A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Métodos de ensino de línguas: Áudio lingual

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Métodos de ensino de línguas: Áudio lingual"— Transcrição da apresentação:

1 Métodos de ensino de línguas: Áudio lingual
Por Sara Franck

2 O que é? É uma maneira de ensinar utilizada, principalmente, no ensino de línguas estrangeiras. Sua origem... Esse método surgiu da necessidade que os soldados americanos, na Segunda Guerra Mundial, tinham de aprenderem o idioma de seus a aliados e inimigos.

3 No que se fundamenta Se baseia na teoria behaviorista ou comportamental (estímulo - resposta). Principalmente no behaviorismo de Skinner que enfatiza a repetição, reforço e a memorização. Segundo ele todo comportamento humano poderia ser moldado ao se controlar os estímulos do meio ambiente.

4 Seu foco... Prioriza a oralidade, diálogos e pronúncias.
Esses comportamentos podem ser comportamentos reflexos, voluntários ou comportamentos operantes dependendo do estímulo que receberem. Seu foco... Prioriza a oralidade, diálogos e pronúncias.

5 Como funciona? O aluno desenvolve primeiro as habilidades orais (ouvir e falar) e posteriormente as habilidades escritas (ler e escrever). Ocorre nessa ordem, uma vez que, o estudante só pode ser exposto à escrita quando os padrões da língua oral já estiverem internalizados e automatizados.

6 Se dá por meio do professor que fornece ao aluno uma grande quantidade de atividades orais com foco na conversação e na pronúncia através de drills (exercícios de repetição oral de frases, pequenos diálogos e diálogos gravados por falantes nativos, geralmente memorizados pelos alunos).

7 A gramática é ensinada por indução, por elementos dados no diálogo, e não pelas análises e explicações de regras gramaticais. Consequências... Excelente método para fluência e oralidade no idioma. O vocabulário é limitado e controlado (para evitar a ocorrência de erros, os quais são considerados um desenvolvimento indesejável).

8 Não é muito enfatizado e desenvolvido a escrita com os estudantes como é a oralidade.
O estudante aprende a língua e não sobre a língua. Apesar de aprender estruturas gramaticais, pouco aprende da gramática, imitam os falantes nativos. Aprendem a estrutura, mas não o uso, regras, exceções, especificidades e funcionalidade.

9 Referências Bibliográficas
https://www.psicologiamsn.com/2013/03/behaviorismo-de-watson-e-skinner.html


Carregar ppt "Métodos de ensino de línguas: Áudio lingual"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google