A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Quadro Promoção por Bravura Óleo sobre tela, de Sérgio Lopes Reis (1998) AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO E DESENVOLVIMENTO POR COMPETÊNCIAS : ANTECEDENTES, CONCEPÇÃO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Quadro Promoção por Bravura Óleo sobre tela, de Sérgio Lopes Reis (1998) AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO E DESENVOLVIMENTO POR COMPETÊNCIAS : ANTECEDENTES, CONCEPÇÃO."— Transcrição da apresentação:

1 Quadro Promoção por Bravura Óleo sobre tela, de Sérgio Lopes Reis (1998) AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO E DESENVOLVIMENTO POR COMPETÊNCIAS : ANTECEDENTES, CONCEPÇÃO E DESAFIOS DO ATUAL SISTEMA DE AVALIAÇÃO DO PESSOAL MILITAR DO EXÉRCITO Braço Forte, mão Amiga!

2 A nossa gente, composta de civis e militares da ativa e da reserva, identifica-se com a sociedade e empresta credibilidade a Força em função do profissionalismo e dos valores que cultua. Essa nossa gente continuará a ser o nosso maior patrimônio. General-de-Exército Enzo Martins Peri Comandante do Exército Capital Institucional RECURSOS HUMANOS

3 OBJETIVOS Identificar aspectos da evolução, concepção e desafios do atual Sistema de Avaliação do Pessoal Militar de Carreira da Força Terrestre, tendo como ferramenta de identificação das competências exigidas pelos cargos e aperfeiçoamento do desempenho, o Perfil do Avaliado. OBJETIVOS PARTICULARES OBJETIVO GERAL Integrar conhecimentos sobre a atividade de gestão do desempenho por competências. Integrar conhecimentos sobre a atividade de gestão do desempenho por competências. Conhecer o Sistema de Avaliação identificando as competências utilizadas e sua contribuição no desenvolvimento profissional e institucional. Conhecer o Sistema de Avaliação identificando as competências utilizadas e sua contribuição no desenvolvimento profissional e institucional.

4 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO Avaliação e Cultura Militar. Avaliação e Cultura Militar. O Sistema de Avaliação e sua evolução histórica recente. O Sistema de Avaliação e sua evolução histórica recente. Avaliação e atualidade: Princípios de administração e gestão integrada. Avaliação e atualidade: Princípios de administração e gestão integrada. Avaliação e liderança. Avaliação e liderança. 2. DESENVOLVIMENTO A concepção do atual Sistema de Avaliação: A concepção do atual Sistema de Avaliação: - Missão da DA Prom, marco legal e inovações do sistema. - Missão da DA Prom, marco legal e inovações do sistema. O Sistema de Avaliação: O Sistema de Avaliação: - Objetivos, características, fases, competências, processamento e produtos. - Objetivos, características, fases, competências, processamento e produtos. Visão de futuro e desafios emergentes na avaliação por competências: Visão de futuro e desafios emergentes na avaliação por competências: - Sensiblização, capacitação, convergência, alinhamento e pós-modernidade - Sensiblização, capacitação, convergência, alinhamento e pós-modernidade 3. CONCLUSÃO 3. CONCLUSÃO

5 A instituição militar se identifica através de tradições estruturadas em regras sobre relações (Ser) e modos de comportamento (Fazer), calcadas em valores que referenciam a identidade do militar, visando a eficiência da ação. A instituição militar se identifica através de tradições estruturadas em regras sobre relações (Ser) e modos de comportamento (Fazer), calcadas em valores que referenciam a identidade do militar, visando a eficiência da ação. A hierarquia e a disciplina militar são referenciais fundamentais do Etos Profissional, conjugam culturalmente nas tradições e juridicamente na legislação, oSer e o Fazer peculiar à Instituição militar, sendo valorizadas no meio militar. A hierarquia e a disciplina militar são referenciais fundamentais do Etos Profissional, conjugam culturalmente nas tradições e juridicamente na legislação, oSer e o Fazer peculiar à Instituição militar, sendo valorizadas no meio militar. Cultura é em um sistema simbólico que permite a estruturação de domínios culturais traduzidos nos mitos e tradições que geram essas mesmas elaborações culturais (Levi-Strauss) Sistema de comportamento socialmente transmitidos, que adapta o grupo humano em uma organização ao longo do tempo, dando-lhe identidade histórica. TRADIÇÃO E CULTURA AVALIAÇÃO E CULTURA MILITAR

6 A Avaliação do Pessoal na Tradição Histórica Recente do Exército Brasileiro Profissionalização crescente a partir de 1940, em virtude da participação da FEB na II Guerra Mundial, redundando em sistemas de seleção e classificação de pessoal elaborados cientificamente. Implementação de um sistema complexo e abrangente para avaliação e valorização do pessoal militar, por pautas, a partir da década de AVALIAÇÃO E CULTURA MILITAR

7 A avaliação de desempenho é uma apreciação sistemática do desempenho das pessoas nos respectivos cargos e áreas de atuação e do seu potencial de desenvolvimento (Chiavenato, 1999). Instrumento indispensável de uma política de gestão integrada. AVALIAÇÃO E ATUALIDADE: PRINCÍPIOS DE ADMINISTRAÇÃO

8 AVALIAÇÃO E ATUALIDADE: POLÍTICA DE GESTÃO INTEGRADA

9 A filosofia subjacente de uma política de gestão integrada se assenta na dualidade diálogo/resultado na gestão estratégica do pessoal em: Promover o desenvolvimento pessoal e profissional. Elevar a eficiência operacional. AVALIAÇÃO E DESEMPENHO AVALIAÇÃO NA ATUALIDADE: POLÍTICA DE GESTÃO INTEGRADA

10 Os fatores ligados às habilidades, competências sociais e interculturais correlacionam-se às formas de liderança. Organizações de elevado desempenho valorizam os fatores culturais que estimulam as características do líder. Oportunidades de crescimento, valorização da experiência e inovação, além das promoções, estimulam a liderança. A alta qualidade em equipamentos e processos possibilitam a manutenção de altos índices de retenção e de desenvolvimento de líderes exitosos. Os fatores da cultura institucional são preditores do estilo de liderança, definindo o bom desempenho das instituições. Avaliação e Liderança

11 POSITIVOS -HIERARQUIA E DISCIPLINA. -TRADIÇÃO (valores e princípios). -POLIVALÊNCIA. -ADAPTABILIDADE FUNCIONAL. NEGATIVOS -PATERNALISMO. -IMEDIATISMO. -MEDO EM AVALIAR. -CARREIRISMO. -POSTERGAR AÇÕES (deixar que os outros corrijam). AVALIAÇÃO: ASPECTOS CULTURAIS INCIDENTES NO SISTEMA

12 Os Oficiais do Exército dos EUA poderiam tirar grande vantagem do entendimento relativo ao chamado serviço abnegado versus serviço egoísta. Se verifica que alguns se preocupam apenas com a própria carreira. Este não pode ser o tipo de oficial que o sistema promove. Pesquisa da Escola de Comando e Estado-Maior do Exército dos EUA, Avaliação e Liderança: A difícil tarefa de avaliar A avaliação de Líderes: de um extremo ao outro Artigo publicado na Military Review pelo Major Craig A. Whiteside - Exército dos EUA. Bacharel em West Point e Mestre e graduado no War College/EUA.

13 Avaliação e Liderança A correta e justa percepção do desempenho dos indivíduos, sob a influência da cultura organizacional na aprendizagem de padrões éticos, estimula o desenvolvimento do potencial produtivo do grupo, sob uma liderança eficiente que: Oriente a realização ou desempenho (liderança). Controle e evite a incerteza na tomada de decisão (iniciativa). Mitigue o conflito Coletivismo X Individualismo (comunicabilidade/habilidade de comando). Possua assertividade com orientação para o futuro (inovação).

14 MISSÃO: A Diretoria de Avaliação e Promoções (DA Prom) é a diretoria do Departamento-Geral do Pessoal (DGP) que tem por missão planejar, orientar, coordenar e executar a Avaliação do Desempenho, a Valorização do Mérito e as Promoções do pessoal militar da ativa. Estrutura Organizacional SISTEMA DE AVALIAÇÃO: DA Prom

15 Ações Decorrentes: Fornecer à Instituição informações sobre o desempenho de seus integrantes. Possibilitar o planejamento e execução de ações para correção de desempenhos insatisfatórios. Permitir constante aperfeiçoamento dos militares. Subsidiar os processos decisórios que utilizem os resultados da avaliação. O sistema de avaliação objetiva fornecer à Instituição o perfil mais fidedigno de cada militar, refletindo seu desempenho e valor profissional Instruções Gerais (IG 30-06) e Instruções Reguladoras (IR 30-27) Marco Legal SISTEMA DE AVALIAÇÃO: MARCO LEGAL

16 EXTRATO DO FILMETE – EXÉRCITO NOTÍCIAS O Sistema de Avaliação Atual: Principais Mudanças

17 QUAL É O PRINCIPAL OBJETIVO DA AVALIAÇÃO? QUAL É O FOCO DO PROCESSO DE AVALIAÇÃO? ACOMPANHAMENTO E GERENCIAMENTO DO DESEMPENHO FAVORECER O DESENVOLVIMENTO DAS PESSOAS VISANDO ATINGIR METAS ORGANIZACIONAIS (Contexto Institucional/Setorial/Grupal/Individual) Concepção AVALIAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS

18 DESENVOLVER PESSOAS Militar Avaliado Militar Avaliador Ética Liderança Ética Compromisso Melhor Desempenho Coletivo AVALIAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS

19 Produtos e monitoramento:Produtos e monitoramento: - Disponibilização de Relatório, Fichas e Perfil do Avaliado. - Acompanhamento e auditagem permanente. Abrangência:Abrangência: - Utilização em todos os processos seletivos (cursos, condecorações, nomeações, indicações e promoções). Interatividade:Interatividade: - Recursos para vistas e análise das Fichas de Avaliação (FA). - Acesso nacional em tempo real (Internet). - Acesso nacional em tempo real (Internet). - Ouvidoria. - Ouvidoria. Periodicidade: Periodicidade: - Anual Ambientes de avaliação: Ambientes de avaliação: - Interno e Externo. Características AVALIAÇÃO: CARACTERÍSTICAS DO ATUAL SISTEMA

20 A Avaliação Interna é realizada por até três avaliadores, oficiais de carreira, que tenham condições de observar o desempenho do militar. A Avaliação Interna é realizada por até três avaliadores, oficiais de carreira, que tenham condições de observar o desempenho do militar. Vínculo funcional avaliador - avaliado. O Comandante, Chefe ou Diretor poderá permutar ou incluir avaliadores e avaliados ou desconsiderar qualquer avaliação dentro de sua linha de subordinação. A Avaliação Externa é facultativa e realizada por oficiais-generais que, por vínculos e atribuições funcionais, tenham condições de se manifestar sobre alguns aspectos do desempenho do militar. A Avaliação Externa é facultativa e realizada por oficiais-generais que, por vínculos e atribuições funcionais, tenham condições de se manifestar sobre alguns aspectos do desempenho do militar. AVALIAÇÃO: CARACTERÍSTICAS DO ATUAL SISTEMA

21 PRINCIPAIS ATORES DO PROCESSO DA Prom: - Orientar e Gerenciar todo o processo. Comandante: - Orientar e Coordenar as atividades. Gestor da Avaliação: - Gerenciar o processo de avaliação na OM. Avaliadores: - Orientar, Observar, Registrar e Acompanhar desempenhos. Avaliados: - Conhecer o Sistema e Aprimorar o desempenho profissional. AVALIAÇÃO: CARACTERÍSTICAS DO ATUAL SISTEMA

22 Desempenho Profissional (autoconhecimento ) Objetivos da Avaliação Para o Militar Avaliar o desempenho por Competências Avaliação: Faseamento e Integração do Processo Indivíduo

23 Processos Decisórios Seletivos (posicionamento) Desempenho Profissional (autoconhecimento ) Objetivos da Avaliação Para o MilitarPara o Exército Avaliar o desempenho por Competências Avaliação: Faseamento e Integração do Processo IndivíduoInstituição

24 AVALIAÇÃO EVOLUÇÃO DO SISTEMA DE AVALIAÇÃO O antigo sistema estruturava, numéricamente (de 1 a 10), suas pautas em atributos da área afetiva. O antigo sistema estruturava, numéricamente (de 1 a 10), suas pautas em atributos da área afetiva. O atual sistema possui uma pauta construída em competências e aspectos, utilizando menções (de A até E). O atual sistema possui uma pauta construída em competências e aspectos, utilizando menções (de A até E). AVALIAÇÃO: CARACTERÍSTICAS DO ATUAL SISTEMA

25 Estrutura do Sistema de Avaliação: Competências por Aspectos Concepção 316 AVALIAÇÃO: CARACTERÍSTICAS DO ATUAL SISTEMA

26 É a capacidade de mobilizar, ao mesmo tempo e de maneira interrelacionada, Conhecimentos, Habilidades, Atitudes, Valores e Experiências (CHAVE), para decidir e atuar em situações diversas. É a capacidade de mobilizar, ao mesmo tempo e de maneira interrelacionada, Conhecimentos, Habilidades, Atitudes, Valores e Experiências (CHAVE), para decidir e atuar em situações diversas. Competência para a profissão militar: Definição operacional: Centro de Estudos de Pessoal – CEP (2011) AVALIAÇÃO: CARACTERÍSTICAS DO ATUAL SISTEMA

27 ESPÍRITO MILITAR RELACIONAMENTO INTERPESSOAL PROFISSIONAL (Trabalho) COMPETÊNCIAS BÁSICAS Concepção AVALIAÇÃO: CARACTERÍSTICAS DO ATUAL SISTEMA

28 Pautas do Sistema de Avaliação Atual: COMPETÊNCIAS BÁSICAS - COMPETÊNCIA PROFISSIONAL Orientada para o resultado do trabalho - RELACIONAMENTO INTERPESSOAL Com foco na harmonia das relações sociais - ESPÍRITO MILITAR Específica da carreira das armas

29 Pautas do Sistema de Avaliação Atual: Aspectos das Competências BásicasAspectos: Competência Profissional Competência Profissional 1.Conhecimento e Habilidade Técnico-Profissional 2.Conhecimento Institucional 3.Cultura Geral 4.Capacidade de Trabalho 5.Qualidade do Trabalho 6.Capacidade de Inovação 7.Comunicabilidade 8.Capacidade de Direção e Controle 9.Confiabilidade Aspectos: Relacionamento Interpessoal: 10. Camaradagem 11. Interação com a Sociedade 12.Liderança Militar Aspectos: Espírito Militar 13. Atitude Militar 14. Postura e Apresentação Militar 15. Disciplina Militar 16.Resistência Física e Mental

30 Pautas do Sistema de Avaliação Atual: Ferramenta de TI

31

32 Comportamentos que evidenciam os Níveis de Desempenho Pautas do Sistema de Avaliação Atual: Ferramenta de TI

33 Excepcional máximo em 5 pautas NÃO OBSERVADO máximo em 3 pautas ABC D ENO Menção Desempenho Elevado Satisfatório Dificuldade Deficiência Sistema de Avaliação Atual: Atribuição de Menções

34 Perfil do Avaliado 5 Períodos de Avaliação Avl Período ALPHA.... Avl Período BRAVO Avl Período ECHO Sistema de Avaliação Atual: Processamento do Perfil do Avaliado

35 5 Períodos de Avaliação (Exemplo) 1°P °P °P °P °P °P °P °P °P °P Perfil do Avaliado emitido anualmente. - São considerados apenas os 5 últimos períodos. Sistema de Avaliação Atual: Processamento do Perfil do Avaliado

36 Elaboração do Perfil do Militar Avaliado Avaliação: Produtos do Sistema Perfil do Avaliado

37 Relatório ao Comandante: esempenho n O Comandante, Chefe ou Diretor da Organização Militar receberá um relatório, onde serão apontados os militares da sua OM que tenham dificuldades de desempenho no respectivo período de avaliação. Procedimentos Avaliação: Produtos do Sistema

38 Procedimentos Relatório ao Comandante

39 Promoções por merecimento. Seleção para o exercício de cargos de relevância, no País e no exterior. Designação para a realização de cursos, no País e no exterior. Concessão de condecorações. Seleção para o comando, chefia ou direção de OM. Seleção para o Curso de Política Estratégia e Alta Administração do Exército e cursos equivalentes, tais como o Cursos de Política e Estratégia Marítimas, Aeroespaciais e Curso de Altos Estudos de Política e Estratégia. Contribuições Avaliação nos Processos Seletivos do Exército Brasileiro: Avaliação: Aplicação dos produtos do Sistema

40 PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO - GESTÃO POR COMPETÊNCIAS AVALIAÇÃO E DESAFIOS EMERGENTES: VISÃO DE FUTURO PARA QUE O SISTEMA DE AVALIAÇÃO ESTEJA INSERIDO DE MODO INTEGRADO AO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DA FORÇA É DESEJÁVEL QUE: RETROALIMENTE AS METAS INSTITUCIONAIS E O SISTEMA DE ENSINO. CAPACITE AVALIADORES, GESTORES E AVALIADOS PARA A AVALIAÇÃO. SENSIBILIZE E INFORME SOBRE AVALIAÇÃ O AOS PARTICIPANTES DO SISTEMA. AUMENTE A ABRANGÊNCIA DE INFORMAÇÕES SOBRE O DESEMPENHO. ACOMPANHE O DESEMPENHO DO PROFISSIONAL, LEVANDO-O À EXCELÊNCIA. AMPLIE E MELHORE O SUPORTE PARA A ATIVIDADE DE AVALIAÇÃO.

41 Ação Institucional: - Aperfeiçoar continuamente o processo de avaliação e realizar programas e ações objetivando sensibilizar e capacitar o avaliador. - Aperfeiçoar continuamente o processo de avaliação e realizar programas e ações objetivando sensibilizar e capacitar o avaliador. Ação Pedagógica: - Estimular a valorização do Processo de Avaliação, criando ações e cultura de incentivo a melhoria de desempenho. - Estimular a valorização do Processo de Avaliação, criando ações e cultura de incentivo a melhoria de desempenho. DESENVOLVIMENTO DE SUPORTE Ciência do Comportamento, Ciências Gerenciais e da Tecnologia da Informação (TI). TRANSPARÊNCIA TI CONVERGÊNCIA AÇÕES EM DUAS VERTENTES DE ATUAÇÃO Visão de Futuro AVALIAÇÃO E DESAFIOS EMERGENTES: FOCO DE DESENVOLVIMENTO E AÇÕES ADOTADAS

42 SENSIBILIZAÇÃO DO PESSOAL Campanha com matérias e chamadas na Internet (sensibilização inicial) Divulgação no Exército Notícias e nas OM (Instrução de Quadros) Feedback Videoconferência Filmete Exército Notícias Mudança de atitude sobre o Sistema de Avaliação AVALIAÇÃO E DESAFIOS EMERGENTES: DIFUSÃO DE INFORMAÇÕES E SENSIBILIZAÇÃO Pesquisa de Opinião Perfil do Avaliado

43 - Finalidade: capacitar os mais de 8 mil avaliadores da Força para que executem uma avaliação dentro do que prescreve as IG e IR. -Perspectiva: realizar estudos de viabilidade da utilização de metodologia e ferramental instrucional, visando implementar a atividade até Capacitação de Avaliadores AVALIAÇÃO E DESAFIOS EMERGENTES: DIFUSÃO DE INFORMAÇÕES E SENSIBILIZAÇÃO

44 Objetivos de Desempenho Competências Aspectos Atributos Domínios Afetivo Psicomotor Cognitivo Taxonomia da Educação Objetivos de Aprendizagem Habilidade Atitude Taxonomia do Desempenho A sigla CHA designa as competências Conhecimento, Habilidades e Atitudes, em termos de desempenho ou competências pessoais. A sigla CAP designa o conjunto de três dimensões, derivadas dos domínios da Taxonomia de Bloom: Cognitivo (conhecimento), Afetivo (atitudes) e Psicomotor (habilidades). Descritores taxonômicos CAP CHA Conhecimento AVALIAÇÃO E DESAFIOS EMERGENTES: ALINHAMENTO ENTRE ATRIBUTOS E COMPETÊNCIAS

45 -Finalidade: apoio à gestão de pessoal, no fornecimento da descrição das atribuições referentes a todos os cargos de oficiais e praças constantes dos QCP das OM, bem como o perfil profissiográfico concernente a cada cargo. -Perspectiva: utilizar o Catálogo de Cargos e Atribuições para apoiar os processos decisórios seletivos e realizar estudos da correlação entre a Taxonomia de Bloom (baseada em atributos) e o constructo de desempenho por competência (baseada em aspectos) para a utilização na Lista de Requisitos (LR). Análise de Cargos AVALIAÇÃO E DESAFIOS EMERGENTES: CONVERGÊNCIA DE INFORMAÇÕES SOBRE DESEMPENHO

46 Finalidade: Apresentação de um mapa de indicadores, com a classificação do posicionamento relativo à cada processo seletivo, com os seguintes dados a serem disponibilizados para análise: -Da avaliação > aspectos das competências. -Da Valorização do Mérito > componentes da profissão militar. -Do Banco de Dados (DGP) > aspectos sobre capacitação profissional/acadêmica. Lista de Requisitos AVALIAÇÃO E DESAFIOS EMERGENTES: CONVERGÊNCIA DE INFORMAÇÕES SOBRE DESEMPENHO

47 Catálogo de Cargos Avaliação Valorização O homem certo no lugar certo AVALIAÇÃO E DESAFIOS EMERGENTES: CONVERGÊNCIA DE INFORMAÇÕES SOBRE DESEMPENHO Análise de Cargos nos Processos Decisórios

48 Catálogo de Cargos Avaliação Valorização Lista de Requisitos Lista de Requisitos O homem certo no lugar certo AVALIAÇÃO E DESAFIOS EMERGENTES: CONVERGÊNCIA DE INFORMAÇÕES SOBRE DESEMPENHO Análise de Cargos nos Processos Decisórios

49 Que competências e valores, baseados em perfis, são requeridos na manutenção da cultura e eficiência militar na sociedade? Como desenvolver competências, habilidades e atitudes, construindo-os no indivíduo, com a preservação de valores múltiplos, com a finalidade de avaliar e reconhecer o desempenho? Como atender as tradições da instituição em novos arranjos sociais, com relação à cultura e as normas em vigor, permanecendo atualizado à conjuntura possuindo a flexibilidade desejável e adequada? Transformação e Sociedade Pós-Moderna AVALIAÇÃO E DESAFIOS EMERGENTES: VISÃO DE FUTURO SOBRE A GESTÃO POR COMPETÊNCIAS

50 -Finalidade : ação junto aos militares que apresentam um desempenho deficiente ou com potencial de desenvolvimento no sentido de apoiá-los na superação de seus limites. -Definição de Coaching: processo de orientação do desenvolvimento pessoal e profissional do indivíduo, utilizado na gestão e desenvolvimento de pessoas, fundamentado na facilitação do esforço para realizar seus objetivos pessoais e profissionais. -Perspectiva: realizar estudos de viabilidade até 2022 e implementar a atividade até 2030 (SIPLEX). AVALIAÇÃO E DESAFIOS EMERGENTES: VISÃO DE FUTURO SOBRE GESTÃO DE COMPETÊNCIAS Concepção Inicial para a Tutoria Coaching do Pessoal Militar:

51 Necessidade permanente de selecionar, formar, desenvolver, avaliar e valorizar os recursos humanos para manter a Força Terrestre, operacionalmente, eficiente e capaz. Conhece-te a ti mesmo: necessidade de autoconhecimento, útil tanto para a avaliação como para a construção de um instrumento de Liderança. Conhecer a si mesmo é saber como modificar positivamente a relação para consigo, com os outros, tornando-se capaz de influenciar a realidade. Sócrates, 370 AC O homem não é só o inato mas também o adquirido. (Goethe, 1774). AVALIAÇÃO: O desafio de conhecer a si e ao outro

52 A AVALIAÇÃO É UMA DAS FERRAMENTAS DISPONÍVEIS NA GESTÃO POR COMPETÊNCIAS PARA A OBTENÇÃO DO DESEJADO APERFEIÇOAMENTO INDIVIDUAL E COLETIVO DO PESSOAL MILITAR DO EXÉRCITO BRASILEIRO. CONCLUSÃO

53 TC Teixeira: Muito Obrigado! DA Prom - Sseç Anl / 3ªSec: Tel (61) / 6918 AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO E DESENVOLVIMENTO POR COMPETÊNCIAS : ANTECEDENTES, CONCEPÇÃO E DESAFIOS DO ATUAL SISTEMA DE AVALIAÇÃO DO PESSOAL MILITAR DO EXÉRCITO


Carregar ppt "Quadro Promoção por Bravura Óleo sobre tela, de Sérgio Lopes Reis (1998) AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO E DESENVOLVIMENTO POR COMPETÊNCIAS : ANTECEDENTES, CONCEPÇÃO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google