A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Mesa Redonda Uso de Tecnologias de Informação e Comunicação pelos Professores: programas e propósitos Integração de mídias e práticas pedagógicas Maria.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Mesa Redonda Uso de Tecnologias de Informação e Comunicação pelos Professores: programas e propósitos Integração de mídias e práticas pedagógicas Maria."— Transcrição da apresentação:

1 Mesa Redonda Uso de Tecnologias de Informação e Comunicação pelos Professores: programas e propósitos Integração de mídias e práticas pedagógicas Maria Cecília Martins Núcleo de Informática Aplicada à Educação NIED/UNICAMP

2 Fórum: Resgatar experiências e propor ações para a promoção do uso de TICs pelos professores - Apresentação de 1 Experiência uso de Mídias com crianças - Integração Mídias / Práticas pedagógicas - Formação Professores

3 Cenários de utilização de mídias em contextos educacionais crianças (9 a 11 anos) criação de fotografias, imagens em movimento, desenhos, textos, sons e jogos concurso, exposição e fórum de discussão via Internet.

4 TESE: CRIANÇA E MÍDIA: DIVERSA-MENTE EM AÇÃO EM CONTEXTOS EDUCACIONAIS fios tecidos no processo educacional

5

6 Fotografias: natureza viva / degradação ambiental/ ações de preservação

7 Filmagem - Planejamento

8 Filmagem

9 Elaboração de Jogo Multimídia

10 Filmagens + Elaboração de cartazes (textos e fotografias)

11 "Olá pessoal! Vamos preservar a natureza. A nossa turminha está ajudando com vários recipientes separatórios como latas, plásticos, vidros, papel. Veja a estória de Josefina e faça igual a ela." carta: Josefina, a menina que limpou o bairro Josefina ia a escola e comia o lanche e jogava a embalagem no chão. Sua professora dizia: - Josefina, não faça isso, isso estraga a natureza. E Josefina nem ligava. Mas chegou a época do frio e a chuva deu uma enchente na escola e inundou os bairros. Josefina então lembrou da fala da professora: Josefina não faça isso porque está fazendo estrago na natureza. Então, Josefina foi a escola e desentupiu os buracos para que a água saísse. Josefina teve a idéia de limpar o bairro. Então ela fez um concurso na escola de quem pegava mais materiais recicláveis. Então a turma limpou o bairro junto de Josefina. Então todos aprenderam que lixo não reciclado no lixo e coisas recicláveis nos seus recipientes. Veja as regras que a turma de Josefina inventou: Nós não devemos cortar as árvores para fazer os papéis. Temos que reciclar o papel. A árvore é que dá o ar para nós. Os animais moram lá e não podemos soltar balões porque se a tocha do fogo cai na floresta queima as casas dos animais, queima o verde, queima o ar e queima a natureza. Cartazes / textos

12 Elaboração de mensagens na Web

13 Subject: Nossa escolha de temas Message text: O trabalho Infantil além de prejudicar as crianças prejudica a saude delas. Achamos que isso e muito errado achamos tambem que o governo deveria dar mais emprego para os pais. Não concordamos com o trabalho infantil por que o lugar de crianças e na escola. Nos do Prodecad estamos pesquisando sobre o tema : ))) Um abraço do PRODECAD 1000 beijos (Ester, Tatiane, Izabella) Elaboração de mensagens na Web

14 Agora este recado é para todos. Ontem foi o dia da nossa amiga arvore. E para homenagea-la vamos reciclar para que nao as corte mais. JA REPARARAM UMA COISA QUE LEGAL, QUANDO ENVIAMOS UM ECONOMIZAMOS O PAPEL QUE GASTARIAMOS PARA ESCREVER UMA CARTA E O ENVELOPE. NAO É O MAXIMO? (RAQUEL E MARIANA) UM BEIJINHO PARA TODOS!!!! Elaboração de mensagens na Web

15 Diante de atividades de criação de imagens, sons e textos, os alunos puderam expor suas idéias por meio de recursos tecnológicos. Apoiados por construções concretas, cujo produto podia ser mostrado, discutido e examinado, as trocas de idéias e opiniões puderam ser favorecidas. Além disso, as construções elaboradas pelas crianças revelam formas alternativas de representação e significação. As atuações das crianças com as mídias configuram novas oportunidades de diálogos e aproximações com o aprender, com o criar, com o compartilhar, enfim, com o viver o mundo em sua diversidade. Considerações sobre o uso das Mídias

16 Nos cenários apresentados as crianças tiveram oportunidades para reestruturar seu sistema de compreensão do mundo. Essa reestruturação - que envolve construir, reconstruir, constatar e modificar - demanda um complexo trabalho cognitivo que requer lidar com a realidade de maneira simbólica e prática. As mídias, possibilitando formas alternativas de representação e significação, puderam contribuir para a fluência desse complexo trabalho cognitivo.

17 Prática pedagógica na contemporaneidade consiste em utilizar todos os recursos disponíveis para organizar as interações e as atividades - situações fecundas de aprendizagem Nesse sentido as práticas educacionais precisam investir na formação de produtores e leitores por diversos caminhos e linguagens ampliar suas concepções de linguagem, de leitura e de escrita para incorporar as mediações feitas a partir do uso das tecnologias digitais

18 Integração Mídias / Práticas pedagógicas Diante da necessidade de serem diversificadas as possibilidades e formas de agir e aprender, as tecnologias de informação e comunicação - rádio, televisão, vídeo, computadores e todas as suas combinações - abrem oportunidades para a ação dos indivíduos, a diversificação e transformação dos ambientes de aprendizagem. Tais ambientes requerem novas dinâmicas, propostas, atuações e interações, bem como novas organizações de tempos e espaços, para que os indivíduos possam utilizar as mídias para expressarem e desenvolverem suas vozes particulares e coletivas.

19 Na prática teoria a teoria ganha vida e a teoria prática elucida e orienta a prática Formação de Professores (complexa: engloba compreender as implicações dos diferentes recursos tecnológicos no processo de ensino e aprendizagem) operacionalizar os recursos tecnológicos fundamentos teóricos educacionais O conhecimento da tecnologia reconhecimento potencialidades/limitações no uso pedagógico tecnologia tecnologia teoria teoria prática prática

20 APRENDER- FAZENDO Princípios da Formação CONSTRUCIONISMO PROCESSO REFLEXIVO aprender com a mão na massa (hands-on) e a mente envolvida (head-in) Formação contextualizada Local e na prática pedagógica do professor

21 aprender fazendo + considerando o contexto de atuação do professor + reflexões sobre ações pedagógicas Desafios -como integrar o uso do computador com os conteúdos curriculares, considerando a vivência e a realidade do professor - como encorajar o processo de apropriação do uso das TICs e de construção de novas práticas pedagógicas

22 Trabalho compartilhado (formador e professores em formação) - busca de caminhos possíveis para o uso integrado do computador às práticas pedagógicas Papel do formador - lidar com os aspectos computacionais + saber intervir no processo de reconstrução da prática do professor. - Estabelecimento de relação de confiança, respeito e parceria - Flexibilidade e constante exercício reflexivo sobre a situação sem perder de vista o objetivo da formação - Criação de Estratégias/Meios para desencadear o processo de reflexão sobre a ação pedagógica - não prestação de contas da ação - atribuição de um significado pessoal, funcionalidade para a realização da reflexão

23 Constituição de equipe (trabalho/estudo) / agregação de espaços/ tempos: explorar tecnologias, planejar atividades, compartilhar dificuldades e trocar as experiências Constituição de um time de profissionais abertos para novas aprendizagens e que encontrem sentido para novas ações Fomentar contextos p/ Divulgação de trabalhos - meio de desencadear novas aprendizagens: expressa um produto palpável construído pelos alunos / reconhecimento da atuação dos professores / fortalecimento do comprometimento dos profissionais da instituição envolvidos direta ou indiretamente com uso da tecnologia

24 Obrigada, Maria Cecília Martins Núcleo de Informática Aplicada à Educação NIED/UNICAMP

25 Referência Bibliográfica ALVES, N. (2001) Espaço e tempo de ensinar e aprender in Linguagens, espaços e tempos no ensinar e aprender / Encontro Nacional de Didática e Prática de Ensino (ENDIPE) – Rio de Janeiro: DP&A, 2 a edição. GARCIA, R. L. (org) (2000) Múltiplas linguagens na escola / Regina Leite Garcia; - Rio de Janeiro, DP&A. KENSKI, V. M. (2001) Múltiplas linguagens na escola in Linguagens, espaços e tempos no ensinar e aprender / Encontro Nacional de Didática e Prática de Ensino (ENDIPE) – Rio de Janeiro: DP&A, 2 a edição. MARTINS, M. C. (2003) Criança e Mídia: Diversa-mente em ação em contextos educacionais. Tese de Doutorado, Instituto de Artes, Unicamp. MARTINS, M. C. & PRADO, M.E.B.B.(1998) A Formação do Professor: estratégias de Intervenção no Processo de Reconstrução da Prática Pedagógica. Actas do IV Congresso Ibero-Americano de Informática na Educação - RIBIE, CYTED - Centro de Convenções Ulysses Guimarâes, Brasília, Brasil - 20 a 23 de outubro de 1998 PERRENOUD, P. (2000) Dez novas competências para ensinar / Philippe Perrenoud; trad. Patrícia Chittoni Ramos – Porto Alegre: Artes Médicas, Sul.

26


Carregar ppt "Mesa Redonda Uso de Tecnologias de Informação e Comunicação pelos Professores: programas e propósitos Integração de mídias e práticas pedagógicas Maria."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google