A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

José Roberto Garcia1 Curso: Sistemas de Informação Componente Curricular: Sistemas de Informação.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "José Roberto Garcia1 Curso: Sistemas de Informação Componente Curricular: Sistemas de Informação."— Transcrição da apresentação:

1 José Roberto Garcia1 Curso: Sistemas de Informação Componente Curricular: Sistemas de Informação

2 José Roberto Garcia2 Sistemas de Informação Conceitos Básicos Princípios: O valor da informação está diretamente ligado a como ela auxilia os tomadores de decisões a atingir os objetivos da organização; Modelos, computadores e sistemas de informação estão constantemente possibilitando às organizações melhorar a condução dos negócios;

3 José Roberto Garcia3 Sistemas de Informação Conceitos Básicos O conhecimento do impacto dos sistemas de informação e a habilidade para colocar em funcionamento esse conhecimento podem resultar em uma carreira profissional bem sucedida em organizações que atingem seus objetivos e em uma sociedade com melhor qualidade de vida; Usuários de sistemas, gerentes de negócios e profissionais de sistemas de informação devem trabalhar juntos para produzir um sistema de informação bem sucedido.

4 José Roberto Garcia4 Sistemas de Informação Conceitos Básicos Sistema de Informação (SI) – conjunto de componentes inter- relacionados que coletam, manipulam e disseminam dados e informações para proporcionar um mecanismo de realimentação visando atingir um objetivo. Dados – fatos básicos São os fatos em sua forma primária Cadeia numérica ou alfanumérica que por si só não tem significado Elemento ou quantidade conhecida que serve de base para a resolução de um problema (Aurélio) Elemento ou base para a formação de um juízo (id.) Filos. O que se apresenta à consciência como imediato, não construído ou não elaborado (id.)

5 José Roberto Garcia5 Sistemas de Informação Conceitos Básicos Tipos de Dados: Alfanuméricos: números, letras e outros caracteres De imagens – imagens gráficas e figuras De áudio – sons, ruídos ou tons De vídeo – imagens ou figuras em movimento Exemplos

6 José Roberto Garcia6 Sistemas de Informação Conceitos Básicos Informação – conjunto de fatos organizados de modo a ter valor adicional, além do valor dos fatos propriamente ditos, para a pessoa que o recebe Conhecimento – consciência e entendimento de um conjunto de informações e formas de torná-las úteis para apoiar uma tarefa específica ou tomar uma decisão

7 José Roberto Garcia7 Sistemas de Informação Conceitos Básicos Conhecimento é o produto resultante das análises efetuadas nas bases de dados percepção clara de algo; entendimento, aprendizado; tudo o que foi percebido ou aprendido pela mente; experiência prática, habilidade; informação organizada aplicável à solução de problemas (Websters New World Dictionary...)

8 José Roberto Garcia8 Sistemas de Informação Conceitos Básicos Conhecimento Conhecimento envolve as restrições implícitas e explícitas colocadas sobre os objetos (entidades) Discernimento, critério, apreciação (Aurélio) Consciência de si mesmo (id.) Filos. A apropriação do objeto pelo pensante, como quer que se conceba essa apropriação: como definição, como percepção clara, apreensão completa, análise, etc.

9 José Roberto Garcia9 Sistemas de Informação Conceitos Básicos Processo – conjunto de tarefas logicamente relacionadas desenvolvidas para atingir um resultado definido (processo computadorizado – programa) O valor da informação: é a diferença de valor entre o resultado da antiga e da nova decisão, menos o custo de obtenção da informação Exemplos

10 José Roberto Garcia10 Sistemas de Informação A era da TI A progressão da idade da informação Antes – o ábaco 1800 – 1850 – dispositivos mecânicos 1850 – 1900 – outros dispositivos mecânicos 1951 – primeira geração de computadores (uso de tubos à vácuo) 1954 – primeiro computador empresarial 1959 – segunda geração de computadores (uso de transistores) 1965 – terceira geração de computadores (uso de chips e circuitos integrados) Desenvolvimento de microcomputadores

11 José Roberto Garcia11 Sistemas de Informação A era da TI Desenvolvimento de periféricos Leitor ótico, impressora a laser, ploteadora, mesas digitalizadoras, etc Desenvolvimento das telecomunicações Redes, internet, telefonia Desenvolvimento das linguagens de programação e softwares para gerenciamento dos dados Linguagens de 4ª e 5ª gerações; sistemas operacionais de rede e processo distribuído; gerenciadores de bancos de dados; processamento massivamente paralelo

12 José Roberto Garcia12 Sistema de Informação A evolução da TI nas empresas SPT – Sistema de Processamento de Transações SC – Sistemas de Conhecimento (CAD, CAM, CAE, CIM (integrated), etc.) SIG – Sistemas de Informações Gerencias SAD, SSE, etc. IA, SE

13 José Roberto Garcia13 Sistema de Informação O universo de possibilidades que a TI pode oferecer Indústria da aviação Empresas de investimentos Indústria de transportes Editoras Empresas de Saúde Empresas Varejistas Empresas de Energia e serviços públicos Computador para cometer crimes DW, DM, SIE

14 José Roberto Garcia14 Sistema de Informação O Papel da informação Informação e concorrência Propósito da informação : capacitar os gestores a alcançar os objetivos da organização com o uso eficiente de seus recursos – informação é recurso A informação possui características A informação pode ser medida (valor, custo, qualidade, validade) Da concorrência, do mercado, do governo, dos fornecedores, interna) Servem para aliviar o impacto da turbulência e para desenvolver o cenário para uma solução eficaz Quanto maior for a sintonia entre a informação fornecida e as necessidades informativas dos gestores, melhores decisões poderão ser tomadas

15 José Roberto Garcia15 Sistemas de Informação O Papel da informação na elaboração da estratégia empresarial Definição de estratégia Inicialmente utilizada no âmbito militar, entendida como grande tática, centrada na força (Bethem) A partir do século XX passou a significar a seleção de meios e objetivos, privilegiando fatores psicológicos em detrimento da força Depois de 1960 – caracterizada como a composição de planos e metas com a finalidade de atingir o objetivo da organização Ganhou sentido organizacional – configurou-se com um indicador dos negócios da empresa e dos meios para reagir frente às mudanças ambientais

16 José Roberto Garcia16 Sistemas de Informação O Papel da informação na elaboração da estratégia empresarial Mintzberg apresenta cinco abordagens p/ a estratégia: Vista como plano : é um método de ação (intenções conscientes) para diferentes situações Vista como manobra : quando é específica – muitas vezes tem a intenção de amedrontar competidores Vista como padrão : é o próprio padrão de comportamento da empresa que pode ou não estar consciente dele Vista como posição : identifica qual a situação da empresa no mercado e sua posição no ambiente Vista como perspectiva : é a visão de mundo que a empresa tem.

17 José Roberto Garcia17 Sistemas de Informação O Papel da informação na elaboração da estratégia empresarial Caracterização da informação A definição e tradução da estratégia passa pela necessidade de disponibilizar informações adequadas aos responsáveis pela elaboração da estratégia empresarial Mercado globalizante exige capacidade de inovação, flexibilidade, rapidez, qualidade, produtividade... É cada vez mais estratégico o papel que a informação exerce Informação é fundamental: no apoio às estratégias, nos processos de tomadas de decisão, no controle das operações empresariais – representa uma intervenção no processo de gestão; pode provocar mudança organizacional quando afeta os diversos elementos que compõem o sistema de gestão

18 José Roberto Garcia18 Sistemas de Informação O Papel da informação na elaboração da estratégia empresarial Caracterização da informação O recurso informação, quando devidamente utilizado, integra as funções das várias unidades da empresa, através dos diversos sistemas de informação O desafio da informação é o de habilitar os gestores a alcançar os objetivos propostos para a organização Informação é o motor que move os gestores (Garrison) Grande parte da informação pode ser gerada na própria estrutura da organização A informação deve ser prospectiva (que faz ver adiante) e qualitativa Deve ser voltada para o futuro e para o ambiente externo, a partir das capacidades potencialidades da organização

19 José Roberto Garcia19 Sistemas de Informação O Papel da informação na elaboração da estratégia empresarial Caracterização da informação Origem da informação – na coleta de dados Significado – de acordo com o contexto delimitado Necessidade – delimitação inicial do problema Delimitação do problema – base para identificar as informações pertinentes a serem selecionadas

20 José Roberto Garcia20 Sistemas de Informação O Papel da informação na elaboração da estratégia empresarial Caracterização da informação Pode consistir de objetos, configurações de objetos ou relatórios sobre objetos Quantidade x qualidade da informação – há uma abundância de informações disponíveis mas nem sempre relevantes ao usuário Qualidade = relevante, precisa, concisa, clara, consistente... a informação só será útil se atender às necessidades do usuário Potencial da informação – diferença entre os demais ativos é que ela é infinitamente reutilizável, sem se deteriorar ou depreciar, apesar do uso

21 José Roberto Garcia21 Sistemas de Informação O Papel da informação na elaboração da estratégia empresarial Interface da informação com a estratégia empresarial –Estratégia = caminho lógico para a vantagem competitiva –Escolha = a empresa deve fazer uma escolha sobre o tipo de vantagem competitiva que busca obter Estratégia centrada no controle dos custos – atingir expansão de vendas através de preços baixos = ênfase no controle de custos Estratégia centrada na diferenciação dos produtos/serviços – atingir expansão de vendas através de novos produtos/serviços = ênfase na qualidade, tecnologia, inovação – controle de custos não é tão relevante Informação = recurso essencial na definição da estratégia (variedade de fontes e características diversas)

22 José Roberto Garcia22 Sistemas de Informação O Papel da informação na elaboração e definição da estratégia empresarial Coleta dos dados p/ definição da estratégia –A informação não se limita à simples coleta dos dados Informação = dados decodificados, organizados e contextualizados Dados = matéria-prima para a informação –Variedade de dados necessários Demonstrações contábeis publicadas, comunicados à imprensa, estatísticas do governo e não governamentais, pesquisas, trabalhos acadêmicos, conversas informais com outras pessoas (clientes, fornecedores, funcionários...) Dados do ambiente interno: atuais e passados (história) Reunir material potencialmente relevante para montar a estratégia O desafio é como conseguir esse material (quais serão as interfaces)

23 José Roberto Garcia23 Sistemas de Informação O Papel da informação na elaboração e definição da estratégia empresarial Potencial da TI –Atividades operacionais na organização: compras, produção, vendas –Atividades de suporte : pesquisa e desenvolvimento –Atividades de manutenção : pessoal –Atividades de controle : contabilidade e fiscal Todas têm sua própria tecnologia Conhecimento tecnológico = máquinas, procedimentos codificados (incluindo programas de computação) e rotinas armazenadas na memória dos indivíduos TI = procedimentos codificados (incluindo programas de computação) Informação e TI – são iguais a outros recursos Estratégia competitiva alinhada com estratégia de TI

24 José Roberto Garcia24 Sistemas de Informação O Papel da informação na elaboração e definição da estratégia empresarial Identificação de alternativas através da informação –Informação como suporte na definição da estratégia –Informação como componente da estratégia definida Diferenciação baseada na informação –Prestação de serviço individualizado ao cliente –Fabricação de produtos personalizados –Criação ou eliminação de barreiras à entrada no mercado –Configuração de cadeia de valores Conjunto de atividades que contribuem para alcançar vantagem competitiva Necessita de informação para projetar alternativas melhores

25 José Roberto Garcia25 Sistemas de Informação O Papel da informação na elaboração e definição da estratégia empresarial Exercícios –Questões para estudo e compreensão do texto Página 58 – bibliografia básica (Ilse) –Questões propostas para discussão Página 58 – bibliografia básica (Ilse) –Perguntas sobre o caso Ford Motor Company Página – bibliografia complementar (OBrien, James)

26 José Roberto Garcia26 Sistemas de Informação O Papel da informação na elaboração e definição da estratégia empresarial Exercício 1.Prestação de serviço individualizado ao cliente 1.Implica informações sobre suas preferências individuais Onde, quais e quando obtê-las? Como criar e manter uma memória organizacional sobre essas preferências? 2.Fabricação de produtos personalizados 1.Os produtos personalizados e artesanais têm seu valor aumentado devido ao conhecimento neles embutido Onde, quais e quando obter informações sobre esses produtos e a quem eles se destinam? Como disseminar essas informações para toda a organização?

27 José Roberto Garcia27 Sistemas de Informação O Papel da informação na elaboração e definição da estratégia empresarial Exercício 3. Criação ou eliminação de barreiras à entrada no mercado 1. Uma forma de criar essa informação consiste em aplicar um grande volume de recursos em TI Como justificar esse investimento? Através do calculo do retorno do investimento!

28 José Roberto Garcia ,43 Período (ano) Valor Futuro (R$) economias % de perda Valor presente (R$) Valor presente acumulado (R$) ,401, , ,401, , , ,401, , , ,401, , , ,402, , ,22 Exemplo do cálculo de retorno do investimento Custo do Projeto: R$ ,45 – retorno em 3 anos e cinco meses!

29 José Roberto Garcia29 Retorno sobre o investimento Período = quantidade, em meses ou anos, referente ao tempo de retorno do investimento Valor futuro = valor das economias que serão proporcionadas pelo novo sistema Taxa = percentual de desvalorização da moeda Valor presente = valor das economias trazidas para a data do cálculo das mesmas Valor presente acumulado = valor acumulado ao longo dos períodos calculados que será confrontado com o custo do projeto

30 José Roberto Garcia30 Sistemas de Informação O Papel da informação na elaboração e definição da estratégia empresarial Para desenvolver os exercícios indicar: –O tipo de cliente / produto que a empresa possui –Onde buscar os dados e informações necessários –Quais dados e informações serão necessários –Como buscar as informações – elaborar o documento necessário –Quando buscar essas informações (durante quanto tempo) –Como armazenar essas informações – elaborar projeto –Quanto custará o projeto e o tempo de retorno do investimento

31 José Roberto Garcia31 Sistemas de Informação O gerenciamento da informação na execução da estratégia empresarial Elementos do gerenciamento da informação –Banco de dados Funções: 1)viabilizar de forma ágil a disponibilização dos dados para a geração das informações; 2) ser um elemento catalisador – evitar redundâncias –Profissionais responsáveis pelo BD e pela TI –Áreas usuárias da informação Necessidade de existir relações entre o pessoal de TI e os tomadores de decisão –Rede informal de informações Integrar informações internas (de vários setores) e externas

32 José Roberto Garcia32 Sistemas de Informação O gerenciamento da informação na execução da estratégia empresarial Uso da informação como ferramenta estratégica – etapas do processo de gerenciamento da informação –Identificação de necessidades e requisitos de informação – fontes fornecedoras dos dados – onde estão os dados? –Coleta / Entrada da informação – identificação e compreensão das informações necessárias Tratamento e apresentação da informação –Classificação e armazenamento da informação –Desenvolvimento de produtos e serviços de informação Explorar os conhecimentos e experiências dos usuários e TI –Distribuição e disseminação da informação –Análise e uso da informação

33 José Roberto Garcia33 Sistemas de Informação O gerenciamento da informação na execução da estratégia empresarial Distribuição / disseminação da informação –Discutir e negociar com os usuários suas reais necessidades e os custos para a obtenção dessa informação Arquitetura da informação: é o resultado (produto) da estruturação e inter-relação dos recursos informacionais disponíveis na empresa –Tarefas: A descrição e a elaboração do projeto centrada no desejo do cliente A articulação do projeto a fim de adequá-lo às exigências técnicas

34 José Roberto Garcia34 Sistemas de Informação O gerenciamento da informação na execução da estratégia empresarial Objetivos da arquitetura da informação –Definir o espaço de informação da organização em termos de domínios de interesse de informações –Definir os limites críticos do espaço de informação (o que está dentro e o que está fora dele) –Identificar as estratégias para a definição das origens, filtragem e redução –Eliminar o ruído das informações –Tornar o comportamento da informação desejada mais fácil –Tornar o comportamento da informação indesejada mais difícil –Aperfeiçoar a adaptabilidade, estabelecendo claramente premissas e políticas de informação –Aperfeiçoar as comunicações gerenciais, definindo claramente modelos de informação compartilhada

35 José Roberto Garcia35 Sistemas de Informação O gerenciamento da informação na execução da estratégia empresarial Exercícios –Página 76 do livro base (Ilse) Questões para estudos e compreensão do texto Questões propostas para discussão

36 José Roberto Garcia36 Sistemas de Informação A informação como suporte ao processo de avaliação do desempenho da estratégia Processo de gestão: –Necessita de sistemas de avaliação de desempenho das operações –Deve haver monitoramento e reavaliação das operações diárias o objetivo é garantir o sincronismo entre a definição e a execução da estratégia através de um SI que contemple o processo de gestão

37 José Roberto Garcia37 Sistemas de Informação A informação como suporte ao processo de avaliação do desempenho da estratégia Sistemas de avaliação de desempenho são úteis para: – fornecer informação que contribua para melhorar a qualidade de futuras decisões – balizar as tomadas de decisão –Controlar a organização Obs. As mudanças (lentas ou rápidas) no ambiente impõem a necessidade de visualização de novos problemas; SI deve estar integrado com o processo de gestão empresarial SI deve enfocar as etapas de planejamento, execução e controle das atividades As três etapas de estar interligadas – comparar o conteúdo dos planos com o que foi executado

38 José Roberto Garcia38 Sistemas de Informação A informação como suporte ao processo de avaliação do desempenho da estratégia Avaliações estratégicas de desempenho constituem o conjunto integrado de avaliações e processos de gestão que ligam a estratégia à execução Componentes dos sistemas de avaliações de desempenho –Um conjunto de indicadores de desempenho abrangendo medidas financeiras e não financeiras –Processos de gestão para se adaptarem aos indicadores –Infra-estrutura para coletar, filtrar, analisar e propagar indicadores importantes a quem de direito dentro da organização

39 José Roberto Garcia39 Sistemas de Informação A informação como suporte ao processo de avaliação do desempenho da estratégia Um gestor requer: –Conjuntos diferentes de critérios de desempenho Construir indicadores de desempenho com pesos diferentes –Para unidades diferentes – aquela que vende mais pode ter peso diferente –Para focos diferentes – qualidade, cliente, custo do produto, mudança de cultura (por exemplo, para escolher o fornecedor desenvolver um índice que considere fatores como preço, qualidade, pontualidade na entregam fornecendo pesos diferentes para cada uma dessas variáveis)

40 José Roberto Garcia40 Sistemas de Informação A informação como suporte ao processo de avaliação do desempenho da estratégia Um gestor requer ainda: –Medidas sólidas que garantam que estão sendo monitoradas as coisas certas –Um sistema de medição total e não uma coleção de medidas não-relacionadas –Um processo de gerenciamento que converta os dados fornecidos pelo sistema de medição em ação inteligente Obs. Ver figura 4.2 – metodologia geral de medição

41 José Roberto Garcia41 Sistemas de Informação A informação como suporte ao processo de avaliação do desempenho da estratégia Medidas e indicadores genéricos para critérios de avaliação de desempenho –Eficácia % de quotas de vendas por vendedor Rotatividade de clientes por distrito e produto Falhas nos cronogramas Participação no mercado (% efetiva e potencial) Nível de reputação com os clientes Número de planos executados x nº total de planos % de mercadorias enviadas pontualmente

42 José Roberto Garcia42 Sistemas de Informação A informação como suporte ao processo de avaliação do desempenho da estratégia Medidas e indicadores genéricos para critérios de avaliação de desempenho –Eficiência % de escassez de material programados para a produção Mudança dos custos totais médios do tratamento de requisições Relatórios de estoque de itens abaixo do ponto mínimo Altas taxas de rejeitos Tempo de máquina parada Mão-de-obra direta e indireta x faturamento Prazo médio de entrega Taxa de utilização das máquinas Taxa de utilização de espaço

43 José Roberto Garcia43 Sistemas de Informação A informação como suporte ao processo de avaliação do desempenho da estratégia Medidas e indicadores genéricos para critérios de avaliação de desempenho –Qualidade % de rejeitos nos itens recebidos Índice de rejeição Quantidade de trabalho corretivo Índice de queixas dos clientes –Produtividade Vendas por empregado Taxa de produção por empregado Tempo total de produção desde a matéria-prima até o produto acabado

44 José Roberto Garcia44 Sistemas de Informação A informação como suporte ao processo de avaliação do desempenho da estratégia Medidas e indicadores genéricos para critérios de avaliação de desempenho –Qualidade da vida de trabalho Absenteísmo de empregados e taxa de rotatividade Número de reivindicações dos empregados Número de acidentes Horas trabalhadas pelos empregados além dos níveis alvos –Inovação Número de novos métodos de produção adotados Economia de tempo e de custos pelo emprego de novos métodos e tecnologias

45 José Roberto Garcia45 Sistemas de Informação A informação como suporte ao processo de avaliação do desempenho da estratégia Medidas e indicadores genéricos para critérios de avaliação de desempenho –Lucratividade Vendas efetivas x vendas previstas Variações no orçamento excedendo os níveis-alvos Lucros como porcentagem do capital empregado Lucro como porcentagem das vendas Lucro por empregado Porcentagem de aumento de dividendos % de débitos para o ativo total

46 José Roberto Garcia46 Sistemas de Informação A informação como suporte ao processo de avaliação do desempenho da estratégia O papel de SI deve: –Mudar da coleta e disseminação de dados válidos sobre a empresa e seu ambiente para: –A descoberta das relações entre os vários elementos, em análise, e seu impacto na organização e nas pessoas que nela trabalham Obs. A transformação de dados válidos em informação útil requer a compreensão e transformação dessas relações, a contextualização e suas implicações

47 José Roberto Garcia47 Sistemas de Informação A informação como suporte ao processo de avaliação do desempenho da estratégia Exercícios –Páginas 92 e 93 Questões para estudo e compreensão do texto Questões propostas para discussão


Carregar ppt "José Roberto Garcia1 Curso: Sistemas de Informação Componente Curricular: Sistemas de Informação."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google