A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

INTERAÇÕES Um olhar sobre a Publicidade. Um Olhar sobre a Publicidade A evolução da história da Publicidade mostra formas cada vez mais eficazes, mais.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "INTERAÇÕES Um olhar sobre a Publicidade. Um Olhar sobre a Publicidade A evolução da história da Publicidade mostra formas cada vez mais eficazes, mais."— Transcrição da apresentação:

1 INTERAÇÕES Um olhar sobre a Publicidade

2

3 Um Olhar sobre a Publicidade A evolução da história da Publicidade mostra formas cada vez mais eficazes, mais abrangentes e mais sofisticadas de chamar a atenção. A Publicidade foi, é e será sempre a arte de chamar a atenção. Interações – 11.º Ano A Arte de Chamar a Atenção

4 O texto publicitário corresponde à parte do anúncio em que se descrevem as características de um produto publicitado na imprensa ou num outro suporte de marketing direto. O body copy (o corpo do texto) toma muitas vezes a forma de um pequeno quadrado de texto ou parágrafo que acompanha a imagem do produto. Um Olhar sobre a Publicidade Ler um texto publicitário Interações – 11.º Ano

5 A Publicidade é, então, uma forma de comunicação que pretende chamar a atenção, mas também informar, e sobretudo persuadir o público-alvo a adotar determinado comportamento. Ora, este tipo de comportamento depende do tipo de publicidade: Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

6 A Publicidade Institucional –visa alertar, sensibilizar ou incitar à realização de ações de solidariedade, campanhas de prevenção, etc. Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

7 Poupe um recurso escasso! A água é essencial à vida. Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

8 A Publicidade comercial –visa chamar a atenção dos potenciais consumidores para determinado produto, e persuadi-los a comprá-lo. Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

9

10 Para ler um texto publicitário devemos descrever, analisar e interpretar o anúncio na sua globalidade, inferindo das relações resultantes da interação entre texto e imagem. Um Olhar sobre a Publicidade Ler um texto publicitário Interações – 11.º Ano

11 Ler um texto publicitário A descrição é o primeiro passo para a leitura que é sugerida ou imposta pelo grafismo, pelas proporções, pela perspetiva, pela utilização das cores, dos tons, das harmonias e dos contrastes, das formas e dos modelos, para uma visão global do anúncio publicitário. Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

12 O texto publicitário comporta um discurso persuasivo e a análise focaliza-se nos diferentes significantes, o que diz e como o diz. A interpretação aparece no final de uma cadeia lógica cuja finalidade é criar o desejo de comprar o produto; Um Olhar sobre a Publicidade Ler um texto publicitário Interações – 11.º Ano

13 Estamos em presença de um significante visual, que condensa uma combinação variável de vários tipos de sistemas significantes, onde figura o texto e a imagem. Um Olhar sobre a Publicidade Ler um texto publicitário Interações – 11.º Ano

14 Neste caso (Água das Pedras) verifica-se que há uma relação de harmonia e complementaridade, visto que a cor verde da natureza luxuriante (e a cor da garrafa que contém a água) é associada à beleza (transformação), representada pela borboleta, que traduz e intensifica o poder da água que, é infinito tal como o slogan salienta. Um Olhar sobre a Publicidade Ler um texto publicitário Interações – 11.º Ano

15 Por vezes, assistimos a publicidades insólitas, divertidas, por vezes até chocantes, para captar a atenção do leitor/espetador nem que seja por breves instantes, forçando-o, nem que seja por curiosidade, a procurar o sentido da mensagem. Um Olhar sobre a Publicidade Ler um texto publicitário Interações – 11.º Ano

16 Um Olhar sobre a Publicidade Ler um texto publicitário Interações – 11.º Ano

17 Um Olhar sobre a Publicidade Ler um texto publicitário Interações – 11.º Ano

18 Ora, a mensagem publicitária baseia-se nos modos de significação indireta, visto que a relação significante-significado pode estabelecer-se com base na alusão, na evocação, na associação, na conotação… Se excetuarmos a publicidade a medicamentos, a argumentação não passa pela explicação racional ou pela demonstração de qualidades objetivamente superiores do que se quer vender. Utilizam-se outras formas, outras linguagens… Um Olhar sobre a Publicidade Ler um texto publicitário Interações – 11.º Ano

19 Ler um texto publicitário Tomemos como exemplo, uma determinada campanha de cerveja: esta não mostra nem a marca, nem o copo, nem uma garrafa de cerveja e não diz nada sobre as qualidades do produto, contentando- se em proclamar com uma falsa modéstia, calculada ao milímetro, Esta é provavelmente a melhor cerveja do mundo. Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

20 Um estudo mais atento desta mensagem aparentemente muito simples mostra que o argumento recai sobre a criação de um significado complexo de cosmopolitismo, conotado positivamente, que se vem associar à marca e em consequência àqueles que a consomem. Um Olhar sobre a Publicidade Ler um texto publicitário Interações – 11.º Ano

21 A beleza, a riqueza, a felicidade familiar, as férias ou a amizade são desta forma invocados, por metonímia, segundo mecanismos significantes que podem parecer complicados, mas dos quais temos uma boa razão para crer que eles desencadearão no leitor uma interpretação final prevista pelo recetor. Um Olhar sobre a Publicidade Ler um texto publicitário Interações – 11.º Ano

22 O implícito, o não-dito, a pressuposição, o apelo ao domínio de conhecimentos do leitor e a utilização de diversas estratégias retóricas, (metáfora, comparação, metonímia, sinédoque, hipérbole, enumeração, etc) devem ser identificadas para que a mensagem seja interpretada. Um Olhar sobre a Publicidade Ler um texto publicitário Interações – 11.º Ano

23 Exemplos de recursos expressivos usados na publicidade Frases do tipo imperativo Aproveite esta promoção e ganhe prémios. Adjetivação tripla Um tratamento verdadeiramente completo que torna os seus cabelos saudáveis, limpos e sedosos. Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

24 Repetição (de palavras e sons)Pessoas experientes para pessoas exigentes. Onomatopeia (imitação do som próximo da marca que se quer publicitar). Sssschhhh Schweppes. Polissemia (uso da mesma palavra com vários significados). A sua conta é da nossa conta Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

25 Aliteração (repetição de sons consonânticos). Bosch é bom. Hipérbole (exagero). Alarme XPTO. Um sistema que reage mais depressa que o perigo. Rima (repetição da mesma sílaba tónica no final do verso). Há mar e mar/Há ir e voltar. Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

26 Figuras ligadas à composição da imagem/anúncio O anacoluto (figura ligada à construção da frase, consiste numa rutura no plano da sintaxe). O equivalente na imagem consiste em realizar por fotomontagem uma impossibilidade para potenciar a característica do produto. –um armário que se abre para uma paisagem de férias; –umas mãos a sairem do televisor; … Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

27 A antítese: coloca em paralelo duas realidades opostas: –Imagem: empregado de escritório a jogar cartas no seu computador; –Texto: taxa elevada de produtividade. A alegoria: representa uma ou mais ideias. Parte de uma ideia abstrata e materializa-a numa imagem (a Paz, a Liberdade, a Justiça…) Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

28 A hipérbole: consiste no exagero do texto ou da imagem. O princípio é o de salientar o produto ou uma das suas características. A lítotes: consiste em atenuar linguisticamente para intensificar em atenuação/intensificação que consiste em dizer pouco para sugerir muito. Aplicada à imagem, a litote consiste em diminuir o tamanho de um elemento ou até eliminá-lo para, paradoxalmente, lhe dar mais importância. Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

29 A metonímia: consiste em substituir –o efeito pela causa: o frigorífico por um bloco de gelo, o sapato pela pegada, … – a causa pelo efeito: a lã pela ovelha… –O emissor pelo recetor: a televisão por um olho; a rádio por um ouvido, … O oxímoro consiste em reunir numa mesma frase elementos aparentemente contaditórios: um cesto de morangos colocados sobre uma paisagem de neve (colheita de dezembro). Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

30 O paradoxo (representação que vai contra o senso comum). O paradoxo procura criar oposições através de uma formulação que parece ilógica em que o texto/imagem são apresentados em «contra- corrente» (imagem de uma fera selvagem para destacar a suavidade de um produto). A prosopopeia empresta a palavra a seres inanimados. Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

31 Com sandálias havaianas, nunca fica de pantanas. Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

32 Sinédoque : o conjunto de pincéis remetem para uma parte do corpo (pés) de um indivíduo; Metáfora: A forma geométrica dos pincéis assemelha-se a pés; a tinta dos pincéis lembram o verniz das unhas pintadas; a variedade de cores (arco-íris representa a enorme variedade das cores que a marca proporciona; as cores vivas sugerem momentos festivos e de alegria.) Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

33 Produzir um texto publicitário Para escrever um bom texto publicitário pode empregar-se vários métodos. Falemos de dois que parecem ser eficazes : –o método AIDMA (atenção, interesse, desejo, memória e aquisição); – o método DDPC (dramático, descritivo, persuasivo, compra). Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

34 Assim, o texto publicitário tem como finalidade despertar e captar a atenção, o interesse e desejo dos consumidores, devendo respeitar o conceito publicitário AIDMA (atenção, interesse, desejo, memorização, acção). Apresenta duas partes: a estrutura e o discurso. Produzir um texto publicitário Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

35 Produzir um texto publicitário O primeiro método consiste em: –chamar a atenção; –despertar o interesse; –estimular o desejo; –memorizar o produto; –desencadear a aquisição do produto. Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

36 O segundo método pretende que o texto cresça em espiral : –começar num tom dramático; –continuar em descritivo; –prosseguir em modo persuasivo; –terminar de modo a desencadear a compra. Baseado e adaptado de Publicitor, capts V, VI, VII. Um Olhar sobre a Publicidade Produzir um texto publicitário Interações – 11.º Ano

37 Na estrutura: Título: é uma mensagem publicitária; Imagem: ilustra o produto de forma sugestiva de modo a cativar o público-alvo; Slogan: um slogan é um texto curto, forte, motivador, que fica no ouvido, que é inesperado, que nos faz sorrir, ou achar graça, ou exclamar está muito bem apanhado. Deve chamar a atenção e ser facilmente memorizado; Corpo do texto (texto argumentativo / descritivo ou alegórico); informa detalhadamente as qualidades do produto; Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

38 No discurso (utiliza frequentemente) Uma linguagem polissémica; Frases nominativas curtas; Tipo de frases exclamativas e/ou imperativas; Rima/ onomatopeia/ aliteração; Adjetivação expressiva; Figuras (de estilo): a metáfora, a comparação a alegoria ou a hipérbole; Função da linguagem apelativa e/ou emotiva. Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

39 O anúncio publicitário divulga-se em vários suportes: televisão; cinema; rádio; internet; revistas; jornais; cartazes de rua; panfletos … Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano

40 O anúncio publicitário dirige-se a um público-alvo Adolescentes; Crianças; profissionais de determinada área; população em geral. Um Olhar sobre a Publicidade Interações – 11.º Ano


Carregar ppt "INTERAÇÕES Um olhar sobre a Publicidade. Um Olhar sobre a Publicidade A evolução da história da Publicidade mostra formas cada vez mais eficazes, mais."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google