A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MBA FGV – Master em Logistica em Supply Chain Estrutura Conceitual – Manuel de Andrade e Silva Reis Redesenho do Processo de Compras – Construtora Andrade.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MBA FGV – Master em Logistica em Supply Chain Estrutura Conceitual – Manuel de Andrade e Silva Reis Redesenho do Processo de Compras – Construtora Andrade."— Transcrição da apresentação:

1 MBA FGV – Master em Logistica em Supply Chain Estrutura Conceitual – Manuel de Andrade e Silva Reis Redesenho do Processo de Compras – Construtora Andrade Gutierrez

2 MBA FGV – Master em Logistica em Supply Chain Estrutura Conceitual – Manuel de Andrade e Silva Reis Agenda Fluxo do Processo de Compras Introdução Construtora Andrade Gutierrez Fluxo do Processo de Compras Proposto Descrição do Processo de ComprasProcesso de Compras Proposto Análise SWOT – Novo Processo de Compras Estrategia de Implementacao do Novo Processo de Compras Análise SWOT – Processo de Compras

3 MBA FGV – Master em Logistica em Supply Chain Estrutura Conceitual – Manuel de Andrade e Silva Reis Ramo: Construção Civil - Infraestrutura; Empresa familiar / paternalista; Processos existentes há muitos anos; Grande resistência a mudanças; Cada obra constitui uma nova filial e tem grande autonomia; Administração das Obras soberana às áreas corporativas; Mercado tradicional (pouco espaço para novos concorrentes); Momento de grande demanda e visibilidade; Introdução Construtora Andrade Gutierrez

4 MBA FGV – Master em Logistica em Supply Chain Estrutura Conceitual – Manuel de Andrade e Silva Reis Descrição do Processo de Compras Obras negociam diretamente com os fornecedores; Definição do fornecedor considera basicamente os preços (performance, garantia, prazo, transporte… pouco considerados); Compradores ocupados em tirar pedidos - não envolvidos em atividades estratégicas (Procurement, Bids, Processos, etc); Baixo nível de relacionamento com fornecedores; Não há sistema de avaliação de performance em compras; Falta de Planejamento de aquisições. Área de Suprimentos pouco envolvida nas fases de desenvolvimento dos projetos; Para a maioria das obras as etapas de requisição, cotação e pedido concentram os maiores esforços; Os compradores se dedicam mais as tarefas de requisição, cotação e pedido

5 MBA FGV – Master em Logistica em Supply Chain Estrutura Conceitual – Manuel de Andrade e Silva Reis Fluxo Processo de Compras Requisição Compra Pedido de Cotação Resposta Cotação Compra Efetiva Projeto 1 Demanda Entrega Requisição Compra Pedido de Cotação Resposta Cotação Compra Efetiva Projeto 2 Demanda Entrega

6 MBA FGV – Master em Logistica em Supply Chain Estrutura Conceitual – Manuel de Andrade e Silva Reis Análise SWOT – Processo De Compras Contato com uma gama maior de fornecedores Menos Burocracia; Autonomia das necessidades Falta de controle dos custos; Falta de procedimento unificado de compras; Falta de parcerias; Falta de planejamento Corporativo. Falta de Critério na seleção de fornecedores Alta possibilidade de desvios e fraudes ForçasFraquesas OportinidadesAmeaças

7 MBA FGV – Master em Logistica em Supply Chain Estrutura Conceitual – Manuel de Andrade e Silva Reis Processo de Compras Proposto Identificar as principais Demandas (Grandes volumes e requisicoes recorrentes); O Setor Corporativo de Compras fica responsavel por centralizar estas demandas e negociar contratos e pool de fornecedores; As Demandas dos Projetos devem respeitar os contratos; Os itens de Nicho (sem contrato) continuam sob responsabilidade de cada Projeto; O Setor Corporativo fica encarregado de acompanhar as necessidades de Nicho de cada Projeto, criar Sinergia e consolidar as informacoes dentro da Corporacoa;

8 MBA FGV – Master em Logistica em Supply Chain Estrutura Conceitual – Manuel de Andrade e Silva Reis Aprovação do pedido de compra Existe Contrato? Requisição de compra Aprovação da Requisição Emissão do pedido de compra Busca de fornecedores Preparação e envio da requisição de cotação Equalização e análise das cotações Negociação e seleção do fornecedor Sim Não Comparação com premissas de preço do orçamento Centralizacao das Compras Grandes/Recorrentes Demandas Fluxo Processo de Compras Proposto Processo de Compras de Nicho

9 MBA FGV – Master em Logistica em Supply Chain Estrutura Conceitual – Manuel de Andrade e Silva Reis Estrategia de Implementacao do Novo Processo de Compras Envolvimento do Board na implementacao do Novo Processo de Compras; Utilizar a expertise das gerencias dos projetos para mapear os insumos comuns (Princípio de Pareto); Mapear os fornecedores aptos na entrega dos insumos com base nas especificações técnicas dos gerentes de projeto; Consolidar base de fornecedores com contratos de longo prazo buscando assim firmar parcerias e condições comercias competitivas; Implementar sistema único de requisições de compras; Introduzir a Politica de Compras aos compradores de projeto diferenciando as demandas de nicho e contratos;

10 MBA FGV – Master em Logistica em Supply Chain Estrutura Conceitual – Manuel de Andrade e Silva Reis Análise SWOT – Novo Processo De Compras Fimar parceirias de longo prazo; Diminuição dos desvios e fraudes; Maior pode de negociação; Controle de Custos; Procedimos Unificados; Sinergia com as áreas envolvidas; Melhor Seleção de fornecedores Aumento de trabalho nas funcoes corporativas de compras (Necessidade de Novas contratações); Resistencia as Mudancas organizacionais; ForçasFraquesas OportinidadesAmeaças

11 MBA FGV – Master em Logistica em Supply Chain Estrutura Conceitual Duvidas


Carregar ppt "MBA FGV – Master em Logistica em Supply Chain Estrutura Conceitual – Manuel de Andrade e Silva Reis Redesenho do Processo de Compras – Construtora Andrade."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google