A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Rivadávia Correa Drummond de Alvarenga Neto 1 a edição |2008| Gestão do Conhecimento em Organizações.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Rivadávia Correa Drummond de Alvarenga Neto 1 a edição |2008| Gestão do Conhecimento em Organizações."— Transcrição da apresentação:

1 Rivadávia Correa Drummond de Alvarenga Neto 1 a edição |2008| Gestão do Conhecimento em Organizações

2 Rivadávia Correa Drummond de Alvarenga Neto é doutor e Mestre em Ciência da Informação pela UFMG, especialista em Negócios Internacionais pela PUC Minas e bacharel em Administração (UFMG). É professor Titular do curso de Mestrado Profissionalizante em Administração pela FEAD Minas, Professor convidado da Fundação Dom Cabral e do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da UFMG. Autor de vários artigos, ministra regularmente palestras nas área de Gestão do Conhecimento, Gestão Estratégica da Informação, Aprendizagem Organizacional, Comunidades de Prática e Gestão Organizacional. Gestão do Conhecimento em Organizações Sobre o Autor

3 Gestão do Conhecimento em Organizações: uma proposta de mapeamento iterativo – Este livro investiga a temática denominada Gestão do Conhecimento (GC) no contexto organizacional brasileiro, procurando discutir seu conceito, elementos constituintes, áreas fronteiriças e interfaces, bem como origens, cenários e perspectivas, práticas, abordagens gerenciais e ferramentas, dinâmica e demais aspectos, paralelamente ao distanciamento da discussão puramente terminológica, de viés ingênuo, ensimesmado e inócuo. Resenha da Obra Gestão do Conhecimento em Organizações

4 Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

5 Síntese dos principais resultados Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira CTC Categorias de análise: Categoria analítica 1 – motivadores para a GC; Categoria analítica 2 – compreensão e definição organizacional de GC; Categoria analítica 3 – aspectos ou abordagens consideradas pela GC; metáfora do guarda-chuva conceitual de GC; Categoria analítica 4 – cenários e perspectivas – melhores práticas organizacionais de GC; Categoria analítica 5 – questões de sensemaking ou construção de sentido; Categoria analítica 6 – questões relativas à criação de conhecimento; Categoria analítica 7 – questões relativas à tomada de decisão; Categoria analítica 8 – questões relativas ao contexto capacitante.

6 Principais constatações: reconhecimento de que a informação e o conhecimento são os principais fatores de competitividade; necessidade de inovação contínua; problemas relativos à coleta, ao tratamento, à organização, à recuperação e à disseminação de informações; inexistência de práticas de compartilhamento; premência da criação de um contexto capacitante na organização. Síntese dos principais resultados Categoria Analítica 1 – Motivadores para a GC Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

7 Principais constatações: ausência de consenso na definição de GC; termos comuns presentes nas entrevistas: processo, informação, conhecimento, inovação, explicitação, registro, disponibilização, compartilhamento, acesso, utilização, colaboração, criação de contexto favorável, entre outros. Síntese dos principais resultados Categoria Analítica 2 – Compreensão e definição organizacional de GC Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

8 Síntese das respostas ao verificar a proposta intitulada guarda-chuva conceitual de GC: monitoração ambiental, inteligência competitiva, pesquisa de mercado; gestão estratégica da informação, gestão eletrônica de documentos, mapeamento de processos; gestão do capital intelectual, competências, pessoas e ativos intangíveis; comunidades de prática – reais e virtuais; aprendizagem organizacional, inclusive e-learning; apoio ao processo decisório; criação do contexto capacitante. Síntese dos principais resultados Categoria Analítica 3 – Aspectos ou abordagens consideradas pela GC: metáfora do guarda-chuva conceitual de GC Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

9 Principais problemas e obstáculos: questões culturais, comportamentais e atitudinais; idéia estreita de trabalho produtivo; idéia de que informação e/ou conhecimento é poder; ausência de práticas de compartilhamento. Problemas secundários: restrições orçamentárias (softwares, sistemas etc.); altos índices de turnover da organização; falta de tempo para registro e compartilhamento. Síntese dos principais resultados Categoria Analítica 4 – Cenários – perspectivas – melhores práticas organizacionais de GC Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

10 Melhores práticas: gestão estratégica da informação e tecnologia da informação; gestão do capital intelectual; criação de condições favoráveis ou contexto capacitante; colocação das pessoas no centro dos debates; comunidades de prática; inteligência competitiva; aprendizagem organizacional; atacar a idéia do compartilhamento romântico. Síntese dos principais resultados Categoria Analítica 4 – Cenários – perspectivas – melhores práticas organizacionais de GC Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

11 Aspectos circundados: estratégia de GC e vínculo com a estratégia organizacional; existência de política de informação e condução de um diagnóstico de necessidades de informação; levantamento das principais fontes de informação; compreensão de como o CTC monitora ou acompanha os acontecimentos no ambiente organizacional externo; existência de uma tipologia ou mapeamento do ambiente organizacional externo. Síntese dos principais resultados Categoria Analítica 5 – Questões de sensemaking ou construção de sentido Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

12 Resultados obtidos: estratégia de GC está vinculada à organizacional; inexistência de política formal e explícita de informação; principais fontes de informação: internet, sistemas de informação e registros internos; grau de intrusão organizacional altíssimo; inexistência de uma tipologia ou mapeamento do ambiente organizacional externo. Síntese dos principais resultados Categoria Analítica 5 – Questões de sensemaking ou construção de sentido Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

13 Arquitetura informacional – gestão estratégica da informação: preocupação com a arquitetura informacional; compreensão do conceito e de que se trata de um processo contínuo. Coleta, organização, tratamento e uso das informações: fontes múltiplas, clippings, pesquisas, entre outros; definição de taxonomias, vocabulários controlados, CDU e normas ABNT. Síntese dos principais resultados Categoria Analítica 6 – Questões relativas à criação de conhecimento Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

14 Disseminação da informação na organização: meio eletrônico, em especial e intranet. Produtos e serviços de informação: suporte eletrônico dominante. Política organizacional para compartilhamento de informações e conhecimentos – principais barreiras: políticas tácitas; barreiras: cultura organizacional, aspectos pessoais, idéia de que o conhecimento é poder, ausência de espaços físicos, restrições orçamentárias, entre outros. Síntese dos principais resultados Categoria Analítica 6 – Questões relativas à criação de conhecimento Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

15 Questões de compartilhamento versus proteção e segurança da informação: predomina o compartilhamento; grande preocupação com as questões de segurança da informação. Capital intelectual: projeto de acompanhamento das aposentadorias, iniciativas de mapeamento do capital intelectual (yellow pages), páginas amarelas do conhecimento, banco de capital intelectual ou sistemas localizadores de expertise, entre outros. Síntese dos principais resultados Categoria Analítica 6 – Questões relativas à criação de conhecimento Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

16 Aprendizagem organizacional: parcerias com universidades e escolas. Processos de geração de conhecimento: contratação de especialistas externos, pesquisas, bibliotecas, redes de conhecimento e de trocas de conhecimento, internet, redes de relacionamentos com universidades, programa de idéias e sugestões, centros de pesquisa, entre outros; avaliação de carreiras e promoções. Síntese dos principais resultados Categoria Analítica 6 – Questões relativas à criação de conhecimento Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

17 Processos de codificação e coordenação do conhecimento: controle, tratamento, disseminação, disponibilização, geração de relatórios, bases de informações, patentes e registros, entre outros; inexistência de uma tipologia formal de conhecimentos. Processo de transferência de conhecimento: cafezinhos, bebedouro, corredores, almoços etc. compreensão da diferença entre transferir conhecimento explícito e tácito. Síntese dos principais resultados Categoria Analítica 6 – Questões relativas à criação de conhecimento Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

18 Principais constatações: existência de produtos e/ou serviços de informação destinados à alta direção para dar suporte ao processo decisório; entrevistados afirmam que a GC contribui positivamente para a melhoria no processo decisório, mas esperam maior aprofundamento. Síntese dos principais resultados Categoria Analítica 7 – Questões relativas à tomada de decisão Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

19 Visão organizacional – intenção: existência tácita; existência explicitada. Cultura, comportamento, atitude – impacto da GC nas pessoas: mudança de foco de GC; há reações negativas quando o assunto é mudança de cultura organizacional. Síntese dos principais resultados Categoria Analítica 8 – Questões relativas ao contexto capacitante Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

20 Mobilização dos ativistas do conhecimento: membros das equipes de GC atuam como ativistas do conhecimento ao advogar e divulgar a GC. Layout e locais de trabalho – reais e virtuais: existência de layouts formados por células e núcleos de especialidade. Locais de encontro – reais e virtuais: cafezinho, refeitório, copa, eventos, seminários técnicos e workshops, bibliotecas; intranet, comunidades de prática, chats, fóruns, entre outros. Síntese dos principais resultados Categoria Analítica 8 – Questões relativas ao contexto capacitante Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

21 Política de compartilhamento – principais barreiras: barreiras: questões culturais e comportamentais, idéia de que conhecimento é poder; estratégia: reuniões, criação de locais de compartilhamento, práticas de liderança, entre outros. Autonomia, flutuação, empowerment, diversidade, caos criativo, redundância e variedade de requisitos: empowerment significa melhoria no processo decisório. Síntese dos principais resultados Categoria Analítica 8 – Questões relativas ao contexto capacitante Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

22 Atividades para a promoção da GC e do conhecimento na organização: feiras, simpósios, seminários, encontros, jantares, bebedouros, entre outros. os resultados desses esforços foram positivos. Síntese dos principais resultados Categoria Analítica 8 – Questões relativas ao contexto capacitante Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

23 Síntese dos principais resultados alcançados com a GC pelo CTC: redução do ciclo de inovações e aceleração do tempo de entrega de soluções ao mercado; ampliação da fatia de mercado, aumento do portfólio de negócios e da carteira de clientes; melhoria na colaboração entre as pessoas e equipes; diminuição do retrabalho e redução de custos; preservação da memória organizacional; aumento da aprendizagem organizacional; antecipação de movimentos estratégicos. Síntese dos principais resultados Principais resultados Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

24 O escopo de atuação da área da GC no CTC envolve não somente a gestão da própria área, mas também as áreas de Tecnologia da Informação (TI) e Comunicação e Relações Institucionais. Práticas de GC no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC) Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC) identificar capturar armazenar proteger compartilhar monitorar CONHECIMENTOS Fonte: Anexo 1, documento 17.

25 Práticas bem estruturadas e organizadas: iniciativas de gestão eletrônica de documentos (GED), workflow, redesenho de processos organizacionais, intranet, tecnologia de informação, entre outros; organização de arquivos físicos e eletrônicos; segurança de informações. Práticas de GC no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC) Gestão estratégica da informação, gestão eletrônica de documentos (GED), mapeamento de processo Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

26 Práticas bem estruturadas e organizadas: gestão do capital intelectual e ativos intangíveis (patentes, royalties registros do CREA), proteção de conhecimento e contratos de licenciamento, transferência de conhecimento e tecnologia; gestão de competências e criação de sistemas localizadores de expertise, yellow pages e banco de capital intelectual (incipiente); Banco de Idéias e Projeto Backup. Práticas de GC no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC) Gestão do capital intelectual, competências, pessoas e ativos intangíveis Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

27 Práticas informais e desestruturadas: clippings produzidos externamente; fotos de satélite e geoprocessamento; buscas auxiliadas pela bibliotecária, assinaturas de jornais e periódicos, entre outros. Práticas de GC no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC) Monitoração ambiental, inteligência competitiva, pesquisa de mercado Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

28 Concentração de esforços na criação do contexto capacitante: layout formado células e núcleos de especialidade; Momento Cultural; criação de um Banco de Idéias; conformação de equipes flexíveis e multitarefas. Práticas de GC no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC) Criação de contexto capacitante Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)

29 Melhora no compartilhamento e no acesso ao conhecimento; Mais velocidade de acesso; Maior facilidade de recuperação da informação; Recuperação da memória organizacional; Acesso rápido em repositório único. Práticas de GC no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC) Principais resultados Capítulo 5 A gestão do conhecimento no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)


Carregar ppt "Rivadávia Correa Drummond de Alvarenga Neto 1 a edição |2008| Gestão do Conhecimento em Organizações."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google