A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Universidade de Évora Professor: Jorge Bonito. Componentes do grupo: Ana Célia do Nascimento Moraes Edna Rildete de Almeida da Silva Maria de Sousa Costa.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Universidade de Évora Professor: Jorge Bonito. Componentes do grupo: Ana Célia do Nascimento Moraes Edna Rildete de Almeida da Silva Maria de Sousa Costa."— Transcrição da apresentação:

1 Universidade de Évora Professor: Jorge Bonito

2 Componentes do grupo: Ana Célia do Nascimento Moraes Edna Rildete de Almeida da Silva Maria de Sousa Costa Maria Anderly Barriga Marques Colaboração: Thayna Almeida Batista

3 Método de Stake Contexto Histórico: Século XX 1. Desenvolvimento da ciência e tecnologia 2. Guerra fria 3. Reorganizar a sociedade civil para adequar ao novo modelo sócio- econômico Imperativo Reformulação dos níveis educacionais. Educacional Desempenho eficiente dos educadores. Novas estruturas curriculares e estratégias de ensino

4 Reflexos no sistema educativo norte- americano (década de 50) Avaliação Educacional Centro do processo Educativo Avaliar a qualidade do ensino

5 Stake e a avaliação respondente Avaliação Iluminista- Método Holístico: Paradigma sócio-antropológico HISTÓRICO: Foi professor de matemática (graduação) Fez doutorado em psicometria Foi professor de psicologia da educação e diretor do centro de currículo e avaliação Líder de uma nova escola de avaliação Criou o método da figura(concepção do Tyler/avaliação pré-ordenada)

6 Concepção Trata-se de um modelo avaliativo centrado no individuo: o avaliador responde àquilo que as diversas audiências desejam conhecer, e negocia com o individuo o que é preciso fazer.

7 DESCRIÇÃO Rompimento com a tradição Tyleriana As intenções sujerem uma comunicação contínua entre a avaliador e o público alvo As avaliações devem ajudar a observar e melhorar o que está acontecendo(centrada no cliente) Os avaliadores devem utilizar programas relacionando os antecedentes e as operações com os resultados Os aspectos secundários e os acidentes de percursos devem ser tão estudados como os resultados esperados. Os avaliadores devem evitar a apresentação de conclusões finais sem antes comparar, analisar e refletir os juisos de uma ampla gama de gente interessada no objeto de avaliação Os experimentos e os testes são inadequados e insuficientes para satisfazer os propósitos de uma avaliação; devem frequentemente serem substituidos por uma variedade de métodos, incluindo os subjetivos

8 Aspectos importantes Congruência : averiguar se os propósitos serão cumpridos. Contingência: identificar os resultados contingentes (antecedentes concretos). Avaliação = Conjunto de valores de um programa Conjunto de expectativas e critérios que diferentes pessoas tem sobre o programa

9 Etapas da estrutura funcional do método de Stake 1-Identificar o alcance do programa 2-Planificar as atividades do progama 3-Descobrir os propósitos e interesses 4 Conceptualizar as questões e problemas 5 Identificar os dados necessários para investigar os problemas 6 Selecionar observadores, juizes e instrumentos, se existirem 7 Observar os antecedente s, as transações e os resultados propostos 8-, desenvolver temas,prepa rar descrições e estudar casos concertos 9- validar: confirmar, procurar provas para a não confirmação 10- elaborar um esquema para uso da audiência 11-reunir os relatórios formais, se existirem 12-falar com os clientes, o pessoal do programa e as audiênciasa

10 Criticas ao modelo respondente Os dados não possuem precisão suficiente e são pouco considerados. Existe uma confiança excessiva na capacidade dos participantes para analisar as interações complexas e latentes através de comentários. Sobrestima-se a natureza política da avaliação.


Carregar ppt "Universidade de Évora Professor: Jorge Bonito. Componentes do grupo: Ana Célia do Nascimento Moraes Edna Rildete de Almeida da Silva Maria de Sousa Costa."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google