A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O TRABALHO COM PROJETOS ETAPAS E ATORES. INTRODUÇÃO IMPORTÂNCIA DESTE TRABALHO; DESENVOLVIMENTO- ETAPAS; ATORES E PAPÉIS; VANTAGENS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O TRABALHO COM PROJETOS ETAPAS E ATORES. INTRODUÇÃO IMPORTÂNCIA DESTE TRABALHO; DESENVOLVIMENTO- ETAPAS; ATORES E PAPÉIS; VANTAGENS."— Transcrição da apresentação:

1 O TRABALHO COM PROJETOS ETAPAS E ATORES

2 INTRODUÇÃO IMPORTÂNCIA DESTE TRABALHO; DESENVOLVIMENTO- ETAPAS; ATORES E PAPÉIS; VANTAGENS.

3 Qual a Minha Intenção ao Trabalhar com Projetos? O que pretendemos? Quais os Motivos? O que esperamos? Quais os objetivos que queremos alcançar?

4 O que é Projeto? 2º Dicionário Aurélio: idéia que se forma de executar ou realizar algo no futuro; plano; intento. Empreendimento a ser realizado dentro de determinado esquema. Esboço ou rabisco de obra a se realizar; plano.

5 PROJETO = AÇÃO

6 Se é um sonho que levará a ação só fará sentido se for coletivo, se todos sonharem juntos para que o aluno interaja em seu processo de construção do conhecimento, resolva problemas, desenvolve habilidade e competências para sua formação integral.

7 A Importância do Trabalho com Projetos Forma e meio para alcançarmos nossos objetivos; Leva a criança a trabalhar de forma cooperativa; Leva ao desafio= o professor não dá pronto; Propicia interação= entre alunos, professor- aluno, escola- família; Desenvolve habilidades através de ações; Trabalha com o Desenvolvimento das Inteligências Múltiplas;

8 Possibilita a Interdisciplinariedade; Desenvolve a criança investigadora; Estabelece relações- conhecimento que já tenho e novos conhecimentos; Desenvolve a Autonomia- a medida que traçam suas ações, exercem sua independência de pensar, planejar, agir de acordo com suas necessidades e opiniões- professor e aluno sonham juntos suas ações rumo as descobertas e a construção do conhecimento; Leva em conta o contexto e que o aluno está inserido= Apdz mais significativa.

9 Iniciando um Projeto Construindo e Analisando o Cenário Ações, falas e atitudes das Crianças = Recados; Professor não atento= olha mas não enxerga, escutam seus alunos mas não ouvem seus pedidos; Apurar sua percepção: qual o real cenário, suas necessidades, dificuldades, ansiedades, curiosidades, contexto social,, idades, fases do desenvolvimento, brincadeiras, conversas,etc. A análise do cenário= buscarmos estratégias para que realizem uma apdz mais significativa.

10 O TEMA A partir dele tudo pode dar certo ou não; Não cair na armadilha dos temas da moda;

11 * O tema pode surgir de diferentes formas: Por meio de discussões entre os alunos; Em rodas de conversas; Atvs de brincadeiras do grupo; Desenhos com temas que persistem; História lida pelo professor que desperte o interesse do grupo; De uma notícia que está na mídia;

12 Está na mente do professor= vender a idéia- museus, palestras, vídeos; O tema poderá partir de um interesse, necessidade ou problema.

13 - Cuidados: O professor deve analisar e avaliar se será relevante, se provocará mudanças de atitudes, se é possível trata-lo de modo globalizado, se propiciará novos conhecimentos, se atende às vontades e necessidades, e se realmente, é um SONHO que dará início a um projeto ou apenas CURIOSIDADE momentânea.

14 Definido o Tema, o que Fazer? Verificar o que as crianças já sabem sobre o tema; Como Investigar: - Roda de Conversas; - Figuras; - Desenho sobre o tema; - História sobre o tema= discussão aberta; - Vídeo= discussão; - Reportagem= discussão

15 Registro- registrar junto com as crianças essas informações; Importância- ajudará professor e grupo observarem o que já conhecem sobre o tema.

16 O que gostariam de Saber? Levantar com grupo o que gostariam de saber: dúvidas, curiosidades. Como investigar: - Roda de Conversas; - Escrevem a pergun- ta e colocam em uma caixa de dúvida - Desenham uma per- gunta.

17 Registro: registrar junto às crianças as informações; Importância: ajudará o professor e grupo perceberem por onde vão caminhar e como irão construir esse conhecimento.

18 Hipóteses: Abro ao grupo as dúvidas, devolvendo- as em forma de Perguntas= E vc, o que acha? Registro; Importância: Guia para incentivo à pesquisas e busca de informações- excitação no grupo para busca de conhecimento.

19 A Ação: Busca em direção a construção do conhecimento; AÇÃO: pesquisas, entrevistas, leituras, experiências, passeios, desenhos, vídeos, etc; Registro: descobertas- desenhos, textos, cartazes, maquetes, etc; Importância:construção da apdz juntos e com autonomia.

20 Depuração Comparar e verificar o que descobriram; Registro: O que descobrimos? Importância: leva o aluno a olhar para o que fez, o que descobriu. Leva-o a reflexão, análise; Provoca um olhar crítico sobre suas ações e informações obtidas.

21 Apresentação Consolidação do conhecimento obtido, expõem tudo aquilo que descobriram; Como? Planejarão juntos como irão comunicar; Importância: para o EGO do grupo, darão significado ao que fizeram, valor. Integração e respeito, socialização e troca de experiências, informações e descobertas= percebem que adquiriram novos conhecimentos;

22 Formas de Apresentação: - desenhos pinturas; - maquetes; - jornais; - Dramatizações; - Músicas; - Exposições; - Portfólio; - Livro.

23 Avaliação O tempo todo, processo CONTÍNUO; Aluno e Professor juntos= o que fizeram, o que gostaram, o que mudariam, o que não gostaram, etc; Importância: reflexão, auto-crítica, aprimoramento, grupo percebe o que fez e o processo de construção do conhecimento.

24 Planejar é Preciso: Traçar, projetar, programar, elaborar um roteiro para empreender uma viajem rumo ao conhecimento, orientar; Importância: Prever ações, segurança; flexibilidade, facilita avaliação do processo e resultados;

25 Palavras Chaves: - O que? - Por que? - Para Quem? - Onde? - Como?

26 Papel do Professor Estabelecer objetivos e planos de trabalho; Oferecer e receber ajuda; Mediador e Facilitador; Pesquisar construir junto; Questionar e refletir sua ação; Proporcionar aprendizagem significativa; Conhecer o grupo; Formação contínua;

27 Alinhavo, lembrando qual era o problema inicial, dúvidas, hipóteses, o que fizeram e resultados obtidos; Oferecer meios para construção do conhecimento; Incentivar, Auxiliar, Direcionar e Acreditar; E o mais importante: Deve SONHAR junto com o aluno.

28 Papel do Aluno Participante ATIVO do processo; Voz ativa e autonomia; AGE durante todo o processo; Reflete, analisa, critica, sugere, questiona, propõe, participa e caminha junto com o professor; TRILHA seu processo de Aprendizagem.

29 Conclusão Assim, para que ocorra uma apdz significativa é necessário, pois, olhar a criança, as diferentes crianças, os movimentos do grupo. É urgente ouvir suas necessidades e interesses: no choro, no balbucio, no gesto, na palavra, na ação, na brincadeira. A escuta é disponibilidade ao outro e a tudo o que ele tem a dizer. E mais: a escuta torna-se hoje, o verbo mais importante para se pensar e direcionar a Prática Educativa.

30 Nas palavras de Carlina Rinaldi:... O verbo mais importante que guia a ação educativa não é mais falar, explicar, transmitir, mas ESCUTAR. A escuta é a disponibilidade ao outro e a tudo que ele tem a dizer; é a escuta das 100 e mais linguagem, com todos os sentidos... (1995)

31


Carregar ppt "O TRABALHO COM PROJETOS ETAPAS E ATORES. INTRODUÇÃO IMPORTÂNCIA DESTE TRABALHO; DESENVOLVIMENTO- ETAPAS; ATORES E PAPÉIS; VANTAGENS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google