A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FEDERAÇÃO ESPÍRITA DO ESTADO DE MATO GROSSO Coordenação da Infância e Juventude.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FEDERAÇÃO ESPÍRITA DO ESTADO DE MATO GROSSO Coordenação da Infância e Juventude."— Transcrição da apresentação:

1 FEDERAÇÃO ESPÍRITA DO ESTADO DE MATO GROSSO Coordenação da Infância e Juventude

2 MISSÃO DA CIJ / FEEMT "Sede, pois, vós outros, perfeitos, como perfeito é o vosso Pai Celestial" ( Mateus 5, 48). A CIJ/FEEMT tem por meta estabelecer linhas mestras relativas à educação, especialmente à Evangelização Espírita infanto-juvenil, capazes de orientar Evangelizandos e Evangelizadores, no rumo do seu aperfeiçoamento moral, ético, afetivo, intelectual e social, tendo por base o Evangelho de Jesus e a codificação Kardequiana. Procurando estimular o potencial criador e criativo, indicando caminhos para que ampliem seus pontos de vista, de tal forma que possam perceber os problemas que surjam, analisá-los e descobrir soluções. Contribuindo para a construção de uma nova era para a Humanidade propiciada pela ação transformadora que caracteriza a mensagem cristã-espírita.

3 OBJETIVOS GERAIS Promover a união e a unificação do Movimento Espírita na área da evangelização espírita infanto- juvenil; Incentivar e orientar a criação e o funcionamento de escolas de evangelização espírita infanto-juvenil nas Instituições Espíritas do Estado de Mato Grosso; Esclarecer as Instituições Espíritas quanto a importância da evangelização, da sua divulgação e do envolvimento da família nesse processo; Incentivar a adoção do Currículo da FEB nas Instituições Espíritas do Estado de Mato Grosso.

4 OBJETIVOS ESPECÍFICOS Desenvolver programas de estudo e cursos para o aperfeiçoamento contínuo dos trabalhadores dessa área nos aspectos doutrinários e técnico-pedagógicos; Intensificar orientações junto às diretorias dos Centros Espíritas quanto a importância da integração dos jovens nas atividades da Casa; Proporcionar aos evangelizadores e jovens oportunidades de participação efetiva nos trabalhos da Federação Espírita do Estado de Mato Grosso, despertando o seu interesse pela causa da unificação.

5 OBJETIVOS ESPECÍFICOS Representar o Estado de Mato Grosso junto ao Movimento Espírita Nacional, na área da evangelização espírita infanto- juvenil e participar efetivamente dos esforços de unificação do Movimento espírita do Brasil Estabelecer e aprimorar canais de comunicação entre a CIJ e as demais instâncias da FEEMT, permitindo a criação de espaço relacional, onde devem ser construídos laços de amizade, solidariedade e de cooperação.

6 METAS 1- Dinamização da Campanha Permanente de Evangelização Infanto-Juvenil: Reuniões públicas Palestras Cartazes Mensagens Biblioteca c/ livros infantis

7 METAS 2- Capacitação de Evangelizadores Programa de Formação Continuada: O EVANGELIZADOR E SEU COMPROMISSO COM A EVANGELIZAÇÃO ESPÍRITA

8 Conteúdo Programático Evangelização Espírita Infanto-Juvenil Fundamentos filosóficos, psicológicos e doutrinários Por que e para que evangelizar. Importância da evangelização espírita. Fidelidade doutrinária. Importância do conhecimento espírita. Relacionamento Evangelizador/ Evangelizando. O Evangelizador e suas funções pedagógicas. Condições necessárias para o exercício da tarefa. Importância da relação empática entre o Evangelizador e o Evangelizando na prática pedagógica. O papel do Evangelizador na direção de Classe. (Manejo de Classe)

9 Conteúdo Programático Doutrina Espírita e Evangelho: importância. O conhecimento da existência de Deus e da criação Divina. O processo evolutivo: matéria; espírito. O pensamento, a consciência e a liberdade. A consciência e a idéia de felicidade. A prece como força vitalizadora. Mecanismos de transmissão do pensamento. Prece: energia e poder. Equilíbrio e prece. Prece e renovação A importância do Decálogo como farol da humanidade e como base da Revelação Cristã. O Decálogo, sendo um repositório precioso de orientação da conduta equilibrada. Atualidade do Decálogo. Caráter divino dos dez mandamentos, como base para a Revelação Cristã.

10 Conteúdo Programático O Evangelizador e a vivência da moral cristã, como recurso capaz de renovar o mundo. A pedagogia de Jesus –Jesus, o mestre e modelo O Sermão da Montanha e o cultivo das virtudes que proporcionam o progresso espiritual. Os 500 da Galiléia (missão e propagação da mensagem cristã). O Evangelizador e a descoberta da sua realidade espiritual por meio do conhecimento e da prática dos princípios básicos do Espiritismo. Caráter da Revelação Espírita. Origem e natureza dos Espíritos. O homem encarnado: reencarnação e a lei de causa e efeito. Pluralidade das existências.

11 Conteúdo Programático A ação didática na Evangelização. O planejamento didático: vantagens e características Componentes do planejamento. Análise e aplicação de planos de aula. Características de um bom plano de ensino. O Currículo de Evangelização Espírita O currículo para E.E.E.I.J – DIJ-FEB. Fundamentação Os objetivos Os conteúdos Metodologia Avaliação

12 Conteúdo Programático Procedimentos de Ensino Técnicas de ensino-aprendizagem: adequação, escolha e vivência de algumas técnicas de ensino. O uso psicopedagógico dos jogos (competitivos e cooperativos) no processo de aprendizagem (recreação). Recursos de ensino: importância, adequação e utilização de alguns tipos de recursos. Material didático. Recurso áudio- visual. A biblioteca como recurso para a aprendizagem. Literatura Infanto-Juvenil Importância e características da história e sua adequação à clientela. Critérios para a escolha de obras literárias. Como contar histórias Como explorar didaticamente as histórias. Poesias

13 Conteúdo Programático Aulas práticas para a infância e juventude. Aula simulada Análise crítica da aula apresentada, relacionando técnicas e recursos utilizados. Análise da relação existente entre objetivos e avaliação. Análise do resultado dos trabalhos: Avaliação. Conceitos, características e tipos de avaliação. Utilização dos resultados da avaliação. Organização e Funcionamento da CIJ. Organização: setores e atribuições Funcionamento: planejamento, horários, programas, atividades, etc. Dinamização das atividades

14 Conteúdo Programático Atividades artísticas na Evangelização. Arte, espiritismo e educação Teatro: objetivos, escolha do gênero e conteúdos. A criança e o teatro de fantoches A função do teatro na Evangelização O teatro e suas diversidades Jogos dramáticos Música: Metodologia para o ensino da música. Coral infantil Coral juvenil Artes Plásticas: exercício da energia criadora. Técnicas. Pintura Modelagem Dobraduras Recorte e colagem Montagens

15 Conteúdo Programático Etapas do desenvolvimento Infanto- Juvenil. Fases do desenvolvimento psicológico. Interesses e necessidades de cada fase. Atividades de acordo com as fases.

16 METAS 3- Currículo para escolas de Evangelização

17 METAS 4- Evangelização e Família

18 METAS 5- Avaliação

19 Projetos Projeto Jovem que Faz – jovem trabalhador espírita Torta com Arte Encontro da Arte Conjemat FECES

20 Setor de Apoio Pedagógico Objetivos Auxiliar o evangelizador, bem como os demais colaboradores da evangelização, em suas tarefas de planejamento, desenvolvimento e avaliação. Prestar assessoria técnica aos trabalhadores da Evangelização, procurando suprir as dificuldades psicopedagógicas que ocorram no decorrer da tarefa e promover ações eficazes que garantam a qualidade da Evangelização da Criança e do Jovem na Casa Espírita.

21


Carregar ppt "FEDERAÇÃO ESPÍRITA DO ESTADO DE MATO GROSSO Coordenação da Infância e Juventude."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google