO É TÃO DIFÍCIL...

46 PARA FALAR A VERDADE, VÁRIOS DESTES REQUISITOS JÁ SÃO PRATICADOS POR TODOS NÓS...

47 AFINAL... O NOSSO TRABALHO TEM QUALIDADE!!

48 A DIFERENÇA É QUE, QUANDO TRABALHAMOS “DENTRO” DE UM SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE...

49 ...TODAS AS NOSSAS ACÇÕES PASSAM A FAZER PARTE DE UM ÚNICO SISTEMA!

50 ISSO FACILITA A OBTENÇÃO DE MELHORIAS...

51 ...A CONQUISTA DE RESULTADOS...

52 ...E A SATISFAÇÃO CADA VEZ MAIOR DOS NOSSOS CLIENTES!!

53 TODOS SÓ TÊM A GANHAR!!

54 E QUANDO TODOS GANHAM, TODOS FICAM DE BOM-HUMOR!! ENTÃO...

55 ...SORRIA!

56 ISO 9OO1:2OOO O CAMINHO DA QUALIDADE, DO SUCESSO E DO BOM-HUMOR!


Carregar ppt "IMPLEMENTANDO O SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE ISO 9001 NA NOSSA ORGANIZAÇÃO!"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google