A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Reorientação curricular proposta para a rede pública estadual do Estado do Rio de Janeiro o processo a equipe as premissas o trabalho desenvolvido os desdobramentos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Reorientação curricular proposta para a rede pública estadual do Estado do Rio de Janeiro o processo a equipe as premissas o trabalho desenvolvido os desdobramentos."— Transcrição da apresentação:

1 Reorientação curricular proposta para a rede pública estadual do Estado do Rio de Janeiro o processo a equipe as premissas o trabalho desenvolvido os desdobramentos Marta Feijó Barroso UFRJ – Instituto de Física & LIMC (Laboratório de Pesquisa e Desenvolvimento em Ensino de Matemática e Ciências) 25 de julho de 2005 PROMED- Formação Continuada em Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias

2 REORIENTAÇÃO CURRICULAR o processo a equipe as premissas o trabalho desenvolvido os desdobramentos UFRJ INÍCIO: SETEMBRO DE 2004 PRIMEIRA VERSÃO: NOVEMBRO DE 2004 QUESTIONÁRIO SEGUNDA VERSÃO: FEVEREIRO DE 2005

3 REORIENTAÇÃO CURRICULAR o processo a equipe as premissas o trabalho desenvolvido os desdobramentos VERSÃO FINAL: EM ELABORAÇÃO A PARTIR DAS CRÍTICAS, SUGESTÕES, COMENTÁRIOS DOS PROFESSORES DA REDE ATRAVÉS DO QUESTIONARIO ON-LINE a partir de agosto Links: página da SEE (www.ccmn.ufrj.br/questionario)

4 REORIENTAÇÃO CURRICULAR o processo a equipe as premissas o trabalho desenvolvido os desdobramentos professores universitários professores do ensino médio e fundamental teoria prática

5 REORIENTAÇÃO CURRICULAR o processo a equipe as premissas o trabalho desenvolvido os desdobramentos 3 GRUPOS: ENSINO MÉDIO E FUNDAMENTAL (5a a 8a) (M.F.Barroso) ENSINO NORMAL (M.Mandarino) EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS (C.Dottori) ÁREAS: LINGUAGENS E CÓDIGOS CIÊNCIAS DA NATUREZA E MATEMÁTICA CIÊNCIAS HUMANAS FORMAÇÃO PEDAGÓGICA EQUIPES GRANDES COM SUBDIVISÕES E INTERCOMUNICAÇÕES

6 REORIENTAÇÃO CURRICULAR o processo a equipe as premissas o trabalho desenvolvido os desdobramentos A REALIDADE: as escolas – a grade curricular – os professores –... A UTOPIA: educação de qualidade para todos que permita escolhas de vida aos estudantes (direito ao saber – eqüidade – igualdade)

7 REORIENTAÇÃO CURRICULAR o processo a equipe as premissas o trabalho desenvolvido os desdobramentos OPÇÃO CLARA currículo concreto (PCN, PCN+, PCN em debate) (com conteúdos, seriação, propostas metodológicas, atividades sugeridas) escolhas (entre a academia e as escolas, olhando a realidade) diversidade (diversas formações e experiências)

8 REORIENTAÇÃO CURRICULAR o processo a equipe as premissas o trabalho desenvolvido os desdobramentos EXEMPLO: na área de Ciências da Natureza e Matemática SUMÁRIO A ÁREA DE CIÊNCIAS DA NATUREZA E MATEMÁTICA INTRODUÇÃO COMO A REALIDADE INFLUIU NESTE DOCUMENTO Critérios e premissas: o que deve ser ensinado? Materiais de apoio para as práticas didáticas: o que usar para ensinar? Resultados de avaliações: o que sabemos sobre a realidade? COMO ESTE DOCUMENTO PODE INFLUIR NA REALIDADE Escolha e ordenação de conteúdos: o que e quando ensinar? A troca de experiências e a superação de dificuldades: como ensinar? O vocabulário da ciência: como construir a linguagem científica? A flexibilização: como lidar com as diferenças nas realidades escolares? A superação de deficiências: como lidar com as diferenças individuais? A interdisciplinaridade: como somar esforços? O papel das tecnologias: como usar os recursos disponíveis? A avaliação: como, para que e quando? A ELABORAÇÃO DE PROGRAMAS DE ESTUDO A PARTIR DESTA PROPOSTA

9 REORIENTAÇÃO CURRICULAR o processo a equipe as premissas o trabalho desenvolvido os desdobramentos EXEMPLO: na área de Ciências da Natureza e Matemática, SUMÁRIO MATEMÁTICA POR QUE ENSINAR MATEMÁTICA? OBJETIVOS ESPECÍFICOS ESTRUTURA CURRICULAR DO ENSINO FUNDAMENTAL SUGESTÕES METODOLÓGICAS PARA O ENSINO FUNDAMENTAL ESTRUTURA CURRICULAR DO ENSINO MÉDIO REFERÊNCIAS DE APOIO CIÊNCIAS NO ENSINO FUNDAMENTAL O PAPEL DAS CIÊNCIAS NO ENSINO FUNDAMENTAL ESTRUTURA CURRICULAR SUGESTÕES METODOLÓGICAS REFERÊNCIAS DE APOIO BIOLOGIA NO ENSINO MÉDIO INTRODUÇÃO: POR QUE ENSINAR BIOLOGIA? ESTRUTURA CURRICULAR SUGESTÕES METODOLÓGICAS REFERÊNCIAS DE APOIO FÍSICA NO ENSINO MÉDIO POR QUE ENSINAR FÍSICA NA ESCOLA MÉDIA? O QUE OS ALUNOS DEVEM APRENDER NO CURSO DE FÍSICA? ESTRUTURA CURRICULAR ORIENTAÇÕES GERAIS SUGESTÕES DE LEITURA PARA O PROFESSOR QUÍMICA NO ENSINO MÉDIO APRESENTAÇÃO ALGUMAS CONSIDERAÇÕES SOBRE MATERIAIS DIDÁTICOS E SOBRE ESTA PROPOSTA PEDAGÓGICA ESTRUTURA CURRICULAR SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS PARA O PROFESSOR

10 REORIENTAÇÃO CURRICULAR o processo a equipe as premissas o trabalho desenvolvido os desdobramentos A implementação desta proposta (ou de qualquer alternativa a ela)... depende dos professores (vocês) nas escolas, no trabalho cotidiano e coletivo. contato: O material está disponível em O questionário para comentários, críticas e sugestões para a elaboração da versão final do documento de reorientação curricular estará disponível em agosto com links a partir do site da SEE e do CCMN.


Carregar ppt "Reorientação curricular proposta para a rede pública estadual do Estado do Rio de Janeiro o processo a equipe as premissas o trabalho desenvolvido os desdobramentos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google