A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Parto Normal está no meu Plano Movimento ANS em favor do Parto Normal Agosto de 2008.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Parto Normal está no meu Plano Movimento ANS em favor do Parto Normal Agosto de 2008."— Transcrição da apresentação:

1 Parto Normal está no meu Plano Movimento ANS em favor do Parto Normal Agosto de 2008

2 Características gerais do setor suplementar da saúde

3 operadoras ativas (ANS, mar/2008) beneficiários de planos de saúde (ANS, mar/2008) Atenção à Saúde como dimensão prioritária da regulação Setor Suplementar da saúde como produtor de SAÚDE Saúde entendida como intervenção em todos os aspectos: promoção, prevenção, diagnóstico, tratamento e reabilitação Induzir a configuração de modelos de atenção à saúde no setor que sejam centrados no beneficiário, que valorizem as ações de promoção à saúde e prevenção de doenças e que observem os princípios de qualidade, integralidade e resolutividade Características gerais do setor suplementar da saúde

4 4 Programa de Qualificação Proporção de Parto Cesáreo Fonte: SIP/ANS

5 5 Proporção de Cesarianas no Setor Suplementar, SUS e Média Brasil Fonte: SIP/ANS e SINASC/DATASUS/MS

6 Análise preliminar do Requerimento de Informações sobre Promoção da Saúde e Prevenção de Riscos e Doenças Junto às operadoras de planos privados de assistência à saúde Atenção Obstétrica

7 7 Preenchimento on-line através do sítio da ANS Somente um questionário preenchido por Operadora, independente do número de programas desenvolvidos e das Áreas de Atenção à Saúde abordadas Data limite para preenchimento: 13/06/2008 (prorrogado até o dia 30/06/2008) Total de Operadoras questionadas: Total de Operadoras que responderam: Total de operadoras que realizam programas de promoção da saúde e prevenção de doenças: 641 Responderam sobre atenção obstétrica 946 operadoras 7 Características gerais do R.I.

8 8 Destaca-se que de acordo com dados de março de 2008 do Sistema de Informações de Beneficiários da ANS, as operadoras que responderam o questionário concentram 96,5% dos beneficiários do setor de saúde suplementar. 8 Características gerais do R.I.

9 9 Conhecer o número de operadoras que desenvolvem Programas de Promoção e Prevenção; Identificar as estratégias de Promoção da Saúde e Prevenção de Doenças implementadas pelas operadoras; Coletar informações relacionadas à atenção obstétrica; Subsidiar a elaboração da proposta de monitoramento e avaliação dos programas; Subsidiar o planejamento de mecanismos de indução à adoção de Programas de Promoção da Saúde e Prevenção de Riscos e Doenças Objetivos do R.I.

10 10 Atenção Obstétrica no Setor Suplementar

11 11 Atenção Obstétrica no Setor Suplementar

12 12 Atenção Obstétrica no Setor Suplementar

13 13 Atenção Obstétrica no Setor Suplementar

14 14 Atenção Obstétrica no Setor Suplementar 58% das operadoras informaram fazer o levantamento do nº de cesáreas e de partos normais realizados por cada obstetra e/ou por cada maternidade; 32% responderam que informam os obstetras a respeito do nº de cesarianas e partos normais realizados por eles Apenas 8% responderam que informam as beneficiárias a respeito do nº de cesarianas e partos normais realizados pela operadora e/ou maternidade da rede 82% informaram que não existe incentivo para obstetras que realizam parto normal; Apenas 20% informaram possuir protocolo/diretriz escrito com boas práticas para o manejo do trabalho de parto e parto.

15 15 Programas de Promoção e Prevenção – Área de Atenção à Saúde da Mulher Na área de atenção à saúde da mulher 76% dos programas referem-se á atenção ao pré-natal, parto e/ ou puerpério e 52% referem-se a programas de incentivo ao parto normal

16 16 Na área de atenção á saúde da criança predominam programas sobre incentivo ao aleitamento materno (62%) Nesta área de atenção 50% dos inscritos no programa estão na faixa etária abaixo de 1 ano. Programas de Promoção e Prevenção – Área de Atenção à Saúde da Criança

17 17 Resultados verificados

18 Ações prioritárias

19 19 Formação de força-tarefa composta por representantes do Ministério da Saúde, da Secretaria Especial de Políticas para Mulheres, da ANS e da ANVISA; Realização de ampla campanha de mídia desenvolvida em parceria pelos membros da força-tarefa; Formação de um Grupo Técnico para debater o problema e estratégias de enfrentamento para o setor suplementar, com representantes de entidades governamentais, sociedades de especialidades, e representantes de atores do setor suplementar; Elaboração de publicação técnica sobre o tema: O modelo de atenção obstétrica no setor de saúde suplementar no Brasil: cenários e perspectivas; Ações prioritárias

20 20 Diagnóstico dos programas desenvolvidos pelas operadoras (Coleta e Divulgação dos resultados do R.I.) Elaborar e divulgar Diretrizes/Protocolos de Promoção da Saúde e Prevenção de Doenças para o setor suplementar (AMB) Implementar estratégias para programas específicos no setor de saúde suplementar que qualifiquem as ações realizadas pelas operadoras. (Termo de Cooperação Técnica) Ações prioritárias

21 21 Como conseguir resultados concretos? Poder Público Operadoras Prestadores Médicos Mulheres Sociedade

22 Disque-ANS: Gerência-Geral Técnico Assistencial de Produtos Diretoria de Normas e Habilitação dos Produtos


Carregar ppt "Parto Normal está no meu Plano Movimento ANS em favor do Parto Normal Agosto de 2008."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google