A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Estudo dos Lipídeos Ciências Moleculares e Celulares.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Estudo dos Lipídeos Ciências Moleculares e Celulares."— Transcrição da apresentação:

1 Estudo dos Lipídeos Ciências Moleculares e Celulares

2 Origem dos lipídeos Endógena: Exógena : FígadoTecido adiposo

3 Funções : Reserva de energia; Combustível celular; Componente estrutural das membranas biológicas; Isolamento e proteção de órgãos; Precursor de hormônio e vitaminas; Ácido Graxos; A maioria dos lipídios é derivada ou possui na sua estrutura Ácido Graxos; LIPÍDEOS

4 Ácidos Graxos Conceitos Gerais : São ácidos carboxílicos, a maioria de cadeia hidrocarbonada longa, com mais de 12 carbonos. Esta cadeia pode ser saturada ou insaturada;

5 Ácidos Graxos saturados: Não possuem duplas ligações; Não possuem duplas ligações; São geralmente sólidos à temperatura ambiente; São geralmente sólidos à temperatura ambiente; Gorduras de origem animal são geralmente ricas em ácidos graxos saturados; Gorduras de origem animal são geralmente ricas em ácidos graxos saturados;

6 Ácidos Graxos insaturados Possuem uma ou mais duplas ligações e são mono ou poliinsaturados; São geralmente líquidos à temperatura ambiente; Os óleos de origem vegetal são ricos em AG insaturados;

7 Ácidos Graxos Cis e Trans

8 Ingestão de gorduras saturadas, de origem animal, predominantemente Acidentes vasculares cerebrais (AVC) Problemas cardiovasculares (infarto) Principal causa de óbito no Brasil Principais gorduras saturadas presentes na nossa alimentação: carne, leite, produtos lácteos, óleo de dendê;

9 Ácidos Graxos Essenciais Prostaglandinas Ácido Linoleico Ácido Linoleico Ácido Aracdônico Prostaciclinas Tromboxanas Leucotrienos (Eicosanóides)

10 Principais Funções dos Eicosanóides Principais Funções dos Eicosanóides Prostaglandinas Controle da pressão arterial; Estimulação da contração da musculatura lisa; Indução da resposta inflamatória; Inibição da agregação plaquetária; Tromboxanas Estimulação da contração da musculatura lisa; Indução da agregação plaquetária;

11 Principais Funções dos Eicosanóides Leucotrienos Estimulação da contração da musculatura lisa; Indução da resposta alérgica; Indução da resposta inflamatória. Prostaciclinas Vasodilatador ; Inibidor de agregação plaquetária;

12 1 – Lipídeos de armazenamento ou simples - Triglicerídeos 2 – Lipídeos de membranas ou complexos - Fosfolipídeos - Esfingolipídeos – Esteróis 3 – Ceras Classificação de Lipídeos

13 Classificação dos lipídeos Lipídeos de armazenamento ou simples : Triacilglicerol Lipídeos de armazenamento ou simples : Triacilglicerol lipídeos simples + H 2 O ácidos graxos + glicerol hidrólise

14 Lipídeos de Armazenamento ou Simples Triacilgliceróis = álcool + ácidos graxos

15 Classificação dos lipídeos Lipídeos de membrana ou complexos: Lipídeos de membrana ou complexos: Fosfolipídeos; Esfingolipídeos; Esteróis; fosfolipídeo + H 2 O ácidos graxos + glicerol + ácido fosfórico + um composto nitrogenado esfingolipídeos + H 2 O ácidos graxos + esfingosina + (glicolipídeos) carboidrato ou (fosfoaminoálcool) hidrólise

16 Lipídeos de membranas ou Complexos Fosfolipídeos Fosfolipídeos ácidos graxos + álcool + ácido fosfórico + um composto nitrogenado X, que pode ser representado por: Colina Glicerol Serina Inositol Etanolamina

17 Lipídeos de membranas ou Complexos Esteróides: COLESTEROL Membranas celulares Vitamina D Ácidos biliares Hormônios sexuais

18 III - CERAS Ceras = Álcool de cadeia longa + ácidos graxos de cadeia longa

19 Transporte de Lipídeos: Lipoproteínas: São associações entre proteínas e lipídeos encontradas na corrente sangüínea, e que tem como função transportar e regular o metabolismo dos lipídeos no plasma. A fração protéica das lipoproteínas denomina-se Apoproteína, e se divide em 5 classes principais - Apo A, B, C, D e E - e várias subclasses. A fração lipídica da lipoproteínas é muito variável, e permite a classificação das mesmas em 5 grupos, de acordo com suas densidades e mobilidade eletoforética. Quilomícron VLDL IDL LDL HDL

20 Lipoproteínas

21 o conceito de colesterol bom, HDL- colesterol, está vinculado à menor capacidade de oxidação, enquanto que o LDL-colesterol possui uma grande capacidade de oxidação, e toda gordura oxidada [por oxigênio, radicais livres] é englobada pelos macrófagos, dando origem às células espumosas, início do processo de aterosclerose.

22 Fontes de colesterol : 20% da dieta (só alimentos de origem animal). O colesterol de ovos e frutos do mar são pouco absorvidos no intestino. 80% de origem endógena (fabricado pelo próprio organismo), lembrando que o organismo pode produzir colesterol a partir do excesso de açúcar e carboidratos (a produção aumentada de insulina ativa a enzima HMG- CoA, que promove maior formação de colesterol).

23 Formação da placa de ateroma

24

25 HDL < 40 Baixo > 60 Alto Colesterol Total < 200 mg/dlDesejável 200–239 mg/dl Limite do alto 240 mg/dl Alto 240 mg/dl Alto Valores referenciais LDL < 100 Ótimo 100 –129 Subótimo 130 –159Limite do alto 160 –189Alto 190Muito alto 190Muito alto O mais importante é manter uma relação do colesterol total/HDL em no máximo 4 Triglicerídeos (Adultos) 80 a 150 mg/dL (faixa desejável, porém estando abaixo de 200 mg / dL ainda é considerado razoável)

26 BIBLIOGRAFIA VOET, Donald; VOET, Judith G.; PRATT Charlotte W. Fundamentos de Bioquímica; Porto Alegre: Artes Médicas Sul, STRYER, Lubert. Bioquímica; 4ª Ed. Rio de Janeiro, Guanabara Koogan, 1996 MONTGOMERY,CONWAY, SPECTOR; Bioquímica uma Abordagem dirigida por casos; 5ª Ed. Artes Médicas, 1994 LEHNINGER, Albert; Princípios de Bioquímica; 7ª Ed. São Paulo, Savier, 1995 CURI, Rui; POMPÈIA, Celine; MIYASAKA, C. K; PROCÒPIO, Joaquim; Entendendo a gordura e os ácidos graxos; 1ª Ed. São Paulo,Manole LTDA, 2002


Carregar ppt "Estudo dos Lipídeos Ciências Moleculares e Celulares."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google