A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Esta solenidade remonta ao século XIII. É um desdobramento da Quinta- feira na Ceia do Senhor. Jesus come a Páscoa com seus discípulos e institui a Eucaristia.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Esta solenidade remonta ao século XIII. É um desdobramento da Quinta- feira na Ceia do Senhor. Jesus come a Páscoa com seus discípulos e institui a Eucaristia."— Transcrição da apresentação:

1

2 Esta solenidade remonta ao século XIII. É um desdobramento da Quinta- feira na Ceia do Senhor. Jesus come a Páscoa com seus discípulos e institui a Eucaristia como Ceia pascal da Igreja. Comer a Ceia do Senhor é entrar em comunhão com o Senhor, tornar-se um com ele. Comungar é entrar no projeto de Cristo, é comprometer-se com seu Reino, porque Ele prometeu: Eu sou o pão vivo que desceu do céu. Quem comer deste pão viverá eternamente. E o pão, que eu hei de dar, é a minha carne para a salvação do mundo. Quem come a minha carne e bebe o meu sangue tem a vida eterna; e eu o ressuscitarei no último dia. Caríssimos, meditemos hoje nestas palavras de Jesus e o adoremos em Espírito e Verdade. Carinhosamente, Graziela

3 Adoro-te com devoção, Deus escondido. Realmente oculto sob estas aparências: Meu coração a Ti todo se entrega, E ao contemplar-Te se abandona inteiro Realmente, não vejo as chagas confesso, entretanto, que sois o meu Deus. Fazei que eu creia mais e mais em vós, que em vós espere, que em vós ame.

4 A vista, o tato, o gosto em Ti se enganam. Mas basta o ouvir para ter a fé segura; Tudo o que o Filho de Deus disse eu creio: Nada mais verdadeiro que o Verbo da Verdade Com a minha pouca fé e o meu amor ainda tíbio, quero te adorar, meu Senhor e meu Deus.

5 Na Cruz só se ocultava a divindade, Aqui também se oculta a humanidade: Em ambas, porém, crendo, ambas confesso. E o que pediu o bom ladrão eu peço. Tu estás me esperando neste sacramento de amor e eu quero te adorar, te contemplar, reparar as graves faltas e delitos do mundo.

6 Como Tomé, tuas chagas eu não vejo; Mas confesso Senhor que és o meu Deus. Faz com que eu creia em Ti cada vez mais. Tenha esperança em Ti e a Ti te ame.

7 Ó memorial da morte do Senhor! Pão vivo que concedes vida ao homem, Faz que minha alma de Ti sempre viva E um sabor doce sinta sempre em Ti.

8 Ó Jesus, piedoso pelicano, A mim, impuro, limpa-me em teu Sangue, Que couma gota só o mundo inteiro Poderia livrar de qualquer crime.

9 Jesus, a quem velado agora vejo Peço-te enfim o que com sede anseio: Que, em Te vendo a rosto descoberto, Seja eu feliz de olhar a tua glória. Amém Sacrários de prata e ouro, que abrigais a onipresença de Jesus, nosso tesouro, nossa vida, nossa ciência, eu Vos bendigo e Vos adoro com profunda reverência....

10 Hoje é um dia de Ação de Graças e de alegria porque o Senhor também quis ficar conosco para que nunca nos sentíssimos perdidos, para nos alimentar, para nos fortalecer. Tu és Senhor o meu alimento para o longo caminho da vida em direção à verdadeira VIDA.

11 Obrigado Pai porque seu Filho Jesus Cristo entrega-se todos os dias aos homens como alimento e fica conosco nos Sacrários para ser a fortaleza e a esperança de uma vida nova, sem fim nem termo. É um mistério sempre vivo e atual. Texto-Hino Adoro te devote (S. Tomás de Aquino) e outros comentários. Imagens- Net Música- De coração Formatação- Graziéla


Carregar ppt "Esta solenidade remonta ao século XIII. É um desdobramento da Quinta- feira na Ceia do Senhor. Jesus come a Páscoa com seus discípulos e institui a Eucaristia."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google