A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

SISTEMAS ESPECIALISTAS (SE) SISTEMAS DE AUTOMAÇÃO (SA) SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EXECUTIVA (SIE) Equipe: Dubá Ferreira Junior Leandro I. Clebsch.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "SISTEMAS ESPECIALISTAS (SE) SISTEMAS DE AUTOMAÇÃO (SA) SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EXECUTIVA (SIE) Equipe: Dubá Ferreira Junior Leandro I. Clebsch."— Transcrição da apresentação:

1 SISTEMAS ESPECIALISTAS (SE) SISTEMAS DE AUTOMAÇÃO (SA) SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EXECUTIVA (SIE) Equipe: Dubá Ferreira Junior Leandro I. Clebsch

2 SISTEMAS ESPECIALISTAS

3 Sistemas Especialistas Conceito: – Sistema - "Conjunto de elementos, materiais ou ideias que, interconectados formam um todos organizado, entre os quais se possa encontrar ou definir alguma relação; – Especialista - "Pessoa que se consagra com particular interesse e cuidado a certo estudo. Conhecedor, perito", sendo uma classe de programa de computador desenvolvido por pesquisadores de Inteligência artificial.; – Sistemas especialistas são sistemas baseados em conhecimento, onde armazenam o conhecimento.

4 Sistemas Especialistas Histórico: Décadas de 60 – Criado primeiro sistema especialista; Década de 70 – Surgimento do campo de Engenharia do conhecimento; Década de 80 – Reconhecida a ineficientes na solução de problemas complexos;

5 Sistemas Especialistas Características: Raciocínio referencial, por meio de fatos existentes Fácil documentação Baixo custo operacional Segurança Estáveis no comportamento

6 Sistemas Especialistas Base de conhecimento: Constituído de regras que reflitam o conhecimento; Aquisição do conhecimento Maior desafio – obter, armazená-lo e unir os novos conhecimentos obtidos com o conhecimento já armazenado.

7 Sistemas Especialistas Motor de Inferência Elemento essencial para um sistema especialista; Núcleo do sistema; Efetua as operações do sistema; Unifica regras (estratégias de inferência), respeitando os SE encontrando respostas conclusivas

8 Sistemas Especialistas

9 Passos para desenvolvimento de um sistema especialista

10 Sistemas Especialistas Passo 1: Seleção do problema; Passo 2: Aquisição do conhecimento; Passo 3: Representação do conhecimento; Passo 4: Codificação do conhecimento; Passo 5: Teste de conhecimento; Passo 6: Implementação e manutenção.

11 Sistemas Especialistas Benefícios: Aumento produtividade Melhor qualidade e consistência Flexibilidade Capacidade de treinamento

12 Sistemas Especialistas Problemas e Limitações: Conhecimento pode não estar prontamente disponível; Dificuldade para representar o conhecimento; Múltiplos especialista (abordagens diferentes).

13 Sistemas Especialistas Prolog

14 SISTEMAS DE AUTOMAÇÃO

15 Sistemas de Automação Conceito: – Automação: (do latim Automatus, que significa mover-se por si), é um sistema automático de controle pelo qual os mecanismos verificam seu próprio funcionamento, efetuando medições e introduzindo correções, sem a necessidade da interferência do homem. – Sistema : "Conjunto de elementos, materiais ou ideias que, interconectados formam um todos organizado, entre os quais se possa encontrar ou definir alguma relação".

16 Sistemas de Automação Histórico: Década de 70 – primeiros sistemas automatizados para a indústria; Consolidação da automação industrial surgiu a automação comercial; A partir da década de 90 – maior integração dos diversos sistemas sob uma mesma topologia.

17 Sistemas de Automação Mercado: Doméstico – sistemas que tornam atividades do dia-a-dia, em residências, de forma automática. Ex.: Casas inteligentes; Sistemas (comercial) – sistemas que auxiliam as atividades comerciais. Ex.: Sistema de caixa de lojas.

18

19 SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EXECUTIVA

20 Sistemas de Informação Executiva Com a necessidade que as organizações têm de aprimorar seu processo de gestão, face ao anseio de aperfeiçoar o desempenho e garantir o cumprimento de seu planejamento estratégico, faz com que seus administradores busquem alternativas na tecnologia da informação. O sistema de informações executivas é uma ferramenta que direciona o gestor a ações que buscam contribuir para este fim.

21 Sistemas de Informação Executiva Observa-se que, normalmente, há falta de integração entre os sistemas de informação das organizações, além de dificuldades dos gestores no acesso às informações contidas nestes sistemas. Assim as características desejadas pelos gestores podem ser encontradas em um sistema de informações executivas, desde que seja adaptado às suas necessidades.

22 Sistemas de Informação Executiva Neste cenário encontra-se entre os diversos tipos de sistemas de informação o denominado SIE – Sistemas de Informações Executivas. Este tipo de sistema de informação, tem com objetivo primordial, ampliar as possibilidades de alternativas para problemas organizacionais, assim como permitir a exploração das informações disponíveis que possibilitem ao gestor traçar novos rumos e comportar-se de maneira proativa face ao ambiente em que se encontra.

23 Sistemas de Informação Executiva Histórico: O termo SIE foi criado no final da década de 1970 a partir de trabalhos desenvolvidos por pesquisadores no MIT (Massachusetts Institute of Tecnology); O surgimento do SIE é uma resposta para preocupações decorrentes da pouca utilização da informática por executivos e pouco interesse em se habituarem a ela.

24 Sistemas de Informação Executiva Percebeu-se a necessidade de ter um sistema de informação com ênfase no entendimento de questões do mundo corporativo, tais como o que se quer atingir com o negócio, como se espera atingir tais objetivos e como medir seu progresso.

25 Sistemas de Informação Executiva Como deve ser um SIE: Um sistema altamente interativo provendo os dirigentes e executivos com acesso flexível á informação para monitorar resultados das operações e condições gerais do negócio. O SIE deve ser desenvolvido com a finalidade de ajudar os executivos a encontrar as informações primordiais que necessitem.

26 Sistemas de Informação Executiva Deverá ser prático de utilizar, os executivos que tomam decisões estratégicas não dispõe do tempo necessário para realizar um treinamento em sistemas desenvolvidos tradicionalmente para usuários de escalões mais baixos. O sistema deve ser criado de maneira que sua operação seja intuitiva e dê legibilidade a compreensão dos resultados de forma instantânea.

27 Sistemas de Informação Executiva Terá que ser desenvolvido de modo a se enquadrarem na cultura da empresa e no estilo de tomada de decisão de cada executivo. Utilizam informações do ambiente externo ( concorrentes, clientes, fornecedores, industrias, governo, tendências de mercado, etc) Deve fornecer informações críticas e indicadores de desempenho.

28 Sistemas de Informação Executiva Implantação: Para implantação de um SIE é necessário que o seu planejamento esteja alinhado com o planejamento estratégico da organização. A implementação de um SIE deve estar de acordo com a estratégia de uso da tecnologia de informação da organização, que, por sua vez deve ser coerente com a sua estratégia de negócios. O SIE depende do sistema de gestão, ao qual vai servir de suporte e este do sistema institucional que contém as crenças e valores da instituição.

29 Sistemas de Informação Executiva Os sistemas de informação devem atender às necessidades de cada área da organização e estar em conformidade com os preceitos estabelecidos na missão da instituição. Assim, os sistemas de informação amparam os administradores de todos os níveis para desenvolverem suas tarefas e atingir seus objetivos.

30 Sistemas de Informação Executiva Em termos estratégicos, o sistema de informação utilizado é o SIE que é uma ferramenta que proporciona ao executivo o monitoramento constante dos fatores críticos de sucesso do negócio, por meio dos status indicadores de desempenho. Auxilia na exploração de dados, permitindo, assim, a identificação de problemas e oportunidades para o cumprimento da missão da organização.

31 REFERÊNCIAS LAUDON, Kenneth C; LAUDON, Jane Price. Sistemas de informação com Internet. 4 ed. Rio de Janeiro : LTC, c1999. xv,389p, il. Tradução de: Information system and the Internet. STAIR, R. REYNOLDS, G.W..Princípios de Sistemas de Informação:Uma abordagem Gerencial:.6ª. Edição.Pioneira Thomson Learning, p.


Carregar ppt "SISTEMAS ESPECIALISTAS (SE) SISTEMAS DE AUTOMAÇÃO (SA) SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EXECUTIVA (SIE) Equipe: Dubá Ferreira Junior Leandro I. Clebsch."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google