A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Projeto de Modernização Integrada do Ministério da Fazenda - PMIMF Gestão de Pessoas Reunião 28/06/2012 – 14h às 18h MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA EXECUTIVA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Projeto de Modernização Integrada do Ministério da Fazenda - PMIMF Gestão de Pessoas Reunião 28/06/2012 – 14h às 18h MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA EXECUTIVA."— Transcrição da apresentação:

1 Projeto de Modernização Integrada do Ministério da Fazenda - PMIMF Gestão de Pessoas Reunião 28/06/2012 – 14h às 18h MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA EXECUTIVA Junho/2012

2 2 Objetivo da Reunião  Situar a frente Gestão de Pessoas no contexto estratégico Ratificar a proposta metodológica e apontar o momento atual Apresentar resultado do planejamento estratégico – carteira de projetos estratégicos  Validar os agrupamentos feitos para as diretrizes definidas na oficina do dia 30/05 e validar novas propostas de diretrizes para o desdobramento em ações  Apresentar a metodologia para formulação de projetos estratégicos de gestão de pessoas Apresentar o instrumento de identificação de ações associadas às diretrizes estratégicas e justificativas

3 Questões Desafios Diretrizes Estratégicas Projetos Estratégicos GP Cadeia de Valor Plano Diretor Visão geral da metodologia

4 Diretrizes 1.Subsidiar os processos decisórios sobre gestão de pessoas, por meio de sistemática integrada de informação. 2.Garantir ao quadro funcional fazendário qualificação e quantitativo alinhados aos desafios estratégicos e competências regimentais. 3.Estabelecer regras e mecanismos prudenciais para alocação, permanência, movimentação e desligamento de servidores de processos e áreas críticas. 4.Viabilizar a alocação e mobilidade de todos os cargos e carreiras fazendárias nos diversos órgãos do Ministério da Fazenda. 5.Promover ações integradas que levem ao bem estar organizacional. 6.Aprimorar a gestão e condições de trabalho da área corporativa. 7.Aprimorar o processo de capacitação e desenvolvimento de competências e suas metodologias de avaliação. 8.Fortalecer senso de responsabilidade pelo alcance de objetivos e metas de caráter corporativo entre os dirigentes e o corpo gerencial. 9.Assegurar que a gestão de desempenho oriente os subsistemas de gestão de pessoas. 10.Intensificar o desenvolvimento do corpo gerencial fazendário com vistas a consolidar atributos de liderança eficaz e aprimorar sua função essencial de gestão de pessoas. 11.Alinhar expectativas institucionais e individuais dos servidores. 12.Estimular a formação de uma cultura fazendária. 13.Fomentar a inovação, renovação, disseminação e a preservação do conhecimento. 1.Subsidiar os processos decisórios sobre gestão de pessoas, por meio de sistemática integrada de informação. 2.Garantir ao quadro funcional fazendário qualificação e quantitativo alinhados aos desafios estratégicos e competências regimentais. 3.Estabelecer regras e mecanismos prudenciais para alocação, permanência, movimentação e desligamento de servidores de processos e áreas críticas. 4.Viabilizar a alocação e mobilidade de todos os cargos e carreiras fazendárias nos diversos órgãos do Ministério da Fazenda. 5.Promover ações integradas que levem ao bem estar organizacional. 6.Aprimorar a gestão e condições de trabalho da área corporativa. 7.Aprimorar o processo de capacitação e desenvolvimento de competências e suas metodologias de avaliação. 8.Fortalecer senso de responsabilidade pelo alcance de objetivos e metas de caráter corporativo entre os dirigentes e o corpo gerencial. 9.Assegurar que a gestão de desempenho oriente os subsistemas de gestão de pessoas. 10.Intensificar o desenvolvimento do corpo gerencial fazendário com vistas a consolidar atributos de liderança eficaz e aprimorar sua função essencial de gestão de pessoas. 11.Alinhar expectativas institucionais e individuais dos servidores. 12.Estimular a formação de uma cultura fazendária. 13.Fomentar a inovação, renovação, disseminação e a preservação do conhecimento.

5 Proposta de agrupamento das Diretrizes GrupoDiretrizes 11.Subsidiar os processos decisórios sobre gestão de pessoas, por meio de sistemática integrada de informação 22.Garantir ao quadro funcional fazendário qualificação e quantitativo alinhados aos desafios estratégicos e competências regimentais. 3.Estabelecer regras e mecanismos prudenciais para alocação, permanência, movimentação e desligamento de servidores de processos e áreas críticas 4.Viabilizar a alocação e mobilidade de todos os cargos e carreiras fazendárias nos diversos órgãos do Ministério da Fazenda 35.Promover ações integradas que levem ao bem estar organizacional 6.Aprimorar a gestão e condições de trabalho da área corporativa 47.Aprimorar o processo de capacitação e desenvolvimento de competências e suas metodologias de avaliação 58.Fortalecer senso de responsabilidade pelo alcance de objetivos e metas de caráter corporativo entre os dirigentes e o corpo gerencial 9.Intensificar o desenvolvimento do corpo gerencial fazendário com vistas a consolidar atributos de liderança eficaz e aprimorar sua função essencial de gestão de pessoas. 610.Assegurar que a gestão de desempenho oriente os subsistemas de gestão de pessoas 11.Alinhar expectativas institucionais e individuais dos servidores 712.Estimular a formação de uma cultura fazendária 813.Fomentar a inovação, renovação, disseminação e a preservação do conhecimento

6 Instrumento de identificação de ações Bloco das Diretrizes Estratégicas Ação (o que temos que fazer?) Justificativa (porque temos que fazer?)

7 Exemplo Bloco 3 - Diretrizes Estratégicas 5.Promover ações integradas que levem ao bem estar organizacional 6.Aprimorar a gestão e condições de trabalho da área corporativa Ação (o que temos que fazer?) Justificativa (porque temos que fazer?) 1Instituir o macroprocesso de segurança e higiene no trabalho Necessidade de adequação de padrões adequados de qualidade nos procedimentos de trabalho, de condições de salubridade, funcionalidade e ergonômicas 2Levantar fatores de periculosidade e inatividade Gerenciamento desses fatores com vistas a reduzir índices de afastamento e melhoria da segurança no trabalho

8 Exemplo Bloco 1 - Diretrizes Estratégicas 1.Subsidiar os processos decisórios sobre gestão de pessoas, por meio de sistemática integrada de informação Ação (o que temos que fazer?) Justificativa (porque temos que fazer?) 1Implantar sistema integrado de informações de recursos humanos Ausência de integração entre as bases de dados dos órgãos, inconsistência e intempestividade das informações. É necessário assegurar a confiabilidade e unidade na geração de dados relativos à gestao de pessoas de forma a apoiar a tomada de decisão. Necessidade de saneamento e organização da base de informações, tornando-a confiável e integrada. 2Implantar ferramenta de BI para análise e prospecção de cenários de RH para dar suporte ao processo decisório Dificuldade de produzir informações relevantes e tempestivas para a gestão estratégica de pessoas com base em cenários prospectivos Garantir a geração de informações relevantes e confiáveis que apoiem o processo decisório no que se refere a gestão de pessoas. A demanda dos dirigentes por dados trabalhados que gerem informações consistentes e que possibilitem a tomada de decisão.

9 Exercício Bloco 6 - Diretrizes Estratégicas 11. Alinhar expectativas institucionais e individuais dos servidores Ação (o que temos que fazer?) Justificativa (porque temos que fazer?)

10 Exercício Bloco 7 - Diretrizes Estratégicas 12.Estimular a formação de uma cultura fazendária Ação (o que temos que fazer?) Justificativa (porque temos que fazer?)

11 Formulação de projetos estratégicos de gestão de pessoas - PEGP 11 REUNIÃO PARA APRESENTAÇÃO DA METODOLOGIA OFICINA PARA O MACRO DELINEAMENTO DAS AÇÕES DETALHAMENTO DAS AÇÕES DELIBERAÇÃO ½ dia CTGP Órgão Oficina de 1 dia e ½ CTGP Comitê Estratégico de Gestão (CEG) GTs Participantes propõem e justificam ações para atender aos blocos de diretrizes estratégicas Participantes encaminham propostas para a SGE/CODOP Consolidam as propostas de ações, sugerem possíveis patrocinadores e elos com projetos existentes Detalham as ações e desenvolvem o quadro geral de PEGP PEGT aprovados Entregam PEGT para detalhamento e gerenciamento pelos Patrocinadores/ Líderes de Projeto OFICINA DE CONSOLIDAÇÃO E AJUSTES CTGP GTs Construção conjunta da proposta de PEGP Validação das Diretrizes Apresentação do instrumento ações/justificativas Apresentação da metodologia para a formulação de PEGP Apresentação da metodologia para a formulação de PEGP ELABORAÇÃO DO INSTRUMENTO DE IDENTIFICAÇÃO DE AÇÕES ASSOCIADAS ÀS DIRETRIZES ESTRATÉGICAS E JUSTIFICATIVAS /06 16/07 06 e 07/08 a definir 5 5


Carregar ppt "Projeto de Modernização Integrada do Ministério da Fazenda - PMIMF Gestão de Pessoas Reunião 28/06/2012 – 14h às 18h MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA EXECUTIVA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google