A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

AS INSTITUIÇÕES SOCIAIS. Instituição é toda forma ou estrutura social estabelecida, constituída, sedimentada na sociedade e com caráter normativo – ou.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "AS INSTITUIÇÕES SOCIAIS. Instituição é toda forma ou estrutura social estabelecida, constituída, sedimentada na sociedade e com caráter normativo – ou."— Transcrição da apresentação:

1 AS INSTITUIÇÕES SOCIAIS

2 Instituição é toda forma ou estrutura social estabelecida, constituída, sedimentada na sociedade e com caráter normativo – ou seja, ela define regras e exerce formas de controle social. Exemplos: o Estado, a Igreja, a Escola, a Família, o trabalho remunerado, a propriedade privada. Formadas para atender as necessidades sociais Regulação e controle das relações sociais

3 A FAMÍLIA A mais importante instituição social –Introduz o novo ser na sociedade; –Hominiza a criança (desenvolve a natureza humana, ensina a agir e conviver com os outros) –Interfere no comportamento e no caráter dos indivíduos, através de pessoas tomadas com referências (marcos referenciais).

4 A FAMÍLIA É considerada fundamento básico e universal por se encontrar em todos os agrupamentos humanos. São variáveis em estrutura e funcionamento. –As culturas têm formas específicas de organizar as famílias

5 A FAMÍLIA Originariamente, a família foi analisada como fenômeno biológico de procriação e reprodução e transformou-se em fenômeno social (considerada a mais importante instituição da sociedade) De modo geral, o casamento estabelece os fundamentos legais de uma família, mas pode existir família sem casamento.

6 A FAMÍLIA Toda sociedade humana tem regras para as relações sexuais e a procriação. –BRASIL As relações sociais e a procriação deveriam acontecer após o casamento –TRIBOS DE PIGMEUS 7 anos – adolescentes e livres para a prática sexual 10 anos – adultos e autorizados ao casamento e a procriação

7 A FAMÍLIA - CONCEITOS Murdock –É um grupo caracterizado por residência comum, com cooperação econômica e reprodução. Lucy Mair –Um grupo doméstico no qual pais e filhos vivem juntos. Beals e Hoijer –Um grupo de parentes afins e seus descendentes que vivem juntos. –Um grupo social cujos membros estão unidos por laços de parentesco.

8 A ESCOLA Depois da família, é a instituição mais importante. Oferece conhecimentos teóricos e práticos. Lida com os comportamentos emocional, social, vocacional e ético. –Estimula a autonomia, o respeito ao outro, as habilidades etc.

9 A ESCOLA Todo grupo, para a sua sobrevivência, necessita que as novas gerações tomem ciência do acervo de conhecimentos, normas,ideologias, valores, idéias etc. –EDUCAÇÃO INFORMAL A cargo de grupos como a família, os amigos, a comunidade, a vizinhança, a igreja etc. –EDUCAÇÃO FORMAL Através de organizações específicas – as escolas.

10 A ESCOLA Rocher e a socialização É processo pelo qual ao longo da vida a pessoa humana aprende e interioriza os elementos sócio- culturais de seu meio, integrando-se na estrutura de sua personalidade sob a influência de agentes sociais significativos (marcos referenciais), e adaptando-se assim ao ambiente social em que deve viver. –É APRENDER A VIVER EM SOCIEDADE.

11 A ESCOLA Durkheim e a educação É a ação exercida, pelas gerações adultas, sobre as gerações que não se encontrem preparadas para a vida social; tem por objetivo suscitar e desenvolver, na criança, certo número de estados físicos, intelectuais e morais, reclamados pela sociedade (...) –É APRENDER A VIVER EM SOCIEDADE.

12 HISTÓRICO DA EDUCAÇÃO As sociedades simples apresentam apenas educação informal – pré- letradas. As civilizações antigas exigem a preparação dos seus membros para o desempenho de atividade específicas. –A maioria das profissões era herdada do pai –Os escribas ensinavam a arte de ler e escrever e estavam, geralmente, a serviço das classes altas –As atividades nobres estavam ligadas a práticas religiosas

13 HISTÓRICO DA EDUCAÇÃO No período feudal, os mosteiros eram os templos do saber e as escolas fundadas visavam a preparação de noviços. –Quando surgem as grandes universidades, ao lado das ciências, principalmente filosofia e conhecimentos humanísticos, permanece em lugar prioritário a aspecto religioso.

14 HISTÓRICO DA EDUCAÇÃO Com a Reforma Protestante e o Renascimento, surge a ênfase na matemática, ciência natural e medicina. A Revolução Industrial força a democratização do ensino para a preparação da mão-de-obra que serviria à indústria.

15 A RELIGIÃO Há um aparente declínio da influência religiosa, sem conexão explícita com a política e a religião. –O declínio da influência religiosa não é real, é apenas aparente. As religiões continuam interferindo na política e na economia. Antes essa interferência era mais explícita. As ligações (conexões) entre igreja, política e economia mostravam-se mais evidentes.

16 A RELIGIÃO Alguns críticos prognosticam sua extinção, mas o que se percebe é: –As religiões têm passado por transformações e se adaptando aos novos tempos. –As religiões continuam a influenciar as questões morais, a origem da família e do casamento, as questões políticas e morais

17 A RELIGIÃO É a instituição religião é o meio pelo qual o indivíduo se ajusta a seu ambiente sobrenatural. Há necessidade de humana de se ajustar ao ambiente sobrenatural, assim como aos demais ambientes: social e natural.

18 INSTITUIÇÕES POLÍTICAS A principal instituição política é o Estado. Estado (governo) é a organização que administra a vida do povo, visando conciliar interesses e trabalhar pelo bem público. O governo mantém a ordem e estabelece as normas relativas às relações entre os cidadãos.

19 INSTITUIÇÕES POLÍTICAS As funções do Estado são basicamente: –Manter a ordem –Garantir a soberania –Promover o bem-estar social Elevar a expectativa e qualidade de vida da população Reverter o quadro de miséria Elevar o IDH Garantir a segurança pública Elevar os padrões da assistência médico-sanitária etc etc etc

20 INSTITUIÇÕES POLÍTICAS A MEDIDA QUE AS SOCIEDADES SE TORNAM MAIS COMPLEXAS, AS FUNÇÕES DO ESTADO VÃO SE AMPLIANDO.

21 INSTITUIÇÕES POLÍTICAS AS INSTITUIÇÕES POLÍTICAS TAMBÉM ABARCAM OS PARTIDOS POLÍTICOS, CANAIS DOS ANSEIOS DO POVO.

22 INSTITUIÇÕES ECONÔMICAS São constituídas, hoje, pelos bancos, comércio e indústria, bolsa de valores, financeiras etc. As instituições econômicas especulam o capital, objetivando a multiplicação da riqueza.

23 INSTITUIÇÕES ECONÔMICAS É importante identificar as relações entre capital e trabalho. –CAPITAL – investidores –TRABALHO – mão-de-obra As relações entre capital e trabalho vão determinar a estrutura e o bem-estar (ou não) da sociedade. –Trabalhadores explorados, com baixos salários interferem, para baixo, no bem-estar da sociedade.

24 INSTITUIÇÕES ECONÔMICAS Os objetivos das instituições econômicas se ligam de maneira intrínseca às instituições políticas. São os interesses econômicos que dominam toda a vida social. O povo despolitizado ou trabalhado ideologicamente tem a ilusão de ser, através do voto o real mandatário da nação.


Carregar ppt "AS INSTITUIÇÕES SOCIAIS. Instituição é toda forma ou estrutura social estabelecida, constituída, sedimentada na sociedade e com caráter normativo – ou."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google