A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

GESTÃO DA COMPETITIVIDADE EM MEIOS DE HOSPEDAGEM Profa. Me. Manoela Carrillo Valduga

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "GESTÃO DA COMPETITIVIDADE EM MEIOS DE HOSPEDAGEM Profa. Me. Manoela Carrillo Valduga"— Transcrição da apresentação:

1 GESTÃO DA COMPETITIVIDADE EM MEIOS DE HOSPEDAGEM Profa. Me. Manoela Carrillo Valduga

2 Desenvolvimento Hoteleiro Planejamento de Produtos Hoteleiros

3 ESTUDOS DE VIABILIDADE PARA HOTÉIS POSICIONAMENTO DE MERCADO GESTÃO DA COMPETITIVIDADE

4 EMPRESA HOTELEIRA: VENDE DIÁRIAS, PERNOITES, ACRESCIDO DE OUTRAS FACILIDADES

5 FUNÇÕES GERENCIAIS FUNÇÕES OPERACIONAIS DIREÇÃO GERENCIAMENTO ASSESSORIA SUPERVISÃO OPERAÇÃO

6 Planejamento de Produtos Hoteleiros Hotéis Independentes Hotéis de Rede

7 Hotéis Independentes Observação direta Empirismo Percebe-se uma necessidade ou deficiência Busca resultados imediatos

8 Hotéis de Rede Procedimentos metodológicos Ponderação de cenários Históricos anteriores Projeção de mercado futuro Comparação entre mercados potenciais Visa retorno de médio e longo prazos

9

10 Gestão da competitividade Globalização dos mercados e a internacionalização das empresas Avanços tecnológicos Mudanças nas condições da oferta e da demanda

11 Gestão da competitividade Aumento da interatividade!!!

12 Gestão da competitividade Índice de Reputação On-line da Hotelaria em Destinos Urbanos da América Latina 541 mil opiniões de hóspedes que visitaram empreendimentos espalhados por 20 capitais: Assunção, Bogotá, Brasília, Buenos Aires, Caracas, Cidade da Guatemala, Cidade do México, La Habana, La Paz, Lima, Manágua, Montevidéu, Panamá, Quito, San José, San Juan, San Salvador, Santiago do Chile, Santo Domingo e Tegucigalpa.

13 Gestão da competitividade Índice de Reputação On-line da Hotelaria em Destinos Urbanos da América Latina Os hotéis latino-americanos têm média de reputação de 7,83 pontos, numa escala de As cidades de San Salvador (8,18), Quito (8,12) e Bogotá (8,09) receberam as melhores avaliações.

14 Gestão da competitividade Índice de Reputação On-line da Hotelaria em Destinos Urbanos da América Latina No caso dos empreendimentos que têm reputação on-line consolidada, 52% têm até dez comentários de clientes; e 79% têm menos de 50 opiniões, visto pelo material como uma reputação instável.

15 Gestão da competitividade Índice de Reputação On-line da Hotelaria em Destinos Urbanos da América Latina Cerca de 15% dos hotéis analisados tiveram nota entre 0 e 6 pontos. A grande maioria, 64%, aparece com pontuação de 7 a 8. Os demais 21% tiveram valoração entre 9 e 10.

16 Gestão da competitividade Índice de Reputação On-line da Hotelaria em Destinos Urbanos da América Latina 24% dos hotéis analisados não têm opinião alguma de seus hóspedes publicada em sites da internet, o que os torna empreendimentos invisíveis perante ao mercado.

17 Gestão da competitividade Clientes (demanda) Mais conectados (e curiosos!) do que nunca Altamente atualizados Buscam interação e personalização Imediatistas

18 Qualidade e Competitividade

19 PRODUTIVIDADE MENORES PREÇOS AUMENTO DE MERCADO PERMANÊNCIA NO NEGÓCIO GERAÇÃO DE EMPREGOS RETORNO DO INVESTIMENTO

20 Qualidade e Competitividade COMPETITIVIDADE PRODUTIVIDADE PRODUZIR MAIS POR MENOS CUSTO

21 COMO PRODUZIR MAIS POR MENOS CUSTO????

22 COMPRANDO INSUMOS POR PREÇOS MELHORES

23 COMO PRODUZIR MAIS POR MENOS CUSTO???? ELIMINAÇÃO DE DESPERDÍCIOS MERCADORIAS ESTRAGADAS MERCADORIAS VENCIDAS MERCADORIAS EM DEMASIA MERCADORIAS SEM SAÍDA MERCADORIAS SEM TOMADA DE PREÇO

24 COMO PRODUZIR MAIS POR MENOS CUSTO???? MELHORANDO EQUIPAMENTOS – INVESTIMENTO EM HARDWARE TECNOLOGIA ATIVO IMOBILIZADO, EQUIPAMENTOS

25 COMO PRODUZIR MAIS POR MENOS CUSTO???? MELHORANDO PROCESSO PRODUTIVO SOFTWARE – SISTEMAS, PROCEDIMENTOS ROTINAS

26 COMO PRODUZIR MAIS POR MENOS CUSTO???? QUALIFICANDO RH HUMANWARE CAPITAL HUMANO C H A

27 COMO PRODUZIR MAIS POR MENOS CUSTO???? APLICAÇÃO DOS 5 S

28 COMO PRODUZIR MAIS POR MENOS CUSTO???? APLICAÇÃO DOS 5 S SENSO DE UTILIZAÇÃO SENSO DE ORDENAÇÃO SENSO DE LIMPEZA SENSO DE SAÚDE SENSO DE AUTODISCIPLINA

29 GESTÃO DA COMPETITIVIDADE PARA REDES OU CADEIAS SISTEMA DE FRANQUIAS USO DA MARCA ACESSO AO KNOW HOW DA EMPRESA CONCESSÃO COMERCIAL SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO, MARKETING, RESERVAS SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO

30 GESTÃO DA COMPETITIVIDADE HOTÉIS INDEPENDENTES POOL FORMAÇÃO DE REDES

31 GESTÃO DA COMPETITIVIDADE POSICIONAMENTO: PREÇO PRODUTO PRAÇA PROMOÇÃO

32 GESTÃO DA COMPETITIVIDADE POSICIONAMENTO PREÇO – PODER AQUISITIVO DA DEMANDA DETERMINA O PREÇO QUE DETERMINA OS CUSTOS, LEMBRANDO DA CONCORRÊNCIA.

33 GESTÃO DA COMPETITIVIDADE POSICIONAMENTO PRODUTO – SEGMENTO

34 GESTÃO DA COMPETITIVIDADE POSICIONAMENTO PRAÇA – CANAIS DE DISTRIBUIÇÃO

35 GESTÃO DA COMPETITIVIDADE POSICIONAMENTO PROMOÇÃO – CANAIS DE COMUNICAÇÃO

36 GESTÃO DA COMPETITIVIDADE PDCA Definição e implantação de processos e procedimentos Capacitação das pessoas Auditorias de qualidade e Melhoria contínua da gestão.

37 GESTÃO DA COMPETITIVIDADE PDCA O Ciclo PDCA, Ciclo de Shewhart ou Ciclo de Deming é um ciclo de desenvolvimento que tem foco na melhoria contínua. O ciclo de Deming tem por princípio tornar mais claros e ágeis os processos envolvidos na execução da gestão, dividindo-a em quatro principais passos.

38 GESTÃO DA COMPETITIVIDADE PDCA É aplicado para se atingir resultados dentro de um sistema de gestão e pode ser utilizado em qualquer empresa de forma a garantir o sucesso nos negócios, independentemente da área de atuação da empresa.

39 GESTÃO DA COMPETITIVIDADE PDCA O ciclo começa pelo planejamento, em seguida a ação ou conjunto de ações planejadas são executadas, checa-se o que foi feito, se estava de acordo com o planejado, constantemente e repetidamente (ciclicamente) e toma-se uma ação para eliminar ou ao menos mitigar defeitos no produto ou na execução.

40 GESTÃO DA COMPETITIVIDADE PDCA Problema: Um hóspede reclama que tinha cabelo na roupa de cama do cliente

41 GESTÃO DA COMPETITIVIDADE PDCA Solução Metodologia dos Por quês? Porque veio da lavanderia passado com cabelo

42 GESTÃO DA COMPETITIVIDADE PDCA Por quê? Porque uma atendente da lavanderia não usa touca

43 GESTÃO DA COMPETITIVIDADE PDCA Por quê? Porque ela é evangélica e não pode prender o cabelo

44 GESTÃO DA COMPETITIVIDADE PDCA Por quê ela foi contratada? Porque ninguém informou durante o processo seletivo que ela teria que prender o cabelo e ela aceitou o trabalho

45 GESTÃO DA COMPETITIVIDADE PDCA Solução

46 GESTÃO DA COMPETITIVIDADE PDCA Solução Melhoria do processo seletivo!!!!!!


Carregar ppt "GESTÃO DA COMPETITIVIDADE EM MEIOS DE HOSPEDAGEM Profa. Me. Manoela Carrillo Valduga"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google