A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Capítulo 9 Desenvolvimento Empresarial João Pedro Couto ESTRATÉGIA EMPRESARIAL.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Capítulo 9 Desenvolvimento Empresarial João Pedro Couto ESTRATÉGIA EMPRESARIAL."— Transcrição da apresentação:

1 Capítulo 9 Desenvolvimento Empresarial João Pedro Couto ESTRATÉGIA EMPRESARIAL

2 Pensamento Estratégico Análise do Meio Envolvente Missão, Objectivos e Estratégia Análise da Empresa Produtos-Mercados Desenvolvimento Empresarial Diversificação Análise Estratégica InternacionalizaçãoIntegração Vertical Estrutura Organizacional Política de Gestão Organização e Implementação Estratégia em Portugal 1.1 Formulação da Estratégia

3 Desenvolvimento empresarial Uma vez formuladas as orientações estratégicas da organização, é necessário definir as vias de desenvolvimento empresarial mais adequadas para as pôr em prática. Naturalmente, as modalidades de desenvolvimento empresarial não são mutuamente exclusivas. 1.2 Internacionalização Integração vertical Produtos-mercados Diversificação Estratégia dos Negócios Estratégia Corporativa Desenvolvimento interno Desenvolvimento interno Desenvolvimento externo Desenvolvimento externo Aquisição de funções Alianças estratégicas Transacções no mercado

4 Diferenças entre modalidades As várias modalidades de desenvolvimento empresarial diferem entre si no grau de controlo estratégico e no grau de integração estratégica. A aquisição é geralmente preferível ao desenvolvimento interno se o valor de compra for baixo e/ou se houver imperfeições no mercado de empresas. Depois, deve-se ponderar a opção da aquisição versus fusão. Grau de internalização do desenvolvimento Maior Menor

5 Benefícios do desenvolvimento empresarial Da análise dos méritos e deméritos relativos de cada modalidade deve resultar o reconhecimento da melhor alternativa e a identificação dos eventuais problemas na sua adopção. Os benefícios do desenvolvimento empresarial tendem a divergir de acordo com a modalidade seguida. Novas competências centrais Maior estabilidade Investimento gradual Sinergias comerciais e tecnológicas Rapidez de entrada Acesso a competências complementares Melhoria da competitividade conjunta Benefícios financeiros Acesso a novos mercados Crescimento sem estabilidade Acesso a tecnologias complementares Maior flexibilidade operacional Aproveitamento de competências centrais alheias Concentração dos recursos próprios

6 Processo de aquisição Uma aquisição é um processo que tem início antes da intenção de compra se tornar pública e que termina depois da entidade adquirida ter sido bem integrada. Na selecção das empresas candidatas à aquisição devem predominar critérios de natureza estratégica.

7 Valorização da aquisição A valorização da empresa a adquirir deve entrar em linha de conta com diversos factores, entre os quais se inclui a estimativa da perca de posição competitiva dos rivais. O impacto interno difere do impacto externo da aquisição. Finalmente, a integração pós-aquisição deve ser bem implementada, para garantir o sucesso efectivo da operação.

8 Alianças estratégicas Empresas criam alianças estratégicas para complementar competências na prossecução de um objectivo comum. As alianças estratégicas diferem em função do grau de flexibilidade da relação e da extensão dos recursos envolvidos. As alianças também diferem ao longo da cadeia operacional.

9 Cooperação e competição entre aliados Numa primeira fase, as empresas aliam-se num espírito de cooperação, mas, numa segunda fase, tentam diferenciar-se dos parceiros e voltam a competir no mercado. As alianças estratégicas têm pois um impacto na natureza competitiva da indústria a dois níveis: - Competição entre grupos de alianças estratégicas - Competição dentro das alianças estratégicas

10 Evolução do desenvolvimento empresarial A adopção das vias de desenvolvimento deve ser gerida de uma forma dinâmica, em sintonia com a evolução do meio envolvente e das capacidades da empresa. Enquanto o desenvolvimento interno faz mais sentido nas fases de introdução e crescimento do ciclo de vida, as aquisições e fusões são mais adequadas à maturidade e declínio. Já as alianças podem ser adoptadas em todo o ciclo de vida.

11 Redução do desenvolvimento empresarial O grau de desenvolvimento empresarial da organização pode ser reduzido de várias formas: - Através da cisão de operações - Através da alienação de empresas - Através da dissolução de alianças estratégicas


Carregar ppt "Capítulo 9 Desenvolvimento Empresarial João Pedro Couto ESTRATÉGIA EMPRESARIAL."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google