A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

I FORUM SOBRE DIREITO HUMANO À ALIMENTAÇÃO ADEQUADA NO CONTEXTO DA EDUCAÇÃO ALIMENTAR E NUTRICIONAL Centro Colaborador em Alimentação e Nutrição do Escolar.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "I FORUM SOBRE DIREITO HUMANO À ALIMENTAÇÃO ADEQUADA NO CONTEXTO DA EDUCAÇÃO ALIMENTAR E NUTRICIONAL Centro Colaborador em Alimentação e Nutrição do Escolar."— Transcrição da apresentação:

1 I FORUM SOBRE DIREITO HUMANO À ALIMENTAÇÃO ADEQUADA NO CONTEXTO DA EDUCAÇÃO ALIMENTAR E NUTRICIONAL Centro Colaborador em Alimentação e Nutrição do Escolar (CECANE Norte e Centro-Oeste/UnB) Brasília, DF 26 e 27 de novembro de 2009

2 ESPAÇOS E PRÁTICAS DA EDUCAÇÃO NUTRICIONAL E ALIMENTAR Ana Maria Cervato-Mancuso

3 C ENÁRIO FAVORÁVEL Política Nacional de Saúde Política Nacional de Alimentação e Nutrição Estratégia global sobre dieta e atividade física Política Nacional de Promoção da Saúde Sistema de Segurança Alimentar e Nutricional Programas da Segurança Alimentar e Nutricional Programa de Alimentação do Trabalhador Programa Nacional de Alimentação Escolar

4 Práticas alimentares adequadas precisam ser incorporadas

5 COMPORTAMENTO ALIMENTAR INADEQUADO

6 COMPORTAMENTO ALIMENTAR Crenças / Tabus Tradição / Família Cultura Saúde Aspectos emocionais Recursos econômicos Publicidade

7 DISPONIBILIDADE DE ALIMENTOS Produção agropecuária C&T Comunicação Economia Capital social Paz Clima & Meio ambiente Geografia Políticas

8 Nutricionista – profissional da saúde Nutricionista e equipe tem responsabilidade na articulação das questões relacionadas às práticas alimentares saudáveis

9 I NTERSETORIALIDADE Articulação das possibilidades dos distintos setores de pensar a questão complexa da saúde, de co-responsabilizar-se pela garantia da saúde como direito humano e de cidadania e de mobilizar-se na formulação de intervenções que a propiciem

10 gama de conteúdos a amplitude e a abrangência das questões desafios apresentados aos gestores de políticas públicas Integrar objetivos e metas Definir ações

11 Ao modificar o comportamento alimentar estará interferindo nas causas deste comportamento

12 COMPORTAMENTO ALIMENTAR Crenças / Tabus Tradição / Família Cultura Saúde Aspectos emocionais Recursos econômicos Publicidade

13 E, conseqüentemente, na situação que determina a disponibilidade de alimentos

14 DISPONIBILIDADE DE ALIMENTOS Produção agropecuária C&T ComunicaçãoEconomia Capital social Paz Clima & Meio ambiente Geografia Políticas

15

16 EDUCAÇÃO NUTRICIONAL conjunto de estratégias sistematizadas para impulsionar a cultura e a valorização da alimentação, concebidas no reconhecimento da necessidade de respeitar, mas também modificar crenças, valores, atitudes, representações, práticas e relações sociais que se estabelecem em torno da alimentação, visando o acesso econômico e social a uma alimentação quantitativa e qualitativamente adequada, que atenda aos objetivos de saúde, prazer e convívio social

17 ENFOQUES BÁSICOS PARA A EDUCAÇÃO NUTRICIONAL VOLTADA À SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL Direito à alimentação, Promoção à saúde, Sustentabilidade ambiental e cuidado

18 S ENSIBILIZAR PARA DHAA EN deve ser planejada de forma a atingir a população como um todo, bem como comunidades, grupos e indivíduos. Os cidadãos devem familiarizar-se com os problemas nutricionais existentes e com os aspectos da economia que influenciam o acesso à alimentação. A abordagem educativa deve ser pensada na perspectiva do empowerment, isto é, da capacitação e do fortalecimento dos indivíduos e da comunidade para alcançar suas metas

19 PROMOÇÃO DA SAÚDE A promoção da saúde visa a população como um todo incluindo aqueles com risco para as doenças e agravos não transmissíveis Alimentar- se bem é um fator fundamental na promoção à saúde que, por sua vez, deve estar nos propósitos de todos os setores da sociedade

20 S USTENTABILIDADE A MBIENTAL O incentivo deve ser pela adoção de padrões alimentares sustentáveis e, sobretudo, éticos, isto é, que preservem a saúde, a cultura, o prazer de comer, a vida, os recursos naturais e a dignidade humana

21 CUIDADO COM A ALIMENTAÇÃO resgatar a dignidade do ato de cozinhar e fortalecer a disposição para investir tempo e atenção com a alimentação, especialmente de crianças, pois a qualidade do cuidado é um fator que pode agravar a situação de insegurança alimentar.

22 ESPAÇOS PARA O DESENVOLVIMENTO DAS AÇÕES DESTINADAS À EN Ensino Formal Educação Informal : Serviços sociais, empresas de refeições coletivas e serviços de orientação ao consumidor Serviços Sociais e Redes Sociais de Apoio Conselhos Municipais de Segurança Alimentar Rede Básica de Saúde Mídia

23 É FUNDAMENTAL Habilidade e competências para articulação e troca de saberes e por isso: é necessária a definição de mensagens é necessário o planejamento e avaliação das ações é necessário a incorporação de outros conteúdos para a argumentação

24 Avanços e desafios na Universidade

25 C ENÁRIO NA U NIVERSIDADE Pesquisa: desenvolvimento de tecnologias educativas/pesquisas avaliativas/desenvolvimento de conteúdos Ensino: definição de novos cenários de práticas e de novas práticas educativas e interferência na prática profissional Extensão: cultura e extensão como atividades educativas e de formação universitária

26 PESQUISA ENSINO EXTENSÃO ADMINISTRATIVO

27 PESQUISA

28 T ECNOLOGIAS ( PESQUISAS COM FINANCIAMENTO DA UNIVERSIDADE ) Identificação de prática pedagógicas entre os estudantes Radio (programetes) TV (interprogramas) website

29 P ESQUISAS AVALIATIVAS ( RESULTAM EM ARTIGOS CIENTÍFICOS ) Percepções e práticas educativas em espaços escolares da educação infantil ao ensino superior Avaliação de modelos educativos Identificação de linha de pesquisa com este tema e conteúdo

30 Estratégiasn% Alimentação Escolar13100 Sistema de distribuição da alimentação13100 Orientações informais do professor durante a alimentação13100 Professor como exemplo/modelo durante a alimentação754 Reciclagem538 Compostagem323 Colega como exemplo/modelo durante alimentação323 Orientações informais da cozinheira durante a alimentação 323 Aula13100 Alimentação Escolar discutida em sala1185 Eixo temático para todos os ciclos969 Interdisciplinaridade431 Interação entre turmas323 Professor especializado 215 Horta538 Alimentação escolar e horta discutidas em sala de aula 538 Aula prática Oficina culinária215 Jornal-Mural/ Projeto Jornal215 Exposições na escola215 Observação do preparo da Alimentação Escolar 18 Estratégias diferenciadas Concurso de receitas do DASE para cozinheiras18 Diagnóstico nutricional18 Tratamento nutricional18 Relacionamento afetivo durante a Alimentação Escolar18 Advertências sobre o comportamento alimentar (bronca")18 Teatro18

31 D ESAFIOS Incorporação de novos conteúdos Espaços para analise e divulgação de experiências exitosas ou não Definição de indicadores de avaliação Identificar linhas editoriais

32 ENSINO

33 Graduação Educação nutricional Promoção da saúde Segurança alimentar e nutricional Experimentos com alimentos e marketing

34 Pós graduação: Educação em Nutrição Intervenção nutricional educativa

35 N OVOS C ENÁRIOS DE PRÁTICA Escolas Conselhos de participação ONGs Midias Restaurantes comerciais

36 D ESAFIOS Definição de conteúdos Alimentos x nutrientes Educação x comunicação/informação Formação x sucesso profissional

37 EXTENSÃO

38 Programa de Aprimoramento Profissional Projetos de Cultura e Extensão Universitária Comunicações acadêmicas

39 COMUNICAÇÃO ACADÊMICAS Empresa Jr Cooperativa de estudantes Jornada universitária Bandeira Científica Estágios extracurriculares em convênio Iniciação científica

40 CENTRO DE REFERÊNCIA EM SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL Experiência Intersetorial

41 N OVOS CONTEÚDOS Resíduos sólidos Preservação do meio ambiente Uso racional da água Preservação de energia Sustentabilidade social cultural e ambiental Cidadania Saber ser, saber conviver

42 NÃO É UMA TAREFA FÁCIL, MAS VALE A PENA INICIAR A CAMINHADA

43 R EFERENCIAS Boog MCF. Contribuições da educação nutricional à construção da segurança. Saúde Rev., Piracicaba, 2004; 6(13): Iuliano BA, Cervato-Mancuso AM, Gambardella AMD. Educação nutricional em escolas de ensino fundamental do município de Guarulhos-SP. O Mundo da Saúde, São Paulo: 2009;33(3):

44

45

46

47

48

49 O BRIGADA !


Carregar ppt "I FORUM SOBRE DIREITO HUMANO À ALIMENTAÇÃO ADEQUADA NO CONTEXTO DA EDUCAÇÃO ALIMENTAR E NUTRICIONAL Centro Colaborador em Alimentação e Nutrição do Escolar."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google