A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Princípios de ação dos fármacos Receptores e transdução.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Princípios de ação dos fármacos Receptores e transdução."— Transcrição da apresentação:

1

2 Princípios de ação dos fármacos Receptores e transdução

3 Administração Fármaco no sítio de ação i.m. s.c. i.v. absorção Fármaco na circulação sistêmica distribuição biotransformação excreção Efeito farmacológico Resposta clínica Farmacocinética Farmacodinâmica oral

4 Farmacodinâmica

5 Mecanismo de ação

6 Histórico - John Langley (1878) - substância receptiva

7 - Paul Ehrlich (1905) – receptor

8 Receptores

9

10 OH Ser 192 Ser 188 OH Asp 106 OOC - + Phe 163 OH HO HO CCNH4 Sítio de ligação da adrenalina

11 OH Phe Ser O O Asp OOC - Ligação iônica Van der Waals Ligação de hidrogênio + HOHOCC N

12 Afinidade – capacidade de encaixe ao sítio do receptor

13 Cinética da interação fármaco-receptor

14 Cinética da interação ligante - receptor L + R k1 k2 LR

15 Receptores ocupados Conc. fármaco Isoterma de Langmuir

16 Teoria da ocupação – Clark (1933) % Receptores ocupados %Efeito Conc. 100 Efeito é proporcional ao número de receptores ocupados

17 L + R LRestímuloefeito Atividade intrínseca

18 - Ariëns (1954) - atividade intrínseca - Stephenson (1956) - eficácia

19 capacidade do fármaco produzir alteração conformacional no receptor Atividade intrínseca

20 Alterações intracelulares alteração conformacional estímulo Efeito farmacológico

21 Classificação dos fármacos Agonistas plenos - AI = 1 Agonistas parciais - 0 < AI < 1 Antagonistas - AI = 0

22 - Changeux & Karlin (1967) Modelo dos dois estados

23 Ri Ra F.RaF.Ri Modelo dos dois estados

24 AGONISTA (A) Ri Ra A.Ra A.Ri A

25 Ri Ra AP.Ra AP.Ri AP AGONISTA PARCIAL (AP) AP

26 Ri Ra T.RaT.Ri T ANTAGONISTA (T) T

27 Ri Ra I.Ra I.Ri I I AGONISTA INVERSO (I)

28 Tipos de receptores

29 Y YP A B Proteína G Efetor receptor intracelular 2 - receptor com atividade tirosina quinase 3 - canal iônico 4 - receptor ligado à proteína G

30 Transdução

31 Receptores intra-celulares (citoplasmáticos)

32 hsp90 Receptor de esteróide Sítio de interação com DNA transcrição gênica hsp90 Membrana citoplasmática

33 Canais iônicos

34 Receptor nicotínico

35 Receptor GABAérgico Canal de cloreto

36 GABA Cl - Extra-celular Intra-celular GABA Canal iônico - Receptor GABAérgico

37 Y Tirosina Quinase Y Y Y PP S P ATPADP S

38 Receptores ligados a segundos mensageiros

39 Fatores de transcrição Segundos mensageiros Proteínas quinases enzimas receptores canais iônicos proteínas transportadoras Proteína G efetor

40 DNA CREB-P AMPc PKA ATP AC G enzimas Canal iônico Proteína transportadora Proteína G - adenilil ciclase

41 PLC DAG PIP2 IP3 PKC Ca 2+ Fosforilação CaM-E* Proteína G - Fosfolipase C

42 Regulação dos receptores Síntese/degradação Fosforilação Localização na célula (internalização) Acoplamento com efetores

43 Regulação dos receptores - Dessensibilização - Supersensibilidade

44 EFEITOS DESEJÁVELINDESEJÁVEL TERAPÊUTICOCOLATERAL ADVERSO OU TÓXICO

45 receptorefetorefeito 1. F + RFR X Terapêutico Adverso 2. F + RFR X Y Terapêutico Adverso 3. F FR1 FR2 X Y Adverso Terapêutico

46 Faixa terapêutica - analgésico, antipirético e anti-agregante (efeitos adversos: intolerância gástrica) Faixa terapêutica - anti-inflamatório (efeitos adversos: vertigem, cefaléia, perda da audição) Faixa terapêutica - febre reumática (efeitos adversos: náusea, vômito, hiperventilação) Efeitos adversos severos: alcalose respiratória, acidose metabólica, insuficiência renal e respiratória, colapso cardiovascular Conc. Plasmática de salicilato (mg/dl) EFEITOS


Carregar ppt "Princípios de ação dos fármacos Receptores e transdução."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google