A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Secretaria de Estado de Educação FEVEREIRO. Com o intuito de elevar o patamar de seu desempenho, a Secretaria de Estado de Educação está adotando políticas.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Secretaria de Estado de Educação FEVEREIRO. Com o intuito de elevar o patamar de seu desempenho, a Secretaria de Estado de Educação está adotando políticas."— Transcrição da apresentação:

1 Secretaria de Estado de Educação FEVEREIRO

2 Com o intuito de elevar o patamar de seu desempenho, a Secretaria de Estado de Educação está adotando políticas públicas voltadas à melhoria dos resultados da educação frente ao atual cenário. Resultados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) do Estado do Rio de Janeiro O Brasil tem investido muito nos últimos anos em educação básica como base de sustentação do crescimento do país. Entretanto, observando o desempenho do Estado do Rio de Janeiro no contexto atual do ensino no Brasil, podemos visualizar um problema: o Baixo Desempenho no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) nos Ensinos Fundamental I, Fundamental II e Médio. Fonte IDEB:

3 Para alcançar a Visão de Futuro e as metas estabelecidas, estão sendo planejadas ações e a gestão na ponta auxiliará o seu alcance. + Diretrizes Estratégicas Visão de Futuro “ Ser referência de bons resultados educacionais no cenário nacional e internacional.” Visão de Futuro “ Ser referência de bons resultados educacionais no cenário nacional e internacional.” Por meio do trabalho de gestão nas escolas, será possível auxiliar diretamente o Estado a alcançar as suas metas e melhorar resultados na atividade-fim, ou seja, resultado do processo ensino-aprendizagem, traduzido nos resultados de IDEB (incluindo Prova Brasil, SAEB e fluxo), SAERJ, entre outros. A meta do IDEB para o Estado do Rio de Janeiro: Estar entre os 5 melhores estados em 2013

4 Metas SEEDUC O fluxo de desdobramento das metas contribuirá para atingir a visão estratégica da SEEDUC envolvendo todos os colaboradores, que serão, portanto, co-responsáveis pelo alcance das metas. Para que o Estado consiga estar entre as 5 melhores posições no IDEB, foram definidas metas para todos os níveis do sistema educacional (Secretaria, Regionais Pedagógicas e Administrativas e Escolas). Para o alcance dessas metas, medidas serão definidas a fim de alcançar o resultado desejado.

5 Todos focados no mesmo objetivo Para que a Rede Estadual do Rio de Janeiro desempenhe com sucesso a missão de garantir que todo estudante conclua a Educação Básica na idade adequada, dominando as competências e habilidades esperadas para esta etapa de ensino, é necessário que todos entendam seu papel e a responsabilidade nos resultados da Rede. Será preciso um esforço coletivo. Todos terão sua parcela de responsabilidade na melhoria destes resultados.

6 Ouve-se muito falar em Gestão na Área Educacional… Gestão é organizar os meios para atingir os fins. Metas, portanto, só devem ser estabelecidas nos fins e nunca nos meios. FIM: resultados do processo ensino aprendizagem. Baixo IDEB Quadra coberta Poucos alunos alfabetizados no tempo adequado Recuperação de alunos Pais na escola Aulas pouco atrativas

7 Desta forma, a GIDE será implementada na rede, em 2011, como o meio que as escolas irão adotar para alcançar melhores resultados. Resultados (FIM): Aumento do aproveitamento Redução do abandono Aumento das notas em avaliações estaduais e nacionais Método = Caminho para atingir metas (melhorar resultados)

8 O Sistema GIDE engloba as dimensões pedagógicas, estratégicas e gerenciais. É orientada pelo método PDCA e balizada pelo indicador gerencial IFC/RS. Método PDCA + Gestão Integrada da Escola + Pilares de Sucesso

9 GIDE – Gestão Integrada da Escola Sistema de Gestão para as Escolas, que integra os aspectos políticos, estratégicos e gerenciais inerentes à área educacional, com foco em resultados da atividade-fim, processo ensino-aprendizagem. Desta forma, a GIDE tem por objetivo melhorar significativamente os resultados da escola, tendo como referência as metas do IDEB, ENEM, Avaliações Estaduais entre outras. A GIDE é um sistema gerencial avançado, que fala a língua da escola, testado no alcance da melhoria dos resultados. Fonte: Gestão Integrada da Escola Autoria: Maria Helena de Pádua Godoy / Izabela Lanna Murici

10 (O QUE TEMOS) MARCO SITUACIONAL 1 1 MARCO DOUTRINAL (O QUE QUEREMOS) 2 2 MARCO OPERATIVO (DIRETRIZES) 3 3 Análise de resultados Análise estratégica DIAGNÓSTICO 4 4 Integração da GIDE - Desafio Pedagógico 5 5 DESENVOLVIMENTO Metas DESENVOLVIMENTO Estratégias e Planos de Ação 6 6 CAMINHO Para que seja possível sair da situação que temos para a que queremos, é necessário implementar o que está sendo proposto e acompanhar sistematicamente, tomando ações corretivas quando necessário e padronizando as práticas de sucesso.

11 Ao implementar a GIDE, as escolas terão como principais benefícios: - Redução do trabalho, dispersão de energia e talento nas escolas com a implementação de um instrumento de gestão; - Conversão do esforço da equipe escolar para o aluno; - Implementação do gerenciamento científico baseado em fatos e dados; - Identificação correta e precisa dos fatores que influenciam negativamente os resultados da escola e que precisam ser trabalhados (Índice de Formação de Cidadania e Responsabilidade Social – IFC/RS).

12 O Índice de Formação de Cidadania e Responsabilidade Social - IFC/RS O indicador gerencial utilizado na GIDE é o IFC/RS e, com sua aplicação, a escola estará apta a obter informações necessárias a uma análise consistente e profunda sobre seus resultados, sobre o processo ensino-aprendizagem e meios relativos à vertente ambiental. Definir metas para as variáveis. Serão trabalhados como ações para melhorar resultados. IFC/RS Variáveis relativas a resultados (45%) Variáveis relativas a condições ambientais (Ambiente da qualidade na escola) (25%) Variáveis relativas ao ensino- aprendizagem (Meios que influem fortemente nos resultados) (30%)

13 O IFC/RS é um raio X da escola. Permite a identificação correta, rápida e precisa dos fatores que influem nos resultados. Importância da aplicação do IFC/RS Ainda que sua coleta pareça trabalhosa e detalhada, a intenção é que a sua utilização crie na escola uma cultura de registro de seus principais dados/informações, dando- lhe oportunidade de se conhecer melhor e agir assertivamente, melhorando seus resultados.

14 “Uma Meta é um gol. Um ponto a ser atingido no futuro.” (Prof. Vicente Falconi). Após a coleta do IFC/RS e preenchimento da árvore, a escola estabelecerá metas baseadas nas variáveis da Dimensão resultados e as metas globais (IDEB, IFC/RS)

15 TODA META deve ser estabelecida sobre os FINS e nunca sobre os meios. Definição de Metas

16 Tendo como base a Árvore do IFC/RS, a escola deve priorizar as variáveis críticas (causas fundamentais) da dimensão ensino aprendizagem que serão trabalhadas no plano de ação...

17 Planos de Ação Quando se quer atingir metas, é importante planejar algumas ações para alcançar os resultados desejados. Este conjunto de ações é chamado PLANO DE AÇÃO. Considerando-se a objetividade e precisão do diagnóstico do IFC/RS, a elaboração do plano de ação será baseada nas variáveis críticas da Dimensão Ensino-Aprendizagem e da Dimensão Ambiental. São previstos dois planos de ação: >> Plano da Dimensão Ensino-Aprendizagem: composto por contramedidas relativas às variáveis críticas da Dimensão Ensino-Aprendizagem diagnósticas no IFC/RS. >> Plano da Dimensão Ambiental: composto pelos encaminhamentos identificados por meio da aplicação do Padrão Mínimo da Dimensão Ambiental e por contramedidas relativas às variáveis críticas da Dimensão Condições Ambientais do IFC/RS.

18 Para realizar a multiplicação, orientação e acompanhamento da GIDE, foram capacitadas na metodologia em torno de 250 profissionais da rede. A GIDE será disseminada em toda a rede por meio de gestores multiplicadores O acompanhamento ocorrerá em todos os níveis, desde a escola, passando pelas regionais e chegando à Secretaria de Estado de Educação. Cada esfera irá definir ações para contribuir e apoiar as escolas.

19 Vamos lembrar sempre: As pessoas precisam se sentir parte da mudança para realizarem as novas práticas.

20 AGRADECEMOS A PARTICIPAÇÃO DE VOCÊS!


Carregar ppt "Secretaria de Estado de Educação FEVEREIRO. Com o intuito de elevar o patamar de seu desempenho, a Secretaria de Estado de Educação está adotando políticas."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google